Gitlab flow solo (minimo)

527 visualizações

Publicada em

O mínimo de fluxo possível para trabalhar sozinho com git.

Baseado no gitlab flow.

Publicada em: Software
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
527
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Gitlab flow solo (minimo)

  1. 1. Gitlab flow solo (mínimo) By @viniciusban Baseado em https://speakerdeck.com/ogom/gitlab-flow
  2. 2. Uma dica use branches e tags
  3. 3. Observações ● Essa proposta de fluxo não é a ideal porque mexe direto no branch de produção. ● Se você trabalha sozinho, recomendo usar o gitlab flow solo.
  4. 4. Crie um projeto master
  5. 5. Crie um feature branch master feature Para cada funcionalidade que será desenvolvida
  6. 6. Faça commits master feature Quantos forem necessários
  7. 7. Merge master feature Integre com o MASTER
  8. 8. Deploy master feature producao Integre MASTER → PRODUCAO. Crie uma tag. Faça deploy. v1.0 servidor web deploy
  9. 9. quando houver erro em produção...
  10. 10. Faça commits master producao v1.0 No branch PRODUCAO
  11. 11. Deploy master producao Crie uma tag. Faça deploy. v1.0 v1.0.1 servidor webdeploy
  12. 12. antes de continuar nova feature...
  13. 13. Merge master producao Integre PRODUCAO→ MASTER v1.0 v1.0.1
  14. 14. Merge master producao Integre CORRECAO→ MASTER v1.0 v1.0.1 MASTER, agora, tem a mesma correção que PRODUCAO
  15. 15. Por que branches? ● Código antigo intacto até saber se novo desenvolvimento está certo ● Produção separada do desenvolvimento
  16. 16. Por que tags? ● Para voltar versão facilmente – Rapidez e simplicidade em caso de emergência
  17. 17. referência ● https://speakerdeck.com/ogom/gitlab-flow

×