Beume maio15

458 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
458
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
199
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Beume maio15

  1. 1. BEUME BOLETIM ELETRÔNICO UNIÃO MUNICIPAL ESPÍRITA DE SANTA MARIA - RS DECOM/UME SM Umesm.blogspot.com www.decomumesm@yahoo.com.br Mãe Maria, segundo o Espiritismo EVENTOS:
  2. 2. Queridos irmãos! Entregamos o BEUME de maio aos irmãos espíritas com 50 páginas. O BEUME é uma ferramenta de divulgação de suas casas, seus projetos, eventos e tudo mais que tenha relação com a Doutrina Espírita. Começamos a edição do mês das mães com entrevista com a nossa presidente da UME SM, Fátima Lorenzi. Após, uma alusão ao dia daquela que tanto amamos, a nossa mãe, Mãe Maria, segundo o Espiritismo. Lembrando que o jantar baile da UME é no próximo dia 30 de maio às 20hs. E, ainda tem, os Espitirinhas, a programação doutrinária das casas, eventos, e muito mais. Muito obrigado pela colaboração e um feliz dia das mães a todos. Boa leitura. Fiquem todos com DEUS.
  3. 3. EDITORIAL ENTREVISTA: Fátima Lorenzi Presidente da UME SM 1. DECOM: Quem é a Fátima Lorenzi e de que maneira o Espiritismo está na sua vida? Fátima: – Uma mulher simples, com defeitos e virtudes e consciente de que está neste plano para buscar sua própria evolução espiritual e contribuir, da melhor forma possível, para que outras pessoas também encontrem seu próprio caminho evolutivo através dos ensinamentos da Doutrina Espírita, que foi onde me encontrei.
  4. 4. EDITORIAL 2. DECOM: Como foi o trabalho que a Sra. desempenhou nas casas espíritas por onde passou? Fátima: – Foi um trabalho realizado com muito amor, dedicação, comprometimento e confiança no amparo Divino, buscando de uma forma agregadora, a participação de todas as pessoas engajadas na seara espírita, objetivando atender a recomendação do Espírito de Verdade que nos diz: “Espíritas! Amai-vos, este o primeiro ensinamento; instruí-vos, este o segundo”. 3. DECOM: O que representa estar como atual presidente da UME/SM? Fátima: – Sem sombra de dúvida, representa um enorme desafio na minha existência, aliado a uma grande responsabilidade. Desafio porque, enquanto trabalhadora no Movimento Espírita de Santa Maria, em momento algum cogitamos a ideia de um dia estar à frente desta Organização, afinal sempre pensamos que ainda não estávamos “prontas” ou “preparadas” para tal mister, porém, ao mesmo tempo, tivemos a consciência de que não podermos desperdiçar a oportunidade que se apresentava de servir à Causa Espírita. Para isso, esperamos corresponder à confiança que nos foi depositada e contarmos sempre com a colaboração de todos os irmãos e irmãs, dos dois planos da vida, que labutam pela Unificação do Espiritismo.
  5. 5. 4. DECOM: A Sra. poderia nos contar alguns projetos que gostaria de desenvolver enquanto presidente da UME? Fátima: – Nosso projeto é dar continuidade ao trabalho que vem sendo desenvolvido pelos companheiros que nos antecederam e, na medida do possível, fortalecer o Movimento Espírita em nossa cidade e Região, promovendo ações que visem uma maior integração e união entre as Casas Espíritas e apoiá-las em suas necessidades e atividades de estudo, pois é através da união de todos que poderemos obter êxito em nossos esforços de Unificação. Para alcançarmos os objetivos que nos propusemos, o nosso Calendário Geral de Atividades/2015 constam muitos eventos locais, regionais e estaduais.
  6. 6. 5. DECOM: Qual seu sonho como espírita? Fátima – Quando afirmo meu propósito de integração, objetivando unificação e à difusão da Doutrina Espírita, em verdade, quero expressar minha crença em um mundo melhor, mais digno, mais humanizado, mais espiritualizado. A história da humanidade nos mostra que mudanças reais na sociedade não ocorrem por revoluções políticas e nem por acontecimentos externos ao ser humano. Se quisermos realmente mudar o mundo para melhor, é preciso desenvolver e cultivar os valores morais da alma, o respeito, a fé, a caridade, o amor ao próximo. Ou seja, as transformações devem acontecer nos indivíduos, de dentro para fora, pois quando tivermos pessoas melhores, o mundo será melhor. E a Doutrina Espírita nos indica este caminho.
  7. 7. 6. DECOM: Suas considerações finais. Fátima: – Primeiramente, quero agradecer o espaço que me foi concedido através desta entrevista e dizer que espero contar com a participação, a sugestão, o empenho, o entusiasmo de cada trabalhador da seara espírita, para que possamos construir, juntos, uma UME mais forte e atuante, no sentido de promover a integração entre todas as casas espíritas da nossa cidade e Região, objetivando a difusão da Doutrina Espírita pelo bem e progresso moral de toda a humanidade. Aqui aproveito para deixar uma citação de Bezerra de Menezes para que possamos refletir sobre o que cada um de nós está fazendo com a Doutrina Espírita: “Solidários, seremos união. Separados uns dos outros seremos pontos de vista. Juntos, alcançaremos a realização de nossos propósitos. Distanciados entre nós, continuaremos à procura do trabalho com que já nos encontramos honrados pela divina providência”.
  8. 8. Mãe Maria, segundo o Espiritismo Fonte: oconsolador.com.br Maria de Nazaré é certamente uma das figuras mais emblemáticas e importantes da era cristã, não somente por receber a missão de trazer ao mundo Jesus, mas também pela forma com a qual conduziu o Mestre, sempre demonstrando amor, fé e sabedoria, mesmo durante o calvário de seu filho. Boa parte dos cristãos enxerga Maria como uma santidade, outros, apenas a mulher que trouxe ao mundo o Messias. Em comum, há no mínimo um grande respeito pela personalidade mariana. Através de diversas manifestações de fé e religiosidade pelo mundo, Maria recebeu diferentes nomes, e é lembrada de diversas formas, tornando-a um grande vulto do Cristianismo.
  9. 9. A Visão do Espiritismo sobre Maria É certo que Maria faz parte de um grupo de Espíritos evoluídos que vieram para preparar a chegada de Jesus. É um Espírito tão puro, que recebeu a missão nobre de conduzir o governador da Terra, modelo e guia da humanidade. Maria é sinônimo de amor, prova disto foi a sua resignação ao presenciar o sofrimento de seu filho, em nome da salvação da humanidade. E é por isso que este Espírito desperta tanta simpatia e admiração entre as pessoas. Há quem acredite que pedir a intercessão de Maria é o método mais eficaz de se chegar a Jesus, pois um filho não negaria o pedido de uma mãe. Na literatura espírita, encontramos vários registros sobre Maria na espiritualidade. O livro Memórias de um Suicida descreve as atividades da Legião dos Servos de Maria, um grupo de Espíritos especializados no resgate de suicidas nas zonas inferiores. Após o socorro dos réprobos, os mesmos são encaminhados ao Hospital Maria de Nazaré. Esta instituição é dirigida pela mãe de Jesus. Camilo Cândido Botelho, autor espiritual desta obra, relata que a tarefa de cuidar de Espíritos suicidas não poderia ser desempenhada por outro Espírito a não ser Maria, por ela ser a referência de amor e de dedicação fraternal. Além disso, milhares de fiéis pelo mundo todo dedicam sua fé e devoção a Maria. Em virtude disso, existem Espíritos abnegados que trabalham em seu nome, recebendo os pedidos e as orações e auxiliando aqueles que sofrem. É importante ressaltar que a Doutrina Espírita alimenta um profundo respeito a qualquer forma de convicção religiosa, mesmo posicionando-se de forma diferente. E sabemos que Maria é um Espírito de luz e trabalha ao lado de Jesus em benefício da humanidade.
  10. 10. MÉDIUNS – Reunião Mediúnica Atendimento Múltiplo Irmãos médiuns, não permitais que a vossa conduta inadequada sirva de exemplo aos detratores do Espiritismo. Afastai-vos das ilusões, estudai Kardec, evitai pavonearem-se usando os Espíritos como meio de atração dos desocupados. Que vossa atuação seja plena do Santo Espírito que em tudo solicita ordem para o progresso da humanidade. Os adversários da fenomenologia mediúnica encontram nos médiuns deseducados farto material para atacar as ideias santificadas pela verdade! Trabalhai, irmãos, de modo a aperfeiçoardes a vossa prática mediúnica, recordando que mediunidade é faculdade de socorro e não um show de desequilíbrios. É ferramenta de libertação e não doença nervosa. É oportunidade redentora e não circo de horrores para o qual se lançam os amigos da maledicência, da curiosidade e da exaltação da loucura. Aplicai sobre vós mesmos aquela severa disciplina e dizei não aos Espíritos que vos querem ridicularizar! Não cedais aos caprichos do mundo espiritual inferior. Antes, ofertai vossa conduta correta, vosso equilíbrio e vossas emoções alinhadas ao Cristo, atraindo para vós as entidades iluminadas, ajudando-vos no exercício do bem. Comportai-vos! Equilibrai-vos e trabalhai para Jesus! Analisai, com lógica severa, tudo o que proceder dos Espíritos! Médium educado sob o lume do Espiritismo, cuja prática é à luz do evangelho, representa os tempos novos da doutrina espírita estudada, entendida e praticada livre dos indesejáveis condicionamentos; por meio dessa atuação, a mediunidade será reconhecida e respeitada como tarefa de luz em ambiente de ordem e absoluto equilíbrio.
  11. 11. Esse comportamento eminentemente espírita fazia com que aquela equipe detivesse a confiança da espiritualidade, mantendo seus nomes na lista de bons trabalhadores pelos amigos espirituais. Notava-se como alguns Espíritos sentiam-se amarrados, me diante a ligação com a mediunidade e o controle moral dos intérpretes. O atendimento múltiplo em reunião de companheiros experientes e espiritualmente fortalecidos permitiu o amparo vários comparsas de Lourenço. Diálogos dos mais belos foram travados, libertando alguns e sensibilizando outros. Os dialogadores, sob as bênçãos do Consolador, eram estudiosos da codificação, empenhados na análise do evangelho de Jesus e não se preocupavam em doutrinar os desencarnados. A tarefa era de acolhimento, ouvidoria, empatia e instrução fraternal sem a imposição e o proselitismo. Uma conversa esclarecedora entre duas pessoas, em planos diferentes, sob o concurso de um intérprete. Os colaboradores dessa área, trazendo entendimento do labor, não tocavam nos médiuns, evitavam perfumes fortes que pudessem atrapalhar a concentração dos medianeiros, falavam com respeitosa distância ao ouvido do médium e dosavam a voz, preocupando-se até mesmo com a saúde bucal. Periodicamente capacitavam-se trocando experiências, apresentando o cerne de cada caso, buscando junto aos companheiros mais experientes os argumentos apropriados para socorrer os comunicantes. Conheciam em profundidade o processo mediúnico e, por essa razão, estavam habilitados no processo de condução de Espíritos e médiuns. Uma perfeita harmonia fez-se. Os medianeiros sabiam concentrar-se e desconcentrar-se com perfeição, porque se dedicaram aos estudos das próprias faculdades mediúnicas com muito empenho, compromisso e responsabilidade. Assim, facilitavam muito o trabalho dos bons
  12. 12. Espíritos que, percebendo poderem confiar na equipe encarnada, voltavam-se quase que exclusivamente ao trabalho gravíssimo de socorro espiritual. Quem observasse as manifestações mediúnicas naquele dia não poderia imaginar o longo trabalho de Álvaro e sua equipe espiritual. Os decênios de devotamento nas regiões de sombras, sensibilizando uns e socorrendo muitos, conduzindo-os aos grupos mediúnicos para que o trabalho de reerguimento moral dos Espíritos contasse com a colaboração dos encarnados, a fim de que também eles pudessem aprender sobre as lutas, provas, expiações e felicidades humanas do outro lado da vida. Inúmeros casos são atendidos pela espiritualidade sem o concurso da reunião mediúnica. Entretanto, ela é de fundamental importância para que a humanidade entenda a fraternidade universal como lei, compreendendo pela fenomenologia espírita que, embora Deus possa resolver todas as questões, partilha com os seres humanos o sublime labor de apoio e reerguimento aos caídos. Com esse trabalho, a humanidade fica esclarecida sobre as leis que regem o mundo espiritual, exercita o coração na caridade, estimula-se ao próprio melhoramento quando tem a oportunidade de observar como os erros no planeta e a perversidade entre as criaturas podem perturbar-nos na vida do infinito. sobretudo, compreender que céu e inferno não existem como locais geográficos, e sim como estado de consciência. Por esse nível de instrução e mormente pela pureza das intenções, aquele grupo oferecia largo canal para as inspirações advindas dos benfeitores espirituais, que promoviam através dele nobres atividades. Esse compromisso dos médiuns, dirigentes, elementos de apoio e dialogadores permitia um proveitoso entrosamento entre a equipe física e a espiritual, ampliando a proteção do agrupamento e elevando os índices de socorro, libertação e aprendizado. (Fonte: VALÉRIO – Um Caso de Obsessão – pág. 247 a 250) Colaborou Moacir Germani.
  13. 13. Espitirinhas http://www.espitirinhas.blogspot.com.br/
  14. 14. Este é o cartaz Jantar Baile UME SM, convidando a todos para este sensacional evento. As casas e departamentos estão fazendo seus preparativos com as atividades que cabe a cada um para fazermos um grande evento. Veja abaixo o croqui do salão com a disposição das mesas, etc. No próximo BEUME estaremos mostrando aqui imagens e contando como será. Um excelente evento a todos.
  15. 15. EXPOSIÇÕES DOUTRINÁRIAS MAIO/2015 QUARTAS-FEIRAS ÀS 20h00min HORAS Dia Expositor (a) Tema Coordenador 06 Elmira Vaz (Estudo e Caridade) EDUCAÇÃO DOS SENTIMENTOS Eduardo 13 Mary Ângela (Francisco Spineli) MEU REINO NÃO É DESTE MUNDO Marta 20 Tânia Denardin (Estudo e Caridade) OS DESAFIOS Fernando 27 Raízza (Consolador Prometido) EVOLUÇÃO DO CONCEITO DE FAMÍLIA Jera EXPOSIÇÕES DOUTRINÁRIAS MAIO /2015 SÁBADOS ÀS 14h15min HORAS Dia Expositor (a) Tema Coordenador 02 Marissandra TEMA A LUZ DO EVANGELHO Lizandra 09 Guacira TEMA A LUZ DO EVANGELHO Darlan 16 Aquiléa TEMA A LUZ DO EVANGELHO Marissandra 23 Lizandra TEMA A LUZ DO EVANGELHO Aquiléa 30 Marta TEMA A LUZ DO EVANGELHO Rose Atendimento Fraterno: Quarta-feira e Sábado após as doutrinárias. Evangelização – Quarta-feira às 20:00 e Sábados às 14:00. ESDE- Terça-feira às 19:30 e Sábado às 15:30. CIEDE – Terça-feira às 19:30 e Sábado às 15:30. SOCIEDADE ESPÍRITA “LUZ NO CAMINHO – Dr. FERNANDO DO Ó” - CASA DE AMPARO À CRIANÇA –
  16. 16. SABADO 15 Horas DIA EXPOSITOR TEMA COORDENADOR 02 INEZ DOENÇA E CURA BARROS 09 BARROS OS DESAFIOS DA VIDA EM FAMÍLIA CRISTIANO 16 JÚLIO (A.E. OSCAR PITHAN) MINI SEMINÁRIO SOBRE FAMÍLIA LÚCIA 23 LÚCIA LIVRE BARROS 30 PAULO FAMÍLIA CRISTIANO TERÇA-FEIRA 20 HORAS DIA EXPOSITOR TEMA COORDENADOR 05 EVANY (S.E. AMOR A JESUS) LIVRE BARROS 12 ANELISE (S.E. JOANA DE ÂNELIS) PALESTRA PELA UME (CONDIÇÕES DOS ESPÍRITOS SOFREDORES – Cap IV 2ª parte CÉU E INFERNO) CRISTIANO 19 RONI (S.E. ESTUDO E CARIDADE) FAMÍLIA NA VISÃO ESPÍRITA LÚCIA 26 REJANE (S.E. FRANCISCO CISTA) CONFLITOS DOMÉSTICOS PAULO APOIO ESPIRITUAL (Segunda-Feira das 20HS às 20:45MIN.) Estudo sistematizado do evangelho segundo espiritismo 04 PAULO O Necessário Para Salvar-se: O Bom Samaritano – CAP 15 Ev. Seg. Esp. 11 MARLENE/MARIA O Maior Mandamento – CAP 15 Ev. Seg. Esp. 18 ANA MARIA A Caridade Segundo São Paulo – CAP 15Ev. Seg. Esp. 25 SONIA/DEBORA Fora Da Igreja Não Há Salvação – Fora Da Caridade Não Há Salvação – CAP 15 Ev. Seg. Esp.
  17. 17. Escala de Trabalho do Mês de Maio/ 2015 SEGUNDA-FEIRA DIA EXPOSITOR TEMA PALESTRA DIRIGENTE ABERTURA DA CASA RECEPÇÃO 04 Fátima Onde Esta Sua felicidade? Leandro Celina/Vera Anivia/Elazir 11 Mª Celoni S. E. F.Costa O Espirito Imortal Desenvolvendo Virtudes na Família Glória/Marino Lilian/Glória José Alvino/Iris 18 Leandro O Trabalhador da Ultima Hora Valdomiro Valdomiro/Leontina Anivia/Miriam 25 Glória A Morte Sem Mistério Dóris Dóris/Elazir Celina/José Alvino QUARTA-FEIRA DIA EXPOSITOR TEMA PALESTRA DIRIGENTE ABERTURA DA CASA RECEPÇÃO 06 Dóris Livre Dóris Vera/Dóris Iris/Belquiz 13 Marino Livre Glória Glória/Elazir Elazir 20 Valdomiro Livre Mª Almeida Leontina/MªAlmeida Anivia 27 Glória Livre Valdomiro valdomiro/Leontina Clair ESCALA DE EXPOSITORES DA SOC. ESP. BEZERRA DE MENEZES RESTINGA SECA
  18. 18. SOCIEDADE ESPIRITA FRANCISCO COSTA DEPARTAMENTO DOUTRINÁRIO ESPIRITUAL (Loreno- 3222-1713 – Rejane 3225-1737) MAIO 2015 - SEG E SÁB 17H - QUARTA 20H HOMENAGEM AOS 150 ANOS DO LIVRO “O CÉU E O INFERNO” DATA TEMA EXPOSITOR COORDEN RECEPÇÃO 02- SAB CI – CAP III – O CÉU VALÊNCIO LEDA Jocelaine/ Cida 04- SEG CI – CAP IV – 1e2- INTUIÇÃO DAS PENAS FUTURAS MARIA PAZ TANIA Emilce/Schirlei 06- QUA CI- CAP VI- ORIGEM DA DOUTRINA DAS PENAS ETERNAS ADRIANA JOÃO Bebeta/ Carmem 09- SAB HOMENAGEM AS MÃES DIJ SCHIRLEI Mariza/ Cenoli 11- SEG CI- CAP VI- 10 a 17- ARGUMENTOS A FAVOR DAS PENAS ETERNAS FERNANDO OSVALDO Mara/Tadeu 13- QUA Parasitose Espiritual ( SE Amor a Jesus) EVANY DUTRA LORENO Dilma/Maria José 16- SAB CI- CAP II- CAUSAS DO TEMOR DA MORTE MARINES CENOLI Alberto/ Cida 18- SEG CI- CAP VI- IMPOSSIBILIDADE MATERIAL DAS PENAS ETERNAS DANIEL MARA Fernando/Delci 20- QUA CI –CAP IV – 3 a 7 – INFERNO CRISTÃO IMITANDO O INFERNO PAGÃO LORENO DILMA Deonilda/Clarinda 23- SAB CI- CAP-IV- 9, 10- QUADRO DO INFERNO PAGÃO FIGUEIREDO MARINÊS Rozelem/Vera 25- SEG CI-CAP IX- ORIGEM DA CRENÇAS NOS DEMONIOS MARA OSVALDO Altivo/ Figueiredo 27- QUA CI- CAP IV- 11a 14- QUADRO DO INFERNO CRISTÃO CENOLI REJANE Bruno/Dilma 30- SAB CI- CAP – V- O PURGATÓRIO REJANE LORENO Luiz Quatrim/Andréia
  19. 19. Departamento Doutrinário MAIO 2015 Tema: FAMÍLIA DATA EXPOSITOR(A) TEMA COORDENADOR 01 – sexta-feira Josimara Os laços de família fortalecidos pela reencarnação ESE, cap. IV – 18 a 23 Cleber 04 – segunda-feira Cleusa Necessidade da reencarnação ESE, cap. IV – 25 e 26 Dagoré 05 – terça-feira Claudine Laços de família LE, livro III, cap. VII – q. 773 a 775 Renato 08 – sexta-feira Chico Lopes Lavras do Sul A verdade na família Cleber 11 - segunda-feira Moacir Piedade filial ESE, cap. XIV – 3 e 4 Dagoré 12 – terça-feira Solange Honrai a Vosso Pai e a Vossa Mãe ESE, cap. XIV Renato 15 – sexta-feira Marino S. E. Fé e Esperança O idoso nos dias de hoje Cleber 18 - segunda-feira Luci Marchi O parentesco corporal e o espiritual ESE, cap. XIV - 8 Dagoré 19 - terça-feira Derli Limite do trabalho. Repouso LE, livro III, cap. III – q. 682 a 685 Renato 22 - sexta-feira Raíssa S. E. Leon Denis A evolução do conceito de família Cleber 25 - segunda-feira Dagoré A ingratidão dos filhos e os laços de família ESE, cap. XIV - 9 Dagoré 26 - terça-feira Saulo Necessidade da vida social LE, livro III, cap. VII – q. 766 a 768 Renato 29 – sexta-feira Jurandi Simpatias e antipatias terrestres LE, livro II, cap. VII – q. 386 a 391 Cleber Horários das doutrinárias: - Segunda-feira – das 13h às 13h25min; - Terça-feira – das 19h30min às 20h; - Sexta-feira – das 20h às 20h30min.
  20. 20. ‬ A UME-SM está promovendo uma excursão para o 8º Congresso Espírita do RS que ocorrerá de 01.10.15 a 04.10.15 em Gramado. Saída dia: 02.10.2015 Retorno: 04.10.2015 Valor da passagem: R$ 300,00 (entrada R$ 200,00 + 2 x R$ 50,00) incluindo passagem + hotel com 2 pernoites + café da manhã + translados até o local do evento. Hospedagem: Hotel Canto Verde - Gramado - RS Tratar direto com a Agência de Turismo RIZZATTI Ltda. Contato: (55) 3223-0538 - (55) 99246492 Endereço da Rizzatti: Rua Tuiuti, 2095
  21. 21. 1º Domingo em Família Da SEUF Nosso evento, que já passou a fazer parte dos domingos de risoto da Sociedade Espírita União dos Fiéis, terá início: Dia 03/05/2015 Tema: Tecnologia Com o seguinte cronograma:  10h00min abertura;  10h15min diálogo sobre as questões previamente formuladas;  11h00min espaço para perguntas e troca de ideias com o público;  11h30min encerramento. Contaremos com nosso irmão Tarcísio Zambra trabalhador do Abrigo Espírita Oscar Pithan, para expor seus conhecimentos a respeito do tema, além da presença de todas as pessoas que fazem parte de alguma forma, da família SEUF!!
  22. 22. “S. E. Joana de Angelis” 12 05 20 00 Anelise Condições dos espíritos sofredores Sementes de Luz
  23. 23. RISOTO NA SEUF Os convites para Risoto do dia 03 de maio de 2015 já estão disponíveis, no valor de R$8,00 concha. Você sabe que é muito gostoso. Aproveite, adquira o seu e também ofereça ao seu amigo, vizinho ou parente, pois, dessa forma, estará contribuindo para a manutenção e melhorias da nossa SEUF.
  24. 24. FEDERAÇÃO ESPÍRITA DO RIO GRANDE DO SUL – FERGS CONSELHO REGIONAL ESPÍRITA – 4ª REGIÃO – CRE UNIÃO MUNICIPAL ESPÍRITA DE SANTA MARIA – UME/SM DEPARTAMENTO DE INFÂNCIA E JUVENTUDE – DIJ Comunicado – TARDE INFANTIL 2015 Santa Maria (RS), 29 de ABRIL de 2015. Ao Diretor do DIJ desta Sociedade Espírita: É com muita alegria que o Departamento de Infância e Juventude, da União Municipal Espírita de Santa Maria, vêm convidar as crianças participantes dos ciclos de evangelização das casas espíritas e evangelizadores de infância e juventude para participarem da Tarde Infantil de 2015.  Dia: 24 de maio de 2015  Local: Sociedade Espírita Estudo e Caridade – Lar de Joaquina, na Av. Presidente Vargas, 1920, Santa Maria.  Participantes: Crianças de 5 a 8 anos, participantes de ciclos de evangelização, independente do ciclo que freqüentam; Evangelizadores de infância e juventude; Pais das crianças que irão participar do encontro.  Horário: das 14hs 30min às 17hs Nesta tarde ocorrerão as seguintes atividades: Encontro de Infância: para crianças que freqüentam os ciclos de infância, das casas espíritas, obrigatoriamente com idades de 5 a 8 anos. Serão organizados grupos por idade, com evangelizadores coordenando atividades de vivência evangélica a luz da Doutrina Espírita. Encontro de Evangelizadores: para evangelizadores de infância e de juventude que estão trabalhando nas casas espíritas e para futuros evangelizadores. Serão organizados em grupos de evangelizadores de infância e de juventude com assuntos relacionados à prática do processo de evangelização. Ciclo de Pais: para pais das crianças que estarão presentes no encontro. Estarão todos em um grupo para debate de assuntos relacionados à vivência evangélica na família. INSCRIÇÕES: As inscrições serão antecipadas e OnLine, através de um formulário a ser preenchido pelos evangelizadores responsáveis. Todos deverão preencher a inscrição – Crianças, Pais e Evangelizadores. Valor: R$ 3,00 (três Reais) por participante – Crianças, Pais e Evangelizadores. Inscrição: até o dia 22 de maio de 2015, através deste link: O pagamento será feito no dia do encontro, de acordo com o número de participantes inscritos pela casa espírita, e o evangelizador responsável deverá reunir todo o valor e entregar ao DIJ-UME. Em caso de desistência de algum participante, comunicar o DIJ até o dia 22 de maio. No dia do encontro trazer as autorizações das crianças assinadas pelos pais. Não haverá inscrições no dia. Pedimos aos Diretores e Evangelizadores de Juventude que divulguem o evento. Em caso de dúvidas entre em contato pelo e-mail dijumesm@gmail.com, ou com Luciano (9153.3505) ou Angela (8137.6457), luccad@pop.com.br - anbepe_733@hotmail.com. Contando desde já com o apoio desta Sociedade Espírita agradecemos, Fraternalmente, LUCIANO ANDRÉ CARNEIRO FÁTIMA LORENZI DIRETOR DO DIJ PRESIDENTE UME https://docs.google.com/forms/d/1 tMlU1uOumSfEPASb0ILclqhUS- m217kdXzo077Krgdg/viewform?us p=send_form
  25. 25. Sociedade Espírita Francisco Costa CONFRATERNIZAÇÃO 95 ANOS S E FC No ultimo dia 26 de abril, a Sociedade Espírita Francisco Costa realizou um almoço comemorativo aos seus 95 anos. Estiveram presentes mais de 100 (cem) trabalhadores da casa e seus familiares. Em um momento de descontração, mostrando assim a união e a participação de todos nas atividades da casa.
  26. 26. No dia 08 de Abril o Grupo de Música Espírita Arte e Luz,fez a sua apresentação na S E F C . Sociedade Espírita Francisco Costa
  27. 27. Sociedade Espírita Francisco Costa No dia 22 Abril Loreno Cruz fez uma Homenagem aos Fundadores da S E F C .
  28. 28. Abril foi o mês de aniversário da SELC, completando seus 87 anos de fundação. A SELC agradece a todos os painelistas do mês e em especial aos irmãos convidados que estiveram, amorosamente, celebrando com a SELC, este banquete de bênçãos e balsamos de luz, com assuntos aprofundados da Doutrina Espírita. É gratificante a todos trabalhadores desta seara, continuar este trabalho de amor, que se iniciou no ano de 1928, quando os fundadores iam a pé ou a cavalo para realizarem esta grandiosa tarefa que hoje se frutifica com a grande participação da comunidade de Santa Maria e região.
  29. 29. No dia 24 de abril, dia do aniversário de 87 anos da SELC, foi realizado palestra com o nosso irmão Luis Alberto dos Santos, da Sociedade Espírita Irmã Ester, da cidade de Guaíba. No dia 25, sábado, Luis Alberto realizou seminário com o título “"Fortalecimento dos vínculos afetivos entre os espíritas“ apresentando “O Decálogo para o tarefeiro espírita”. O palestrante Luis Alberto nos contemplou com grandes ensinamentos sobre a convivência na casa espírita. No intervalo, momentos de confraternização entre os participantes.
  30. 30. Sociedades Espíritas de aniversário em Maio Nossos parabéns a Sociedade Espírita Sementes de Luz 01.05.2015
  31. 31. SUGESTÕES DE OBRAS ESPÍRITAS Fonte: http://www.febeditora.com.br/
  32. 32. MENSAGEM DO BEUME!
  33. 33. VAMOS DIVULGAR A DOUTRINA ESPÍRITA? DIVULGUEM SUAS CASAS ESPÍRITAS ATRAVÉS DO BEUME. • Enviem-nos materiais de divulgação das doutrinárias, encontros, seminários e eventos diversos que estaremos publicando no BEUME, FACEBOOK e outros meios de comunicação virtual. • decomumesm@yahoo.com.br "A maior caridade que podemos fazer pela Doutrina Espírita é a sua divulgação." Chico Xavier – Emmanuel.

×