SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 15
Baixar para ler offline
FM2S MATERIAIS DE APOIO
Use sem moderação
Murilo Ferreira Marques dos Santos (autor)
Murilo Ferreira Marques dos Santos, Mestre e
Doutorando em Engenharia Mecânica.
Atua em projetos de melhoria nas diversas
indústrias, além de realizar treinamentos desde
2009. Possui sólidos conhecimentos nas áreas de
gestão de equipes, melhoria e six-sigma.
O que é uma empresa?
Processos
Sistema
Empresa
As vezes, o que ela aparece?
 Como você enxerga sua empresa?
Fornecedores
Clientes
Diagnóstico – Você precisa de um LoP?
 Você enxerga como cada um dos processos contribui
para a empresa atingir seus objetivos?
 Você consegue enxergar o nível de maturidade de cada
um dos seus processos? Quais processos precisam
melhorar para que suas metas sejam atingidas?
 Você consegue apontar quem é o responsável por cada
um dos processos da empresa?
 Você consegue enxergar como os processos da empresas
estão conectados?
 Como você resumiria a sua empresa em uma folha da
papel?
 Quanto dinheiro já foi investido em processos que não
contribuíram em nada para o objetivo da empresa?
Diagnóstico – Você precisa de um LoP?
 Quanto você já investiu em processos que não deram o
retorno esperado?
 Quanto tempo você e sua equipe já investiram em
processos insignificantes sob a ótica do cliente?
 Quantos processos são executados em duplicidade na
empresa? Diferentes processos com o mesmo objetivo.
Diagnóstico – Você precisa de um LoP?
 Quantas estratégias e ações não tiveram sucesso pela
falta de processos para acompanhá-las? Para medi-las?
 Quantas vezes um bom processo é prejudicado por um
outro deficiente?
 Quantas vezes uma nova máquina não consegue produzir por
problemas de setup e abastecimento?
Diagnóstico – Você precisa de um LoP?
Mapa de processos da empresa
Linkage of process
Objetivo do LoP
Projeto e
re-projeto
de produtos e
processos
Planejamento
Para Melhoria
Pesquisa
de Mercado
Medição
& Feedback
Clientes
Distribuição
Processos de apoio
Produção de produtos e serviços
Fornecedores
A
B
C
D
E
F
G
Necessidade
Propósito da
organizaçãoProcessos
“Direcionadores”
Processos
“Missão”
Processos
“Suporte”
Como sua empresa funciona em 1 página
Os processos do LoP
 Processos “Direcionadores”
 Aqueles processos que “dirigem” a organização. Esses
processos usualmente estão associados com a necessidade
que a organização pretende atender (da declaração de
missão da organização).
 Processos “Missão”
 Aqueles processos que diretamente realizam a missão da
organização e que adicionam valor para os clientes
externos.
 Processos “Suporte”
 São os processos que geram os insumos e recursos a ser
consumidos pelos processos “missão”.
Funções do LoP
• Mostra como a Organização realiza sua missão – como o
trabalho é feito
• Fornece um método para focar nos processos em vez das
pessoas quando tem que lidar com problemas
• Enfatiza as relações cliente-fornecedor internas
• Permite priorizar os esforços para atingir os objetivos
Como fazer o seu LoP?
1. Obtenha a declaração de missão para a organização
sendo estudada.
2. Liste os produtos e serviços primários que a
organização fornece.
3. Faça um brainstorming para gerar uma lista de
processos chaves que formam a sustentação da
organização (as atividades primárias que descrevem o
negócio da organização), que geram os bens e serviços
para os quais os clientes pagam.
Como fazer seu LoP?
4. Faça um brainstorming para gerar uma lista de 10 a 30
processos direcionadores.
5. Faça um brainstorming para gerar uma lista de 10 a 30
processos chaves que são necessários para dar apoio ao
negócio da organização
6. Agrupe da esquerda para a direita aqueles processos
que se relacionam com fornecedores, depois processos
descrevendo a produção e então os processos que
distribuem bens e serviços.
7. Conecte os processos que tem relações importantes
Como fazer seu LoP?
8. Coloque os outros processos em suas posições.
Os processos de direcionamento acima da
sustentação e os processos de apoio abaixo da
sustentação.
9. Mostre as conexões entre processos. Conecte
processos que têm fluxos importantes ou
esforços de coordenação com uma seta
indicando a direção primária

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Como para Mapear Processos (Sistema de Gestão Integrada)
Como para Mapear Processos (Sistema de Gestão Integrada)Como para Mapear Processos (Sistema de Gestão Integrada)
Como para Mapear Processos (Sistema de Gestão Integrada)
Rogério Souza
 
Modelo De Gestao Por Processos Anatel
Modelo De Gestao Por Processos AnatelModelo De Gestao Por Processos Anatel
Modelo De Gestao Por Processos Anatel
Eduardo Rocha
 
Exercício de mapeamento
Exercício de mapeamentoExercício de mapeamento
Exercício de mapeamento
pscwep
 

Mais procurados (20)

Apresentação Gerenciamento Processos de Negócio
Apresentação Gerenciamento Processos de NegócioApresentação Gerenciamento Processos de Negócio
Apresentação Gerenciamento Processos de Negócio
 
Como para Mapear Processos (Sistema de Gestão Integrada)
Como para Mapear Processos (Sistema de Gestão Integrada)Como para Mapear Processos (Sistema de Gestão Integrada)
Como para Mapear Processos (Sistema de Gestão Integrada)
 
Processos on line aula 01
Processos   on line  aula 01Processos   on line  aula 01
Processos on line aula 01
 
Gestão por processos
Gestão por processosGestão por processos
Gestão por processos
 
Palestra - Como mapear os processos da sua empresa
Palestra - Como mapear os processos da sua empresaPalestra - Como mapear os processos da sua empresa
Palestra - Como mapear os processos da sua empresa
 
Processos empresariais 2012_01
Processos empresariais 2012_01Processos empresariais 2012_01
Processos empresariais 2012_01
 
Modelo De Gestao Por Processos Anatel
Modelo De Gestao Por Processos AnatelModelo De Gestao Por Processos Anatel
Modelo De Gestao Por Processos Anatel
 
Gestao de processos
Gestao de processosGestao de processos
Gestao de processos
 
cbg_03-2014_mapeamento_processo
cbg_03-2014_mapeamento_processocbg_03-2014_mapeamento_processo
cbg_03-2014_mapeamento_processo
 
Exercício de mapeamento
Exercício de mapeamentoExercício de mapeamento
Exercício de mapeamento
 
Um novo olhar sobre a Gestão da Rotina: Ative a melhoria contínua na visão de...
Um novo olhar sobre a Gestão da Rotina: Ative a melhoria contínua na visão de...Um novo olhar sobre a Gestão da Rotina: Ative a melhoria contínua na visão de...
Um novo olhar sobre a Gestão da Rotina: Ative a melhoria contínua na visão de...
 
Gestao por Processos
Gestao por ProcessosGestao por Processos
Gestao por Processos
 
Processos Empresariais
Processos EmpresariaisProcessos Empresariais
Processos Empresariais
 
Gerenciamento de Processos de Negócio - BPM: O modelo de gestão do Século XXI
Gerenciamento de Processos de Negócio - BPM: O modelo de gestão do Século XXIGerenciamento de Processos de Negócio - BPM: O modelo de gestão do Século XXI
Gerenciamento de Processos de Negócio - BPM: O modelo de gestão do Século XXI
 
Apresentação Institucional Exo - Excelência Operacional
Apresentação Institucional Exo - Excelência OperacionalApresentação Institucional Exo - Excelência Operacional
Apresentação Institucional Exo - Excelência Operacional
 
Gestão De Processos
Gestão De ProcessosGestão De Processos
Gestão De Processos
 
Modelos de Excelência Operacional: Boas práticas para implantação de uma cult...
Modelos de Excelência Operacional: Boas práticas para implantação de uma cult...Modelos de Excelência Operacional: Boas práticas para implantação de uma cult...
Modelos de Excelência Operacional: Boas práticas para implantação de uma cult...
 
Template - Diagrama de Escopo
Template - Diagrama de EscopoTemplate - Diagrama de Escopo
Template - Diagrama de Escopo
 
Workshop dimensionamento
Workshop   dimensionamentoWorkshop   dimensionamento
Workshop dimensionamento
 
Manual ou Metodologia para Modelagem de Processos Usando Business Process Man...
Manual ou Metodologia para Modelagem de Processos Usando Business Process Man...Manual ou Metodologia para Modelagem de Processos Usando Business Process Man...
Manual ou Metodologia para Modelagem de Processos Usando Business Process Man...
 

Destaque

Amostra rotinas financeiras
Amostra rotinas financeirasAmostra rotinas financeiras
Amostra rotinas financeiras
Wellington Silva
 
Gestão por processos
Gestão por processosGestão por processos
Gestão por processos
toni984
 
Casemelhoria
CasemelhoriaCasemelhoria
Casemelhoria
lgspezia
 

Destaque (20)

Mapeamento dos Processos - Consultec Jr [Versão 3.0]
Mapeamento dos Processos - Consultec Jr [Versão 3.0]Mapeamento dos Processos - Consultec Jr [Versão 3.0]
Mapeamento dos Processos - Consultec Jr [Versão 3.0]
 
Mapeamento e Modelagem de Processos de Negócio com BPMN
Mapeamento e Modelagem de Processos de Negócio com BPMNMapeamento e Modelagem de Processos de Negócio com BPMN
Mapeamento e Modelagem de Processos de Negócio com BPMN
 
Mapeamento dos Processos.
Mapeamento dos Processos.Mapeamento dos Processos.
Mapeamento dos Processos.
 
Resumo do Guia BABOK® 3
Resumo do Guia BABOK®  3 Resumo do Guia BABOK®  3
Resumo do Guia BABOK® 3
 
Gestão por Processo
Gestão por ProcessoGestão por Processo
Gestão por Processo
 
Como demonstrar ROI das entregas de valor com Business Case
Como demonstrar ROI das entregas de valor com Business Case Como demonstrar ROI das entregas de valor com Business Case
Como demonstrar ROI das entregas de valor com Business Case
 
Análise de Negócio na Perspectiva de BI
Análise de Negócio na Perspectiva de BIAnálise de Negócio na Perspectiva de BI
Análise de Negócio na Perspectiva de BI
 
Entrevista - Mapeamento de Processos de Negócios/Requisitos e Análise de Negó...
Entrevista - Mapeamento de Processos de Negócios/Requisitos e Análise de Negó...Entrevista - Mapeamento de Processos de Negócios/Requisitos e Análise de Negó...
Entrevista - Mapeamento de Processos de Negócios/Requisitos e Análise de Negó...
 
Ferramentas Qualidade e Lean Six Sigma Hospital
Ferramentas Qualidade e Lean Six Sigma HospitalFerramentas Qualidade e Lean Six Sigma Hospital
Ferramentas Qualidade e Lean Six Sigma Hospital
 
Principais Falhas em Auditorias do PBQP-H
Principais Falhas em Auditorias do PBQP-HPrincipais Falhas em Auditorias do PBQP-H
Principais Falhas em Auditorias do PBQP-H
 
Ferramentas de gestão
Ferramentas de gestãoFerramentas de gestão
Ferramentas de gestão
 
Gestão por Processos
Gestão por ProcessosGestão por Processos
Gestão por Processos
 
Amostra rotinas financeiras
Amostra rotinas financeirasAmostra rotinas financeiras
Amostra rotinas financeiras
 
Ferramentas de Gestão
Ferramentas de GestãoFerramentas de Gestão
Ferramentas de Gestão
 
Ferramentas de gestao
Ferramentas de gestaoFerramentas de gestao
Ferramentas de gestao
 
Gestão por processos
Gestão por processosGestão por processos
Gestão por processos
 
Tutorial BizAgi Modelagem de Processos de Negócio
Tutorial BizAgi Modelagem de Processos de NegócioTutorial BizAgi Modelagem de Processos de Negócio
Tutorial BizAgi Modelagem de Processos de Negócio
 
Implantação de Gestão Financeira / Clientes
Implantação de Gestão Financeira / ClientesImplantação de Gestão Financeira / Clientes
Implantação de Gestão Financeira / Clientes
 
Casemelhoria
CasemelhoriaCasemelhoria
Casemelhoria
 
Adequação NR10
Adequação NR10Adequação NR10
Adequação NR10
 

Semelhante a Como criar um mapa de processos da sua empresa

Apresentação Institucional Celebroni BPM 2010
Apresentação Institucional Celebroni BPM 2010Apresentação Institucional Celebroni BPM 2010
Apresentação Institucional Celebroni BPM 2010
Celebroni BPM
 
Apresentação Final
Apresentação FinalApresentação Final
Apresentação Final
betinho87
 
Mapeamento de Processos
Mapeamento de ProcessosMapeamento de Processos
IQPC Workshop Implantando a Governança de BPM com o Escritório de Processos
IQPC Workshop Implantando a Governança de BPM com o Escritório de ProcessosIQPC Workshop Implantando a Governança de BPM com o Escritório de Processos
IQPC Workshop Implantando a Governança de BPM com o Escritório de Processos
EloGroup
 
Aula 1 automação de processos
Aula 1   automação de processosAula 1   automação de processos
Aula 1 automação de processos
Maurício Botelho
 

Semelhante a Como criar um mapa de processos da sua empresa (20)

Pensando processos(1)
Pensando processos(1)Pensando processos(1)
Pensando processos(1)
 
Painel Inde sistemas-de-gestão-empresarial-2011-06-21
Painel Inde sistemas-de-gestão-empresarial-2011-06-21Painel Inde sistemas-de-gestão-empresarial-2011-06-21
Painel Inde sistemas-de-gestão-empresarial-2011-06-21
 
Apresentação- transformação organizacional com bpm
Apresentação-  transformação organizacional com bpmApresentação-  transformação organizacional com bpm
Apresentação- transformação organizacional com bpm
 
Apresentação Institucional Celebroni BPM 2010
Apresentação Institucional Celebroni BPM 2010Apresentação Institucional Celebroni BPM 2010
Apresentação Institucional Celebroni BPM 2010
 
[BPM Day PE 2014] Leandro Jesus (ABPMP) – BPM como estratégia para o crescim...
 [BPM Day PE 2014] Leandro Jesus (ABPMP) – BPM como estratégia para o crescim... [BPM Day PE 2014] Leandro Jesus (ABPMP) – BPM como estratégia para o crescim...
[BPM Day PE 2014] Leandro Jesus (ABPMP) – BPM como estratégia para o crescim...
 
[BPM Day PE 2014] Claudia Bazan & Ana Cristina Silva (Energisa) – Estruturaç...
 [BPM Day PE 2014] Claudia Bazan & Ana Cristina Silva (Energisa) – Estruturaç... [BPM Day PE 2014] Claudia Bazan & Ana Cristina Silva (Energisa) – Estruturaç...
[BPM Day PE 2014] Claudia Bazan & Ana Cristina Silva (Energisa) – Estruturaç...
 
[BPM Day] Leandro Jesus (ABPMP) - BPM como estratégia para o crescimento sust...
[BPM Day] Leandro Jesus (ABPMP) - BPM como estratégia para o crescimento sust...[BPM Day] Leandro Jesus (ABPMP) - BPM como estratégia para o crescimento sust...
[BPM Day] Leandro Jesus (ABPMP) - BPM como estratégia para o crescimento sust...
 
Engenharia De Processos
Engenharia De ProcessosEngenharia De Processos
Engenharia De Processos
 
Apresentação Final
Apresentação FinalApresentação Final
Apresentação Final
 
Mapeamento de Processos
Mapeamento de ProcessosMapeamento de Processos
Mapeamento de Processos
 
Palestra sobre Design Sprint for Process no BPM Day 2018
Palestra sobre Design Sprint for Process no BPM Day 2018Palestra sobre Design Sprint for Process no BPM Day 2018
Palestra sobre Design Sprint for Process no BPM Day 2018
 
IQPC Workshop Implantando a Governança de BPM com o Escritório de Processos
IQPC Workshop Implantando a Governança de BPM com o Escritório de ProcessosIQPC Workshop Implantando a Governança de BPM com o Escritório de Processos
IQPC Workshop Implantando a Governança de BPM com o Escritório de Processos
 
Teoria de Sistemas de Informação - Aula 10
Teoria de Sistemas de Informação - Aula 10Teoria de Sistemas de Informação - Aula 10
Teoria de Sistemas de Informação - Aula 10
 
Palestra ERP Graduação v1.0
Palestra ERP Graduação v1.0Palestra ERP Graduação v1.0
Palestra ERP Graduação v1.0
 
Work Out Apresentacao Global Do Produto Ver 1 4 2007 09 27
Work Out   Apresentacao Global Do Produto    Ver 1 4   2007 09 27Work Out   Apresentacao Global Do Produto    Ver 1 4   2007 09 27
Work Out Apresentacao Global Do Produto Ver 1 4 2007 09 27
 
Artigo automatizacao
Artigo automatizacaoArtigo automatizacao
Artigo automatizacao
 
[IQPC] 1ª Pesquisa Iniciativas em BPM – 2008
[IQPC] 1ª Pesquisa Iniciativas em BPM –  2008 [IQPC] 1ª Pesquisa Iniciativas em BPM –  2008
[IQPC] 1ª Pesquisa Iniciativas em BPM – 2008
 
1ª Pesquisa Iniciativas em BPM – Evento IQPC 2008
1ª Pesquisa Iniciativas em BPM – Evento IQPC 20081ª Pesquisa Iniciativas em BPM – Evento IQPC 2008
1ª Pesquisa Iniciativas em BPM – Evento IQPC 2008
 
Aula 1 automação de processos
Aula 1   automação de processosAula 1   automação de processos
Aula 1 automação de processos
 
Trabalho de - Gestão da Qualidade e Sistemas Normalizados
Trabalho de - Gestão da Qualidade e Sistemas NormalizadosTrabalho de - Gestão da Qualidade e Sistemas Normalizados
Trabalho de - Gestão da Qualidade e Sistemas Normalizados
 

Mais de Virgilio Marques dos Santos, Dr.

Mais de Virgilio Marques dos Santos, Dr. (16)

Institucional_FM2S_
Institucional_FM2S_Institucional_FM2S_
Institucional_FM2S_
 
Tese_doutorado_Virgilio
Tese_doutorado_VirgilioTese_doutorado_Virgilio
Tese_doutorado_Virgilio
 
Formulário de feedback
Formulário de feedbackFormulário de feedback
Formulário de feedback
 
Como organizar a rotina
Como organizar a rotinaComo organizar a rotina
Como organizar a rotina
 
Aplicação do Modelo de Melhoria na Área da Saúde
Aplicação do Modelo de Melhoria na Área da SaúdeAplicação do Modelo de Melhoria na Área da Saúde
Aplicação do Modelo de Melhoria na Área da Saúde
 
Cuidado com o Papo de Palestrante
Cuidado com o Papo de PalestranteCuidado com o Papo de Palestrante
Cuidado com o Papo de Palestrante
 
Como fazer um gráfico de pareto no excel - Passo a Passo
Como fazer um gráfico de pareto no excel - Passo a PassoComo fazer um gráfico de pareto no excel - Passo a Passo
Como fazer um gráfico de pareto no excel - Passo a Passo
 
Desenvolvimento de Produto
Desenvolvimento de ProdutoDesenvolvimento de Produto
Desenvolvimento de Produto
 
Canvas de modelo de negócios
Canvas de modelo de negóciosCanvas de modelo de negócios
Canvas de modelo de negócios
 
Fm2 s curso completo gestão de projetos
Fm2 s  curso completo gestão de projetosFm2 s  curso completo gestão de projetos
Fm2 s curso completo gestão de projetos
 
Fm2 s aula 1 - gestão de projeto - núcleo e-js
Fm2 s  aula 1 - gestão de projeto - núcleo e-jsFm2 s  aula 1 - gestão de projeto - núcleo e-js
Fm2 s aula 1 - gestão de projeto - núcleo e-js
 
Fm2 s portfolio
Fm2 s   portfolioFm2 s   portfolio
Fm2 s portfolio
 
GERENCIAMENTO DE PROJETOS EM ORGANIZAÇÕES DO SETOR DE MÁQUINAS E IMPLEMENTOS ...
GERENCIAMENTO DE PROJETOS EM ORGANIZAÇÕES DO SETOR DE MÁQUINAS E IMPLEMENTOS ...GERENCIAMENTO DE PROJETOS EM ORGANIZAÇÕES DO SETOR DE MÁQUINAS E IMPLEMENTOS ...
GERENCIAMENTO DE PROJETOS EM ORGANIZAÇÕES DO SETOR DE MÁQUINAS E IMPLEMENTOS ...
 
04 foundation and_history_of_the_pdsa_cycle_rmcln_10_23_09
04 foundation and_history_of_the_pdsa_cycle_rmcln_10_23_0904 foundation and_history_of_the_pdsa_cycle_rmcln_10_23_09
04 foundation and_history_of_the_pdsa_cycle_rmcln_10_23_09
 
Redes de cooperação
Redes de cooperaçãoRedes de cooperação
Redes de cooperação
 
Tomada de decisão 1
Tomada de decisão 1Tomada de decisão 1
Tomada de decisão 1
 

Como criar um mapa de processos da sua empresa

  • 1. FM2S MATERIAIS DE APOIO Use sem moderação
  • 2. Murilo Ferreira Marques dos Santos (autor) Murilo Ferreira Marques dos Santos, Mestre e Doutorando em Engenharia Mecânica. Atua em projetos de melhoria nas diversas indústrias, além de realizar treinamentos desde 2009. Possui sólidos conhecimentos nas áreas de gestão de equipes, melhoria e six-sigma.
  • 3. O que é uma empresa? Processos Sistema Empresa
  • 4. As vezes, o que ela aparece?  Como você enxerga sua empresa? Fornecedores Clientes
  • 5. Diagnóstico – Você precisa de um LoP?  Você enxerga como cada um dos processos contribui para a empresa atingir seus objetivos?  Você consegue enxergar o nível de maturidade de cada um dos seus processos? Quais processos precisam melhorar para que suas metas sejam atingidas?  Você consegue apontar quem é o responsável por cada um dos processos da empresa?
  • 6.  Você consegue enxergar como os processos da empresas estão conectados?  Como você resumiria a sua empresa em uma folha da papel?  Quanto dinheiro já foi investido em processos que não contribuíram em nada para o objetivo da empresa? Diagnóstico – Você precisa de um LoP?
  • 7.  Quanto você já investiu em processos que não deram o retorno esperado?  Quanto tempo você e sua equipe já investiram em processos insignificantes sob a ótica do cliente?  Quantos processos são executados em duplicidade na empresa? Diferentes processos com o mesmo objetivo. Diagnóstico – Você precisa de um LoP?
  • 8.  Quantas estratégias e ações não tiveram sucesso pela falta de processos para acompanhá-las? Para medi-las?  Quantas vezes um bom processo é prejudicado por um outro deficiente?  Quantas vezes uma nova máquina não consegue produzir por problemas de setup e abastecimento? Diagnóstico – Você precisa de um LoP?
  • 9. Mapa de processos da empresa Linkage of process
  • 10. Objetivo do LoP Projeto e re-projeto de produtos e processos Planejamento Para Melhoria Pesquisa de Mercado Medição & Feedback Clientes Distribuição Processos de apoio Produção de produtos e serviços Fornecedores A B C D E F G Necessidade Propósito da organizaçãoProcessos “Direcionadores” Processos “Missão” Processos “Suporte” Como sua empresa funciona em 1 página
  • 11. Os processos do LoP  Processos “Direcionadores”  Aqueles processos que “dirigem” a organização. Esses processos usualmente estão associados com a necessidade que a organização pretende atender (da declaração de missão da organização).  Processos “Missão”  Aqueles processos que diretamente realizam a missão da organização e que adicionam valor para os clientes externos.  Processos “Suporte”  São os processos que geram os insumos e recursos a ser consumidos pelos processos “missão”.
  • 12. Funções do LoP • Mostra como a Organização realiza sua missão – como o trabalho é feito • Fornece um método para focar nos processos em vez das pessoas quando tem que lidar com problemas • Enfatiza as relações cliente-fornecedor internas • Permite priorizar os esforços para atingir os objetivos
  • 13. Como fazer o seu LoP? 1. Obtenha a declaração de missão para a organização sendo estudada. 2. Liste os produtos e serviços primários que a organização fornece. 3. Faça um brainstorming para gerar uma lista de processos chaves que formam a sustentação da organização (as atividades primárias que descrevem o negócio da organização), que geram os bens e serviços para os quais os clientes pagam.
  • 14. Como fazer seu LoP? 4. Faça um brainstorming para gerar uma lista de 10 a 30 processos direcionadores. 5. Faça um brainstorming para gerar uma lista de 10 a 30 processos chaves que são necessários para dar apoio ao negócio da organização 6. Agrupe da esquerda para a direita aqueles processos que se relacionam com fornecedores, depois processos descrevendo a produção e então os processos que distribuem bens e serviços. 7. Conecte os processos que tem relações importantes
  • 15. Como fazer seu LoP? 8. Coloque os outros processos em suas posições. Os processos de direcionamento acima da sustentação e os processos de apoio abaixo da sustentação. 9. Mostre as conexões entre processos. Conecte processos que têm fluxos importantes ou esforços de coordenação com uma seta indicando a direção primária