Plano de-aula prof-fabiana

1.323 visualizações

Publicada em

Plano de aula elaborado para a temática de Educação e Tecnologia, sob orientação da Prof. Ms. Fabiana Cabrera da Silva

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.323
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
50
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
10
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Plano de-aula prof-fabiana

  1. 1. Pedagogia- Parfor 2014 PLANO DE AULA 1 Contos de fada: João e Maria Área de conhecimento: Língua Portuguesa Faixa Etária: 1º ano Período: 2 aulas Objetivos:  Ampliar o repertorio do gênero contos de fada;  Conhecer as características do gênero contos de fada;  Interpretar, oralmente, o conto selecionado;  Participar da construção coletiva do texto;  Avançar na hipótese de escrita;  Refletir sobre o sistema de escrita alfabético; Conteúdos:  Leitura do conto de Fada “João e Maria”;  Leitura de diversos contos da BEI;  Reescrita do texto de forma coletiva;  Produção de listas de acordo com sua hipótese de escrita;  Reescrita de um trecho do conto;  Sistema de escrita alfabético. Recursos:  Livros de contos de fadas;  Materiais didáticos (pincel, papel pardo ou lousa); Metodologia:  Roda de conversa explorando aspectos como: - apresentação do livro para os alunos, explorando a capa e o nome do autor; - levantamento dos conhecimentos prévios em relação história e aos personagens;
  2. 2. Pedagogia- Parfor 2014  Após a conversa, ler o livro para a turma explorando as ilustrações de cada página;  Depois da leitura, trabalhar oralmente do conto, focando as características do gênero no que tange sua estrutura e linguagem;  Reescrita coletiva do conto, tendo a professora como escriba;  Produção escrita individual de lista dos doces da casa da bruxa, respeitando a hipótese de escrita de cada criança.  Produção escrita individual de um trecho do conto (início, meio ou fim), para os alunos alfabéticos; Avaliação: Os alunos serão avaliados durante todo o processo do trabalho pedagógico, considerando que trabalhamos dentro de uma perspectiva de avaliação processual e formativa. Dentro desse processo serão utilizados instrumentos com: registros reflexivos do professor e também os registros individuais referentes aos avanços de cada criança.
  3. 3. Pedagogia- Parfor 2014 PLANO DE AULA 2 Contos de fada: João e Maria Área de conhecimento: Língua Portuguesa Faixa Etária: 1º ano Período: 6 aulas Objetivos:  Ampliar o repertorio do gênero contos de fada;  Conhecer as características do gênero contos de fada;  Interpretar, oralmente, o conto selecionado;  Participar da construção coletiva do texto;  Avançar na hipótese de escrita;  Refletir sobre o sistema de escrita alfabético;  Produzir uma animação focando a função social do gênero trabalhado. Conteúdos:  Leitura do Conto de Fada “João e Maria”;  Leitura de diversos contos da BEI;  Reescrita do texto de forma coletiva;  Produção de listas de acordo com sua hipótese de escrita;  Reescrita de um trecho do conto;  Sistema de escrita alfabético.  Produção de animação; Recursos didáticos e tecnológicos:  Livros de contos de fadas;  Materiais didáticos;  Computador;  Vídeo;  Software Artpad;  Software Cam Studio;
  4. 4. Pedagogia- Parfor 2014  Software Audacity;  Microfone;  Software Movie Maker;  Blog. Metodologia:  Roda de conversa explorando aspectos como: - apresentação do livro para os alunos, explorando a capa e o nome do autor; - levantamento dos conhecimentos prévios em relação história e aos personagens;  Após a conversa, ler o livro para a turma explorando as ilustrações de cada página;  Depois da leitura, trabalhar oralmente do conto, focando as características do gênero no que tange sua estrutura e linguagem;  Reescrita coletiva do conto, tendo a professora como escriba;  Produção escrita individual de lista dos doces da casa da bruxa, respeitando a hipótese de escrita de cada criança.  Produção escrita individual de um trecho do conto (início, meio ou fim), para os alunos alfabéticos;  No laboratório, os alunos assistirão outra versão da história, disponível no YouTube <https://www.youtube.com/watch?v=7ZJ0J67si3s>. Após o trabalho realizado em sala, dividir os alunos em duplas para o início do trabalho com animação no laboratório de informática com o apoio da Pape (prof. de apoio).  Inicialmente apresentar o software Artpad às crianças e deixar que, em duplas, explorem livremente;  Feita a exploração, a Pape explicará as possibilidades do programa e suas ferramentas. Cada dupla deverá ilustrar uma parte da história, previamente já combinada com a professora na sala de aula e de acordo com o que a reescrita coletiva.  Com o auxílio da Pape e da professora, utilizar o software Cam Studio para salvar as animações produzidas pelas duplas.
  5. 5. Pedagogia- Parfor 2014  Cada dupla, após os combinados feitos em sala, deverá narrar a parte da história que ilustraram. A pape gravará o áudio das duplas no Audacity. A gravação das duplas será feita individualmente, sem o restante da turma, por conta dos ruídos.  Para finalizar o trabalho, a pape fará a edição da animação no software Movie Maker.  Posteriormente a animação será postada no blog da escola para que os pais e toda a comunidade escolar apreciem o trabalho coletivo da turma. Dessa forma garante-se a função social (circulação) do gênero trabalhado. Avaliação: Os alunos serão avaliados durante todo o processo do trabalho pedagógico, considerando que trabalhamos dentro de uma perspectiva de avaliação processual e formativa. Dentro desse processo serão utilizados instrumentos com: registros reflexivos do professor e também os registros individuais referentes aos avanços de cada criança.
  6. 6. Pedagogia- Parfor 2014 Referências Bibliográficas: BRASIL. Ministério da Educação. Secretaria de Educação Fundamental. Parâmetros Curriculares Nacionais: Língua Portuguesa. Vol. 2, 2.ed., Rio de Janerio: Ed. DP&A. Brasília: MEC/SEF, 2000. BRASIL. Secretaria de Educação Básica. Diretoria de Apoio à Gestão Educacional. Pacto nacional pela alfabetização na idade certa: reflexões sobre a prática do professor no ciclo de alfabetização, progressão e continuidade das aprendizagens para a construção do conhecimento por todas as crianças. Ano 02, unidade 08 / Ministério da Educação, Secretaria de Educação Básica, Diretoria de Apoio à Gestão Educacional. Brasília : MEC, SEB, 2012. PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE SÃO BERNARDO DO CAMPO. Secretaria de Educação e Cultura. Departamento de Ações Educacionais. Proposta Curricular do Ensino Fundamental. Vol. II, caderno 3. São Bernardo do Campo – São Paulo, 2007. Disponível em: <http://www.educacao.saobernardo.sp.gov.br/images/Secoes/SE1/Volume2_caderno3.pdf> Acesso em: 20 de out. 2014

×