SlideShare uma empresa Scribd logo

Exercícios de R1 - 2ª série

V
V

Exercício Estequiometria e Soluções

1 de 2
Baixar para ler offline
Nome:                                                                           nº____
                   Professor (a):    Valéria/Felipe        Série: 2º   Turma:       Data:     /     /2011




  Estequiometria
  1. Numa 1ª experiência, 2 g de A combina-se com 8 g de B.     9. (UFV-MG) Sabendo-se que, quando uma pessoa fuma
     Numa 2ª experiência, 1,25 g de A combina-se com 5 g de        um cigarro, pode inalar de 0,1 até 0,2 mg de nicotina.
     B. Estão esses valores de acordo com a Lei de Proust?         Descobriu-se em laboratório que cada miligrama de
                                                                   nicotina contém 74,00% de carbono, 8,65% de
  2. Numa 1ª experiência, 1,5 g de A combina-se com 0,5 g de       hidrogênio e 17,30% de nitrogênio. Calcule a fórmula
     B. Numa 2ª experiência, juntamos 4,9 g de A com 1,4 g         mínima da nicotina.
     de B. Os valores da 2ª experiência estão de acordo com a
     Lei de Proust?                                             10. Determine a fórmula molécula de um óxido de fósforo
                                                                    que apresenta 43,6% de P e 56,4% de O em massa,
  3. (Ceeteps-SP) A queima de uma amostra de palha de aço           sabendo que sua massa molecular é 284. (massas
     produz um composto pulverulento de massa:                      atômicas: P = 31; O = 16).
     a) Menor que a massa original da palha de aço.
     b) Igual à massa original da palha de aço.                 11. (U. São Judas-SP) Um dos constituintes do calcário, da
     c) Maior que a massa original da palha de aço.                 casca do ovo, da pérola, na da concha do mar, usado
     d) Igual à massa de oxigênio do ar que participa da            como matéria-prima na produção de cimento, tem a
        reação.                                                     seguinte composição centesimal: 40,1% de cálcio, 12,0%
     e) Menor que a massa de oxigênio do ar que participa           de carbono e 48,0% de oxigênio. Sabendo-se que a sua
        da reação.                                                  massa molar é 100,1 g/mol, podemos afirmar que sua
                                                                    fórmula molecular é:
  4. (Uespi) Quais quer que seja a procedência ou o processo
     de preparação do NaCℓ, podemos afirmar que sua             12. (PUC-Campinas-SP) A combustão realizada a altas
     composição é sempre 39,32% de sódio e 60,68 % de               temperaturas é um dos fatores da poluição do ar pelos
     cloro, com base na lei de:                                     óxidos de nitrogênio, causadores de infecções
     a) Lavoisier                   d) Richter                      respiratórias. A análise de 0,5 mol de um desses óxidos
     b) Dalton                      e) Avogadro                     apresentou 7,0 g de nitrogênio e 16 g de oxigênio. Qual a
     c) Prost                                                       sua fórmula molecular?

  5. Calcule a composição centesimal do sulfato cúprico         13. Um composto, de fórmula mínima CH, e, massa
     pentahidratado (CuSO4.5H2O).                                   molecular 78, apresenta a fórmula molecular:
                                                                    a) C6H6                       d) C6H14
  6. (PUC-RJ) A água oxigenada é uma solução de peróxido de         b) C12H12                     e) C6H10
     hidrogênio (H2O2), fortemente anti-séptica, por liberar        c) C3H3
     O2. Os percentuais, em massa, de hidrogênio e oxigênio,
     nesse composto, são respectivamente:                       14. (UMC-SP) Um sal higroscópico, muito usado nas
     a) 2% e 2%                    d) 5,9% e 94,1%                  indústrias farmacêuticas, tem uma massa molecular 280
     b) 2% e 32%                   e) 50% e 50%                     e contém 25,8% de água de cristalização. O número de
     c) 4,0% e 4,0%                                                 moléculas de água de cristalização, que existe, em cada
                                                                    molécula do sal higroscópico mencionado, é:
  7. (Vunesp) Ferritas são compostos com propriedades               a) 3 moléculas.                d) 10 moléculas.
     magnéticas e utilizados em componentes eletrônicos. A          b) 4 moléculas.                e) 12 moléculas.
     análise química de uma ferrita forneceu os resultados:         c) 5 moléculas.
     Mg = 12%; Fe = 56%; O = 32%. Determine a fórmula
     mínima da ferrita.                                         15. (F. Carlos Chagas) De uma mistura de óxido férrico e 400
                                                                    g de alumínio obtiveram-se 510 g de óxido de alumínio e
  8. Sabendo que uma substância encerra 21,9% de cálcio,            ferro metálico. Qual a massa de alumínio que restou sem
     38,8% de cloro e 39,3% de água de cristalização, calcule       reagir?
     sua fórmula mínima.                                            a) 80g                         d) 270g
                                                                    b) 130g                        e) 320g
                                                                    c) 160g
Exercícios de Recuperação 1 – 2011                                                                                              1
16. (F. Carlos Chagas) O fertilizante sulfato de amônio pode    3. Foram agitados 39 g de Nitrato de Cálcio (Ca(NO3)2) com
        ser preparado pela reação: H2SO4 + 2NH3        (NH4)2SO4.      25 g de água a 18 °C. O sistema resultou heterogêneo e
        Quantos gramas do fertilizante são obtidos quando se faz       por filtração foram obtidos 57,5 g de solução saturada.
        reagir 100 g de ácido sulfúrico em excesso de amônia?          Calcule o Cs do sal a 18 °C.
        a) 115g                          d) 145g
        b) 125g                          e) 155g                    4. A determinada temperatura, o Cs do iodeto de sódio
        c) 135g                                                        (NaCl) é de 180 g/100 g. Calcule a massa de água
                                                                       necessária para preparar uma solução saturada que
    17. (OSEC-SP) Considere a relação representada pela                contenha 12,6 g de sal na temperatura considerada.
        equação química não-balanceada Fe(s) + O2 (g)  Fe2O3(s).
        Quantos mols de O2 reagem com 4,0 mols de Fe(s)?            5. A solubilidade de um sal aumenta linearmente com a
        a) 1,5                      d) 3,0                             temperatura. Sabe-se que, a 10 °C, 50 g desse sal foram,
        b) 2,0                      e) 3,5                             com água, 300 g de solução saturada. Aquecendo essa
        c) 2,5                                                         solução a 50 °C, a saturação só é mantida se
                                                                       acrescentados 100 g do sal. Calcule o coeficiente de
    18. (PUC/Campinas-SP) A combustão completa do metanol              solubilidade desse sal em água a 35 °C.
        pode ser representada pela equação não-balanceada:
        CH3OH(ℓ) + O2(g) CO2(g) + H2O(ℓ). Quando se utilizam 5,0    6. As curvas de solubilidade de dois sólidos, A e B, em água,
        mols de metanol nessa reação, quantos mols de CO2 são          são dadas no gráfico ao lado.
        produzidos?
        a) 1,0                        d) 7,5
        b) 2,5                        e) 10
        c) 5,0

    19. (Omec-SP) Fazendo reagir 11,2 g de N2 com 1,8 g de H2,
        obtemos 5,1 g de NH3. O rendimento porcentual da
        reação, nessas condições, é de:
        a) 50 %
        b) 75 %                                                        a) Dissolvidos 20 g de A em 100 mL de H2O a 50 °C e, em
        c) 10 %                                                           seguida baixando a temperatura para 20 °C, que
        d) 25 %                                                           massa de A continua dissolvida?
        e) 100 %                                                       b) Dissolvendo 30 g de B em 100 mL de H2O a 50 °C e,
                                                                          em seguida baixando a temperatura para 20 °C, que
                                                                          massa de B precipita?
                                                                       c) Determine o Cs de B a 30 °C.
    Soluções                                                           d) Em qual temperatura os Cs de A e B são igual?

    1. Foram misturados e agitados 200 g de sulfato de amônio       7. O ser humano adulto possui, em média, 5 L de sangue
       com 250 g de água, resultando em um sistema                     com cloreto de sódio dissolvido na concentração de 5,8
       heterogêneo que, por filtração, forneceu 5 g de resíduo.        g/L. Qual é a massa total de NaCℓ no sangue de uma
       Calcule o coeficiente de solubilidade do sal na                 pessoa adulta.
       temperatura em que a experiência foi realizada.
                                                                    8. A água potável pode conter a quantidade máxima de 1,0
    2. Utilize a curva de solubilidade do sal A para responder as                    2+
                                                                       mg de íons Ba por litro. Determine nessa proporção sua
       questões:                                                       porcentagem em massa de bário. (Dado: densidade da
                                                                       água potável = 1,0 g/mL)

                                                                    9. O suco de laranja contém açúcares com concentração em
                                                                       torno de 104 g/L. Admitindo que o suco de duas laranjas
                                                                                                                             3
                                                                       seja suficiente para encher um copo de 200 cm ,
                                                                       determine a massa média de açúcares em cada laranja.
                                                                                            3
                                                                       (Dado: 1 L = 1000 cm )

                                                                    10. Em um balão volumétrico de 400 mL, são colocadas 18 g
                                                                        de cloreto de sódio e água suficiente para atingir a marca
       a) Qual o coeficiente de solubilidade desse sal a 90 °C? E       do gargalo. A concentração dessa solução será igual a:
          a 30 °C?                                                      a) 18 g/mL;                     d) 45 g/L;
       b) Suponha a preparação de uma solução saturada de A             b) 18 g/L;                      e) 4,5 g/mL.
          em 100 g de água, a 90 °C, e o posterior resfriamento,        c) 45 g/mL;
          a 30 °C. Qual a massa desse sal que ficaria separada
          formando a fase sólida a 30 °C?


2                                                                                              Exercícios de Recuperação 1 – 2011

Recomendados

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Termoquimicaparte01 supermed
Termoquimicaparte01 supermedTermoquimicaparte01 supermed
Termoquimicaparte01 supermedFábio Oisiovici
 
ELETROQUIMICA REVISÃO ENEM
ELETROQUIMICA REVISÃO ENEMELETROQUIMICA REVISÃO ENEM
ELETROQUIMICA REVISÃO ENEMFábio Oisiovici
 
Lista de Exercícios: Concentração de Soluções
Lista de Exercícios: Concentração de SoluçõesLista de Exercícios: Concentração de Soluções
Lista de Exercícios: Concentração de SoluçõesHebertty Dantas
 
Lista de Exercícios: Solucões
Lista de Exercícios: SolucõesLista de Exercícios: Solucões
Lista de Exercícios: SolucõesHebertty Dantas
 
CINÉTICA QUIMICA REVISÃO
CINÉTICA QUIMICA REVISÃOCINÉTICA QUIMICA REVISÃO
CINÉTICA QUIMICA REVISÃOFábio Oisiovici
 
QUÍMICA - CADERNO DE PROVAS
QUÍMICA - CADERNO DE PROVASQUÍMICA - CADERNO DE PROVAS
QUÍMICA - CADERNO DE PROVASPortal NE10
 
Gabarito 2ª lista estequiometria
Gabarito 2ª lista  estequiometriaGabarito 2ª lista  estequiometria
Gabarito 2ª lista estequiometriaJoao Paulo Oliveira
 
Lista estudo - Terceiro COC - 3 UNIDADE
Lista estudo - Terceiro COC - 3 UNIDADELista estudo - Terceiro COC - 3 UNIDADE
Lista estudo - Terceiro COC - 3 UNIDADERodrigo Sampaio
 
Estequiometria - casos simples Rodriguinho Química de boa
Estequiometria - casos simples Rodriguinho Química de boaEstequiometria - casos simples Rodriguinho Química de boa
Estequiometria - casos simples Rodriguinho Química de boaRodrigo Sampaio
 
Gabarito da Lista de Exercícios: Solucões
Gabarito da Lista de Exercícios: SolucõesGabarito da Lista de Exercícios: Solucões
Gabarito da Lista de Exercícios: SolucõesHebertty Dantas
 
Cinética química questoes
Cinética química questoesCinética química questoes
Cinética química questoesRodrigo Sampaio
 
Lista de exercicios solubilidade
Lista de exercicios solubilidadeLista de exercicios solubilidade
Lista de exercicios solubilidadeRodrigo Sampaio
 

Mais procurados (20)

Soluções lista
Soluções lista Soluções lista
Soluções lista
 
Termoquimicaparte01 supermed
Termoquimicaparte01 supermedTermoquimicaparte01 supermed
Termoquimicaparte01 supermed
 
ELETROQUIMICA REVISÃO ENEM
ELETROQUIMICA REVISÃO ENEMELETROQUIMICA REVISÃO ENEM
ELETROQUIMICA REVISÃO ENEM
 
pH e pOH_Martha Reis
pH e pOH_Martha ReispH e pOH_Martha Reis
pH e pOH_Martha Reis
 
Reacoes Quimicas II
Reacoes Quimicas IIReacoes Quimicas II
Reacoes Quimicas II
 
Leis ponderais
Leis ponderaisLeis ponderais
Leis ponderais
 
Lista de Exercícios: Concentração de Soluções
Lista de Exercícios: Concentração de SoluçõesLista de Exercícios: Concentração de Soluções
Lista de Exercícios: Concentração de Soluções
 
Pucmg2007
Pucmg2007Pucmg2007
Pucmg2007
 
Lista de Exercícios: Solucões
Lista de Exercícios: SolucõesLista de Exercícios: Solucões
Lista de Exercícios: Solucões
 
CINÉTICA QUIMICA REVISÃO
CINÉTICA QUIMICA REVISÃOCINÉTICA QUIMICA REVISÃO
CINÉTICA QUIMICA REVISÃO
 
QUÍMICA - CADERNO DE PROVAS
QUÍMICA - CADERNO DE PROVASQUÍMICA - CADERNO DE PROVAS
QUÍMICA - CADERNO DE PROVAS
 
Gabarito 2ª lista estequiometria
Gabarito 2ª lista  estequiometriaGabarito 2ª lista  estequiometria
Gabarito 2ª lista estequiometria
 
Gases exercícios
Gases exercíciosGases exercícios
Gases exercícios
 
Lista estudo - Terceiro COC - 3 UNIDADE
Lista estudo - Terceiro COC - 3 UNIDADELista estudo - Terceiro COC - 3 UNIDADE
Lista estudo - Terceiro COC - 3 UNIDADE
 
Cálculos químicos share
Cálculos químicos shareCálculos químicos share
Cálculos químicos share
 
Estequiometria - casos simples Rodriguinho Química de boa
Estequiometria - casos simples Rodriguinho Química de boaEstequiometria - casos simples Rodriguinho Química de boa
Estequiometria - casos simples Rodriguinho Química de boa
 
Gabarito da Lista de Exercícios: Solucões
Gabarito da Lista de Exercícios: SolucõesGabarito da Lista de Exercícios: Solucões
Gabarito da Lista de Exercícios: Solucões
 
Cinética química questoes
Cinética química questoesCinética química questoes
Cinética química questoes
 
Lista de exercicios solubilidade
Lista de exercicios solubilidadeLista de exercicios solubilidade
Lista de exercicios solubilidade
 
Listadeslocamento
ListadeslocamentoListadeslocamento
Listadeslocamento
 

Semelhante a Exercícios de R1 - 2ª série

Psa 17 cálculos estequimétricos
Psa 17   cálculos estequimétricosPsa 17   cálculos estequimétricos
Psa 17 cálculos estequimétricosFisica-Quimica
 
Reagente limitante e em excesso
Reagente limitante e em excessoReagente limitante e em excesso
Reagente limitante e em excessoFernanda Lima
 
Exercicio de estequiometria
Exercicio de estequiometriaExercicio de estequiometria
Exercicio de estequiometriaEstude Mais
 
Lista 50 estequiometria
Lista 50   estequiometriaLista 50   estequiometria
Lista 50 estequiometriaColegio CMC
 
Exercícios Estequiometria
Exercícios EstequiometriaExercícios Estequiometria
Exercícios Estequiometriaiqscquimica
 
2°em química rec final_exercícios
2°em química rec final_exercícios2°em química rec final_exercícios
2°em química rec final_exercíciosAdriana Ignácio
 
Lista de exercícios IV Cálculos Estequiométricos
Lista de exercícios IV Cálculos EstequiométricosLista de exercícios IV Cálculos Estequiométricos
Lista de exercícios IV Cálculos EstequiométricosCarlos Priante
 
Leis ponderais 2
Leis ponderais 2Leis ponderais 2
Leis ponderais 2Charles Qmc
 
Cálculo estequiométricos
Cálculo estequiométricosCálculo estequiométricos
Cálculo estequiométricosRogeria Gregio
 
Lista de exercícios - cálculo estequiométrico
Lista de exercícios - cálculo estequiométricoLista de exercícios - cálculo estequiométrico
Lista de exercícios - cálculo estequiométricosemestraltardetotem
 
Cálculos químicos
Cálculos químicosCálculos químicos
Cálculos químicosKaleb Reis
 
04 estequiometria-100801162153-phpapp01
04 estequiometria-100801162153-phpapp0104 estequiometria-100801162153-phpapp01
04 estequiometria-100801162153-phpapp01ferfla10
 
Quimica 5
Quimica 5Quimica 5
Quimica 5UFGRS
 
Exercicios segundo
Exercicios segundoExercicios segundo
Exercicios segundoDaiane Gris
 

Semelhante a Exercícios de R1 - 2ª série (20)

Psa 17 cálculos estequimétricos
Psa 17   cálculos estequimétricosPsa 17   cálculos estequimétricos
Psa 17 cálculos estequimétricos
 
Calculo estequiometrico
Calculo estequiometricoCalculo estequiometrico
Calculo estequiometrico
 
Lista 9 2014
Lista 9   2014Lista 9   2014
Lista 9 2014
 
Reagente limitante e em excesso
Reagente limitante e em excessoReagente limitante e em excesso
Reagente limitante e em excesso
 
cálculos químicos e soluções
cálculos químicos e soluçõescálculos químicos e soluções
cálculos químicos e soluções
 
Exercicio de estequiometria
Exercicio de estequiometriaExercicio de estequiometria
Exercicio de estequiometria
 
Lista 50 estequiometria
Lista 50   estequiometriaLista 50   estequiometria
Lista 50 estequiometria
 
Questões gerais de química_2º ano
Questões gerais de química_2º anoQuestões gerais de química_2º ano
Questões gerais de química_2º ano
 
Atividade Cálculos estequiométricos
Atividade Cálculos estequiométricosAtividade Cálculos estequiométricos
Atividade Cálculos estequiométricos
 
Exercícios Estequiometria
Exercícios EstequiometriaExercícios Estequiometria
Exercícios Estequiometria
 
2°em química rec final_exercícios
2°em química rec final_exercícios2°em química rec final_exercícios
2°em química rec final_exercícios
 
Lista de exercícios IV Cálculos Estequiométricos
Lista de exercícios IV Cálculos EstequiométricosLista de exercícios IV Cálculos Estequiométricos
Lista de exercícios IV Cálculos Estequiométricos
 
Leis ponderais 2
Leis ponderais 2Leis ponderais 2
Leis ponderais 2
 
Cálculo estequiométricos
Cálculo estequiométricosCálculo estequiométricos
Cálculo estequiométricos
 
Lista de exercícios - cálculo estequiométrico
Lista de exercícios - cálculo estequiométricoLista de exercícios - cálculo estequiométrico
Lista de exercícios - cálculo estequiométrico
 
Cálculos químicos
Cálculos químicosCálculos químicos
Cálculos químicos
 
Estequiometria
EstequiometriaEstequiometria
Estequiometria
 
04 estequiometria-100801162153-phpapp01
04 estequiometria-100801162153-phpapp0104 estequiometria-100801162153-phpapp01
04 estequiometria-100801162153-phpapp01
 
Quimica 5
Quimica 5Quimica 5
Quimica 5
 
Exercicios segundo
Exercicios segundoExercicios segundo
Exercicios segundo
 

Mais de V

Método de separação de misturas
Método de separação de misturasMétodo de separação de misturas
Método de separação de misturasV
 
Kevin trudeau curas naturais que eles nao querem que voce saiba
Kevin trudeau   curas naturais que eles nao querem que voce saibaKevin trudeau   curas naturais que eles nao querem que voce saiba
Kevin trudeau curas naturais que eles nao querem que voce saibaV
 
Reunião pais-7-03-12
Reunião pais-7-03-12Reunião pais-7-03-12
Reunião pais-7-03-12V
 
AR1 - 1º ano
AR1 - 1º anoAR1 - 1º ano
AR1 - 1º anoV
 
AR1 - 2º ano
AR1 - 2º anoAR1 - 2º ano
AR1 - 2º anoV
 
AR1 - 2º ano
AR1 - 2º anoAR1 - 2º ano
AR1 - 2º anoV
 
Resolução de AR1 - 3º ano
Resolução de AR1 - 3º anoResolução de AR1 - 3º ano
Resolução de AR1 - 3º anoV
 
Resolução exercícios de R1 - 3ª série - QII
Resolução exercícios de R1 - 3ª série - QIIResolução exercícios de R1 - 3ª série - QII
Resolução exercícios de R1 - 3ª série - QIIV
 
Exercícios de R1 - 3ª série - QII
Exercícios de R1 - 3ª série - QIIExercícios de R1 - 3ª série - QII
Exercícios de R1 - 3ª série - QIIV
 
Exercícios de R1 - 3ª série - QI
Exercícios de R1 - 3ª série - QIExercícios de R1 - 3ª série - QI
Exercícios de R1 - 3ª série - QIV
 
Resolução exercícios de R1 - 3ª série - QI
Resolução exercícios de R1 - 3ª série - QIResolução exercícios de R1 - 3ª série - QI
Resolução exercícios de R1 - 3ª série - QIV
 
Resolução exercícios de R1 - 2ª série
Resolução exercícios de R1 - 2ª sérieResolução exercícios de R1 - 2ª série
Resolução exercícios de R1 - 2ª sérieV
 
Avaliação Q. Orgânica - 3 ano
Avaliação Q. Orgânica - 3 anoAvaliação Q. Orgânica - 3 ano
Avaliação Q. Orgânica - 3 anoV
 
Exercícios de química - 9º ano
Exercícios de química - 9º anoExercícios de química - 9º ano
Exercícios de química - 9º anoV
 
A Evolução do Átomo
A Evolução do ÁtomoA Evolução do Átomo
A Evolução do ÁtomoV
 
Arlequim, pierrot, colombina1
Arlequim, pierrot, colombina1Arlequim, pierrot, colombina1
Arlequim, pierrot, colombina1V
 
Exercícios de nomenclatura
Exercícios de nomenclaturaExercícios de nomenclatura
Exercícios de nomenclaturaV
 
Exercícios de química orgânica
Exercícios de química orgânicaExercícios de química orgânica
Exercícios de química orgânicaV
 
Guia Prático Do Vestibular e Enem – Vol. 6
Guia Prático Do Vestibular e Enem – Vol. 6Guia Prático Do Vestibular e Enem – Vol. 6
Guia Prático Do Vestibular e Enem – Vol. 6V
 
A Química do Amor
A Química do AmorA Química do Amor
A Química do AmorV
 

Mais de V (20)

Método de separação de misturas
Método de separação de misturasMétodo de separação de misturas
Método de separação de misturas
 
Kevin trudeau curas naturais que eles nao querem que voce saiba
Kevin trudeau   curas naturais que eles nao querem que voce saibaKevin trudeau   curas naturais que eles nao querem que voce saiba
Kevin trudeau curas naturais que eles nao querem que voce saiba
 
Reunião pais-7-03-12
Reunião pais-7-03-12Reunião pais-7-03-12
Reunião pais-7-03-12
 
AR1 - 1º ano
AR1 - 1º anoAR1 - 1º ano
AR1 - 1º ano
 
AR1 - 2º ano
AR1 - 2º anoAR1 - 2º ano
AR1 - 2º ano
 
AR1 - 2º ano
AR1 - 2º anoAR1 - 2º ano
AR1 - 2º ano
 
Resolução de AR1 - 3º ano
Resolução de AR1 - 3º anoResolução de AR1 - 3º ano
Resolução de AR1 - 3º ano
 
Resolução exercícios de R1 - 3ª série - QII
Resolução exercícios de R1 - 3ª série - QIIResolução exercícios de R1 - 3ª série - QII
Resolução exercícios de R1 - 3ª série - QII
 
Exercícios de R1 - 3ª série - QII
Exercícios de R1 - 3ª série - QIIExercícios de R1 - 3ª série - QII
Exercícios de R1 - 3ª série - QII
 
Exercícios de R1 - 3ª série - QI
Exercícios de R1 - 3ª série - QIExercícios de R1 - 3ª série - QI
Exercícios de R1 - 3ª série - QI
 
Resolução exercícios de R1 - 3ª série - QI
Resolução exercícios de R1 - 3ª série - QIResolução exercícios de R1 - 3ª série - QI
Resolução exercícios de R1 - 3ª série - QI
 
Resolução exercícios de R1 - 2ª série
Resolução exercícios de R1 - 2ª sérieResolução exercícios de R1 - 2ª série
Resolução exercícios de R1 - 2ª série
 
Avaliação Q. Orgânica - 3 ano
Avaliação Q. Orgânica - 3 anoAvaliação Q. Orgânica - 3 ano
Avaliação Q. Orgânica - 3 ano
 
Exercícios de química - 9º ano
Exercícios de química - 9º anoExercícios de química - 9º ano
Exercícios de química - 9º ano
 
A Evolução do Átomo
A Evolução do ÁtomoA Evolução do Átomo
A Evolução do Átomo
 
Arlequim, pierrot, colombina1
Arlequim, pierrot, colombina1Arlequim, pierrot, colombina1
Arlequim, pierrot, colombina1
 
Exercícios de nomenclatura
Exercícios de nomenclaturaExercícios de nomenclatura
Exercícios de nomenclatura
 
Exercícios de química orgânica
Exercícios de química orgânicaExercícios de química orgânica
Exercícios de química orgânica
 
Guia Prático Do Vestibular e Enem – Vol. 6
Guia Prático Do Vestibular e Enem – Vol. 6Guia Prático Do Vestibular e Enem – Vol. 6
Guia Prático Do Vestibular e Enem – Vol. 6
 
A Química do Amor
A Química do AmorA Química do Amor
A Química do Amor
 

Último

Uniagil - LACP - Lean Agile Coach Professional 2024.pdf
Uniagil - LACP - Lean Agile Coach Professional 2024.pdfUniagil - LACP - Lean Agile Coach Professional 2024.pdf
Uniagil - LACP - Lean Agile Coach Professional 2024.pdfPatriciaAraujo658854
 
ATIVIDADE 1 - GCOM - TÉCNICAS DE NEGOCIAÇÃO E VENDAS - 512024.docx
ATIVIDADE 1 - GCOM - TÉCNICAS DE NEGOCIAÇÃO E VENDAS - 512024.docxATIVIDADE 1 - GCOM - TÉCNICAS DE NEGOCIAÇÃO E VENDAS - 512024.docx
ATIVIDADE 1 - GCOM - TÉCNICAS DE NEGOCIAÇÃO E VENDAS - 512024.docx2m Assessoria
 
ATIVIDADE 1 - CCONT - ADMINISTRAÇÃO FINANCEIRA E ORÇAMENTÁRIA - 512024.docx
ATIVIDADE 1 - CCONT - ADMINISTRAÇÃO FINANCEIRA E ORÇAMENTÁRIA - 512024.docxATIVIDADE 1 - CCONT - ADMINISTRAÇÃO FINANCEIRA E ORÇAMENTÁRIA - 512024.docx
ATIVIDADE 1 - CCONT - ADMINISTRAÇÃO FINANCEIRA E ORÇAMENTÁRIA - 512024.docx2m Assessoria
 
ATIVIDADE 1 - GFIN - FLUXO DE CAIXA E ADMINISTRAÇÃO DE CAPITAL DE GIRO - 5120...
ATIVIDADE 1 - GFIN - FLUXO DE CAIXA E ADMINISTRAÇÃO DE CAPITAL DE GIRO - 5120...ATIVIDADE 1 - GFIN - FLUXO DE CAIXA E ADMINISTRAÇÃO DE CAPITAL DE GIRO - 5120...
ATIVIDADE 1 - GFIN - FLUXO DE CAIXA E ADMINISTRAÇÃO DE CAPITAL DE GIRO - 5120...2m Assessoria
 
MAPA - GCOM - TÉCNICAS DE NEGOCIAÇÃO E VENDAS - 512024.docx
MAPA - GCOM - TÉCNICAS DE NEGOCIAÇÃO E VENDAS - 512024.docxMAPA - GCOM - TÉCNICAS DE NEGOCIAÇÃO E VENDAS - 512024.docx
MAPA - GCOM - TÉCNICAS DE NEGOCIAÇÃO E VENDAS - 512024.docx2m Assessoria
 
Aula 01 - Desenvolvimento web - A internet.pptx
Aula 01 - Desenvolvimento web - A internet.pptxAula 01 - Desenvolvimento web - A internet.pptx
Aula 01 - Desenvolvimento web - A internet.pptxHugoHoch2
 
MAPA - RH - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51-2024.docx
MAPA - RH - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51-2024.docxMAPA - RH - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51-2024.docx
MAPA - RH - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51-2024.docxjosecarlos413721
 
MAPA - INTRODUÇÃO À ENGENHARIA - 51-2024.docx
MAPA - INTRODUÇÃO À ENGENHARIA - 51-2024.docxMAPA - INTRODUÇÃO À ENGENHARIA - 51-2024.docx
MAPA - INTRODUÇÃO À ENGENHARIA - 51-2024.docxjosecarlos413721
 
MAPA - ADSIS - FUNDAMENTOS E ARQUITETURA DE COMPUTADORES - 512024.docx
MAPA - ADSIS - FUNDAMENTOS E ARQUITETURA DE COMPUTADORES - 512024.docxMAPA - ADSIS - FUNDAMENTOS E ARQUITETURA DE COMPUTADORES - 512024.docx
MAPA - ADSIS - FUNDAMENTOS E ARQUITETURA DE COMPUTADORES - 512024.docxjosecarlos413721
 
ATIVIDADE 1 - CCONT - PERÍCIA, ARBITRAGEM E ATUÁRIA - 512024.docx
ATIVIDADE 1 - CCONT - PERÍCIA, ARBITRAGEM E ATUÁRIA - 512024.docxATIVIDADE 1 - CCONT - PERÍCIA, ARBITRAGEM E ATUÁRIA - 512024.docx
ATIVIDADE 1 - CCONT - PERÍCIA, ARBITRAGEM E ATUÁRIA - 512024.docx2m Assessoria
 
MAPA - CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL II - 512024.docx
MAPA - CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL II - 512024.docxMAPA - CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL II - 512024.docx
MAPA - CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL II - 512024.docx2m Assessoria
 
MAPA - ESTATÍSTICA E PROBABILIDADE - 512024.docx
MAPA - ESTATÍSTICA E PROBABILIDADE - 512024.docxMAPA - ESTATÍSTICA E PROBABILIDADE - 512024.docx
MAPA - ESTATÍSTICA E PROBABILIDADE - 512024.docx2m Assessoria
 
MAPA - ADSIS - FUNDAMENTOS E ARQUITETURA DE COMPUTADORES - 512024.docx
MAPA - ADSIS - FUNDAMENTOS E ARQUITETURA DE COMPUTADORES  - 512024.docxMAPA - ADSIS - FUNDAMENTOS E ARQUITETURA DE COMPUTADORES  - 512024.docx
MAPA - ADSIS - FUNDAMENTOS E ARQUITETURA DE COMPUTADORES - 512024.docx2m Assessoria
 
Gadgets Inteligentes: Transformando o Modo como Vivemos .pdf
Gadgets Inteligentes: Transformando o Modo como Vivemos .pdfGadgets Inteligentes: Transformando o Modo como Vivemos .pdf
Gadgets Inteligentes: Transformando o Modo como Vivemos .pdfRicardoLealPintoDaSi
 
ATIVIDADE 1- TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 512024.docx
ATIVIDADE 1- TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 512024.docxATIVIDADE 1- TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 512024.docx
ATIVIDADE 1- TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 512024.docx2m Assessoria
 
MAPA - DESENHO TÉCNICO - 51-2024.docx
MAPA   -   DESENHO TÉCNICO - 51-2024.docxMAPA   -   DESENHO TÉCNICO - 51-2024.docx
MAPA - DESENHO TÉCNICO - 51-2024.docx2m Assessoria
 
Apresentação bichinhos da TI: o que é esse arquiteto de software
Apresentação bichinhos da TI: o que é esse arquiteto de softwareApresentação bichinhos da TI: o que é esse arquiteto de software
Apresentação bichinhos da TI: o que é esse arquiteto de softwareAleatório .
 
ATIVIDADE 1 - RH - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51-2024.docx
ATIVIDADE 1 - RH - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51-2024.docxATIVIDADE 1 - RH - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51-2024.docx
ATIVIDADE 1 - RH - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51-2024.docxjosecarlos413721
 
Serviços para fazer deploy do seu Frontend - react ceara 8 meetup 2024
Serviços para fazer deploy do seu Frontend - react ceara 8 meetup 2024Serviços para fazer deploy do seu Frontend - react ceara 8 meetup 2024
Serviços para fazer deploy do seu Frontend - react ceara 8 meetup 2024Ismael Ash
 
ATIVIDADE 1 - ADSIS - FUNDAMENTOS E ARQUITETURA DE COMPUTADORES - 512024.docx
ATIVIDADE 1 - ADSIS - FUNDAMENTOS E ARQUITETURA DE COMPUTADORES  - 512024.docxATIVIDADE 1 - ADSIS - FUNDAMENTOS E ARQUITETURA DE COMPUTADORES  - 512024.docx
ATIVIDADE 1 - ADSIS - FUNDAMENTOS E ARQUITETURA DE COMPUTADORES - 512024.docx2m Assessoria
 

Último (20)

Uniagil - LACP - Lean Agile Coach Professional 2024.pdf
Uniagil - LACP - Lean Agile Coach Professional 2024.pdfUniagil - LACP - Lean Agile Coach Professional 2024.pdf
Uniagil - LACP - Lean Agile Coach Professional 2024.pdf
 
ATIVIDADE 1 - GCOM - TÉCNICAS DE NEGOCIAÇÃO E VENDAS - 512024.docx
ATIVIDADE 1 - GCOM - TÉCNICAS DE NEGOCIAÇÃO E VENDAS - 512024.docxATIVIDADE 1 - GCOM - TÉCNICAS DE NEGOCIAÇÃO E VENDAS - 512024.docx
ATIVIDADE 1 - GCOM - TÉCNICAS DE NEGOCIAÇÃO E VENDAS - 512024.docx
 
ATIVIDADE 1 - CCONT - ADMINISTRAÇÃO FINANCEIRA E ORÇAMENTÁRIA - 512024.docx
ATIVIDADE 1 - CCONT - ADMINISTRAÇÃO FINANCEIRA E ORÇAMENTÁRIA - 512024.docxATIVIDADE 1 - CCONT - ADMINISTRAÇÃO FINANCEIRA E ORÇAMENTÁRIA - 512024.docx
ATIVIDADE 1 - CCONT - ADMINISTRAÇÃO FINANCEIRA E ORÇAMENTÁRIA - 512024.docx
 
ATIVIDADE 1 - GFIN - FLUXO DE CAIXA E ADMINISTRAÇÃO DE CAPITAL DE GIRO - 5120...
ATIVIDADE 1 - GFIN - FLUXO DE CAIXA E ADMINISTRAÇÃO DE CAPITAL DE GIRO - 5120...ATIVIDADE 1 - GFIN - FLUXO DE CAIXA E ADMINISTRAÇÃO DE CAPITAL DE GIRO - 5120...
ATIVIDADE 1 - GFIN - FLUXO DE CAIXA E ADMINISTRAÇÃO DE CAPITAL DE GIRO - 5120...
 
MAPA - GCOM - TÉCNICAS DE NEGOCIAÇÃO E VENDAS - 512024.docx
MAPA - GCOM - TÉCNICAS DE NEGOCIAÇÃO E VENDAS - 512024.docxMAPA - GCOM - TÉCNICAS DE NEGOCIAÇÃO E VENDAS - 512024.docx
MAPA - GCOM - TÉCNICAS DE NEGOCIAÇÃO E VENDAS - 512024.docx
 
Aula 01 - Desenvolvimento web - A internet.pptx
Aula 01 - Desenvolvimento web - A internet.pptxAula 01 - Desenvolvimento web - A internet.pptx
Aula 01 - Desenvolvimento web - A internet.pptx
 
MAPA - RH - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51-2024.docx
MAPA - RH - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51-2024.docxMAPA - RH - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51-2024.docx
MAPA - RH - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51-2024.docx
 
MAPA - INTRODUÇÃO À ENGENHARIA - 51-2024.docx
MAPA - INTRODUÇÃO À ENGENHARIA - 51-2024.docxMAPA - INTRODUÇÃO À ENGENHARIA - 51-2024.docx
MAPA - INTRODUÇÃO À ENGENHARIA - 51-2024.docx
 
MAPA - ADSIS - FUNDAMENTOS E ARQUITETURA DE COMPUTADORES - 512024.docx
MAPA - ADSIS - FUNDAMENTOS E ARQUITETURA DE COMPUTADORES - 512024.docxMAPA - ADSIS - FUNDAMENTOS E ARQUITETURA DE COMPUTADORES - 512024.docx
MAPA - ADSIS - FUNDAMENTOS E ARQUITETURA DE COMPUTADORES - 512024.docx
 
ATIVIDADE 1 - CCONT - PERÍCIA, ARBITRAGEM E ATUÁRIA - 512024.docx
ATIVIDADE 1 - CCONT - PERÍCIA, ARBITRAGEM E ATUÁRIA - 512024.docxATIVIDADE 1 - CCONT - PERÍCIA, ARBITRAGEM E ATUÁRIA - 512024.docx
ATIVIDADE 1 - CCONT - PERÍCIA, ARBITRAGEM E ATUÁRIA - 512024.docx
 
MAPA - CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL II - 512024.docx
MAPA - CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL II - 512024.docxMAPA - CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL II - 512024.docx
MAPA - CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL II - 512024.docx
 
MAPA - ESTATÍSTICA E PROBABILIDADE - 512024.docx
MAPA - ESTATÍSTICA E PROBABILIDADE - 512024.docxMAPA - ESTATÍSTICA E PROBABILIDADE - 512024.docx
MAPA - ESTATÍSTICA E PROBABILIDADE - 512024.docx
 
MAPA - ADSIS - FUNDAMENTOS E ARQUITETURA DE COMPUTADORES - 512024.docx
MAPA - ADSIS - FUNDAMENTOS E ARQUITETURA DE COMPUTADORES  - 512024.docxMAPA - ADSIS - FUNDAMENTOS E ARQUITETURA DE COMPUTADORES  - 512024.docx
MAPA - ADSIS - FUNDAMENTOS E ARQUITETURA DE COMPUTADORES - 512024.docx
 
Gadgets Inteligentes: Transformando o Modo como Vivemos .pdf
Gadgets Inteligentes: Transformando o Modo como Vivemos .pdfGadgets Inteligentes: Transformando o Modo como Vivemos .pdf
Gadgets Inteligentes: Transformando o Modo como Vivemos .pdf
 
ATIVIDADE 1- TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 512024.docx
ATIVIDADE 1- TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 512024.docxATIVIDADE 1- TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 512024.docx
ATIVIDADE 1- TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 512024.docx
 
MAPA - DESENHO TÉCNICO - 51-2024.docx
MAPA   -   DESENHO TÉCNICO - 51-2024.docxMAPA   -   DESENHO TÉCNICO - 51-2024.docx
MAPA - DESENHO TÉCNICO - 51-2024.docx
 
Apresentação bichinhos da TI: o que é esse arquiteto de software
Apresentação bichinhos da TI: o que é esse arquiteto de softwareApresentação bichinhos da TI: o que é esse arquiteto de software
Apresentação bichinhos da TI: o que é esse arquiteto de software
 
ATIVIDADE 1 - RH - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51-2024.docx
ATIVIDADE 1 - RH - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51-2024.docxATIVIDADE 1 - RH - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51-2024.docx
ATIVIDADE 1 - RH - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51-2024.docx
 
Serviços para fazer deploy do seu Frontend - react ceara 8 meetup 2024
Serviços para fazer deploy do seu Frontend - react ceara 8 meetup 2024Serviços para fazer deploy do seu Frontend - react ceara 8 meetup 2024
Serviços para fazer deploy do seu Frontend - react ceara 8 meetup 2024
 
ATIVIDADE 1 - ADSIS - FUNDAMENTOS E ARQUITETURA DE COMPUTADORES - 512024.docx
ATIVIDADE 1 - ADSIS - FUNDAMENTOS E ARQUITETURA DE COMPUTADORES  - 512024.docxATIVIDADE 1 - ADSIS - FUNDAMENTOS E ARQUITETURA DE COMPUTADORES  - 512024.docx
ATIVIDADE 1 - ADSIS - FUNDAMENTOS E ARQUITETURA DE COMPUTADORES - 512024.docx
 

Exercícios de R1 - 2ª série

  • 1. Nome: nº____ Professor (a): Valéria/Felipe Série: 2º Turma: Data: / /2011 Estequiometria 1. Numa 1ª experiência, 2 g de A combina-se com 8 g de B. 9. (UFV-MG) Sabendo-se que, quando uma pessoa fuma Numa 2ª experiência, 1,25 g de A combina-se com 5 g de um cigarro, pode inalar de 0,1 até 0,2 mg de nicotina. B. Estão esses valores de acordo com a Lei de Proust? Descobriu-se em laboratório que cada miligrama de nicotina contém 74,00% de carbono, 8,65% de 2. Numa 1ª experiência, 1,5 g de A combina-se com 0,5 g de hidrogênio e 17,30% de nitrogênio. Calcule a fórmula B. Numa 2ª experiência, juntamos 4,9 g de A com 1,4 g mínima da nicotina. de B. Os valores da 2ª experiência estão de acordo com a Lei de Proust? 10. Determine a fórmula molécula de um óxido de fósforo que apresenta 43,6% de P e 56,4% de O em massa, 3. (Ceeteps-SP) A queima de uma amostra de palha de aço sabendo que sua massa molecular é 284. (massas produz um composto pulverulento de massa: atômicas: P = 31; O = 16). a) Menor que a massa original da palha de aço. b) Igual à massa original da palha de aço. 11. (U. São Judas-SP) Um dos constituintes do calcário, da c) Maior que a massa original da palha de aço. casca do ovo, da pérola, na da concha do mar, usado d) Igual à massa de oxigênio do ar que participa da como matéria-prima na produção de cimento, tem a reação. seguinte composição centesimal: 40,1% de cálcio, 12,0% e) Menor que a massa de oxigênio do ar que participa de carbono e 48,0% de oxigênio. Sabendo-se que a sua da reação. massa molar é 100,1 g/mol, podemos afirmar que sua fórmula molecular é: 4. (Uespi) Quais quer que seja a procedência ou o processo de preparação do NaCℓ, podemos afirmar que sua 12. (PUC-Campinas-SP) A combustão realizada a altas composição é sempre 39,32% de sódio e 60,68 % de temperaturas é um dos fatores da poluição do ar pelos cloro, com base na lei de: óxidos de nitrogênio, causadores de infecções a) Lavoisier d) Richter respiratórias. A análise de 0,5 mol de um desses óxidos b) Dalton e) Avogadro apresentou 7,0 g de nitrogênio e 16 g de oxigênio. Qual a c) Prost sua fórmula molecular? 5. Calcule a composição centesimal do sulfato cúprico 13. Um composto, de fórmula mínima CH, e, massa pentahidratado (CuSO4.5H2O). molecular 78, apresenta a fórmula molecular: a) C6H6 d) C6H14 6. (PUC-RJ) A água oxigenada é uma solução de peróxido de b) C12H12 e) C6H10 hidrogênio (H2O2), fortemente anti-séptica, por liberar c) C3H3 O2. Os percentuais, em massa, de hidrogênio e oxigênio, nesse composto, são respectivamente: 14. (UMC-SP) Um sal higroscópico, muito usado nas a) 2% e 2% d) 5,9% e 94,1% indústrias farmacêuticas, tem uma massa molecular 280 b) 2% e 32% e) 50% e 50% e contém 25,8% de água de cristalização. O número de c) 4,0% e 4,0% moléculas de água de cristalização, que existe, em cada molécula do sal higroscópico mencionado, é: 7. (Vunesp) Ferritas são compostos com propriedades a) 3 moléculas. d) 10 moléculas. magnéticas e utilizados em componentes eletrônicos. A b) 4 moléculas. e) 12 moléculas. análise química de uma ferrita forneceu os resultados: c) 5 moléculas. Mg = 12%; Fe = 56%; O = 32%. Determine a fórmula mínima da ferrita. 15. (F. Carlos Chagas) De uma mistura de óxido férrico e 400 g de alumínio obtiveram-se 510 g de óxido de alumínio e 8. Sabendo que uma substância encerra 21,9% de cálcio, ferro metálico. Qual a massa de alumínio que restou sem 38,8% de cloro e 39,3% de água de cristalização, calcule reagir? sua fórmula mínima. a) 80g d) 270g b) 130g e) 320g c) 160g Exercícios de Recuperação 1 – 2011 1
  • 2. 16. (F. Carlos Chagas) O fertilizante sulfato de amônio pode 3. Foram agitados 39 g de Nitrato de Cálcio (Ca(NO3)2) com ser preparado pela reação: H2SO4 + 2NH3 (NH4)2SO4. 25 g de água a 18 °C. O sistema resultou heterogêneo e Quantos gramas do fertilizante são obtidos quando se faz por filtração foram obtidos 57,5 g de solução saturada. reagir 100 g de ácido sulfúrico em excesso de amônia? Calcule o Cs do sal a 18 °C. a) 115g d) 145g b) 125g e) 155g 4. A determinada temperatura, o Cs do iodeto de sódio c) 135g (NaCl) é de 180 g/100 g. Calcule a massa de água necessária para preparar uma solução saturada que 17. (OSEC-SP) Considere a relação representada pela contenha 12,6 g de sal na temperatura considerada. equação química não-balanceada Fe(s) + O2 (g) Fe2O3(s). Quantos mols de O2 reagem com 4,0 mols de Fe(s)? 5. A solubilidade de um sal aumenta linearmente com a a) 1,5 d) 3,0 temperatura. Sabe-se que, a 10 °C, 50 g desse sal foram, b) 2,0 e) 3,5 com água, 300 g de solução saturada. Aquecendo essa c) 2,5 solução a 50 °C, a saturação só é mantida se acrescentados 100 g do sal. Calcule o coeficiente de 18. (PUC/Campinas-SP) A combustão completa do metanol solubilidade desse sal em água a 35 °C. pode ser representada pela equação não-balanceada: CH3OH(ℓ) + O2(g) CO2(g) + H2O(ℓ). Quando se utilizam 5,0 6. As curvas de solubilidade de dois sólidos, A e B, em água, mols de metanol nessa reação, quantos mols de CO2 são são dadas no gráfico ao lado. produzidos? a) 1,0 d) 7,5 b) 2,5 e) 10 c) 5,0 19. (Omec-SP) Fazendo reagir 11,2 g de N2 com 1,8 g de H2, obtemos 5,1 g de NH3. O rendimento porcentual da reação, nessas condições, é de: a) 50 % b) 75 % a) Dissolvidos 20 g de A em 100 mL de H2O a 50 °C e, em c) 10 % seguida baixando a temperatura para 20 °C, que d) 25 % massa de A continua dissolvida? e) 100 % b) Dissolvendo 30 g de B em 100 mL de H2O a 50 °C e, em seguida baixando a temperatura para 20 °C, que massa de B precipita? c) Determine o Cs de B a 30 °C. Soluções d) Em qual temperatura os Cs de A e B são igual? 1. Foram misturados e agitados 200 g de sulfato de amônio 7. O ser humano adulto possui, em média, 5 L de sangue com 250 g de água, resultando em um sistema com cloreto de sódio dissolvido na concentração de 5,8 heterogêneo que, por filtração, forneceu 5 g de resíduo. g/L. Qual é a massa total de NaCℓ no sangue de uma Calcule o coeficiente de solubilidade do sal na pessoa adulta. temperatura em que a experiência foi realizada. 8. A água potável pode conter a quantidade máxima de 1,0 2. Utilize a curva de solubilidade do sal A para responder as 2+ mg de íons Ba por litro. Determine nessa proporção sua questões: porcentagem em massa de bário. (Dado: densidade da água potável = 1,0 g/mL) 9. O suco de laranja contém açúcares com concentração em torno de 104 g/L. Admitindo que o suco de duas laranjas 3 seja suficiente para encher um copo de 200 cm , determine a massa média de açúcares em cada laranja. 3 (Dado: 1 L = 1000 cm ) 10. Em um balão volumétrico de 400 mL, são colocadas 18 g de cloreto de sódio e água suficiente para atingir a marca a) Qual o coeficiente de solubilidade desse sal a 90 °C? E do gargalo. A concentração dessa solução será igual a: a 30 °C? a) 18 g/mL; d) 45 g/L; b) Suponha a preparação de uma solução saturada de A b) 18 g/L; e) 4,5 g/mL. em 100 g de água, a 90 °C, e o posterior resfriamento, c) 45 g/mL; a 30 °C. Qual a massa desse sal que ficaria separada formando a fase sólida a 30 °C? 2 Exercícios de Recuperação 1 – 2011