Mídias Sociais - Conceito e Relevância

2.494 visualizações

Publicada em

Palestra sobre Mídias Sociais, realizada na 1ª Convenção Unilife Vitamins Regional SP. Administrada por Sidney Szpalir, Coordenador do Departamento de Mídias Sociais da Unilife Vitamins.

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.494
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
72
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Mídias Sociais - Conceito e Relevância

  1. 1. MÍDIAS SOCIAIS Conceito e Relevância
  2. 2. Mídias SociaisMídia Social é a comunicação de todos para todos. Até poucos anos atrás a comunicaçãode massa era de um para todos. Da TV para o telespectador, do jornal para o leitor, da rádiopara o ouvinte e assim por diante. Quem detinha os meios de comunicação, detinha o poder.Isso mudou! Agora todos podem produzir e receber informações através da maior rede decomunicação do planeta: a Internet. “Mídia” são os meios e “Sociais” são os relacionamentos.As mídias sociais são meios de comunicação livres, onde qualquer pessoa pode publicarconteúdo (foto, vídeo, apresentação ou qualquer outra fonte de informação) sem que elaseja moderada por grandes grupos de comunicação. Este termo existia antes mesmo dasferramentas de mídias sociais online (Internet) existirem, porém foi após a criação destasferramentas que as mídias sociais se difundiram. Isto acontece devido à grande facilidade napropagação de informações que estas ferramentas possibilitam.As mídias sociais têm desempenhado um papel importante nas empresas. Elas permitem adivulgação de produtos e marcas, a interação com clientes e a descoberta de soluções parao crescimento dos negócios. O assunto é tão relevante que, no ranking da revista Forbes, porexemplo, as 100 maiores empresas do mundo têm um departamento de mídia social, separa-do dos departamentos de marketing.
  3. 3. Hoje estamos vendo ações como a do Guaraná An-tarctica que lançou uma lata azul para comemorar os10 milhões de fãs declarados da marca no Facebook.A empresa produziu 10 milhões de latinhas trocandosua tradicional cor verde pelo azul da rede social Fa-cebook. Isso mostra o quanto as mídias sociais estãoalterando a forma como se faz marketing e publici-dade.O que tem motivado estas mudanças?Mais uma vez a resposta é a mudança do comportamento do consumidor e de como é a for-mação dos novos compradores. Uma criança há cerca de 30 anos atrás formava sua opiniãoouvindo dos pais o que era certo ou errado e recebendo da escola as versões de como erao mundo. A geração de agora não consome mais as informações através dos olhos de pes-soas e instituições. Eles consomem o mundo através do computador e pela tela do celular.Tudo sem muitos filtros. Esse acesso amplo a informação está potencializando a importânciado marketing digital.
  4. 4. Marketing Tradicional Vs. Mídias Sociais,o Gritar Vs. Conversar!A melhor maneira de ilustrar este conceito é pen-sarmos em táticas tradicionais de marketing de umamarca. Vamos usar o seguinte exemplo: coloque umanúncio em um outdoor de 9,0 x 3,0 metros com umamodelo de corpo escultural segurando um pote deÓleo de Coco, em uma área onde circulam váriasmulheres “alvo” em uma cidade. Esse tipo de campa-nha poderia ser considerada do estilo “GRITAR”.O outdoor não está entrando em contato com seualvo, está é ocupando um espaço que é visualmen-te bastante grande, de modo que as pessoas vejame gostem ou não. Ao verificar os resultados é difícilquantificar o impacto positivo.Agora, olhemos para outro cenário. Uma pessoa pu-blica em seu perfil no Facebook ou Twitter: “Eu te-nho um casamento para ir no meio do ano e precisoentrar naquele vestido azul maravilhoso. Alguém tem
  5. 5. alguma ideia?” Imediatamente, sua rede de amigos começa a sugerir uma série de opçõespara resolver este impasse. Vamos supor que, em algum momento, haja interesse em umadas sugestões, e a pessoa comece a perguntar sobre preços, benefícios para a saúde, eoutros.Neste ponto, nós geramos uma conversa. E uma conversa na qual as empresas devem sa-ber como entrar, SEM GRITAR, mas o mais amigavelmente possível. É quase certo que sea empresa ou marca tem boa capacidade de “conversação” isso irá gerar resultados muitopositivos.O Verdadeiro Papel das Mídias SociaisOs consumidores sempre reclamaram ou elogiaram os produtos e marcas que consomem,porém as mídias sociais deram voz para cada um desses consumidores e as marcas queantes ignoravam essas reclamações, passaram a ouví-las com tanta intensidade como sealguém estivesse gritando-lhe em seus ouvidos.Até o prezado momento muitas marcas ainda não conseguem lidar com as redes sociais.Muitas as encaram como mais uma forma de divulgar sua marca, como se as redes sociaisfossem mídia e não canal. No entanto, ter sua presença digital nas redes sociais não implicaem ganhos mensuráveis a curto prazo, mas implica em ter um real relacionamento com seuconsumidor.
  6. 6. O departamento de mídia social deve monitorar as redes sociais, pensar em estratégias paraa divulgação dos produtos e ficar atento aos acontecimentos da internet para tentar inserira empresa em diversos contextos, construindo relacionamentos e construindo fidelização eidentidade do público para com a marca da empresa.Dessa forma, além do conteúdo adequado, voltado para sua marca, é preciso gerar valor etransformar seu consumidor em parceiro, contribuidor.Marcas que entendem e praticam o relacionamento mais próximo criam oportunidades difer-entes e multiplicam os resultados.Mas o que são Redes Sociais?Uma rede social é uma conexão de pessoas, que visa o compartilhamento de informações,valores e objetivos em comum. É uma comunidade ou rede de pessoas que não está limitadaa uma estrutura ou ou mídia. É um grupo de pessoas que compartilham um único interesse.Redes Sociais hoje estão associadas ao orkut, ao twitter, ao facebook, linkedin e etc.Então Redes Sociais são focadas no relacionamento, entre pessoas, com um mesmo objeti-vo. Pode ser feito online, através dessas ferramentas citadas acima, ou até mesmo pelo msn,numa conversa com mais pessoas, por um grupo de email ou até como podem ser offline.
  7. 7. Redes Sociais é o nome que colocaram para os sites que fornecem a possibilidade das pes-soas se reunirem por qualquer que seja o motivo.De forma resumida, Mídias Sociais é o nome que colocaram para o trabalho de marketingonline dentro das redes sociais.As 4 regras básicas das mídias sociais:1. Mídias Sociais quer dizer permitir conversações.2. Você não pode controlar conversações, mas você pode influenciá-las.3. Seja social nas mídias sociais. Sua empresa não pode falar apenas dela mesma. Construarelacionamentos, dê respostas rápidas, seja honesto e sincero, e lembre-se de que as mídiassociais são um diálogo, não um monólogo.4. O uso do texto nas mídias sociais deve ser de acordo com a linguagem do público-alvo.Sempre lembrando no planejamento se a forma de comunicação vai ser formal, informal ouintermediária.
  8. 8. Repare nesses números impressionantes:* Aproximadamente 152 milhões: Número de blogs existentes na internet.* O Brasil é o segundo em usuários no YouTube, Gmail e Twitter.* 90 milhões: número de tweets no Twitter por dia, sendo que 25% deles contêm links.* 700 bilhões: número de minutos que as pessoas do mundo todo passam por mês no Face-book.* Mais de 200 milhões de pessoas usam o Facebook em dispositivos móveis.* 5 bilhões: Fotos hospedadas no site de compartilhamento Flickr.* 2 bilhões: Média de vídeos exibidos no YouTube em um dia.* No Brasil, mais de 85% dos internautas participam de alguma mídia social.
  9. 9. Presença da Unilife Vitaminsna Internet www.facebook.com/ProdutosUnilife www.twitter.com/ProdutosUnilife www.flickr.com/photos/UnilifeVitamins www.youtube.com/UnilifeVitamins gplus.to/ProdutosUnilife linkedin.com/company/unilife-vitamins
  10. 10. Para finalizarUma consideração que deve ser levada em conta para finalizar, é que nem as redes sociais,nem as mídias sociais sobrevivem sem as pessoas. Sem as pessoas, o Youtube, o Facebook,o Vimeo, o Twitter não teriam as dimensões que tem hoje. Afinal, a Internet não é uma redede computadores, é uma rede de pessoas.Portanto, mude a forma tradicional de tratamento com o seu cliente. Em outras palavras,pare de tratar o seu cliente como cliente e comece a tratá-lo como o ser humano que desejacomprar o seu produto, virar fã da sua marca e ter um contato mais próximo e amplo com ela.

×