Escravatura no seculo XVIII 
Disciplina: 
H.G.P. ; L.P.O.
Imagens da escravaturas
Biografia sob Padre António Vieira 
• Antônio Vieira tinha 6 anos 
quando veio para o Brasil, 
ingressando pouco depois 
n...
Continuação 
• Como pregador, defendia os interesses do Brasil contra a 
ganância da Metrópole, defendia os escravos, os j...
História sobre escravatura 
• Durante o domínio filipino, os inimigos de Espanha (Holanda, Grã-Bretanha, 
França) ocuparam...
Descrição do Trabalho 
• O trabalho do grupo está bom ; cada slide 
tem o seu fundo ; no primeiro slide ; no 
segundo slid...
Sites que consultei 
• http://pt.wikipedia.o 
rg/wiki/Escravatura_ 
no_Brasil 
• http://www.google.p 
t/imghp?hl=pt- 
PT&t...
Trabalho elaborado 
• Vagner Lin; 
• João Galiza.
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Escravatura no seculo xvIII1

294 visualizações

Publicada em

Este trabalho é um bom estrumento para estudar!!!!!!!!!!
Ver ate ao fim!!!!!

Publicada em: Educação
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Escravatura no seculo xvIII1

  1. 1. Escravatura no seculo XVIII Disciplina: H.G.P. ; L.P.O.
  2. 2. Imagens da escravaturas
  3. 3. Biografia sob Padre António Vieira • Antônio Vieira tinha 6 anos quando veio para o Brasil, ingressando pouco depois no Colégio dos Jesuítas. Como noviço na Companhia de Jesus, em 1624 foi encarregado de escrever a carta Ânua – o relato anual das atividades dos jesuítas aos superiores em Lisboa. No ano seguinte, fez seu voto de castidade, pobreza e obediência, deixando a condição de noviço para iniciar os estudos de Teologia. Foi professor de Retórica em Olinda no ano de 1627, pregador na Bahia em 1633, ordenando-se em 1638.
  4. 4. Continuação • Como pregador, defendia os interesses do Brasil contra a ganância da Metrópole, defendia os escravos, os judeus e insistiu numa ação decisiva contra o invasor holandês. • Fundou a Companhia Geral do Comércio do Brasil e foi ministro em Haia, em 1646, quando escreveu o documento Papel Forte, pelo qual foi apelidado em Lisboa de "Judas do Brasil". • Em 1662 foi expulso do Brasil para Portugal, onde exerceu a função de confessor da regente Dona Luísa e pregador da Capela Real. A mando do novo rei, Dom Afonso VI, foi desterrado para a cidade do Porto. Preso pela Inquisição e posto em liberdade por Dom Pedro, obteve sua absolvição quando viajou para Roma, em 1675. • Retornou ao Brasil em 1681, instalando-se na Bahia. Os sermões e cartas que deixou são considerados verdadeiros monumentos da literatura barroca e da ciência política. • Também deixou fragmentos de um livro de profecias, que tinha o nome de Clavis Prophetanum, publicado em 1718 sob o título de História do Futuro.
  5. 5. História sobre escravatura • Durante o domínio filipino, os inimigos de Espanha (Holanda, Grã-Bretanha, França) ocuparam parte do Império Português, sobretudo a Oriente. • O Brasil veio então tomar o lugar que tinha antes a Índia na economia portuguesa. O açúcar, primeiro, o ouro e os diamantes, depois, eram agora as principais riquezas que chegavam ao reino. • Muitos milhares de colonos portugueses emigraram para o Brasil, na esperança de enriquecer. • Mas as plantações de açúcar e os engenhos exigiam muita mão-de-obra. • Os primeiros colonos tentaram utilizar os índios como mão-de-obra escrava. Mas estes, habituados à liberdade, não se adaptaram ao trabalho: revoltavam-se, adoeciam, fugiam... Foi de África que começaram a vir os escravos necessários à cada vez maior produção de açúcar. • O principal comércio fazia-se, assim, através do Atlântico: os navios partiam de Portugal e dirigiam-se à costa africana, de onde levavam sobretudo escravos para o Brasil; daqui, traziam açúcar, ouro e diamantes. • Os escravos trabalhavam nas plantações de açúcar, nos engenhos e nas minas.
  6. 6. Descrição do Trabalho • O trabalho do grupo está bom ; cada slide tem o seu fundo ; no primeiro slide ; no segundo slide temos as imagens do escravatura ; no terceiro e no quarto slide temos a biografia sob Padre António Vieira ; no quinto temos a historia sob escratura ; no sexto slide temos a discrição do trabalho ; no sétimo slide temos sítios que consultei ; no oitavo slide esta o nomes de pessoas que fez o trabalho.
  7. 7. Sites que consultei • http://pt.wikipedia.o rg/wiki/Escravatura_ no_Brasil • http://www.google.p t/imghp?hl=pt- PT&tab=wi • Livro do 8º ano. • Livro do 6ºano.
  8. 8. Trabalho elaborado • Vagner Lin; • João Galiza.

×