Estrutura de madeira

4.844 visualizações

Publicada em

Estrutura de madeira, sistemas estruturais, materiais de construção, arquitetura

Publicada em: Educação
0 comentários
11 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
4.844
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
7
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
370
Comentários
0
Gostaram
11
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Estrutura de madeira

  1. 1. Franciny Cechinel Isadora Rosa Luiz Júlia Valim Suelen Ermani Tainan Mazon
  2. 2. Introdução • A madeira é um dos materiais estruturais mais antigos utilizados pelo homem em edificações. Acrescenta-se ainda o fato da madeira possuir um vasto campo de aplicação em construções como, pontes, residências, igrejas, passarelas, cimbramentos, edificações sujeitas a agentes altamente corrosivos etc. • Apesar da madeira ter qualidades estruturais bastante apreciáveis, ainda há muito preconceito em relação a sua utilização como material estrutural. Em grande parte devido à falta de conhecimento adequado a respeito deste material, da falta de projetos específicos, bem como da cultura da construção civil brasileira.
  3. 3. Na construção civil, a madeira é utilizada de diversas formas em usos temporários, como: fôrmas para concreto, andaimes e escoramentos. De forma definitiva, é utilizada nas estruturas de cobertura, nas esquadrias (portas e janelas), nos forros e nos pisos.
  4. 4. Tipo de madeira utilizada como estrutura • As espécies de madeiras mais utilizadas em estruturas no Brasil são: Peroba Rosa, Ipê, Eucalipto, Pinho, Jatobá, Maçaranduba, Garapa, Cumaru, Aroeira e Itaúba.
  5. 5. Tipos de madeiras de construção Madeiras maciças: • Madeira bruta ou roliça • Madeira falquejada • Madeira serrada
  6. 6. Tipos de madeiras de construção Madeiras industrializadas: • Madeira compensada • Madeira laminada (ou microlaminada) e colada • Madeira recomposta
  7. 7. Construção civil pesada externa • Englobam as peças de madeira serrada usadas para estacas marítimas, trapiches, pontes, postes, cruzetas, estacas, escoras e dormentes ferroviários, estruturas pesadas, torres de observação, vigamentos. Tendo como referência a madeira de angico- preto.
  8. 8. Construção civil pesada interna • Engloba as peças de madeira serrada na forma de vigas, caibros, pranchas e tábuas utilizadas em estruturas de cobertura, onde tradicionalmente era empregada a madeira de peroba-ros.
  9. 9. Construção civil leve externa e leve interna • Estrutural Reúne as peças de madeira serrada na forma de tábuas e pontaletes empregados em usos temporários (andaimes, escoramento e fôrmas para concreto) e as ripas e caibros utilizadas em partes secundárias de estruturas de cobertura. A madeira de pinho-do-paraná foi a mais utilizada, durante décadas, neste grupo.
  10. 10. Construção civil leve interna decorativa • Abrangem as peças de madeira serrada e beneficiada, como forros, painéis, lambris e guarnições, onde a madeira apresenta cor e desenhos considerados decorativos.
  11. 11. Construção civil leve em esquadrias • Abrangem as peças de madeira serrada e beneficiada, como portas, venezianas, caixilhos. A referência é a madeira de pinho-do-paraná.
  12. 12. Construção civil assoalhos domésticos • Compreende os diversos tipos de peças de madeira serrada e beneficiada (tábuas corridas, tacos, tacões e parquetes).
  13. 13. Principais vantagens da madeira • É renovável, abundante e altamente sustentável na natureza; • Possui elevada resistência em relação a sua baixa massa específica; • Excelente isolante térmico; • Facilidade de trabalho e união das peças; • Inerte, mesmo quando está exposta a ambientes químicos; • Baixa demanda de energia para produção; • Pode ser reutilizada, por várias vezes; • Tem custo relativamente baixo.
  14. 14. Possíveis desvantagens da madeira • Possui variações transversais e longitudinais devido à variação da umidade; • É combustível, particularmente na forma fragmentada, como gravetos e lascas; • É relativamente vulnerável ao ataque de insetos e fungos, se não for tratada adequadamente; • Possui composição heterogênea e anisotrópica.
  15. 15. Exemplos de aplicação Em Bergen, na Noruega começou a ser erguido em abril de 2014 o maior edifício de madeira do mundo, o Treet ou The Tree, que significa árvore. Com 14 andares, o edifício terá 49 metros, ou seja, 17 metros a mais que o atual recordista, em Melbourne. Para o projeto, serão usados diversos tipos de madeira. A fachada, entretanto, receberá um revestimento em vidro e aço para proteger o material do clima úmido da cidade.
  16. 16. O arquiteto alemão Jürgen Mayer é o criador do Metropol Parasol, a maior estrutura de madeira do mundo. A estrutura consiste em seis guarda-sóis com a forma de cogumelos, de grandes dimensões, cujo desenho se inspira nas abóbadas da catedral de Sevilha.
  17. 17. Casa de madeira Casas de madeira são amigas do ambiente e saudáveis para se viver. Isso porque para sua “criação”, menos gás carbônico é produzido pelas empresas e durante a construção, menos desperdício e energia são necessários. Vale dizer também que casas de madeira retém um bom calor e protegem muito bem contra o frio, até melhor que as casas de alvenaria, tornando desnecessário o uso de aquecedores ou um ar condicionado central. Madeira é naturalmente quente no inverno e fria no verão.
  18. 18. Pavilhão de madeira - O Melhor da Arquitetura 2013 - categoria "Espaços de Lazer": Pavilhão de Eventos Iporanga - Mauro Munhoz Arquitetura. O espaço de convivência possui uma grande cobertura de madeira, que funciona como uma praça coberta. O material escolhido madeira laminada colada - oferece plasticidade ao desenho, pois permite executar vigas curvas e vencer vãos maiores.
  19. 19. Propriedades Estruturais • As propriedades físicas mais empregadas na caracterização da madeira são a densidade, o teor de umidade e as alterações dimensionais promovidas pela perda ou ganho de água, notadamente a retratibilidade. • As propriedades mecânicas avaliam a aptidão da madeira em suportar as solicitações mecânicas. São normalmente mensuradas considerando-se a resistência e a rigidez – avaliada pelo elasticidade. • A madeira é um material não homogêneo com muitas variações. Além disto, existem diversas espécies com diferentes propriedades. Sendo assim, é necessário o conhecimento de todas estas características para um melhor aproveitamento do material.
  20. 20. Propriedades físicas da madeira • Higrospicidade – Capacidade da madeira para absorver humidade da atmosfera envolvente e de a perder por evaporação; • Flexibilidade – Capacidade da madeira para flectir por acção de forças exercidas sobre si, sem quebrar; • Durabilidade – Propriedade que mede a resistência temporal da madeira aos agentes prejudiciais, sem putrificar;
  21. 21. Propriedades mecânicas da madeira • Resistência à compressão – Resistência da madeira a forças que tendem a encurtar o seu comprimento. • Resistência à tração – Resistência da madeira a forças com tendência a estender o seu comprimento. • Resistência à flexão – Resistência da madeira a forças ao longo do seu comprimento. • Dureza – Resistência oferecida pela madeira a forças de penetração.
  22. 22. Resistência ao fogo • Resistente ao fogo; • Cria seu próprio isolante (carvão ao seu redor) e mantém a estrutura; • A madeira só entra em combustão devido à liberação de gases contidos em seu interior; ao formar-se a camada isolante de carvão, os gases não são mais liberados e a madeira dentro do isolamento fica somente aquecida.
  23. 23. Condutividade térmica A condutividade térmica para qualquer espécie depende do peso específico e do teor de umidade contido na peça de madeira. Madeiras secas a um teor de umidade constante apresentam melhor desempenho como isolante. W/m.K (watt por metro por kelvin) é uma unidade de medida de condutividade térmica. Condutividade Térmica para diversos materiais
  24. 24. Isolamento acústico • A madeira maciça não é um bom isolante acústico; • A madeira absorve o som e o mesmo se espalha pelos ambientes.
  25. 25. Isolamento acústico e térmico Isolamento acústico entre a madeira
  26. 26. O maior edifício de madeira do mundo: Igreja ortodoxa que tem 150 anos e é totalmente de madeira, sem utilização de pregos de ferro ou placas metálicas Kizhi Pogost – Rússia
  27. 27. Comparação de estruturas
  28. 28. Locais que mais utilizam estruturas de madeira • É difícil definir o local onde a madeira é mais utilizada já que é um material utilizado em todo tipo de projeto desde residenciais, pergolados, abrigos externos, espaços urbanos, pondes e passarelas, templos religiosos, adegas e destilarias, arenas, pavilhões industriais e muitos outros tipos de construções em todo o mundo.
  29. 29. Referências • http://madeirambiente.com.br • http://www.ebah.com.br/ • http://www.feciv.ufu.br/ • http://www.duronmadeiras.com.br/ • Livro Estruturas de madeira- Walter Pfeil, Michèle Pfeil • Livro Materiais de construção civil vl. 2 Editor Geraldo C. Isaia • Normas da NBR 7190-1997
  30. 30. Referências • http://madeiralaminadacolada.com/aplicacoes.php • http://oglobo.globo.com/economia/imoveis/predio-de-madeira-mais-alto- do-mundo-comeca-ser-erguido-na-noruega-12355953 • http://noticias.bol.uol.com.br/fotos/entretenimento/2013/10/30/o- melhor-da-arquitetura-2013.htm#fotoNav=66

×