SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 11
Plano de Negócios em Comunicação
Market Work – Trabalho Mercadológico
Vinícius Lisboa
Túlio Santana
Manoel Messias
Wesley Santos
Feira de Santana, 08 de maio de 2014
Descrição da Empresa
A Market Work é uma empresa de comunicação e elaboração de projetos sociais que chega
ao mercado com uma proposta uma proposta de humanização e endomarketing. A ideia é
estruturar comportamentos sociais relacionados com as políticas boa convivência e
preservação do meio. A Market Work tem o quadro de funcionários composto por quatro
sócios com um sonho em comum: mudar o mercado de comunicação de Feira de Santana.
Estas mudanças são perspectivas de comunicólogos projetistas, aptos a executar projetos de
intervenção em melhorias urbanas e culturais, sem esperar que o estado cumpra o que é de
sua responsabilidade. Para além do mundo palpável, é sabido que o mundo cibercultural
tem estado em páreo com as grandes manifestações comportamentais da sociedade em
geral. Nessa persperctiva, objetivamos dar potência ao mercado de marketing digital,
sobressaltando suas melhores características em relação às tradicionais formas de
comunicação, mas sem abandoná-las completamente.
Estrutura Organizacional
A empresa possui quatro pilares primordiais. Estes pilares são seus sócios Manoel Messias,
Túlio Santana, Vinícius Lisboa e Wesley Santos, sendo cada um deles responsável por uma
fração das atividades gerais de funcionamento. O trabalho conjunto destes pilares dará
concretude para processos de direção, planejamento, comunicação, estratégias de
comportamento socioambiental. Para além das atividades comunicacionais, quando se fala
em humanização, quer-se abrangir diversos setores sociais visando proporcionar conceitos
palpáveis esquecidos pela mecanicização pós-industrialista dos mercados em geral. A
Market Work se propõe à reorganização, seja ela social, ambiental ou cultural artística.
Para tal, outras áreas do conhecimento se fazem necessárias. A Market Work contará com
equipes de profissionais terceirizados para oferecer as empresas do mercado Feirense uma
compilação de métodos sofisticação comportamental. Psicólogos, Pedagogos, Designers,
Arquitetos, Estilistas, são alguns dos profissionais que podem estar consciliados a esta
atuação, na medida em que possamos adequar cada realidade comercial e financeira.
A parte física da empresa deverá contar com computadores para cada um dos associados,
mesas de trabalho, bancada de projetos, lousa para anotações e Mapas Conceituais, mesa
para reuniões e uma sala reservada para atendimento dos clientes e apresentação de
projetos. Esta sala secundária deverá conter uma mesa comprida com um mínimo de 6
cadeiras e datashow para aparesentações. Os valores estão especificados no fim deste
projeto.
A estrutura da Market Work deve ser considerada formal pois, em cada um dos seus níveis
de atuação, seus diretores se igualam em relevância de trabalho, porém cada um
responsável pelo seu setor hierarquicamente definido. Uma ferramenta depende da outra
para se desenvolver e, deste modo, ocorre uma linearidade de chefia, sendo cada um o
chefe do seu próprio desenvolvimento, mas nada impedindo de que ocorram alterações
contra sua vontade, quando há convergência de opiniões do resto do grupo. As decisões são
sempre tomadas em grupo, cabendo ao setor ter maior amplitude de domínio sobre o tema.
Produtos e Serviços
O produto da Market Work se resume em um conceito: Projetos. É intangível pois se trata
de um serviço; inseparável porque cabe a qualquer tipo de atuação comercial e demanda
aplicação exclusiva dos criadores; é variável no sentido de inovação, não apenas no formato
do serviço como também nas possibilidades que ele abrange; e é não perecível pois se
renova. Cada empresa tem uma realidade distinta do restante. Através do crescimento do
Mercado de Responsabilidade Social, aos poucos esta importante ferramenta de
manutenção ambiental – no sentido amplo do termo – passou por transmutações
perspectivas. Em primeira instância era uma necessidade e ainda continua o sendo. Porém,
vulgarizou-se os termos de Responsabilidade Social e Ambiental através das estratégias de
marketing descomprometidas com a realidade de fato. Apesar de esta ferramenta ter
perdido força, a medida em que as pessoas perceberam ser mais uma estratégia que uma
ação, em parâmetros locais, especialmente em pequenas delimitações geográficas, o ponto
de partida para estratégias de marketing social e ambiental pode ser modificado. Deste
modo, a ideia é promover ações com os projetos sócio-ambientais pré-elaborados, de
magnitude enérgica com a união da empresa (cliente), grupos envolvidos e a Market Work,
entrando com seus recursos de trabalho e financeiros para execução dos projetos, mas de
alcance geográfico municipal.
Existirão dois tipos de projeto. Os projetos especificados para gestão das empresas em
termos mercadológicos e, outros projetos desenvolvidos para a sociedade partindo de
dentro do escritório para angariar financiamento colaborativo para sua execução.
Deverá ser implantado um selo de autenticidade comportamental. Este selo se iguala às
políticas de ISO, ABIC, entre outros, onde a sociedade passa a ter ciência da qualidade
oferecida por determinados tipos de produto e/ou serviços. O Selo Market Work é um selo
de responsabilidade para com o Ser Humano e o Meio Ambiente em que vivemos, e deverá
contar com ampla campanha de divulgação para respaldar sua autencidade em Feira de
Santana.
Um exemplo de projeto que pode ser implantado por parte direta do Market Work é o
Sistema de Arborização Araucárea. Este sistema, ainda em fase de idealização, se propõe a
condicionar, orientar e dar manutenção a uma plantação massiva da árvore Araucárea em
Feira de Santana. A justificativa é que esta árvore além de estar em processo de estinção,
possui algumas características relevantes para os tempos de mudança climática em que
vivemos. Esta planta pode chegar a 50m de altura, tem um tronco razoavelmente estreito e
uma copa bastante larga. A discursiva deste projeto se resume numa pergunta: Se
plantássemos massivamente essas árvores na cidade, de modo que nossa estrutura
urbanística devesse ser modificada para acomodá-las, elas poderiam, além de estarem um
pouco mais protegidas de sua estinção, colaborar com uma espécie de freio dos raios ultra-
violetas do Sol quando suas copas fundissem-se? Tendo em vista os 50m de altura a que
podem chegar, elas poderiam, inclusive, continuar sendo úteis para maioria dos prédios da
cidade, que geralmente não ultrapassam os 15 andares. É um projeto de manutenção de
longo prazo e, por isto, precisa de empresa eternamente responsável. Esta responsabilidade
deve ficar a cargo da Market Work, de modo que contratos de colaboração financeira
fossem estabelecidos por tempo determinado, para as empresas que quisesem contribuir,
inclusive a Prefeitura Muncipal.
Como se observa, o selo Market Work será de grande relevância para qualquer área de
mercado instalado na cidade. De modo que suas ações ocorrerão de forma independente e
parceira, estando a frente as empresas que se propuserem às colaborações adequadas. O
grande diferencial deste modelo de responsabilidade socioambiental é que as ações são
executadas como Princípio e não como Consequência. A mundaça social é o Efeito. A Causa
é Market Work.
Assim, podemos entender a política atuacional funciona da seguinte forma:
Market Work é o modo como lidar com os mais diversos clientes, utilizando- se do
fator humano para criar laços de confiabilidade entre o corpo funcional da empresa.Das
mais diversas formas mostra-se ao colaborador a importância de fazer parte de uma equipe,
crescer e passar por dificuldades juntos. Mas antes de vencer tais desafios, deve-se organizar
e traçar planos, reconhecer falhas e saber que uma equipe destruturada e sem rumo não
vence e, não convence ninguém. Mas como fazer isso numa firma onde existem pessoas das
mais diversas características e com uma divergente maneira de relacionamento,visão e
convicção? E nesse sentido que aplicamos os diversos serviços, que são:
Capacitação e aplicação de mini cursos (atendimento, dinâmica de grupo, rotinas
administrativas)voltados à criatividade.
Palestras Motivacionais (como vender mais, Trabalhando em grupo, Relacionamento
interpessoal no ambiente de trabalho, Como cumprir Metas a curto e longo prazo)
Reciclagem de Funcionários (aulas de leitura, escrita, Calculo, Vendas e Marketing)
Acompanhamento psicológico, com avaliações em grupo ou em particular, dinâmicas.
Conhecimentos de mundo, estímulo as artes, entendimento de culturas distantes.
Bases antropológicas, políticas e sociais, para formar indivíduos cidadãos.
Análise de Mercado
A Market Work é uma empresa de assessoria no ramo de comportamento empresarial, e
visa atender todas as necessidades de estruturação organizacional, propor orientações
técnicas e executar projetos de Responsabilidade Social, criando um novo paradigma de
confiabilidade mercadológica em Feira de Santana.
Atualmente não existe na cidade nenhuma empresa deste seguimento. Com metas voltadas
para campanhas publicitárias, as empresas de comunicação de Feira de Santana estão
relegadas aos produtos efêmeros e de pouco entendimento sobre o coletivo local.
Nosso produto se resume numa palavra: Projeto. Cada situação de desajuste demanda uma
perspectiva diferenciada, no campo interno ou externo de trabalho. Esta atuação está
presente no treinamento dos funcionários, perpassando pela organização logística de
funcionamento, até as ações de intervenção social as quais definem um campo dúbio para a
Market Work. Esta dupla personalidade se volta para as duas situações distintas mais
carentes no mercado de comunicação feirense: Prestação de Serviço Personalizado em
Marketing; e Execução de Planejamentos de Responsabilidade Social, que é um
compromisso inerente a qualquer empresa. Deste modo, somos pioneiros neste serviço,
podendo deixar de lado importantes fatores de concorrência municipal.
Plano Operacional
Com escritório localizado no centro da cidade, deverá haver fácil adaptação a realidade do
mercado no que se refere aos horários de funcionamento. A empresa funcionará em horário
comercial, de segunda à sexta, ficando o sábado sempre reservado para possíveis visitas
técnicas de projeto.
No escritório deveremos receber clientes interessados nos serviços. Intuitivamente
compreendemos que a principal procura será pelos serviços de endomarketing, visando
constituir ajustes funcionais nas respectivas empresas. Porém, tendo o cliente sob domínio
domiciliar, serão oferecidos os projetos de atuação social que deverão estar previamente
prontos e devidamente articulados com as políticas de atuação da empresa em questão.
Assim, os projetos mais interessantes deverão ser vendidos como produto adicional em
primeira instância. O principal argumento para angariar esta verba secundária deverá ser a
possibilidade de utilização do Selo de Compromisso Social da Market Work. Este selo será
amplamente difundido entre a população feirense, pelas mídias locais de impressos, rádio,
internet e, futuramente, televisão. Nas campanhas todos deverão perceber que as empresas
que possuirem este selo estão se submetendo a um processo de avaliação e execução dos
serviços responsáveis socialmente. Deste modo, reverte-se a perspetiva que
responsabilidade social é apenas estratégia de marketing. Os consumidores deverão optar
pelas empresas socialmente responsáveis, quando se depararem com a escolha entre duas
empresas divergentes neste sentido. O sistema funciona como o acontece diariamente em
supermercados onde as pessoas na maioria das vezes opta por comprar café com selo de
pureza ABIC.
Por outro lado, projetos independentes de produção cultural serão executados. Nossa marca
estará presente nestes eventos, mas sem patrocínios de terceiros. As pessoas entenderão
que as empresas que possuem o selo Market Work contribuem, direta ou indiretamente,
com as formas de atuação que nossa empresa promoverá.
Em simples palavras, somos uma empresa de Execução de Projetos Sociais, atuando em
parâmetros mercadológicos. Esta nova perspectiva contrapõe as até então estabelecidas
organizações de mercado com, posteriores, estratégias sociais. Uma iniciativa da sociedade
civil especializada em comunicação social, que visa intervir diretamente em setores culturais
e ecológicos ferramentando-se da responsabilidade que as empresas em geral tem para com
a sociedade. O benefício de retorno para as empresas se dá com o reconhecimento de
atuação efetiva, considerando não apenas o Selo de Qualidade, como também a
experimentação social em Si Mesma como consequência dos projetos desenvolvidos.
Plano de Marketing
Existem atualmente no mercado diversas marcas considerando-se responsável socialmente.
Também há selos de qualidade, especializados nas mais diversas formas de produtividade.
Estes selos chamam atenção pela forma como se propõem a condicionar a confiança do
público, mas de uma forma pouco eficaz. Isto acontece por que, por exemplo, um selo como
o “QUAL” que fiscaliza a industria têxtil em suas responsabilidades ambientais, ou o “ABIC”
que fiscaliza a pureza do café das marcas que vendem este produto, não podem influir de
forma contundente na decisão final dos usuários pois estes não participam ativamente nas
pesquisas de análise dos produtos em questão. Apesar desta disfunção, é amplamente
aceita a concepção de que os cafés que tem selo de pureza ABIC são superiores aos que não
o têm. Do mesmo modo, o selo QUAL vêm sendo reconhecido por instituições
governamentais e, por consequência, pelo público envolvido com a parte técnica do
consumo de produtos de moda, sejam estes clientes fabricantes de roupas, estilistas ou
produtores de moda, mesmo a concepção do selo não chegando ao grande público final.
Como dito anteriormente, nossa empresa é antes social que mercadológica. O conceito
Market Work, como neologismo aportuguesado dos termos em inglês marketing –
mercadologia; e working – trabalhar. Em tradução literal quer dizer ‘trabalho de mercado’ e
configura-se num espelho com o slogam “Trabalho Mercadológico” que não é a mesma coisa
do termo em inglês. Sua correspodência encontra-se no símbolo da marca onde uma letra M
reflete-se na letra W que, apesar de terem o mesmo formato não são, nem muito menos
significam a mesma coisa. É como se fosse um espelho distorcido da realidade. Só que este
espelho é, na verdade, a configuração do ideal; por quê a realidade que vivemos atualmente
é que está distorcida com as estratégias não éticas de empresas que transmitem imagem de
performances que elas não executam. O ideal encontra-se na marca, contextualizando esta
distorção na harmonia das formas geométricas que são o produto final do visual da marca.
Deste modo, todo este turbilhão de signos fica subjetivado na harmonia transmitida pela
linearidade, organização e firmeza com a qual a percepção da marca se apresenta, como
podemos afirmar baseados na regra geral da psicologia “gestaltica” que afirma que a ideia
do todo não é a soma das partes, mas uma terceira coisa maior e composta. Por outro lado,
o próprio reflexo do símbolo remete às formas convencionalizadas das bordas de um selo.
Este selo se mostra o sustentáculo da empresa como fica clara a elevação dos signos
morfológicos (palavras) pelos signos geométricos (selo e estrutura geral). Esta forma de selo
se reflete também no signo morfolófico entre o MW de Market Work e na formação da
borda da lateral direita, totalizando 5 manifestações da mesma forma – o picote dos selos.
Cinco é o número representativo do corpo humano, o microcosmos, na sua manifestação
natural (4 elementos) e divina (consciência), como bem representa Leonardo Da Vinci em O
Homem Vitruviano. Assim, toda a essência da Market Work fica condicionada à execução
transmutação da ideia de responsabilidade social através do Selo de Qualidade que será
oferecido às empresas.
Devidamente compreendido este conceito, podemos entender como deverá desenrolar-se a
estratégia de inserção no mercado. Serviços de endomarketing serão oferecidos de forma
gratuita, ficando sob responsabilidade do empresário o financiamento de projetos que já
deverão estar prontos e aptos para execução. O empresário por sua vez poderá
instaneamente fazer uso do Selo de Qualidade de modo que o nosso branding já estará
sendo feito nestas empresas. Cartilhas deverão ser lançadas para distribuição nestas
empresas, de modo que ganha o empresário por estar sendo reconhecido na sua função de
responsabilidade social e ganha a Market Work por estar diretamente associada às
empresas parceiras desta nova estrutura de percepção social.
No segundo momento a Market Work deverá lançar campanhas nas diversas mídias de
massa de Feira de Santana visando trazer ao conhecimento da grande população sobre este
trabalho, o que deverá chamar atenção para as empresas que dispuserem do selo em suas
empresas e produtos. A partir disto, as empresas que tiverem interesse em obter o Selo
deverão procurar a nossa equipe para uma reunião executiva de proposição de projetos.
Neste momento o endomarketing já não deverá ser um mecanismo de execução dos
projetos, pois tanto um quanto o outro terão corpo próprio, não dando direito o uso do Selo
de Qualidade às empresas que só contratarem o endomarketing. Este procedimento deverá
garantir que só serão reconhecidas as empresas realmente atuantes.
O Selo de Qualidade deverá ter um período de validade, onde as empresas que quiserem
manter o recurso precisarão renovar o projeto anteriormente executado ou um novo. Os
projetos serão executados sem vínculo com as marcas das empresas. Esta decisão visa
manter a autencidade das ações com propósitos estritamente comunitários e não
mercadológicos nos seus momentos de transformação. Por outro lado, há uma grande
vantagem em ter nas empresas este Selo, pois num mesmo período de tempo um único
projeto que estiver sendo executado, dentro do prazo de validade das empresas parceiras,
todas elas tirarão proveito, pois todas estarão associadas à mesma causa.
Por ventura podem ocorrer questionamentos sobre o fato de concorrentes possuirem o Selo
e estarem indiretamente colaborando com uma mesma intervenção. A argumentação sobre
este questionamento é bastante clara, no sentido de que para além dos conflitos de
mercado, a ideia central é ajudar a comunidade feirense nas suas diversas carências. Surge
então um novo paradigma de contribuição: “Deixamos de lado as diferenças para ajudar no
que é preciso”. Tornar-se-á mais importante a ação de melhoria social que a lucratividade
incondicional.
Outra ameaça pode ser o não entendimento do propósito da empresa. Mais que ganhar
mercado, nosso propósito é intervir no que podemos e devemos para melhoria da vida das
pessoas. Estas internvenções podem ser as mais diversas como educação ambiental, de
trânsito, de convivência, e mais especificamente culturais nas suas infinitas variações de
comportamento, memória e arte. Para se fazer entender, deveremos angariar os clientes
com pequenas palestras de apresentação com recursos de tecnologia, diálogo e
exemplificações de outras localidades. As palestras poderão acontecer nas empresas
interessadas ou no escritório, na sala de reuniões.
Atualmente a Market Work não possui concorrentes de mercado, sendo pioneira neste tipo
de serviço em Feira de Santana. Em outros pólos industriais do país a exemplo de São Paulo,
este conceito é amplamente difundido de forma controlada. Algumas exigências são
cobradas para que uma empresa possa exercer esta função de controle de qualidade. Para
firmar a ideia de confiança, a Market Work pretende submeter-se à criteriosa avaliação da
Associação Brasileira de Normas e Técnicas [ABNT] de modo que, tanto nossa cartela de
clientes quanto a população em geral, poderá ter uma referência de confiabilidade.
Estrutura e Capitalização
Como dito anteriormente, cada situação demandará uma avaliação de custo específico.
Tendo dois seguimentos distindos de atuação, o projeto é a única referência que unifica os
dois campos de atuação que oferecemos. A avaliação será feita através dos recursos do
marketing dentro da empresa, com coleta de dados e análise estatística, percepção de
comportamento em atendimento, discurso dos funcionários em suas possibilidades
intelectuais, logística, preço, concorrência, atendimento psicológico com terceirização de
profissional capacitado, palestras periódicas e reuniões dinâmicas, exercícios físicos e
meditação para aperfeiçoamento de corpo e mente, entre diversos outros fatores cabíveis
de manutenção do endomarketing. Cada uma possibilidades demandam custos específicos e
relativos a situação. É por isto que dentro da estrutura projetual pretendemos verificar o
que é de maior aplicabilidade na realidade de dada empresa e taxar um valor justo pra cada
situação específica, baseando-nos nos custos operacionais relativos.
A mesma perspectiva vale para os projetos de intervenção social. Uma peça de teatro
intinerante nas escolas públicas municipais demandarão um custo diferente de um concerto
de música num ambiente apropriado. Estas questões deverão ser avaliadas ao longo do
desenvolvimento projetual, de modo que ao ser concluído o projeto terá um valor específico
que poderá ser financiado por uma empresa ou várias delas conjuntamente. Como foi dito
anteriormente, não deverá haver publicidade das empresas na execução dos eventos, para
mantimento da autenticidade da intervenção pela intervenção. As empresas já deverão ser
devidamente reconhecidas quando as pessoas se depararem com o Selo de Qualidade,
associando-a com projetos que já deva ter visto em outros lugares.
Os custos operacionais dos projetos de intervenção deverão ficar totalmente a cargo das
empresas, incluindo a lucratividade capital da Market Work pelo pagamento da prestação de
serviço. As cartilhas que serão entregues para que as empresas distribuam para os seus
clientes deverão estar incluídas no valor do contrato.
Para início das atividades, um capital próprio deverá ser demandado. Para compra dos
seguintes ítens, cada sócio deverá entrar com uma fatia de R$ 5.000,00 reais, totalizando
R$ 20.000,00 reais. Este montante deverá, além de custear o material necessário na
montagem do escritório, atender seguramente o período de 5 meses de funcionamento,
considerando os custos fixos de aluguel, recepcionista, energia, água, telefone e internet.
~Aluguel do escritório
R$ 1.500,00 mês
~Equipamentos de informática
4 computadores: Já possui
Internet: R$ 150,00 mês
Datashow: R$ 800,00
~Energia e Água
R$ 500,00 mês
~Mobília
4 bancadas de trabalho: R$ 2.000,00
1 mesa para recepcionista: R$ 500,00
1 mesa para reunião c/ 6 cadeiras: R$ 2.000,00]
~Ar condicionado
Split: R$ 600,00
~Recepcionista
Estagiária: R$ 500,00 mês
~Materiais de escritório
Papelaria
Carimbos
Canetas
Material gráfico
Clipe de papel
Grampeador
Lousa
Total: R$ 1.000,00
~Total de Custos Iniciais:
Custo único: R$ 6.900,00
Custo variável médio em 5 meses: 13.250
Capital livre para eventualidades: R$ 5.950,00
LANÇAMENTO DO PLANO DE NEGÓCIOS EM COMUNICAÇÃO
O lançamento aconterá entre os dias 2 e 6 de junho, na Unidade de Ensino Superior de Feira
de Santana, no evento acadêmico de inovação em serviços de comunicação Feira de Ideias. O
evento contará com os corpos discente e doscente da faculdade, além de figuras do mercado
de trabalho e outras unidades de ensino superios para compor a banca.
 Data: 2 à 6 de junho de 2014
 Local: Unidade de Ensino Superior de Feira de Santana - UNEF
 Horário: 19:00h
 Presenças Ilustres: Professores e profissionais do mercado feirense
 Autoridades convidadas: Ilustríssimo diretor acadêmico Getúlio Bonfim
 Decoração: Copa do Mundo
 Logística do evento: Estudantes, professores e profissionais num auditório
 Programação: Outras ideias, concorrendo a prêmios de inovação.
 Recepção: Por conta da UNEF
 Equipe de trabalho: Por conta da UNEF
 Fardamento: Despadronizado
 Encerramento: 22:00
 Coffee–break: Por conta da UNEF

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Comunicação Interna
Comunicação InternaComunicação Interna
Comunicação InternaTEMA1
 
Plano de comunicação
Plano de comunicaçãoPlano de comunicação
Plano de comunicaçãoCarlos Alves
 
Aula 11 Relação com os investidores
Aula 11   Relação com os investidoresAula 11   Relação com os investidores
Aula 11 Relação com os investidoresCarlos Alves
 
Aula 6 endomarketing
Aula 6 endomarketingAula 6 endomarketing
Aula 6 endomarketingCarlos Alves
 
Planejamento e Gestão de Endomarketing e Comunicação Interna
Planejamento e Gestão de Endomarketing e Comunicação InternaPlanejamento e Gestão de Endomarketing e Comunicação Interna
Planejamento e Gestão de Endomarketing e Comunicação InternaSanto de Casa Endomarketing
 
Comunicação interna apresentação
Comunicação interna   apresentaçãoComunicação interna   apresentação
Comunicação interna apresentaçãoFelipe Godoy
 
Comunicacao interna endomarketing 24x7
Comunicacao interna endomarketing 24x7Comunicacao interna endomarketing 24x7
Comunicacao interna endomarketing 24x724x7 COMUNICAÇÃO
 
Comunicação Institucional
Comunicação InstitucionalComunicação Institucional
Comunicação InstitucionalClaudio Toldo
 
Planejamento de comunicação e endomarketing para empresa do setor automotivo
Planejamento de comunicação e endomarketing para empresa do setor automotivoPlanejamento de comunicação e endomarketing para empresa do setor automotivo
Planejamento de comunicação e endomarketing para empresa do setor automotivoNato Oliveira
 
Comunicação interna
Comunicação internaComunicação interna
Comunicação internaCarlos Alves
 
João Domingos - Comunicação Institucional como ferramenta de Marketing da DW...
João Domingos -  Comunicação Institucional como ferramenta de Marketing da DW...João Domingos -  Comunicação Institucional como ferramenta de Marketing da DW...
João Domingos - Comunicação Institucional como ferramenta de Marketing da DW...Development Workshop Angola
 
Como usar a Comunicação Empresarial a seu favor
Como usar a Comunicação Empresarial a seu favorComo usar a Comunicação Empresarial a seu favor
Como usar a Comunicação Empresarial a seu favorMauro de Oliveira
 
Aula 7 Comunicação Institucional
Aula 7   Comunicação InstitucionalAula 7   Comunicação Institucional
Aula 7 Comunicação InstitucionalCarlos Alves
 
A importância do endomarketing para o desenvolvimento corporativo. estudo de ...
A importância do endomarketing para o desenvolvimento corporativo. estudo de ...A importância do endomarketing para o desenvolvimento corporativo. estudo de ...
A importância do endomarketing para o desenvolvimento corporativo. estudo de ...Charlayne Primo
 
Cases comunicação interna
Cases comunicação internaCases comunicação interna
Cases comunicação internaDaniela Ribeiro
 
Relações publicas em tempo de crise
Relações publicas em tempo de criseRelações publicas em tempo de crise
Relações publicas em tempo de criseAna Tomás
 

Mais procurados (20)

Planejamento estratégico
Planejamento estratégicoPlanejamento estratégico
Planejamento estratégico
 
Comunicação Interna
Comunicação InternaComunicação Interna
Comunicação Interna
 
Plano de comunicação
Plano de comunicaçãoPlano de comunicação
Plano de comunicação
 
Aula Lab. C.Institucional
Aula Lab. C.InstitucionalAula Lab. C.Institucional
Aula Lab. C.Institucional
 
Aula 11 Relação com os investidores
Aula 11   Relação com os investidoresAula 11   Relação com os investidores
Aula 11 Relação com os investidores
 
Aula 6 endomarketing
Aula 6 endomarketingAula 6 endomarketing
Aula 6 endomarketing
 
Planejamento e Gestão de Endomarketing e Comunicação Interna
Planejamento e Gestão de Endomarketing e Comunicação InternaPlanejamento e Gestão de Endomarketing e Comunicação Interna
Planejamento e Gestão de Endomarketing e Comunicação Interna
 
Comunicação interna apresentação
Comunicação interna   apresentaçãoComunicação interna   apresentação
Comunicação interna apresentação
 
Comunicacao interna endomarketing 24x7
Comunicacao interna endomarketing 24x7Comunicacao interna endomarketing 24x7
Comunicacao interna endomarketing 24x7
 
Endomarketing (2)
Endomarketing (2)Endomarketing (2)
Endomarketing (2)
 
Comunicação Institucional
Comunicação InstitucionalComunicação Institucional
Comunicação Institucional
 
Planejamento de comunicação e endomarketing para empresa do setor automotivo
Planejamento de comunicação e endomarketing para empresa do setor automotivoPlanejamento de comunicação e endomarketing para empresa do setor automotivo
Planejamento de comunicação e endomarketing para empresa do setor automotivo
 
Comunicação interna
Comunicação internaComunicação interna
Comunicação interna
 
João Domingos - Comunicação Institucional como ferramenta de Marketing da DW...
João Domingos -  Comunicação Institucional como ferramenta de Marketing da DW...João Domingos -  Comunicação Institucional como ferramenta de Marketing da DW...
João Domingos - Comunicação Institucional como ferramenta de Marketing da DW...
 
Como usar a Comunicação Empresarial a seu favor
Como usar a Comunicação Empresarial a seu favorComo usar a Comunicação Empresarial a seu favor
Como usar a Comunicação Empresarial a seu favor
 
Aula 7 Comunicação Institucional
Aula 7   Comunicação InstitucionalAula 7   Comunicação Institucional
Aula 7 Comunicação Institucional
 
A importância do endomarketing para o desenvolvimento corporativo. estudo de ...
A importância do endomarketing para o desenvolvimento corporativo. estudo de ...A importância do endomarketing para o desenvolvimento corporativo. estudo de ...
A importância do endomarketing para o desenvolvimento corporativo. estudo de ...
 
A Importância da Comunicação Interna
A Importância da Comunicação InternaA Importância da Comunicação Interna
A Importância da Comunicação Interna
 
Cases comunicação interna
Cases comunicação internaCases comunicação interna
Cases comunicação interna
 
Relações publicas em tempo de crise
Relações publicas em tempo de criseRelações publicas em tempo de crise
Relações publicas em tempo de crise
 

Mais de Vinicius Lisbôa

Caderno de Resumos - Semana de Filosofia Uefs 2015
Caderno de Resumos - Semana de Filosofia Uefs 2015Caderno de Resumos - Semana de Filosofia Uefs 2015
Caderno de Resumos - Semana de Filosofia Uefs 2015Vinicius Lisbôa
 
Caderno de Resumos - Semana de Filosofia UEFS 2015
Caderno de Resumos - Semana de Filosofia UEFS 2015Caderno de Resumos - Semana de Filosofia UEFS 2015
Caderno de Resumos - Semana de Filosofia UEFS 2015Vinicius Lisbôa
 
Projeto diagramação caderno de resumos (sem páginas opostas)
Projeto diagramação   caderno de resumos (sem páginas opostas)Projeto diagramação   caderno de resumos (sem páginas opostas)
Projeto diagramação caderno de resumos (sem páginas opostas)Vinicius Lisbôa
 
Disney. um pequeno passo à alienação do grande homem.
Disney. um pequeno passo à alienação do grande homem.Disney. um pequeno passo à alienação do grande homem.
Disney. um pequeno passo à alienação do grande homem.Vinicius Lisbôa
 
Nova cultura projeto de intervenção
Nova cultura   projeto de intervençãoNova cultura   projeto de intervenção
Nova cultura projeto de intervençãoVinicius Lisbôa
 

Mais de Vinicius Lisbôa (7)

Caderno de Resumos - Semana de Filosofia Uefs 2015
Caderno de Resumos - Semana de Filosofia Uefs 2015Caderno de Resumos - Semana de Filosofia Uefs 2015
Caderno de Resumos - Semana de Filosofia Uefs 2015
 
Caderno de Resumos - Semana de Filosofia UEFS 2015
Caderno de Resumos - Semana de Filosofia UEFS 2015Caderno de Resumos - Semana de Filosofia UEFS 2015
Caderno de Resumos - Semana de Filosofia UEFS 2015
 
Projeto diagramação caderno de resumos (sem páginas opostas)
Projeto diagramação   caderno de resumos (sem páginas opostas)Projeto diagramação   caderno de resumos (sem páginas opostas)
Projeto diagramação caderno de resumos (sem páginas opostas)
 
Market work
Market workMarket work
Market work
 
Disney. um pequeno passo à alienação do grande homem.
Disney. um pequeno passo à alienação do grande homem.Disney. um pequeno passo à alienação do grande homem.
Disney. um pequeno passo à alienação do grande homem.
 
Co in
Co inCo in
Co in
 
Nova cultura projeto de intervenção
Nova cultura   projeto de intervençãoNova cultura   projeto de intervenção
Nova cultura projeto de intervenção
 

Plano de Negócios em Comunicação Market Work

  • 1. Plano de Negócios em Comunicação Market Work – Trabalho Mercadológico Vinícius Lisboa Túlio Santana Manoel Messias Wesley Santos Feira de Santana, 08 de maio de 2014
  • 2. Descrição da Empresa A Market Work é uma empresa de comunicação e elaboração de projetos sociais que chega ao mercado com uma proposta uma proposta de humanização e endomarketing. A ideia é estruturar comportamentos sociais relacionados com as políticas boa convivência e preservação do meio. A Market Work tem o quadro de funcionários composto por quatro sócios com um sonho em comum: mudar o mercado de comunicação de Feira de Santana. Estas mudanças são perspectivas de comunicólogos projetistas, aptos a executar projetos de intervenção em melhorias urbanas e culturais, sem esperar que o estado cumpra o que é de sua responsabilidade. Para além do mundo palpável, é sabido que o mundo cibercultural tem estado em páreo com as grandes manifestações comportamentais da sociedade em geral. Nessa persperctiva, objetivamos dar potência ao mercado de marketing digital, sobressaltando suas melhores características em relação às tradicionais formas de comunicação, mas sem abandoná-las completamente. Estrutura Organizacional A empresa possui quatro pilares primordiais. Estes pilares são seus sócios Manoel Messias, Túlio Santana, Vinícius Lisboa e Wesley Santos, sendo cada um deles responsável por uma fração das atividades gerais de funcionamento. O trabalho conjunto destes pilares dará concretude para processos de direção, planejamento, comunicação, estratégias de comportamento socioambiental. Para além das atividades comunicacionais, quando se fala em humanização, quer-se abrangir diversos setores sociais visando proporcionar conceitos palpáveis esquecidos pela mecanicização pós-industrialista dos mercados em geral. A Market Work se propõe à reorganização, seja ela social, ambiental ou cultural artística. Para tal, outras áreas do conhecimento se fazem necessárias. A Market Work contará com equipes de profissionais terceirizados para oferecer as empresas do mercado Feirense uma
  • 3. compilação de métodos sofisticação comportamental. Psicólogos, Pedagogos, Designers, Arquitetos, Estilistas, são alguns dos profissionais que podem estar consciliados a esta atuação, na medida em que possamos adequar cada realidade comercial e financeira. A parte física da empresa deverá contar com computadores para cada um dos associados, mesas de trabalho, bancada de projetos, lousa para anotações e Mapas Conceituais, mesa para reuniões e uma sala reservada para atendimento dos clientes e apresentação de projetos. Esta sala secundária deverá conter uma mesa comprida com um mínimo de 6 cadeiras e datashow para aparesentações. Os valores estão especificados no fim deste projeto. A estrutura da Market Work deve ser considerada formal pois, em cada um dos seus níveis de atuação, seus diretores se igualam em relevância de trabalho, porém cada um responsável pelo seu setor hierarquicamente definido. Uma ferramenta depende da outra para se desenvolver e, deste modo, ocorre uma linearidade de chefia, sendo cada um o chefe do seu próprio desenvolvimento, mas nada impedindo de que ocorram alterações contra sua vontade, quando há convergência de opiniões do resto do grupo. As decisões são sempre tomadas em grupo, cabendo ao setor ter maior amplitude de domínio sobre o tema. Produtos e Serviços O produto da Market Work se resume em um conceito: Projetos. É intangível pois se trata de um serviço; inseparável porque cabe a qualquer tipo de atuação comercial e demanda aplicação exclusiva dos criadores; é variável no sentido de inovação, não apenas no formato do serviço como também nas possibilidades que ele abrange; e é não perecível pois se renova. Cada empresa tem uma realidade distinta do restante. Através do crescimento do Mercado de Responsabilidade Social, aos poucos esta importante ferramenta de manutenção ambiental – no sentido amplo do termo – passou por transmutações perspectivas. Em primeira instância era uma necessidade e ainda continua o sendo. Porém, vulgarizou-se os termos de Responsabilidade Social e Ambiental através das estratégias de marketing descomprometidas com a realidade de fato. Apesar de esta ferramenta ter perdido força, a medida em que as pessoas perceberam ser mais uma estratégia que uma ação, em parâmetros locais, especialmente em pequenas delimitações geográficas, o ponto de partida para estratégias de marketing social e ambiental pode ser modificado. Deste modo, a ideia é promover ações com os projetos sócio-ambientais pré-elaborados, de magnitude enérgica com a união da empresa (cliente), grupos envolvidos e a Market Work, entrando com seus recursos de trabalho e financeiros para execução dos projetos, mas de alcance geográfico municipal. Existirão dois tipos de projeto. Os projetos especificados para gestão das empresas em termos mercadológicos e, outros projetos desenvolvidos para a sociedade partindo de dentro do escritório para angariar financiamento colaborativo para sua execução.
  • 4. Deverá ser implantado um selo de autenticidade comportamental. Este selo se iguala às políticas de ISO, ABIC, entre outros, onde a sociedade passa a ter ciência da qualidade oferecida por determinados tipos de produto e/ou serviços. O Selo Market Work é um selo de responsabilidade para com o Ser Humano e o Meio Ambiente em que vivemos, e deverá contar com ampla campanha de divulgação para respaldar sua autencidade em Feira de Santana. Um exemplo de projeto que pode ser implantado por parte direta do Market Work é o Sistema de Arborização Araucárea. Este sistema, ainda em fase de idealização, se propõe a condicionar, orientar e dar manutenção a uma plantação massiva da árvore Araucárea em Feira de Santana. A justificativa é que esta árvore além de estar em processo de estinção, possui algumas características relevantes para os tempos de mudança climática em que vivemos. Esta planta pode chegar a 50m de altura, tem um tronco razoavelmente estreito e uma copa bastante larga. A discursiva deste projeto se resume numa pergunta: Se plantássemos massivamente essas árvores na cidade, de modo que nossa estrutura urbanística devesse ser modificada para acomodá-las, elas poderiam, além de estarem um pouco mais protegidas de sua estinção, colaborar com uma espécie de freio dos raios ultra- violetas do Sol quando suas copas fundissem-se? Tendo em vista os 50m de altura a que podem chegar, elas poderiam, inclusive, continuar sendo úteis para maioria dos prédios da cidade, que geralmente não ultrapassam os 15 andares. É um projeto de manutenção de longo prazo e, por isto, precisa de empresa eternamente responsável. Esta responsabilidade deve ficar a cargo da Market Work, de modo que contratos de colaboração financeira fossem estabelecidos por tempo determinado, para as empresas que quisesem contribuir, inclusive a Prefeitura Muncipal. Como se observa, o selo Market Work será de grande relevância para qualquer área de mercado instalado na cidade. De modo que suas ações ocorrerão de forma independente e parceira, estando a frente as empresas que se propuserem às colaborações adequadas. O grande diferencial deste modelo de responsabilidade socioambiental é que as ações são executadas como Princípio e não como Consequência. A mundaça social é o Efeito. A Causa é Market Work. Assim, podemos entender a política atuacional funciona da seguinte forma: Market Work é o modo como lidar com os mais diversos clientes, utilizando- se do fator humano para criar laços de confiabilidade entre o corpo funcional da empresa.Das mais diversas formas mostra-se ao colaborador a importância de fazer parte de uma equipe, crescer e passar por dificuldades juntos. Mas antes de vencer tais desafios, deve-se organizar e traçar planos, reconhecer falhas e saber que uma equipe destruturada e sem rumo não vence e, não convence ninguém. Mas como fazer isso numa firma onde existem pessoas das mais diversas características e com uma divergente maneira de relacionamento,visão e convicção? E nesse sentido que aplicamos os diversos serviços, que são:
  • 5. Capacitação e aplicação de mini cursos (atendimento, dinâmica de grupo, rotinas administrativas)voltados à criatividade. Palestras Motivacionais (como vender mais, Trabalhando em grupo, Relacionamento interpessoal no ambiente de trabalho, Como cumprir Metas a curto e longo prazo) Reciclagem de Funcionários (aulas de leitura, escrita, Calculo, Vendas e Marketing) Acompanhamento psicológico, com avaliações em grupo ou em particular, dinâmicas. Conhecimentos de mundo, estímulo as artes, entendimento de culturas distantes. Bases antropológicas, políticas e sociais, para formar indivíduos cidadãos. Análise de Mercado A Market Work é uma empresa de assessoria no ramo de comportamento empresarial, e visa atender todas as necessidades de estruturação organizacional, propor orientações técnicas e executar projetos de Responsabilidade Social, criando um novo paradigma de confiabilidade mercadológica em Feira de Santana. Atualmente não existe na cidade nenhuma empresa deste seguimento. Com metas voltadas para campanhas publicitárias, as empresas de comunicação de Feira de Santana estão relegadas aos produtos efêmeros e de pouco entendimento sobre o coletivo local. Nosso produto se resume numa palavra: Projeto. Cada situação de desajuste demanda uma perspectiva diferenciada, no campo interno ou externo de trabalho. Esta atuação está presente no treinamento dos funcionários, perpassando pela organização logística de funcionamento, até as ações de intervenção social as quais definem um campo dúbio para a Market Work. Esta dupla personalidade se volta para as duas situações distintas mais carentes no mercado de comunicação feirense: Prestação de Serviço Personalizado em Marketing; e Execução de Planejamentos de Responsabilidade Social, que é um compromisso inerente a qualquer empresa. Deste modo, somos pioneiros neste serviço, podendo deixar de lado importantes fatores de concorrência municipal. Plano Operacional Com escritório localizado no centro da cidade, deverá haver fácil adaptação a realidade do mercado no que se refere aos horários de funcionamento. A empresa funcionará em horário comercial, de segunda à sexta, ficando o sábado sempre reservado para possíveis visitas técnicas de projeto. No escritório deveremos receber clientes interessados nos serviços. Intuitivamente compreendemos que a principal procura será pelos serviços de endomarketing, visando
  • 6. constituir ajustes funcionais nas respectivas empresas. Porém, tendo o cliente sob domínio domiciliar, serão oferecidos os projetos de atuação social que deverão estar previamente prontos e devidamente articulados com as políticas de atuação da empresa em questão. Assim, os projetos mais interessantes deverão ser vendidos como produto adicional em primeira instância. O principal argumento para angariar esta verba secundária deverá ser a possibilidade de utilização do Selo de Compromisso Social da Market Work. Este selo será amplamente difundido entre a população feirense, pelas mídias locais de impressos, rádio, internet e, futuramente, televisão. Nas campanhas todos deverão perceber que as empresas que possuirem este selo estão se submetendo a um processo de avaliação e execução dos serviços responsáveis socialmente. Deste modo, reverte-se a perspetiva que responsabilidade social é apenas estratégia de marketing. Os consumidores deverão optar pelas empresas socialmente responsáveis, quando se depararem com a escolha entre duas empresas divergentes neste sentido. O sistema funciona como o acontece diariamente em supermercados onde as pessoas na maioria das vezes opta por comprar café com selo de pureza ABIC. Por outro lado, projetos independentes de produção cultural serão executados. Nossa marca estará presente nestes eventos, mas sem patrocínios de terceiros. As pessoas entenderão que as empresas que possuem o selo Market Work contribuem, direta ou indiretamente, com as formas de atuação que nossa empresa promoverá. Em simples palavras, somos uma empresa de Execução de Projetos Sociais, atuando em parâmetros mercadológicos. Esta nova perspectiva contrapõe as até então estabelecidas organizações de mercado com, posteriores, estratégias sociais. Uma iniciativa da sociedade civil especializada em comunicação social, que visa intervir diretamente em setores culturais e ecológicos ferramentando-se da responsabilidade que as empresas em geral tem para com a sociedade. O benefício de retorno para as empresas se dá com o reconhecimento de atuação efetiva, considerando não apenas o Selo de Qualidade, como também a experimentação social em Si Mesma como consequência dos projetos desenvolvidos. Plano de Marketing Existem atualmente no mercado diversas marcas considerando-se responsável socialmente. Também há selos de qualidade, especializados nas mais diversas formas de produtividade. Estes selos chamam atenção pela forma como se propõem a condicionar a confiança do público, mas de uma forma pouco eficaz. Isto acontece por que, por exemplo, um selo como o “QUAL” que fiscaliza a industria têxtil em suas responsabilidades ambientais, ou o “ABIC” que fiscaliza a pureza do café das marcas que vendem este produto, não podem influir de forma contundente na decisão final dos usuários pois estes não participam ativamente nas pesquisas de análise dos produtos em questão. Apesar desta disfunção, é amplamente aceita a concepção de que os cafés que tem selo de pureza ABIC são superiores aos que não o têm. Do mesmo modo, o selo QUAL vêm sendo reconhecido por instituições governamentais e, por consequência, pelo público envolvido com a parte técnica do
  • 7. consumo de produtos de moda, sejam estes clientes fabricantes de roupas, estilistas ou produtores de moda, mesmo a concepção do selo não chegando ao grande público final. Como dito anteriormente, nossa empresa é antes social que mercadológica. O conceito Market Work, como neologismo aportuguesado dos termos em inglês marketing – mercadologia; e working – trabalhar. Em tradução literal quer dizer ‘trabalho de mercado’ e configura-se num espelho com o slogam “Trabalho Mercadológico” que não é a mesma coisa do termo em inglês. Sua correspodência encontra-se no símbolo da marca onde uma letra M reflete-se na letra W que, apesar de terem o mesmo formato não são, nem muito menos significam a mesma coisa. É como se fosse um espelho distorcido da realidade. Só que este espelho é, na verdade, a configuração do ideal; por quê a realidade que vivemos atualmente é que está distorcida com as estratégias não éticas de empresas que transmitem imagem de performances que elas não executam. O ideal encontra-se na marca, contextualizando esta distorção na harmonia das formas geométricas que são o produto final do visual da marca. Deste modo, todo este turbilhão de signos fica subjetivado na harmonia transmitida pela linearidade, organização e firmeza com a qual a percepção da marca se apresenta, como podemos afirmar baseados na regra geral da psicologia “gestaltica” que afirma que a ideia do todo não é a soma das partes, mas uma terceira coisa maior e composta. Por outro lado, o próprio reflexo do símbolo remete às formas convencionalizadas das bordas de um selo. Este selo se mostra o sustentáculo da empresa como fica clara a elevação dos signos morfológicos (palavras) pelos signos geométricos (selo e estrutura geral). Esta forma de selo se reflete também no signo morfolófico entre o MW de Market Work e na formação da borda da lateral direita, totalizando 5 manifestações da mesma forma – o picote dos selos. Cinco é o número representativo do corpo humano, o microcosmos, na sua manifestação natural (4 elementos) e divina (consciência), como bem representa Leonardo Da Vinci em O Homem Vitruviano. Assim, toda a essência da Market Work fica condicionada à execução transmutação da ideia de responsabilidade social através do Selo de Qualidade que será oferecido às empresas. Devidamente compreendido este conceito, podemos entender como deverá desenrolar-se a estratégia de inserção no mercado. Serviços de endomarketing serão oferecidos de forma gratuita, ficando sob responsabilidade do empresário o financiamento de projetos que já deverão estar prontos e aptos para execução. O empresário por sua vez poderá instaneamente fazer uso do Selo de Qualidade de modo que o nosso branding já estará sendo feito nestas empresas. Cartilhas deverão ser lançadas para distribuição nestas empresas, de modo que ganha o empresário por estar sendo reconhecido na sua função de responsabilidade social e ganha a Market Work por estar diretamente associada às empresas parceiras desta nova estrutura de percepção social. No segundo momento a Market Work deverá lançar campanhas nas diversas mídias de massa de Feira de Santana visando trazer ao conhecimento da grande população sobre este trabalho, o que deverá chamar atenção para as empresas que dispuserem do selo em suas
  • 8. empresas e produtos. A partir disto, as empresas que tiverem interesse em obter o Selo deverão procurar a nossa equipe para uma reunião executiva de proposição de projetos. Neste momento o endomarketing já não deverá ser um mecanismo de execução dos projetos, pois tanto um quanto o outro terão corpo próprio, não dando direito o uso do Selo de Qualidade às empresas que só contratarem o endomarketing. Este procedimento deverá garantir que só serão reconhecidas as empresas realmente atuantes. O Selo de Qualidade deverá ter um período de validade, onde as empresas que quiserem manter o recurso precisarão renovar o projeto anteriormente executado ou um novo. Os projetos serão executados sem vínculo com as marcas das empresas. Esta decisão visa manter a autencidade das ações com propósitos estritamente comunitários e não mercadológicos nos seus momentos de transformação. Por outro lado, há uma grande vantagem em ter nas empresas este Selo, pois num mesmo período de tempo um único projeto que estiver sendo executado, dentro do prazo de validade das empresas parceiras, todas elas tirarão proveito, pois todas estarão associadas à mesma causa. Por ventura podem ocorrer questionamentos sobre o fato de concorrentes possuirem o Selo e estarem indiretamente colaborando com uma mesma intervenção. A argumentação sobre este questionamento é bastante clara, no sentido de que para além dos conflitos de mercado, a ideia central é ajudar a comunidade feirense nas suas diversas carências. Surge então um novo paradigma de contribuição: “Deixamos de lado as diferenças para ajudar no que é preciso”. Tornar-se-á mais importante a ação de melhoria social que a lucratividade incondicional. Outra ameaça pode ser o não entendimento do propósito da empresa. Mais que ganhar mercado, nosso propósito é intervir no que podemos e devemos para melhoria da vida das pessoas. Estas internvenções podem ser as mais diversas como educação ambiental, de trânsito, de convivência, e mais especificamente culturais nas suas infinitas variações de comportamento, memória e arte. Para se fazer entender, deveremos angariar os clientes com pequenas palestras de apresentação com recursos de tecnologia, diálogo e exemplificações de outras localidades. As palestras poderão acontecer nas empresas interessadas ou no escritório, na sala de reuniões. Atualmente a Market Work não possui concorrentes de mercado, sendo pioneira neste tipo de serviço em Feira de Santana. Em outros pólos industriais do país a exemplo de São Paulo, este conceito é amplamente difundido de forma controlada. Algumas exigências são cobradas para que uma empresa possa exercer esta função de controle de qualidade. Para firmar a ideia de confiança, a Market Work pretende submeter-se à criteriosa avaliação da Associação Brasileira de Normas e Técnicas [ABNT] de modo que, tanto nossa cartela de clientes quanto a população em geral, poderá ter uma referência de confiabilidade.
  • 9. Estrutura e Capitalização Como dito anteriormente, cada situação demandará uma avaliação de custo específico. Tendo dois seguimentos distindos de atuação, o projeto é a única referência que unifica os dois campos de atuação que oferecemos. A avaliação será feita através dos recursos do marketing dentro da empresa, com coleta de dados e análise estatística, percepção de comportamento em atendimento, discurso dos funcionários em suas possibilidades intelectuais, logística, preço, concorrência, atendimento psicológico com terceirização de profissional capacitado, palestras periódicas e reuniões dinâmicas, exercícios físicos e meditação para aperfeiçoamento de corpo e mente, entre diversos outros fatores cabíveis de manutenção do endomarketing. Cada uma possibilidades demandam custos específicos e relativos a situação. É por isto que dentro da estrutura projetual pretendemos verificar o que é de maior aplicabilidade na realidade de dada empresa e taxar um valor justo pra cada situação específica, baseando-nos nos custos operacionais relativos. A mesma perspectiva vale para os projetos de intervenção social. Uma peça de teatro intinerante nas escolas públicas municipais demandarão um custo diferente de um concerto de música num ambiente apropriado. Estas questões deverão ser avaliadas ao longo do desenvolvimento projetual, de modo que ao ser concluído o projeto terá um valor específico que poderá ser financiado por uma empresa ou várias delas conjuntamente. Como foi dito anteriormente, não deverá haver publicidade das empresas na execução dos eventos, para mantimento da autenticidade da intervenção pela intervenção. As empresas já deverão ser devidamente reconhecidas quando as pessoas se depararem com o Selo de Qualidade, associando-a com projetos que já deva ter visto em outros lugares. Os custos operacionais dos projetos de intervenção deverão ficar totalmente a cargo das empresas, incluindo a lucratividade capital da Market Work pelo pagamento da prestação de serviço. As cartilhas que serão entregues para que as empresas distribuam para os seus clientes deverão estar incluídas no valor do contrato. Para início das atividades, um capital próprio deverá ser demandado. Para compra dos seguintes ítens, cada sócio deverá entrar com uma fatia de R$ 5.000,00 reais, totalizando R$ 20.000,00 reais. Este montante deverá, além de custear o material necessário na montagem do escritório, atender seguramente o período de 5 meses de funcionamento, considerando os custos fixos de aluguel, recepcionista, energia, água, telefone e internet. ~Aluguel do escritório R$ 1.500,00 mês ~Equipamentos de informática 4 computadores: Já possui Internet: R$ 150,00 mês Datashow: R$ 800,00
  • 10. ~Energia e Água R$ 500,00 mês ~Mobília 4 bancadas de trabalho: R$ 2.000,00 1 mesa para recepcionista: R$ 500,00 1 mesa para reunião c/ 6 cadeiras: R$ 2.000,00] ~Ar condicionado Split: R$ 600,00 ~Recepcionista Estagiária: R$ 500,00 mês ~Materiais de escritório Papelaria Carimbos Canetas Material gráfico Clipe de papel Grampeador Lousa Total: R$ 1.000,00 ~Total de Custos Iniciais: Custo único: R$ 6.900,00 Custo variável médio em 5 meses: 13.250 Capital livre para eventualidades: R$ 5.950,00 LANÇAMENTO DO PLANO DE NEGÓCIOS EM COMUNICAÇÃO O lançamento aconterá entre os dias 2 e 6 de junho, na Unidade de Ensino Superior de Feira de Santana, no evento acadêmico de inovação em serviços de comunicação Feira de Ideias. O evento contará com os corpos discente e doscente da faculdade, além de figuras do mercado de trabalho e outras unidades de ensino superios para compor a banca.  Data: 2 à 6 de junho de 2014
  • 11.  Local: Unidade de Ensino Superior de Feira de Santana - UNEF  Horário: 19:00h  Presenças Ilustres: Professores e profissionais do mercado feirense  Autoridades convidadas: Ilustríssimo diretor acadêmico Getúlio Bonfim  Decoração: Copa do Mundo  Logística do evento: Estudantes, professores e profissionais num auditório  Programação: Outras ideias, concorrendo a prêmios de inovação.  Recepção: Por conta da UNEF  Equipe de trabalho: Por conta da UNEF  Fardamento: Despadronizado  Encerramento: 22:00  Coffee–break: Por conta da UNEF