PROJETO BOTE UMA PILHA NA CONSCIÊNCIA
1. DADOS DE IDENTIFICAÇÃO: <ul><li>Escola Municipal de Ensino Fundamental Irmã Maria Catarina </li></ul><ul><li>Endereço: ...
2. OBJETIVO: <ul><li>Conscientizar a comunidade escolar sobre a necessidade de dar uma destinação correta às pilhas e bate...
3. JUSTIFICATIVA:   Segundo o Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT), cerca de 1% do lixo urbano é constituído por resí...
Esses resíduos são provenientes de lâmpadas fluorescentes, termômetros, latas de inseticidas, pilhas, baterias, latas de t...
As pilhas e baterias apresentam em sua composição metais considerados extremamente nocivos  à saúde humana e ao meio ambie...
Estes metais pesados existentes em seu interior não se degradam. Em contato com a umidade, água, calor ou outras substânci...
4. AÇÕES: <ul><li>Pesquisar e estudar o tema com os alunos. </li></ul><ul><li>Levantar em  sala de aula a  problematização...
<ul><li>Divulgar o projeto para as entidades do bairro, solicitando ajuda às mesmas. </li></ul><ul><li>Divulgar o projeto ...
5. RECURSOS NECESSÁRIOS: <ul><li>Livros, jornais, revistas e periódicos para pesquisa sobre o assunto; </li></ul><ul><li>f...
<ul><li>recipiente adequado para coletar pilhas que serão recolhidas; </li></ul><ul><li>auxílio dos meios de comunicação d...
6. AVALIAÇÃO: <ul><li>O projeto será considerado satisfatório se conseguido ser implantado na comunidade,  se houver uma c...
“ A natureza reservou para si tanta liberdade que não a podemos nunca penetrar completamente com o nosso saber e a nossa c...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Projeto bote uma pilha na consciência

3.099 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
3.099
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
20
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
25
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Projeto bote uma pilha na consciência

  1. 1. PROJETO BOTE UMA PILHA NA CONSCIÊNCIA
  2. 2. 1. DADOS DE IDENTIFICAÇÃO: <ul><li>Escola Municipal de Ensino Fundamental Irmã Maria Catarina </li></ul><ul><li>Endereço: Rua Esteio, 135 - Vila Ipiranga - Passo Fundo-RS </li></ul><ul><li>Direção: Sofia de Fátima da Silva Oliveira </li></ul><ul><li>Vice-direção: Claudia Beatriz Daron </li></ul><ul><li>Coordenação: Rosane Colussi </li></ul><ul><li>Professoras responsáveis: Célia Regina Montenegro Ruas </li></ul><ul><li>Vânia Maria Bassi Vedana </li></ul><ul><li>Público alvo: comunidade escolar </li></ul><ul><li>Duração do projeto: tempo indeterminado </li></ul>
  3. 3. 2. OBJETIVO: <ul><li>Conscientizar a comunidade escolar sobre a necessidade de dar uma destinação correta às pilhas e baterias usadas, reduzindo a quantidade das mesmas,lançadas no meio ambiente. </li></ul>
  4. 4. 3. JUSTIFICATIVA: Segundo o Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT), cerca de 1% do lixo urbano é constituído por resíduos sólidos contendo elementos tóxicos. No mundo, são produzidos 50 milhões de toneladas de resíduos eletrônicos por ano. 99% dos aparelhos eletrônicos, dos celulares, baterias e pilhas vão parar no lixo e isso representa não só o desperdício, mas um perigo para o meio ambiente.
  5. 5. Esses resíduos são provenientes de lâmpadas fluorescentes, termômetros, latas de inseticidas, pilhas, baterias, latas de tinta, entre outros produtos que a população joga no lixo, pois não sabe que se trata de resíduos perigosos contendo metais pesados ou elementos tóxicos, ou não tem alternativa para descartar esses resíduos.
  6. 6. As pilhas e baterias apresentam em sua composição metais considerados extremamente nocivos à saúde humana e ao meio ambiente como mercúrio, chumbo, cobre, zinco, cádmio, manganês, níquel e lítio. Dentre esses metais, os que apresentam maior risco à saúde são o chumbo, o mercúrio e o cádmio. Todos afetam o sistema nervoso central, o fígado, os rins e os pulmões, pois eles são bioacumulativos. O cádmio é cancerígeno, o chumbo pode provocar anemia, debilidade e paralisia parcial e o mercúrio pode também ocasionar mutações genéticas.
  7. 7. Estes metais pesados existentes em seu interior não se degradam. Em contato com a umidade, água, calor ou outras substâncias químicas, os componentes tóxicos vazam e contaminam tudo por onde passam: o solo, os cursos d'água e os lençóis freáticos, afetando a flora e a fauna das regiões circunvizinhas e o homem, pela cadeia alimentar. Somado ao fato de que as pilhas demoram até 500 anos para serem absorvidas pelo ambiente, e que no Brasil, por ano, são descartadas 170 milhões de pilhas, o problema passa a ser grave.
  8. 8. 4. AÇÕES: <ul><li>Pesquisar e estudar o tema com os alunos. </li></ul><ul><li>Levantar em sala de aula a problematização do assunto na comunidade. </li></ul><ul><li>Elaborar um folder explicativo para toda a comunidade escolar sobre o perigo do uso incorreto de pilhas e baterias usadas jogadas de forma aleatória no meio ambiente. </li></ul><ul><li>Elaborar cartazes chamando atenção para o problema. </li></ul><ul><li>Divulgar o projeto para as demais turmas da escola. </li></ul><ul><li>Buscar parcerias com entidades engajadas nos cuidados com o meio ambiente. </li></ul>
  9. 9. <ul><li>Divulgar o projeto para as entidades do bairro, solicitando ajuda às mesmas. </li></ul><ul><li>Divulgar o projeto no blog da escola e nos meios de comunicação da cidade. </li></ul><ul><li>Promover palestras com grupos ecológicos. </li></ul><ul><li>Participar de eventos relacionados aos cuidados com o meio ambiente (Maio Ambiental, palestras...). </li></ul><ul><li>Durante a Ação Global, orientar os visitantes sobre o projeto, buscando conscientizá-los sobre a importância deste e de outros projetos semelhantes relacionados aos cuidados com o meio ambiente. </li></ul>
  10. 10. 5. RECURSOS NECESSÁRIOS: <ul><li>Livros, jornais, revistas e periódicos para pesquisa sobre o assunto; </li></ul><ul><li>folhas de ofício; </li></ul><ul><li>laboratório de informática da escola; </li></ul><ul><li>TV, DVD, CDs e DVDs para gravação; </li></ul><ul><li>máquina fotográfica digital; </li></ul><ul><li>projetor; </li></ul><ul><li>telão; </li></ul><ul><li>notebook; </li></ul><ul><li>cartuchos de tinta para impressão; </li></ul><ul><li>cartolinas, tesouras, colas e papéis coloridos; </li></ul>
  11. 11. <ul><li>recipiente adequado para coletar pilhas que serão recolhidas; </li></ul><ul><li>auxílio dos meios de comunicação da cidade na divulgação do projeto; </li></ul><ul><li>verbas para impressão do folder e para a confecção de faixas divulgando o projeto; </li></ul><ul><li>verbas para transporte de alunos para os eventos; </li></ul><ul><li>camisetas para os organizadores da campanha; </li></ul><ul><li>patrocínio de entidades e empresas locais para o custeio do projeto. </li></ul>
  12. 12. 6. AVALIAÇÃO: <ul><li>O projeto será considerado satisfatório se conseguido ser implantado na comunidade, se houver uma coleta significativa e se o mesmo, de alguma forma, ajudar a conscientizar as pessoas da comunidade, diminuindo a exposição desses materiais no meio ambiente, empregando o destino correto aos mesmos. </li></ul>
  13. 13. “ A natureza reservou para si tanta liberdade que não a podemos nunca penetrar completamente com o nosso saber e a nossa ciência.” Johann Goethe

×