ASSOCIAÇÃO ESPÍRITA JOANNA DE ÂNGELIS
Fundada em 07 de Janeiro de 2005
CNPJ nº 07773558/0001-59 - Filiada a FERGS sob o nº...
NÃO CENSURES
Não lances sobre teu irmão temporariamente desviado do
caminho do bem a censura cáustica e impiedosa, mas con...
DEPOIS DE CAIR
O homem que foge aos seus problemas não os
supera.
É natural que os enfrente
...e que os experimente.
Não h...
DEPARTAMENTO DOUTRINÁRIO (DEDO)
DEFINIÇÃO DO BRASIL
Achamo-nos todos à frente do Brasil, nele
contemplando a civilização c...
DEPARTAMENTO DE ASSUNTOS DA FAMÍLIA (DAFA)
EVANGELHO NO LAR
1 – Escolha o dia e hora de sua preferência;
2 – Escolha um do...
DEPARTAMENTO DA INFÂNCIA E DA JUVENTUDE (DIJ)
AS EVANGELIZAÇÕES INICIAM NO DIA 08 DE MARÇO/2014.
AS INSCRIÇÕES JÁ PODEM SE...
DEPARTAMENTO DE PROMOÇÃO SOCIAL ESPÍRITA (DAPSE)
CARIDADE
No luxuoso escritório de sua empresa, o homem de
negócios fazia ...
NAS TENTAÇÕES
Não vitalize, mediante a fixação mental, as ideias
negativas.
O “mal” não consiste em ser visitado pelo
pens...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

O mensageiro fev-14-publicação

377 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
377
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
170
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

O mensageiro fev-14-publicação

  1. 1. ASSOCIAÇÃO ESPÍRITA JOANNA DE ÂNGELIS Fundada em 07 de Janeiro de 2005 CNPJ nº 07773558/0001-59 - Filiada a FERGS sob o nº 469 End: Rua Carlos Paulleto, Quadra 63, Casa 18, Tancredo Neves Cep. 97032-090 – Santa Maria/RS Blog: http://assoc-espirita-joanna-de-angel3.webnode.com/ EDIÇÃO XXVII ANO III EXPOSIÇÕES DOUTRINÁRIAS PARA FEVEREIRO/2014 QUINTA – FEIRA ÀS 20:00H DIA EXPOSITOR TEMA SOCIEDADE 06 CLAITON VIVÊNCIA ESPÍRITA POTY 13 CRISTIANO PRECE-UM ATO DE ADORAÇÃO A DEUS SEMENTES DE LUZ 20 LIDIA ONDE ENCONTRAR A PAZ AEJA 27 ROBERTO DESENCARNAÇÃO AEJA SÁBADO ÀS 14:30H TEMA DIA EXPOSITOR SOCIEDADE 01 EDSON FÉ-COMBUSTÍVELPARA A ALMA IRMÃ ROLICA 08 ANELISE OS PRAZERES DA ALMA AEJA 15 DULCYMAR RESILIÊNCIA MENNA BARRETO 22 ANTÔNIO NÃO JULGUEIS PARA NÃO SERDES JULGADOS AEJA Risoto: dia 09/02/2014 (domingo) a partir da 11:45H. ao preço de R$5,00 , haverá venda de “sobremesas”- Nesse dia o Brechó abrirá das 9:30H às 11:45H PROJETO SEDE PRÓPRIA – Participe de várias maneiras: adquirindo o Risoto, produtos no brechó, livros que estão à venda na secretaria, doando latinhas de alumínio, contribuindo com outras doações e também com ideias. Conta para depósito Banrisul Ag. 0369 - Conta poupança nº 41006679.0-8 Se aprendermos a escutar e a aceitar nossa intuição e a atuar segundo ela, poderemos conectar-nos com Poder Superior do universo e permitiremos que se converta em nossa força condutora. Shakti Gawain
  2. 2. NÃO CENSURES Não lances sobre teu irmão temporariamente desviado do caminho do bem a censura cáustica e impiedosa, mas considera a possibilidade do erro por ignorância do que já te é dado conhecer, graças à benção da oportunidade que ele ainda não teve. Todos nós percorremos trilhas de sombras e nos manchamos em ações infelizes, até que a Misericórdia Divida nos mostre novas sendas de libertação. Recorda o exemplo de Jesus, a perdoar e a socorrer os criminosos. Os trânsfugas de Deus que enveredaram pelas paixões do mundo. É pelo amor que nos elevamos, que aprendemos a ser mais os outros que nós mesmos, doando-nos espontaneamente como a chuva e o sol para o milagre da vida na terra. Somos a água que fecunda e a luz que salva, quando buscamos a Fonte do Céu e o Amor-Sol Jesus! (extraído do livro “Centelhas da Vida” Vinícius/Pedro de Camargo) OFICINA DA COSTURA End: Rua Julio Dias de Souza, Quadra 10, Casas 12b - T. Neves Fone: (55) 3214-2641 e 9935-0144 com LIDIA Confecções e reformas em geral - Sua roupa com estilo no preço certo Crença Um educador secular na Rússia Comunista estava dando uma aula sobre Ciências e Ética aos seus jovens alunos. O tema em discussão era a idéia de "crença versus realidade". Ele começou sua palestra com a alegação que tudo aquilo que não pode ser visto não existe. "Vocês sabem por que não podem ver um disco voador no céu?" perguntou o professor à audiência. "Porque não existe! E pelo mesmo motivo, todos acreditamos que não há nenhum Deus neste mundo. Não podemos vê-Lo, portanto Ele não existe." Um estudante esperto, sentado ao fundo da sala, levantou a mão e saiu-se com essa: "Isso significa que o professor não tem cérebro? Quero dizer, nenhum de nós pode vê-lo Ajuda Um menino pequeno estava se esforçando para mover um pesado armário, mas o móvel não cedia. Ele empurrava e puxava com toda sua força, mas não conseguia movê-lo nenhum centímetro. O pai, que ali chegava, parou para observar os esforços vãos do filho. Finalmente perguntou: "Filho, está usando toda a sua força?" "Sim, estou!" gritou o garoto, exasperado. "Não", disse calmamente o pai, "você não está. Não me pediu para ajudá-lo.
  3. 3. DEPOIS DE CAIR O homem que foge aos seus problemas não os supera. É natural que os enfrente ...e que os experimente. Não há quem sacie a sede, sem beber água. Por estranho que pareça, quando sucumbe á tentação é que o homem cria resistência para combatê-la. Somente quando agredido por antígenos é que o organismo desenvolve anticorpos. Ninguém precisa cair-se para sustentar-se de pé, mas aquele que já caiu possui maior noção de equilíbrio. Em muitos casos, enquanto não se expõe ao prazer e às suas consequências, o homem não consegue abominá-lo. Na imagem bíblica, não tivesse sido proibido, Adão não cobiçaria o fruto do pecado... Ao experimentá-lo, viu-se expulso do paraíso... Comeu a Árvore da Sabedoria...Ficou sabendo... Alcançou, por si mesmo, o discernimento de que o mal é o mal... Não porque assim lhe tenha sido ordenado, mar porque provou o seu gosto amargo. Porque cai repetidas vezes, a criança desenvolve o senso de equilíbrio. Extraído do livro “Passo a Passo” de Carlos Bacceli/Irmão José. Aquele que cede ante ao obstáculo, que desiste diante da dificuldade já perdeu a batalha sem a ter enfrentado. Não raro, o obstáculo e a dificuldade são mais aparentes que reais, mais ameaçadores do que impeditivos. Só se pode avaliar após o enfrentamento. Ademais, cada vitória conseguida se torna aprimoramento da forma de vencer e cada derrota ensina a maneira como não se deve tentar a luta. Essa conquista é proporcionada mediante o esforço de prosseguir sem desfalecimento e insistir após cada pequeno ou grande insucesso. O objetivo deve ser conquistado, e, para tanto, a coragem do esforço contínuo é indispensável. Muitas vezes será necessário parar para refletir, recuar para renovar forças e avançar sempre. É uma salutar estratégia aquela que faculta perder agora o que é de pequena monta para ganhar resultados permanentes e de valor expressivo depois. Joanna de Ângelis
  4. 4. DEPARTAMENTO DOUTRINÁRIO (DEDO) DEFINIÇÃO DO BRASIL Achamo-nos todos à frente do Brasil, nele contemplando a civilização cristã, em seu desdobramento profundo. Nele, os ensinamentos de Jesus encontram clima adequado à vivência precisa. Em verdade, testemunhamos todos, na atualidade da Terra, a expansão da angústia por falta de apoio espiritual às novas gerações, chamadas pela Ciência à contemplação do Universo. Agigantou-se o raciocínio da Humanidade, imperioso se lhe alteie também o sentimento às elevadas esferas em que se lhe paira hoje o cérebro, no domínio das estrelas. Embora nos reconheçamos necessitados da fé raciocinada com o discernimento da Doutrina Espírita, é forçoso observar que não é a queda dos símbolos religiosos aquilo de que mais carecemos para estabelecer a tranquilidade e a segurança entre as criaturas, mas sim a nova versão deles, porquanto sem a religião orientando a inteligência cairíamos todos nas trevas da irresponsabilidade, com o esforço de milênios volvendo talvez à estaca zero, do ponto de vista da organização material na vida do Planeta. Compreendamos todos que, na oculta dinâmica das galáxias, das estrelas fixas, do espaço curvo, da rotação da Terra, das ondas elétricas, das ciências psicológicas que presentemente se entregam a laborioso trabalho de definição do Homem nas suas mais íntimas estruturas, Deus – ou a sabedoria onipresente do Universo – por seus mensageiros fala ao Mundo uma nova linguagem. Se o Brasil puder conservar-se na ordem e na dignidade, na Justiça e no devotamento ao progresso que lhe caracterizam os dirigentes, mantendo no trabalho e a fraternidade, a cultura e a compreensão de sempre, para resolver os problemas da comunidade e, com o devido respeito à personalidade humana e com o devido acatamento aos outros povos, decerto que cumprirá os seus altos destinos de pátria do Evangelho, na qual a Religião e a Ciência, enfim unidas, se farão as bases naturais da felicidade comum através da pratica dos ensinamentos vivos de Jesus Cristo. (Extraído do livro “Encontro no tempo” Chico Xavier/Emmanuel) HORÁRIO DAS ATIVIDADES SEXTAS-FEIRAS DAS 20:00H ÀS 21:00 – ESTUDO DE O LIVRO DOS ESPIRITOS; SEGUNDAS-FEIRAS DAS 19:45H ÀS 21:00H – ESTUDO DA MEDIUNIDADE; QUARTAS-FEIRAS DAS 19:00H ÀS 21:00H – ESTUDO DO EVANGELHO SEGUNDO ESPIRITISMO, APOIO ESPIRITUAL E IRRADIAÇÕES; ATENDIMENTO FRATERNO (ORIENTAÇÃO ESPIRITUAL): AS QUINTAS-FEIRAS A PARTIR DAS 19:00H. ATENÇÃO: O GRUPO DE ESTUDOS DE “O LIVRO DOS ESPÍRITOS” DAS SEXTASFEIRAS RETORNARÁ AS SUAS ATIVIDADES A PARTIR DO DIA 07 DE MARÇO DE 2014, TODOS SÃO BEM VINDOS
  5. 5. DEPARTAMENTO DE ASSUNTOS DA FAMÍLIA (DAFA) EVANGELHO NO LAR 1 – Escolha o dia e hora de sua preferência; 2 – Escolha um dos aposentos silencioso e agradável da casa; 3 – Coloque uma jarra com água sobre a mesa para a magnetização; 4 – Sentar-se à mesa sem alarde e sem barulho; 5 – Fazer a prece de abertura, pode ser uma prece pronta ou uma prece espontânea, o importante é o sentimento da fé e a confiança na Proteção Divina; 6 – Após, fazer uma leitura breve do Evangelho, comentar com os membros presentes o trecho lido; 7 – Proferir a prece de encerramento e rogar, como exemplo, pela harmonia e saúde no Lar e dos familiares e, também, pelas pessoas que estão sofrendo males físicos e espirituais. 8 – Servir, após a prece de encerramento, a água magnetizada; 9 – Tempo: o necessário para a família, em torno de 15 a 30 min. Música: sim, se for do agrado de todos, de preferência música instrumental, em volume baixo. NA FAMILIA [...] Não somente na intimidade das paredes do lar doméstico se encontra a família a que estamos vinculados. Não apenas além da porta do nosso lar defrontaremos corações afeiçoados ou adversários, junto aos quais temos deveres, como membros da nossa outra família. No lar o impositivo da evolução, trabalha os espíritos que se congregam em interdependência para a estrutura da sociedade humana. Fora das dimensões do lar repontam os espíritos que nos estão vinculados, necessitando do nosso entendimento e da nossa comunhão para se levantarem ou nos levantarem, na direção da vida. O lar, invariavelmente, é a oficina de moldagem em que o malho, e a bigorna do sofrimento plasmam as peças que proporcionam felicidade em conjunto, estabelecendo as diretrizes da fraternidade real. No campo imenso da família universal, também a bigorna e o malho laborando incessantemente, produzem formas que o nosso amor deve plasmar, usando a água generosa da compreensão e os instrumentos do aperfeiçoamento pelo amor, para consolidar o programa astésico da nossa redenção. A família do La é o nosso dever imediato, a família humana é o nosso campo de serviço. Desdenhar o lar pela humanidade significa fugir do dever pretextando dever. Abandonar a humanidade em nome do ninho doméstico representa estabelecer egoísmo onde se dve distender solidariedade. Na intimidade consanguínea, restauramos velhos débitos, desatamos liames de conjunturas dolorosas, fixamos caracteres de sublimação. Entre os homens da imensa família humana, reatamos laços que estavam desligados através dos tempos, refundimos expressões de amor que pareciam desvitalizados, plantamos as sementes da esperança para o porvir. [...] Extraído do livro “ Ementário Espírita” Divaldo P.Franco/marco Prisco
  6. 6. DEPARTAMENTO DA INFÂNCIA E DA JUVENTUDE (DIJ) AS EVANGELIZAÇÕES INICIAM NO DIA 08 DE MARÇO/2014. AS INSCRIÇÕES JÁ PODEM SER FEITAS NAS QUINTASFEIRAS A PARTIR DAS 19:30H E NOS SÁBADOS A PARTIR DAS 14:00H COM A LIDIA, TATIANA OU AMANDA. HORÁRIO DAS EVANGELIZAÇÕES NOS SÁBADOS GRUPO 1 – AS 14:30H DOS 4 ANOS AOS 6 ANOS DE IDADE. GRUPO 2 – AS 14:30H DOS 7 ANOS AOS 12 ANOS DE IDADE. Queridos irmãos! Todos vocês se prepararam para realizar a evangelização das almas na Terra. Nosso bondoso Pai enviará junto a cada um, um irmão mais experiente e dedicado, a fim de lhes auxiliar no cumprimento das suas tarefas. O trabalho não será fácil e muito menos reconhecido pela maioria. As forças inferiores tentarão desviá-los deste caminho abençoado, mas todos possuem dentro de si, a força necessária para vencê-las. Mantenham a fé, através deste trabalho terão oportunidade de redimir-se de seus erros, ajudarão a acender as luzes das almas aflitas e os maiores beneficiados serão vocês. Lembrem-se que as crianças com aparência angelical, são espíritos milenares, com muitos débitos, mas também com o germe da perfeição a ser desenvolvido e despertado pela dedicação de cada um. Somente o amor poderá sensibilizar as crianças. Elevem suas vibrações a fim de que o ambiente possa ser impregnado por nós de energias salutares e reconfortantes. Caso contrário, as crianças não conseguirão sintonia, impedindo nossa intervenção. Não desanimem! Procurem sempre a união! Quando precisarem de auxílio, estaremos em contato mais direto através da prece. Utilizem este recurso valioso para se reestabelecerem de energias. No momento oportuno serão convidados a evangelizar. Pensarão que foi ao acaso, mas aos poucos sentirão aflorar a preparação aqui realizada. Quem é evangelizador já reencarna com esta incumbência. Eu, assim como Nosso Pai, confio em vocês! Sigam em frente! O trabalho os aguarda. Fiquem em paz! Texto: Liamara Nascimento - Grupo Espírita Seara do Mestre
  7. 7. DEPARTAMENTO DE PROMOÇÃO SOCIAL ESPÍRITA (DAPSE) CARIDADE No luxuoso escritório de sua empresa, o homem de negócios fazia grandes doações. Ajudava instituições beneficentes diversas. Lares de órfãos, abrigos de velhos, sanatórios de obsidiados, hospitais de misericórdia, escolas gratuitas, enxovais a recém-nascidos, leite a crianças desnutridas e alimento diário aos necessitados. Contudo, no momento em que mostrava larga generosidade descobriu nos documentos assinados algumas incorreções. Chamou a funcionária e repreendeu-a com aspereza. Relacionou-lhe os erros sem qualquer discrição. Dirigiu-lhe a palavra com severidade excessiva. Ridicularizou-a perante os colegas de trabalho. Por fim, tão grande foi à humilhação, que a pobre moça descontrolou-se, envergonhada, prorrompendo em soluços. Bastas vezes, somos pródigos em doar o que no sobra. Entretanto, quando a vida nos pede o amor ao próximo, na forma de tolerância e indulgência, bondade e compreensão, quase sempre não entendemos o verdadeiro sentido da caridade, recusando-nos a dar de nós mesmos e transformando-nos, assim, em prefeitos sovinas do coração. Extraído do livro ”Histórias da Vida” de Antonio B.Filho/Hilário Silva e valériun, item 56. “ Então responder-lhe-ão o justos Senhor, quando foi que te vimos com fome e te demos de comer, ou com sede e te demos de beber? – Quando foi que te vimos sem teto e te hospedamos ou despido e te vestimos? – E quando foi que te soubemos doente ou preso e fomes visitar-te? – o Rei lhes responderá: Em verdade vos digo, todas as vezes que isso fizestes a destes mais pequeninos dos meus irmãos, foi a mim que o fizestes. (Mateus.25:37 a 40) Reflete nos chamados tempos novos em que te encontras, ante o surpreendente espetáculo das desvinculações violentas. Se te propões a vencer, nas lições que a vida te apresenta, deixa que a compreensão te apoie os raciocínios e ama sempre. Hábitos se alteram, sentimentos se transformam. Se entes amados aderiram às ideias novas, em quaisquer modificações de caráter negativo, compadece-te deles e auxilia-os quanto puderes. Esse acreditou no poder econômico, de tal modo, e se cercou de tamanhas expressões de reconforto que te parece agredir; outro admitiu a suposta legitimidade da independência sem dever a cumprir e se enveredou em experiências que lhe resultarão em aprendizados amargos; aquele outro vestiu o celebro das ilusões distanciou-se da fé, recusando-te as referencias a Deus; e aquele outro aceitou as sugestões da fuga, através dos tóxicos, nascidos nos ingredientes da anestesia que a Bondade Divina confiou à ciência humana, no socorro aos enfermos, e estirou-se em penúria física e espiritual. Arma-te de paciência e desculpa aos companheiros de trabalho terrestre, quantas vezes se fizerem necessárias [...] Extraído do livro “companheiros” de Chico Xavier/Emmanuel; pág.133/134.
  8. 8. NAS TENTAÇÕES Não vitalize, mediante a fixação mental, as ideias negativas. O “mal” não consiste em ser visitado pelo pensamento mau, mas em dar-lhe acolhida no plano da mente. O que não é correto não é certo. Tentar adaptar o incorreto ao certo pode transformar-se em perigoso empreendimento. Corrija o incorreto com as ferramentas do trabalho certo. Brincando com a leviandade, possivelmente a leviandade zombara da sua condição. “Quem não quer ser lobo – afirma o velho refrão – não veste a pele”. Uso desordenado e instabilidade frequente produzem abuso e negligencia nas resoluções superiores. Ninguém está livre de abusar no uso, todavia, não deve usar o abuso. A emoção mal dirigida dá inicio à paixão desordenada. Todos somos servos das emoções em cujos terrenos plantamos as sementes de todas as atitudes. No entanto, a emoção não deve produzir seminários daninhos que possam ameaçar a vida espiritual. Desejar algo é impositivo do programa de evolução para todos os espíritos. Ambicionar sem conformação, entretanto, representa desvario a caminho da loucura. Voce pode errar em seus empreendimentos, adquirindo e renovando experiências éticas. Não deve, porém, adquirir lucidez e sabedoria através, somente, dos insucessos morais. Você Tem o direito de seguir qualquer caminho em seu roteiro. O arbítrio na escolha representa benção inalienável para ao espírito; todavia, cuide de examinar o caminho para que ele não o conduza à infelicidade e ao desespero. No avanço para a luz, pode ocorrer a necessidade de você caminhar no escuro como experiência inevitável. Comprazer-se, porém, longe da claridade é malbaratar a oportunidade divina, enquanto a chama se apaga no velador. O erro não é somente o que se faz, longe das linhas do dever. Quase sempre, como se fazem, muitas coisas nobres tornam inconvenientes ou más. Quando a tentação acercar-se de você, lute, e a luta o fará feliz. Se você se sente caído, por ignorância ou fraqueza, levante-se e siga sem olhar para trás. Retifique o engano, logo seja possível, rejubile-se e prossiga resoluto. Para quem deseja renovação sempre é dia. Lembre-se de Jesus e entregue-se a Ele. Busque os divinos braços com o coração e o pensamento através da oração. A prece é sempre um hífem de luz pelo qual você chegará ao Mestre e Guia, livre e feliz. (Extraído do livro “Ementário Espírita” Divaldo P. Franco/Marco Prisco) BRECHÓ TERÇAS-FEIRAS DAS 15:00H ÀS 17:00H SÁBADOS DAS 14:00H AS 14:30H QUINTAS-FEIRAS DAS 19:30H ÀS 20:00H DOMINGOS QUE HOUVER RISOTO DAS 9:30H ÀS 11:45H

×