Geopolítica subdesenvolvimento

1.716 visualizações

Publicada em

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.716
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
30
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Geopolítica subdesenvolvimento

  1. 1. O que é Geopolítica?A geopolítica é uma ciência queajuda um país a se posicionarem relação a sua região demodo que influencieeconomicamente egeograficamente, através deuma política de dominação.
  2. 2. SUBDESENVOLVIMENTO
  3. 3. • II Guerra (1939- 45)• Eurocentrismo => dominação (cultural, econômica, tecnológica, espacial, religiosa);• RACISMO, PRECONCEITO, XENOFOBISMO• “acumulação primitiva” – Colonialismo- Imperialismo
  4. 4. Origens das Diferenças: 30 •DESENVOLVIMENTO desigual e combinado Teoria : CENTRO -PERIFERIA 160•Pobreza temporária: “em desenvolvimento
  5. 5. Subdesenvolvidos:• Macroexportações agromineraisDETERIORAÇÃO DOS TERMOS DE TROCA• Má distribuição de renda• Concentração Fundiária• Desemprego e Subemprego• Baixa urbanização (macrocefalia urbana)• Alta Natalidade e Mortalidade
  6. 6. •DESCOLONIZAÇÃO "América para os americanos“ James Monroe(presidente de 1817 a 1825) •a não criação de novas colônias nas Américas; a não intervenção nos assuntos internos dos países americanos; •a não intervenção dos Estados Unidos em conflitos relacionados aos países europeus como guerras entre estes países e suas colônias. Big Stick1° 2° e 3° MUNDO
  7. 7. 1955- Conferencia de Bandung ou Afro-asiática• Os Dez Princípios da Conferência de Bandung• Respeito aos direitos fundamentais, de acordo com a Carta da ONU• Respeito à SOBERANIA e integridade territorial de todas as nações.• Reconhecimento da IGUALDADE de todas as raças e nações, grandes e pequenas.• Não-intervenção e não-ingerência nos assuntos internos de outro país. (Autodeterminação dos povos)• Respeito pelo direito de cada nação defender-se, individual e coletivamente.• Recusa na participação dos preparativos da defesa coletiva destinada a servir aos interesses particulares das superpotências.• Abstenção de todo ato ou ameaça de agressão, ou do emprego da força, contra a integridade territorial ou a independência política de outro país.• Solução de todos os conflitos internacionais por meios pacíficos (negociações e conciliações, arbitragens por tribunais internacionais), de acordo com a Carta da ONU.• Estímulo aos interesses mútuos de cooperação.• Respeito pela justiça e obrigações internacionais.
  8. 8. http://www.estadao.com.br/especiais/brasil-reduz-miseria-e-atinge-meta-da-onu-mas-desigualdade-ainda-e-grande,2975.htmPor que se desenvolve a economia de um país?Por que alguns países permanecem estagnados
  9. 9. LIBERALISMO “A riqueza da nações” Adam Smith (1723- 1790)• Proteção a propriedade privada; “mão invisível” individualismo.=> Tomas Malthus• Livre concorrência (forças econômicas)• Livre atuação do Estado (Bem estar social)
  10. 10. Teoria da Modernidade Max Weber (1864 – 1920)•Ocidentalização = Desenvolvimento econômicoJohn Keynes ( 1883-194)
  11. 11. Neoliberalismo• - mínima participação estatal - pouca intervenção do governo no mercado de trabalho; - Privatizações - livre circulação => globalização - abertura da economia => entrada de multinacionais; medidas contra o protecionismo; - desburocratização do estado: leis e regras econômicas mais simplificadas para facilitar o funcionamento das atividades econômicas; - diminuição do tamanho do estado, tornando-o mais eficiente; - posição contrária aos impostos e tributos excessivos; - aumento da produção, como objetivo básico para atingir o desenvolvimento econômico; - contra o controle de preços dos produtos e serviços por parte do estado, ou seja, a lei da oferta e demanda é suficiente para regular os preços; - a base da economia deve ser formada por empresas privadas; .
  12. 12. A TEORIA ESTRUTURALISTADefinem o subdesenvolvimento como uma conseqüência de diversos fatores que se completam, articulados entre si em sintonia com a situação mundial.• Baseados na realidade interna peculiar de cada país, atrelada à dinâmica histórica da exploração externa, eles chegaram à conclusão de que os países subdesenvolvidos são opostos complementares dos países desenvolvidos.• Os países ricos são ricos porque existem países pobres explorados e que nunca vão enriquecer, porque não percorreram o mesmo processo histórico econômico que seus exploradores.• Os estruturalistas contribuíram na análise dos fatores endógenos responsáveis pela pobreza e realidade do subdesenvolvimento tais como: fome, desequilíbrio demográfico industrialização dependente, urbanização irregular, perversões na distribuição de renda.
  13. 13. Os Países pobres são pobres porque não atingiram ainda a eficiência produtiva e o equilíbrio econômico necessário à manutenção de um ciclo de prosperidade contínua e ilimitada.Para isso, é necessário descobrir suas especialidades, multiplicar a capacidade de produção e concorrer no mercado mundial com a maior liberdade econômica possível.Os liberais partem do principio de igualdade na concorrência entre os ricos e os pobres no mercado mundial. Confundem simples crescimento com desenvolvimento econômico.
  14. 14. • O subdesenvolvimento é uma fase do processo de desenvolvimento econômico, que é gradual e ocorre através de etapas, que culminarão com o pleno desenvolvimento.• Os neoliberais desprezam importantes fatores em sua análise, como a orientação do processo e criação de condições para que ocorra o desenvolvimento.
  15. 15. Classificação dos Países Subdesenvolvidos• Industrializados – “Substituição das Importações” – Industrialização ‘tardia”• Agromineradores – Commodities• Marginalizados – Agricultura de Subsistência
  16. 16. Como medir o Subdedesenvolvimento• PIB per capita – Não mostra a distribuição real de riqueza – Não mede a economia informal – Não mostra o “custo de vida”• IDH
  17. 17. Economia desarticulada e dependente:• Dependência externa (capital, mercados e tecnologia) associada a DÍVIDA EXTERNA; INFLAÇÃO.• Perda do pode decisório – Multinacionais controlam exploração de recursos; produção industrial, sistema bancário, infraestrutura, etc.• Estrutura econômica tradicional, que abastece o mercado interno para Subsistência “quebra”.
  18. 18. 1. Alta PEA no Setor primário2. Economia agromineral – Agricultura de Subsistência – Plantation • Revolução Verde • VAR Norman Ernest Borlaug
  19. 19. 3. SETOR SECUNDÁRIO DEPENDENTE• América Latina= Política de “Substituição da Importações”• Tigres Asiáticos= “Plataforma deExportações” modernização dos produtos internos. •os governos isentam os impostos alfandegários e internos, •imigração de empresas multinacionais para o país. •empresas nacionais são "obrigadas" a se modernizar para poder concorrer com as multinacionais, expandindo assim, a economia e tecnologia nacional. • o governo oferece empréstimos a juros baixos para as empresas
  20. 20. 4. Hipertrofia do setor Terciário5. Desemprego : ESTRUTURAL : É o desemprego gerado pela eliminação de postos de trabalho, de forma definitiva, dos métodos de produção. Ele é causado essencialmente pela “reengenharia” ou “reestruturação” produtiva das empresas e eventualmente, de órgãos públicos. Até meados dos anos 1970 o problema se resumia a um excesso de oferta de mão- de-obra, em algumas regiões, em relação à capacidade de produção instalada, era o “exército de reserva” cujo objetivo, segundo Marx, era manter baixos os salários em geral. Agora o problema é outro. A reestruturação produtiva ou reengenharia da produção, visa a drástica redução da necessidade de mão-de-obra nos processos produtivos.
  21. 21. • desemprego “conjuntural” onde a falta de “conjuntural emprego é causada por um conjunto de fatores negativos e prejudiciais aos negócios. O desemprego conjuntural pode ser combatido por medidas macro-econômicas e políticas de desenvolvimento, por exemplo, o desemprego estrutural não.
  22. 22. 6. Circulação de Mercadorias 7. Fluxos de Capitais
  23. 23. Monos=um, polien=vender• PROTEÇÃO LEGAL: patentes; Direitos autorais;• Economia em Escala- dificultando a participação de pequenas empresas;• Controle de fontes de matérias-primas;• Lobby político –órgãos legislativos ou os governos criam leis favoráveis a seus interesses. Restringe aavariedade de oferta eeprovoca Restringe variedade de oferta provoca Elevação dos preços. Elevação dos preços.
  24. 24. Surgimento das transnacionais:Monos=um, polien=vender• PROTEÇÃO LEGAL: patentes; Direitos autorais;• Economia em Escala- dificultando a participação de pequenas empresas;• Controle de fontes de matérias-primas;• Lobby político –órgãos legislativos ou os governos criam leis favoráveis a seus interesses- “Subsídios”. Restringe aavariedade de oferta eeprovoca Restringe variedade de oferta provoca Elevação dos preços. Elevação dos preços.
  25. 25. Oligo=poucos, polien=vender• Legal ou ilegalmente se estabelece um comum acordo, para controlar a produção, o fornecimento e os preços da uma determinada mercadoria. É uma espécie de monopólio.• Existe concorrência mas é RESTRITA
  26. 26. CARTEL• ACORDO SECRETO DEPREÇOS E DIVISÃO DE MERCADOS TRUSTE• GRUPO DE EMPRESASPROCURA DOMINAR OFERTADE UM PRODUTO OUSERVIÇO
  27. 27. • Holding é uma empresa que possui a maioria  das ações ou quotas de outras empresas, suas  subsidiárias, em quantidade suficiente para  influenciar decisivamente suas administrações  e políticas empresariais. Visa melhorar a  estrutura de capital da empresa ou como  parte de alguma parceria com outras  empresas.
  28. 28. JOINTE VENTURE:instrumento jurídico que estabelece as regras de relacionamento entre duas ou mais  empresas, sem interferir na estrutura societária, restringindo-se aos aspectos   operacionais. Normalmente é celebrada entre duas empresas visando a troca ou transferência de  tecnologia, experiências e realização de operações de forma conjunta. As visões positivas de uma joint-venture são: a) não há participação societária, mas tão somente um relacionamento operacional,  com prazo determinado, que pode ser prorrogado segundo vontade das partes;b) a empresa menos desenvolvida recebe apoio da mais desenvolvida por aporte de  tecnologia, conhecimento e acesso a novos mercados, etc.c) obrigam a empresa a ajustar-se a uma nova realidade e adotar práticas de gestão  mais eficazes;d) ensinam a compartilhar conhecimentos e experiências. 
  29. 29. 8. Problemas Demográficos
  30. 30. 9. Urbanização •Macrocefalia Urbana- habitação, saneamento, água, trânsito, lixo, etc •Conurbações •Êxodo Rural10. Fome – Aguda – Crônica - subnutrição
  31. 31. 11. Educação Taxa de analfabetismo funcional das Taxa de analfabetismo de pessoas  pessoas de 15 anos ou mais de idade, de 15 anos ou mais de idade Brasil segundo as grandes regiões - 2002 1970 33,60%   1992 2002 1980 25,50% Brasil 36,9% 26% 1991 20,10% Norte 33,2% 24,7% 2000 13,60% Nordeste 55,2% 40,8% Sudeste 29,4% 19,6% Sul 28,9% 19,7% Centro- 33,8% 23,8% Oeste

×