O slideshow foi denunciado.
Utilizamos seu perfil e dados de atividades no LinkedIn para personalizar e exibir anúncios mais relevantes. Altere suas preferências de anúncios quando desejar.

Alemanha vs Portugal - Análise completa da Alemanha

887 visualizações

Publicada em

Análise completa da Alemanha, no âmbito do projeto Alemanha 2014.
www.teoriadofutebol.com - Valter Correia

Publicada em: Esportes
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Alemanha vs Portugal - Análise completa da Alemanha

  1. 1. Alemanha 2014 – Alemanha vs Portugal Análise completa da Alemanha, no âmbito do projeto Alemanha 2014. www.teoriadofutebol.com - Valter Correia
  2. 2. Saída de jogo, com amplitude máxima, guarda-redes como apoio, meio-campo próximo, extremos abertos em largura e profundidade
  3. 3. Zona de pressão sobre a bola com vantagem numérica (1). Linha defensiva subida com vantagem numérica (2) 1 2
  4. 4. Saída de jogo: jogadores livres de marcação para receber; descida dos médios e subida dos atacantes, que causa um enorme buraco entre setores; amplitude máxima pelos laterais
  5. 5. Transição ofensiva de qualidade, pelo centro. Passar sempre a bola para quem está de frente para o jogo, levando o colega a preparar uma solução antes de receber a bola. Término da transição no corredor lateral
  6. 6. Cruzamento para uma situação de 2x2 na área de finalização
  7. 7. Canto atrasado, levando o adversário a subir no terreno. Logo de seguida. cruzamento para a entrada de 4 jogadores
  8. 8. Linha defensiva organizada, longe da baliza, pressão à zona. Ocupam apenas metade do terreno, onde se encontra a bola
  9. 9. 1 2 3 4 Abre (1), Entra (2), apoia junto à linha (3) mantém amplitude (4)
  10. 10. 1 2 Abre (1) e entra para receber cruzamento (2)
  11. 11. Saída de jogo do adversário: Organiza, não abre espaços. Fecha todas as linhas de passe frontais, deixa apenas uma diagonal ou para trás.
  12. 12. Criação de vantagem numérica junto ao corredor lateral. Fecham o espaço ao adversário, fecham a linha de passe para trás, obrigam ao erro
  13. 13. Proteger a zona de finalização, fechar o caminho da baliza, condicionar as ações adversárias
  14. 14. Condicionar o portador com vantagem numérica, retirando-lhe espaço, de modo a reduzir drasticamente as hipóteses de ser bem sucedido
  15. 15. Recuperar posições (em bloco) no meio-campo defensivo enquanto a bola circula longe da baliza
  16. 16. Linhas de passe para o ataque condicionadas durante a terceira fase defensiva. Restam apenas linhas de passe pelo ar, para o flanco contrário
  17. 17. Vantagem numérica nas situações de finalização contra
  18. 18. Contra-ataque simples e rápido
  19. 19. Condicionar o espaço do adversário com vantagem numérica
  20. 20. Excelente posicionamento, com caminho aberto para a baliza ou para linha de passe direta
  21. 21. 1 2 3 4 5 Vem para dentro (1), Entra ao segundo poste (2), Entra no meio (3,4) Fica no segundo poste (5)
  22. 22. Com o portador (Ozil) sem apoio, Muller solta-se da posição, para levar um adversário consigo, e passar pelas costas para receber e cruzar rasteiro para quem chega mais tarde. Apoio ao portador da bola, impedindo-o que entrar na finta, passar para trás ou cruzar sem sentido Ozil Muller
  23. 23. 9 jogadores, num espaço tão pequeno, longe da baliza
  24. 24. De costas para a baliza, procura alguém de frente para o jogo. Transição extremamente rápida após recuperar posse de bola, na origem do terceiro golo
  25. 25. Através do passe simples e direto, levam a bola para o meio (após 5 passes), e abre espaço na lateral para o cruzamento. Igualdade numérica na zona a vermelho
  26. 26. Em outro lance, cruzamento rasteiro, desta vez, cruzamento pelo ar. Lances variados nas situações de finalização
  27. 27. Criação de situação de finalização. Perante apenas uma linha defensiva, procuram amplitude. O passe coloca também, um jogador isolado com o guarda-redes. 1x0 + Gr é uma das formas mais fáceis de se fazer golo
  28. 28. Linha organizada, caminho para a baliza fechado
  29. 29. Livre contra. Todos defendem
  30. 30. Após livre contra, um ou dois pressionam o portador e todos recuperam posições para fora da área
  31. 31. Transição ofensiva, princípio da progressão. Amplitude
  32. 32. O caminho está sempre fechado para a baliza
  33. 33. Amplitude. Troca de flanco pelo ar
  34. 34. Schurrle encontra-se já em movimento para o lado da bola. Gotze encontra-se em movimento para o lado contrário. Transição ofensiva com processo simples, já a preparar a situação de finalização. Situação 2x2 dentro da área
  35. 35. Das poucas vezes que a linha defensiva se encontra sozinha, mantém-se organizada e o caminho para a baliza fechado
  36. 36. 2 jogadores a entrar nos postes, um a entrar no meio; um jogador que fica à entrada da área, dois mais atrás; uma linha de passe de segurança. Soluções variadas nos cantos ofensivos
  37. 37. Triângulo após recuperar a bola no meio-campo ofensivo, dificultando a marcação adversária.
  38. 38. Além da amplitude máxima na saída de jogo, também criam amplitude máxima nas criações de situações de finalização. Podolski do lado esquerdo e Schurrle do lado direito
  39. 39. Portador da bola condicionado. A condição técnica de pouco vale perante vantagem numérica
  40. 40. Antigamente havia líbero, agora há guarda-redes que joga com os pés. A solução de passe mais segura que existe é o guarda-redes, neste caso, Neuer

×