Manifesto Projecto Lisboa com Wireless

311 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
311
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Manifesto Projecto Lisboa com Wireless

  1. 1. MANIFESTO LISBOA COM WIRELESSSOBRE O ORÇAMENTO PARTICIPATIVO “O Orçamento Participativo (OP) de Lisboa constitui, hoje, uma marca distintiva de um novo modelo de governação da cidade de Lisboa. Não se trata meramente de auscultar, trata-se de dar ao cidadão o poder de decisão sobre os investimentos que devem ser feitos em Lisboa. No OP Lisboa, as pessoas propõem, as pessoas votam e a Câmara Municipal concretiza os projectos mais votados até ao limite de 5 milhões de euros.” A Vereadora Graça FonsecaA IDEIAOs jardins em Lisboa proporcionam aos que por ali passam parte do seu tempo um contactocom a cidade como um todo. Sem descriminação, ela abraça pessoas de todas as idades,etnias, género e posição política. Sejam estudantes ou trabalhadores, sejam visitantes ouhabitantes, a todos Lisboa pertence.A cada cidadão está reservado o direito de poder usufruir das paisagens, dos aromas e dossons de Lisboa. Acreditamos que estas experiências podem ser ainda mais enriquecedorase apelativas a uma maior franja da população através do investimento da dinamizaçãodestes mesmos espaços.Nesse sentido um grupo de jovens decidiu juntar esforços por uma cidade melhor e assimcriaram o Projecto Lisboa Com Wireless. O seu objectivo é simples: implementar uma redede acesso gratuito à Internet através do Orçamento Participativo da CML para este ano.Para tal criou-se uma plataforma de divulgação da proposta com o intuito de incentivar ageneralidade da população a aderir a iniciativa, bastando para tal expressar o seu
  2. 2. apoio ligando-se à página do Facebook, partilhando com os amigos, divulgando os nossosvideos, assinando a newsletter, assistindo um dos muitos eventos, contribuindo com umaacção, enviando-nos um e-mail com propostas e, por último, mas não menos importante, emSetembro, votando na proposta.As nossas motivações são:1) Que este projecto esteja entre os vencedores;2) Dar a conhecer o ORÇAMENTO PARTICIPATIVO ao maior número de pessoas possível;3) Promover a utilização dos espaços verdes e emblemáticos da nossa cidade.A participação de cada pessoa/associação é essencial para que isto se torne possível. Como seu contributo, num futuro próximo, qualquer pessoa terá a oportunidade de escolher entreficar em casa/escritório ou estar em contacto com o espaço lisboeta. Com o seu apoio, embreve, qualquer cidadão terá a mobilidade e flexibilidade necessária para poder usufruir deuma vida com maior qualidade.O PROJECTO:Área: Modernização AdministrativaTítulo: 202 - Rede WiFi na Cidade de LisboaDescrição: Propõe-se a disponibilização de acesso gratuito a uma rede wifi, em diversosespaços verdes e outros locais emblemáticos da cidade de Lisboa, num serviço quepromove simultaneamente a mobilidade do uso da internet por parte dos Lisboetas e ainteracção com a história e cultura da Capital. É uma proposta que cruza a modernidade dasnovas tecnologias com a ancestralidade da nossa milenar cidade. Referimos, a título deexemplo, alguns dos conteúdos que poderiam estar disponíveis: no Espaço Monsanto ser-lhe-ia apresentada uma página inicial com fotografias dos animais silvestres, identificaçãogeorreferenciada de passeios pedonais, informação ecológica entre outros; no Parque
  3. 3. Eduardo VII, a página inicial mostraria um mapa com a localização da Estufa Fria e daEstufa Quente, fotografias da vegetação exótica, etc.; em determinadas zonas da cidade,utilizando uma ligação ao Arquivo Fotográfico poderia ser disponibilizado um retrato dopassado, permitindo assim uma espécie de viagem no tempo; em outras zonas da cidade,poderia ser apresentado um mapa de pontos de interesse, onde fosse possível procurar porproximidade, tipologia e/ou horário; Em relação aos edifícios municipais poder-se-iaapresentar informação de caracterização patrimonial e organizacional.Local: Lisboa Custo: 100000.00 Prazo de execução: 6 mesesFonte: http://lisboaparticipa.cm-lisboa.pt/pages/projetos.php/projId=2234 VANTAGENS:Dinamização dos espaços públicos e Promoção do comércio localAo tornar os espaços públicos mais apelativos os seus utilizadores tenderão frequentá-losdurante períodos temporais maiores, o que possibilitará maiores oportunidades de captaçãode clientes por parte dos estabelecimentos comerciais envolventes. Outro efeito do possívelaumento do número de utilizadores é o incremento do investimento público e privado nosespaços públicos envolvidos, a nível da melhoria das suas infra-estruras e das actividadesneles realizadas.Divulgação do património cultural da cidadeA qualquer momento os cidadãos e visitantes poderão pesquisar que eventos ou locais lhesinteressam mais e obter informação sobre os mesmos. Como em muitas cidades do Mundo,Lisboa passaria a estar na vanguarda da promoção do turismo, uma das principais fontes deriqueza de Portugal.Possibilitar a conciliação entre o lazer e o trabalho/estudo e uma maior facilidade noacesso à internet
  4. 4. O acesso à internet deixará de estar limitado a um espaço fechado, situação de restriçãoque ainda é maioritária. Desta forma, os espaços criados poderão ser usufruídos porcidadãos que acedem à internet em âmbito laboral ou estudantes que o fazem em âmbitoacadémico, criando um contexto de trabalho e estudo inserido num cenário defuncionalidade primordialmente lúdica. Esta proposta facilitará a conciliação dotrabalho/estudo com o lazer, simbiose que melhora a qualidade de vida dos cidadãos, a suacriatividade e a sua produtividade, diminuindo-se o stress associado à vida urbana.Estar ao nível das cidades mais desenvolvidasAs cidades com zonas de acesso wifi constituem uma realidade concreta e em grandecrescimento, tanto na Europa como nos Estados Unidos. Existem cidades que defendemuma cobertura total de Wifi. Nós, optando por uma via realista de evolução gradual, optamospor defender que esta seja implementada em locais estratégicos. Este é um mercado emexpansão, envolvendo já importantes agentes económicos como a Google, a Microsoft e aYahoo.Exemplos de cidades com rede de acesso à internet implementada: Seixal, Amarante,Londres, Paris, Liverpool, Bristol, Bolonha, Luxemburgo, Viena, Montreal, Quebeque,Toronto, Hollywood, entre outras. Esta proposta é realista, coerente e sustentável. A sua concretização promoverá o comércio local, o património cultural, a qualidade de vida e o desenvolvimento da nossa Cidade, grande tanto pelo seu imponente passado como pelo seu promissor futuro. Tal meta está ao alcance de todos nós, cidadãos Lisboetas. Vote.O período de votação já começou e durará até ao fim do mês de Setembro. Pode votarqualquer pessoa que estude, trabalhe ou reside na cidade de Lisboa. O voto pode serefectuado no site:
  5. 5. http://www.lisboaparticipa.pt/pages/projetos.php. Lisboa, 1 de Setembro de 2011

×