SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 14
Prof. Dr. Emanoel Barreto
                                e.barreto@ufrnet.br
                                   @VelhoBarreto
                            Monitora: Silvia Correia




  JORNALISMO IMPRESSO
Da forma ao sentido
DA FORMA AO SENTIDO

Nova realidade do Jornalismo Impresso

1950: com o advento da televisão, o jornalismo impresso precisou
se reestruturar para acompanhar a concorrência.

Samuel Wainer: lançou o jornal Última Hora, de linha inovadora
e paginação ousada, editando simultaneamente em várias cidades,
formando uma rede nos principais centros urbanos.
DA FORMA AO SENTIDO

Título flutuante | Logotipo colorida
DA FORMA AO SENTIDO

Título flutuante | Logotipo colorida
DA FORMA AO SENTIDO


No final dos anos de 1950: o
Jornal do Brasil reestruturou toda
sua paginação, obedecendo a
modernos conceitos de layout – para
a época – e surpreendendo seus
leitores e profissionais.

Uma nova realidade para a
comunicação impressa brasileira.
                                      1957   Depois da reforma
                                                   1959
DA FORMA AO SENTIDO




1ª Edição – 09 de abril   Última Edição – 31 de agosto
       de 1891            de 2010
DA FORMA AO SENTIDO

Século XXI e o jornalismo impresso:
   A inserção do computador nas artes gráficas, e a ameaça corriqueira da internet como nova
    fonte de informação, tem levado o design a ganhar relevância como estratégia da
    diferenciação e forte instrumento para uma reformulação no fazer jornalístico.


Planejamento gráfico
   Mostrar a importância da linguagem visual contida no discurso gráfico, cuja função
    fundamental é orientar a leitura de forma rápida e agradável.

Discurso gráfico
   Conjunto de elementos visuais de um jornal, livro, revista, cartaz ou tudo que seja impresso.

   Forma e conteúdo devem caminhar juntas, onde a peça final deve traduzir exatamente a
    consciência do seu valor informacional e estético.
DA FORMA AO SENTIDO

 Design jornalístico
      Nicho do design gráfico dedicado às publicações jornalísticas (jornais e revistas);
      Um dos componentes da gramática produtiva do discurso jornalístico;
      É a partir dele que o discurso é estruturado;
      A estratégia comunicativa imposta pelo design de um jornal é realizada de acordo com as
       regras do projeto gráfico do periódico e das orientações editoriais.

    Características:
         Valorização do conteúdo pela organização da página, com adoção de níveis para criar diferentes
          velocidades de leitura (hierarquização);
         Modulação e modelização como forma de padronização da diagramação;
         Divisão dos conteúdos em peças para os diferentes gêneros jornalísticos;
         Rigor no uso da tipografia;
         Parcimônia no uso de cores e respeito aos preceitos da cor-informação;
         Ênfase na edição de fotografias
         Uso consistente da infografia
DA FORMA AO SENTIDO

Diagramação
  É onde se concentra todo o segredo do discurso gráfico, em que a tipologia
   mínima contida harmonicamente e padronizada, alia-se ao ritmo dado às
   mensagens.

  Diagramação + discurso gráfico = linguagem da comunicação impressa.

  É um processo de distribuição gráfica das matérias a serem impressas
   (texto, título, fotos, ilustrações) de acordo com determinados critérios
   jornalísticos e visuais.
DA FORMA AO SENTIDO

Padronização Gráfica
   É a identidade do jornal. O leitor deve identificar o veículo, a padronização gráfica
    representa a imagem do jornal.

   A primeira página é a que detém os maiores recursos persuasivos para a posterior
    leitura do jornal. Por isso, deve-se preocupar com estes elementos gráficos.

   Elementos:
        Título
        Texto
        Fotos
        Fios tipográficos e vinhetas
        O espaço em branco
DA FORMA AO SENTIDO

Padronização Gráfica
   O diagramador deverá utilizar os seguintes elementos gráficos para assegurar um
    estilo de padronização gráfica:
       Definição de caracteres tipográficos para o texto, título, aberturas, legendas, etc.
       Escolha de logotipos e selos de seções especializadas;
       Definição de margens;
       Uso de fios e vinhetas;
       Ilustrações (fotos ou desenhos);
       Boxes;
       Distribuição dos anúncios de publicidade;
       Ligações: foto-texto, texto-título, título-foto;
       Uso da cor (combinação das cores)
NOVO
 JORNAL

 Diagramação do
  impresso passou
  por alterações ao
  longo dos anos;

 Hoje em dia, é
  considerado
  referência no RN
  com seu projeto
  gráfico e visual




 http://www.novojornal.jor.br/publicadas/agosto_2012
http://kiosko.net/


CAPAS – JORNAIS PELO MUNDO

Mais conteúdo relacionado

Destaque

19. control semaforico
19. control semaforico19. control semaforico
19. control semaforicoMarcos Rdguez
 
Team C - Business Case
Team C - Business CaseTeam C - Business Case
Team C - Business Caseaaltunalboro
 
Finaliza el procedimiento de investigación iniciado a OHL México por la CNBV
Finaliza el procedimiento de investigación iniciado a OHL México por la CNBV Finaliza el procedimiento de investigación iniciado a OHL México por la CNBV
Finaliza el procedimiento de investigación iniciado a OHL México por la CNBV OHL_Mexico
 
OHL México reafirma sus compromiso de inversiones en proyectos por 15 mil mil...
OHL México reafirma sus compromiso de inversiones en proyectos por 15 mil mil...OHL México reafirma sus compromiso de inversiones en proyectos por 15 mil mil...
OHL México reafirma sus compromiso de inversiones en proyectos por 15 mil mil...OHL_Mexico
 
Practica de word
Practica de wordPractica de word
Practica de wordjpmontufar
 
5.5 Resizing Controls on Forms
5.5 Resizing Controls on Forms5.5 Resizing Controls on Forms
5.5 Resizing Controls on FormsPyi Soe
 
7. sistemas digitales
7. sistemas digitales7. sistemas digitales
7. sistemas digitalesMarcos Rdguez
 
Microsoft power point julióbriga
Microsoft power point   julióbrigaMicrosoft power point   julióbriga
Microsoft power point julióbrigaalumnosdeamparo1
 
CEM with Analytics: Some Facts and Use Cases
CEM with Analytics: Some Facts and Use CasesCEM with Analytics: Some Facts and Use Cases
CEM with Analytics: Some Facts and Use CasesMd Azimuddin Khan
 
Análisis histórico de la serie Vikingos de History Channel - Laia San José Be...
Análisis histórico de la serie Vikingos de History Channel - Laia San José Be...Análisis histórico de la serie Vikingos de History Channel - Laia San José Be...
Análisis histórico de la serie Vikingos de History Channel - Laia San José Be...LaiaH20
 
A1 Future production from the Seltjarnarnes geothermal field Hrefna Kristmann...
A1 Future production from the Seltjarnarnes geothermal field Hrefna Kristmann...A1 Future production from the Seltjarnarnes geothermal field Hrefna Kristmann...
A1 Future production from the Seltjarnarnes geothermal field Hrefna Kristmann...GEORG Geothermal Workshop 2016
 
A2 Hanna Blanck The IMAGE passive seismic project on Reykjanes peninsula, Ice...
A2 Hanna Blanck The IMAGE passive seismic project on Reykjanes peninsula, Ice...A2 Hanna Blanck The IMAGE passive seismic project on Reykjanes peninsula, Ice...
A2 Hanna Blanck The IMAGE passive seismic project on Reykjanes peninsula, Ice...GEORG Geothermal Workshop 2016
 
Military & Aerospace Electronics-April 2016 issue FOR NATIONAL DEFENSE
Military & Aerospace Electronics-April 2016 issue FOR NATIONAL DEFENSEMilitary & Aerospace Electronics-April 2016 issue FOR NATIONAL DEFENSE
Military & Aerospace Electronics-April 2016 issue FOR NATIONAL DEFENSEMYO AUNG Myanmar
 
Teoriantrian ro-130704084204-phpapp01
Teoriantrian ro-130704084204-phpapp01Teoriantrian ro-130704084204-phpapp01
Teoriantrian ro-130704084204-phpapp01ellynorsanti
 
Bahan ajar (1)
Bahan ajar (1)Bahan ajar (1)
Bahan ajar (1)Tila17
 

Destaque (18)

Mateo vinagre cárdenas ppt TICS
Mateo vinagre cárdenas ppt TICSMateo vinagre cárdenas ppt TICS
Mateo vinagre cárdenas ppt TICS
 
19. control semaforico
19. control semaforico19. control semaforico
19. control semaforico
 
Practica de word
Practica de wordPractica de word
Practica de word
 
Team C - Business Case
Team C - Business CaseTeam C - Business Case
Team C - Business Case
 
Finaliza el procedimiento de investigación iniciado a OHL México por la CNBV
Finaliza el procedimiento de investigación iniciado a OHL México por la CNBV Finaliza el procedimiento de investigación iniciado a OHL México por la CNBV
Finaliza el procedimiento de investigación iniciado a OHL México por la CNBV
 
Nani
NaniNani
Nani
 
OHL México reafirma sus compromiso de inversiones en proyectos por 15 mil mil...
OHL México reafirma sus compromiso de inversiones en proyectos por 15 mil mil...OHL México reafirma sus compromiso de inversiones en proyectos por 15 mil mil...
OHL México reafirma sus compromiso de inversiones en proyectos por 15 mil mil...
 
Practica de word
Practica de wordPractica de word
Practica de word
 
5.5 Resizing Controls on Forms
5.5 Resizing Controls on Forms5.5 Resizing Controls on Forms
5.5 Resizing Controls on Forms
 
7. sistemas digitales
7. sistemas digitales7. sistemas digitales
7. sistemas digitales
 
Microsoft power point julióbriga
Microsoft power point   julióbrigaMicrosoft power point   julióbriga
Microsoft power point julióbriga
 
CEM with Analytics: Some Facts and Use Cases
CEM with Analytics: Some Facts and Use CasesCEM with Analytics: Some Facts and Use Cases
CEM with Analytics: Some Facts and Use Cases
 
Análisis histórico de la serie Vikingos de History Channel - Laia San José Be...
Análisis histórico de la serie Vikingos de History Channel - Laia San José Be...Análisis histórico de la serie Vikingos de History Channel - Laia San José Be...
Análisis histórico de la serie Vikingos de History Channel - Laia San José Be...
 
A1 Future production from the Seltjarnarnes geothermal field Hrefna Kristmann...
A1 Future production from the Seltjarnarnes geothermal field Hrefna Kristmann...A1 Future production from the Seltjarnarnes geothermal field Hrefna Kristmann...
A1 Future production from the Seltjarnarnes geothermal field Hrefna Kristmann...
 
A2 Hanna Blanck The IMAGE passive seismic project on Reykjanes peninsula, Ice...
A2 Hanna Blanck The IMAGE passive seismic project on Reykjanes peninsula, Ice...A2 Hanna Blanck The IMAGE passive seismic project on Reykjanes peninsula, Ice...
A2 Hanna Blanck The IMAGE passive seismic project on Reykjanes peninsula, Ice...
 
Military & Aerospace Electronics-April 2016 issue FOR NATIONAL DEFENSE
Military & Aerospace Electronics-April 2016 issue FOR NATIONAL DEFENSEMilitary & Aerospace Electronics-April 2016 issue FOR NATIONAL DEFENSE
Military & Aerospace Electronics-April 2016 issue FOR NATIONAL DEFENSE
 
Teoriantrian ro-130704084204-phpapp01
Teoriantrian ro-130704084204-phpapp01Teoriantrian ro-130704084204-phpapp01
Teoriantrian ro-130704084204-phpapp01
 
Bahan ajar (1)
Bahan ajar (1)Bahan ajar (1)
Bahan ajar (1)
 

Semelhante a Jornal da forma ao sentido 1

Palestra da forma ao discurso da jornalista Renata Lima
Palestra da forma ao discurso da jornalista Renata LimaPalestra da forma ao discurso da jornalista Renata Lima
Palestra da forma ao discurso da jornalista Renata Limaasscom
 
Editoracao eletrônica e design gráfico
Editoracao eletrônica e design gráficoEditoracao eletrônica e design gráfico
Editoracao eletrônica e design gráficoLinguarudosPublicidade
 
Elementos gráficos
Elementos gráficosElementos gráficos
Elementos gráficosArtur Araujo
 
Iji Aula3 2009 Elementos
Iji Aula3 2009 ElementosIji Aula3 2009 Elementos
Iji Aula3 2009 Elementosguest2141cd
 
Guia projeto discente comunicação e história - 2016-2 - v2
Guia projeto discente   comunicação e história - 2016-2 - v2Guia projeto discente   comunicação e história - 2016-2 - v2
Guia projeto discente comunicação e história - 2016-2 - v2pablonaba
 
Guia projeto discente comunicação e história - 2016-2 - v2
Guia projeto discente   comunicação e história - 2016-2 - v2Guia projeto discente   comunicação e história - 2016-2 - v2
Guia projeto discente comunicação e história - 2016-2 - v2pablonaba
 
Guia do Projeto REVISTA - 2017-1
Guia do Projeto REVISTA - 2017-1Guia do Projeto REVISTA - 2017-1
Guia do Projeto REVISTA - 2017-1Cíntia Dal Bello
 
Damasceno patricia-2013-design-jornais
Damasceno patricia-2013-design-jornaisDamasceno patricia-2013-design-jornais
Damasceno patricia-2013-design-jornaisProfVivianeLopes
 
Criação de Impressos
Criação de ImpressosCriação de Impressos
Criação de Impressosclafajardo
 
O que é Diamagração e Arte Final?
O que é Diamagração e Arte Final?O que é Diamagração e Arte Final?
O que é Diamagração e Arte Final?Janio Dutra
 
Módulo 4 design multimédia
Módulo 4  design multimédiaMódulo 4  design multimédia
Módulo 4 design multimédiaJoao Correia
 

Semelhante a Jornal da forma ao sentido 1 (20)

Diagramação
DiagramaçãoDiagramação
Diagramação
 
Tg Aula2 2008
Tg Aula2 2008Tg Aula2 2008
Tg Aula2 2008
 
Tg Aula2 2008
Tg Aula2 2008 Tg Aula2 2008
Tg Aula2 2008
 
Pg I Aula 1
Pg I Aula 1Pg I Aula 1
Pg I Aula 1
 
Palestra da forma ao discurso da jornalista Renata Lima
Palestra da forma ao discurso da jornalista Renata LimaPalestra da forma ao discurso da jornalista Renata Lima
Palestra da forma ao discurso da jornalista Renata Lima
 
Jornal impresso: da forma ao discurso
Jornal impresso: da forma ao discursoJornal impresso: da forma ao discurso
Jornal impresso: da forma ao discurso
 
Editoracao eletrônica e design gráfico
Editoracao eletrônica e design gráficoEditoracao eletrônica e design gráfico
Editoracao eletrônica e design gráfico
 
Elementos gráficos
Elementos gráficosElementos gráficos
Elementos gráficos
 
Iji Aula3 2009 Elementos
Iji Aula3 2009 ElementosIji Aula3 2009 Elementos
Iji Aula3 2009 Elementos
 
Guia projeto discente comunicação e história - 2016-2 - v2
Guia projeto discente   comunicação e história - 2016-2 - v2Guia projeto discente   comunicação e história - 2016-2 - v2
Guia projeto discente comunicação e história - 2016-2 - v2
 
Guia projeto discente comunicação e história - 2016-2 - v2
Guia projeto discente   comunicação e história - 2016-2 - v2Guia projeto discente   comunicação e história - 2016-2 - v2
Guia projeto discente comunicação e história - 2016-2 - v2
 
Guia do Projeto REVISTA - 2017-1
Guia do Projeto REVISTA - 2017-1Guia do Projeto REVISTA - 2017-1
Guia do Projeto REVISTA - 2017-1
 
Damasceno patricia-2013-design-jornais
Damasceno patricia-2013-design-jornaisDamasceno patricia-2013-design-jornais
Damasceno patricia-2013-design-jornais
 
Criação de Impressos
Criação de ImpressosCriação de Impressos
Criação de Impressos
 
O que é Diamagração e Arte Final?
O que é Diamagração e Arte Final?O que é Diamagração e Arte Final?
O que é Diamagração e Arte Final?
 
Otl Aicher
Otl AicherOtl Aicher
Otl Aicher
 
Cartaz
CartazCartaz
Cartaz
 
DTP
DTPDTP
DTP
 
Desktop Publish - DTP
Desktop Publish - DTPDesktop Publish - DTP
Desktop Publish - DTP
 
Módulo 4 design multimédia
Módulo 4  design multimédiaMódulo 4  design multimédia
Módulo 4 design multimédia
 

Mais de Barreto

Novo Jornal - capa
Novo Jornal - capaNovo Jornal - capa
Novo Jornal - capaBarreto
 
Jornalismo de revista capas 2
Jornalismo de revista   capas 2Jornalismo de revista   capas 2
Jornalismo de revista capas 2Barreto
 
Produção editorial elementos básicos
Produção editorial elementos básicosProdução editorial elementos básicos
Produção editorial elementos básicosBarreto
 
Produção editorial tipologia
Produção editorial tipologiaProdução editorial tipologia
Produção editorial tipologiaBarreto
 
Jornal do Brasil primeira edição
Jornal do Brasil primeira ediçãoJornal do Brasil primeira edição
Jornal do Brasil primeira ediçãoBarreto
 
Notícias populares
Notícias popularesNotícias populares
Notícias popularesBarreto
 
História da imprensa
História da imprensa História da imprensa
História da imprensa Barreto
 
História da imprensa jornalismo impresso
História da imprensa jornalismo impressoHistória da imprensa jornalismo impresso
História da imprensa jornalismo impressoBarreto
 
Jornalismo de revista capas 1
Jornalismo de revista  capas 1Jornalismo de revista  capas 1
Jornalismo de revista capas 1Barreto
 
Barreto gis-j.2012
Barreto gis-j.2012Barreto gis-j.2012
Barreto gis-j.2012Barreto
 
Jornalismo de revista - projeto editorial
Jornalismo de revista - projeto editorialJornalismo de revista - projeto editorial
Jornalismo de revista - projeto editorialBarreto
 
Jornalismo de revista
Jornalismo de revistaJornalismo de revista
Jornalismo de revistaBarreto
 
Jornalismo de revista capas
Jornalismo de revista  capasJornalismo de revista  capas
Jornalismo de revista capasBarreto
 
O protagonismo hegemônico de assis chateaubriand
O protagonismo hegemônico de assis chateaubriandO protagonismo hegemônico de assis chateaubriand
O protagonismo hegemônico de assis chateaubriandBarreto
 
Edital1 seleção pública bolsa língua estrangeira UFRN
Edital1 seleção pública bolsa língua estrangeira UFRNEdital1 seleção pública bolsa língua estrangeira UFRN
Edital1 seleção pública bolsa língua estrangeira UFRNBarreto
 
Capa Estado de Minas
Capa Estado de MinasCapa Estado de Minas
Capa Estado de MinasBarreto
 
Pl 1638 2011[1]
Pl 1638 2011[1]Pl 1638 2011[1]
Pl 1638 2011[1]Barreto
 

Mais de Barreto (20)

Capas
CapasCapas
Capas
 
Novo Jornal - capa
Novo Jornal - capaNovo Jornal - capa
Novo Jornal - capa
 
Jornalismo de revista capas 2
Jornalismo de revista   capas 2Jornalismo de revista   capas 2
Jornalismo de revista capas 2
 
Produção editorial elementos básicos
Produção editorial elementos básicosProdução editorial elementos básicos
Produção editorial elementos básicos
 
Produção editorial tipologia
Produção editorial tipologiaProdução editorial tipologia
Produção editorial tipologia
 
Jornal do Brasil primeira edição
Jornal do Brasil primeira ediçãoJornal do Brasil primeira edição
Jornal do Brasil primeira edição
 
Notícias populares
Notícias popularesNotícias populares
Notícias populares
 
História da imprensa
História da imprensa História da imprensa
História da imprensa
 
História da imprensa jornalismo impresso
História da imprensa jornalismo impressoHistória da imprensa jornalismo impresso
História da imprensa jornalismo impresso
 
Jornalismo de revista capas 1
Jornalismo de revista  capas 1Jornalismo de revista  capas 1
Jornalismo de revista capas 1
 
Barreto gis-j.2012
Barreto gis-j.2012Barreto gis-j.2012
Barreto gis-j.2012
 
Jornalismo de revista - projeto editorial
Jornalismo de revista - projeto editorialJornalismo de revista - projeto editorial
Jornalismo de revista - projeto editorial
 
Jornalismo de revista
Jornalismo de revistaJornalismo de revista
Jornalismo de revista
 
Jornalismo de revista capas
Jornalismo de revista  capasJornalismo de revista  capas
Jornalismo de revista capas
 
O protagonismo hegemônico de assis chateaubriand
O protagonismo hegemônico de assis chateaubriandO protagonismo hegemônico de assis chateaubriand
O protagonismo hegemônico de assis chateaubriand
 
Edital1 seleção pública bolsa língua estrangeira UFRN
Edital1 seleção pública bolsa língua estrangeira UFRNEdital1 seleção pública bolsa língua estrangeira UFRN
Edital1 seleção pública bolsa língua estrangeira UFRN
 
Edital2
Edital2Edital2
Edital2
 
Edital2
Edital2Edital2
Edital2
 
Capa Estado de Minas
Capa Estado de MinasCapa Estado de Minas
Capa Estado de Minas
 
Pl 1638 2011[1]
Pl 1638 2011[1]Pl 1638 2011[1]
Pl 1638 2011[1]
 

Último

Dados espaciais em R - 2023 - UFABC - Geoprocessamento
Dados espaciais em R - 2023 - UFABC - GeoprocessamentoDados espaciais em R - 2023 - UFABC - Geoprocessamento
Dados espaciais em R - 2023 - UFABC - GeoprocessamentoVitor Vieira Vasconcelos
 
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptxQuímica-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptxKeslleyAFerreira
 
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdfHistória concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdfGisellySobral
 
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptx
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptxAspectos históricos da educação dos surdos.pptx
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptxprofbrunogeo95
 
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdfSQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdfAndersonW5
 
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSSFormação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSSPedroMatos469278
 
Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...Eró Cunha
 
[2.3.3] 100%_CN7_CAP_[FichaAvaliacao3].docx
[2.3.3] 100%_CN7_CAP_[FichaAvaliacao3].docx[2.3.3] 100%_CN7_CAP_[FichaAvaliacao3].docx
[2.3.3] 100%_CN7_CAP_[FichaAvaliacao3].docxSílvia Carneiro
 
Tema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdf
Tema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdfTema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdf
Tema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdfAnaAugustaLagesZuqui
 
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptxEB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptxIlda Bicacro
 
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande""Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"Ilda Bicacro
 
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentesMaio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentesMary Alvarenga
 
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantilPower Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantilMariaHelena293800
 
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...LuizHenriquedeAlmeid6
 
Acróstico - Maio Laranja
Acróstico  - Maio Laranja Acróstico  - Maio Laranja
Acróstico - Maio Laranja Mary Alvarenga
 
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitler
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf HitlerAlemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitler
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitlerhabiwo1978
 
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na África
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na ÁfricaPeriodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na África
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na Áfricajuekfuek
 
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdfaulasgege
 

Último (20)

Dados espaciais em R - 2023 - UFABC - Geoprocessamento
Dados espaciais em R - 2023 - UFABC - GeoprocessamentoDados espaciais em R - 2023 - UFABC - Geoprocessamento
Dados espaciais em R - 2023 - UFABC - Geoprocessamento
 
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptxQuímica-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
 
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdfHistória concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
 
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptx
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptxAspectos históricos da educação dos surdos.pptx
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptx
 
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdfSQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
 
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSSFormação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
 
Poema - Aedes Aegypt.
Poema - Aedes Aegypt.Poema - Aedes Aegypt.
Poema - Aedes Aegypt.
 
Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...
 
[2.3.3] 100%_CN7_CAP_[FichaAvaliacao3].docx
[2.3.3] 100%_CN7_CAP_[FichaAvaliacao3].docx[2.3.3] 100%_CN7_CAP_[FichaAvaliacao3].docx
[2.3.3] 100%_CN7_CAP_[FichaAvaliacao3].docx
 
Tema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdf
Tema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdfTema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdf
Tema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdf
 
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptxEB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
 
Poema - Maio Laranja
Poema - Maio Laranja Poema - Maio Laranja
Poema - Maio Laranja
 
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande""Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
 
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentesMaio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
 
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantilPower Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
 
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
 
Acróstico - Maio Laranja
Acróstico  - Maio Laranja Acróstico  - Maio Laranja
Acróstico - Maio Laranja
 
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitler
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf HitlerAlemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitler
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitler
 
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na África
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na ÁfricaPeriodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na África
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na África
 
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
 

Jornal da forma ao sentido 1

  • 1. Prof. Dr. Emanoel Barreto e.barreto@ufrnet.br @VelhoBarreto Monitora: Silvia Correia JORNALISMO IMPRESSO Da forma ao sentido
  • 2. DA FORMA AO SENTIDO Nova realidade do Jornalismo Impresso 1950: com o advento da televisão, o jornalismo impresso precisou se reestruturar para acompanhar a concorrência. Samuel Wainer: lançou o jornal Última Hora, de linha inovadora e paginação ousada, editando simultaneamente em várias cidades, formando uma rede nos principais centros urbanos.
  • 3. DA FORMA AO SENTIDO Título flutuante | Logotipo colorida
  • 4. DA FORMA AO SENTIDO Título flutuante | Logotipo colorida
  • 5. DA FORMA AO SENTIDO No final dos anos de 1950: o Jornal do Brasil reestruturou toda sua paginação, obedecendo a modernos conceitos de layout – para a época – e surpreendendo seus leitores e profissionais. Uma nova realidade para a comunicação impressa brasileira. 1957 Depois da reforma 1959
  • 6. DA FORMA AO SENTIDO 1ª Edição – 09 de abril Última Edição – 31 de agosto de 1891 de 2010
  • 7. DA FORMA AO SENTIDO Século XXI e o jornalismo impresso:  A inserção do computador nas artes gráficas, e a ameaça corriqueira da internet como nova fonte de informação, tem levado o design a ganhar relevância como estratégia da diferenciação e forte instrumento para uma reformulação no fazer jornalístico. Planejamento gráfico  Mostrar a importância da linguagem visual contida no discurso gráfico, cuja função fundamental é orientar a leitura de forma rápida e agradável. Discurso gráfico  Conjunto de elementos visuais de um jornal, livro, revista, cartaz ou tudo que seja impresso.  Forma e conteúdo devem caminhar juntas, onde a peça final deve traduzir exatamente a consciência do seu valor informacional e estético.
  • 8. DA FORMA AO SENTIDO  Design jornalístico  Nicho do design gráfico dedicado às publicações jornalísticas (jornais e revistas);  Um dos componentes da gramática produtiva do discurso jornalístico;  É a partir dele que o discurso é estruturado;  A estratégia comunicativa imposta pelo design de um jornal é realizada de acordo com as regras do projeto gráfico do periódico e das orientações editoriais.  Características:  Valorização do conteúdo pela organização da página, com adoção de níveis para criar diferentes velocidades de leitura (hierarquização);  Modulação e modelização como forma de padronização da diagramação;  Divisão dos conteúdos em peças para os diferentes gêneros jornalísticos;  Rigor no uso da tipografia;  Parcimônia no uso de cores e respeito aos preceitos da cor-informação;  Ênfase na edição de fotografias  Uso consistente da infografia
  • 9. DA FORMA AO SENTIDO Diagramação  É onde se concentra todo o segredo do discurso gráfico, em que a tipologia mínima contida harmonicamente e padronizada, alia-se ao ritmo dado às mensagens.  Diagramação + discurso gráfico = linguagem da comunicação impressa.  É um processo de distribuição gráfica das matérias a serem impressas (texto, título, fotos, ilustrações) de acordo com determinados critérios jornalísticos e visuais.
  • 10. DA FORMA AO SENTIDO Padronização Gráfica  É a identidade do jornal. O leitor deve identificar o veículo, a padronização gráfica representa a imagem do jornal.  A primeira página é a que detém os maiores recursos persuasivos para a posterior leitura do jornal. Por isso, deve-se preocupar com estes elementos gráficos.  Elementos:  Título  Texto  Fotos  Fios tipográficos e vinhetas  O espaço em branco
  • 11. DA FORMA AO SENTIDO Padronização Gráfica  O diagramador deverá utilizar os seguintes elementos gráficos para assegurar um estilo de padronização gráfica:  Definição de caracteres tipográficos para o texto, título, aberturas, legendas, etc.  Escolha de logotipos e selos de seções especializadas;  Definição de margens;  Uso de fios e vinhetas;  Ilustrações (fotos ou desenhos);  Boxes;  Distribuição dos anúncios de publicidade;  Ligações: foto-texto, texto-título, título-foto;  Uso da cor (combinação das cores)
  • 12. NOVO JORNAL  Diagramação do impresso passou por alterações ao longo dos anos;  Hoje em dia, é considerado referência no RN com seu projeto gráfico e visual http://www.novojornal.jor.br/publicadas/agosto_2012
  • 13.