Fig 1 : Sequência sagital T1 demonstrando lesão expansiva sólida com
intensidade de sinal intermediária e pequenos cistos ...
Fig 2 - Sequência axial T2 – A lesão se apresenta com
sinal isointenso a substância cinzenta , rechaça os vasos
da base e ...
Figura 3 - Sequência Sagital T1 pós infusão endovenosa de
gadolíneo evidencia intensa impregnação da lesão pelo meio de
co...
Sequência Coronal T1 pós gadolíneo evidencia a impregnação intensa e
homogênea da lesão com invasão do seio cavernoso dire...
• Dr Victor Hugo Rocha Marussi

• Diagnóstico : Germinoma Selar/ Supra Selar
 - Pico de incidência: 10 a 12 anos.
 - Mais ...
Germinomas
• RM:
• Lesão expansiva selar/ supra selar
• T1:Iso a hipointensa. Ausência do
  hipersinal da neuro-hipófise.
...
• Diagnóstico Diferencial:
 - Macroadenoma – Raro apresentar-se com
   quadro clínico de diabetes insipidus, faixa
   etár...
Referências
•   Magnetic resonance imaging of neurohypophyseal germinomas
    Cancer Volume68 Issue 5, Pages 1009 - 1014

...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Germinoma

2.420 visualizações

Publicada em

Publicada em: Saúde e medicina, Tecnologia
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.420
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
180
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
13
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Germinoma

  1. 1. Fig 1 : Sequência sagital T1 demonstrando lesão expansiva sólida com intensidade de sinal intermediária e pequenos cistos de permeio comprometendo a região selar e supra-selar.
  2. 2. Fig 2 - Sequência axial T2 – A lesão se apresenta com sinal isointenso a substância cinzenta , rechaça os vasos da base e se estende posteriormente para a cisterna interpeduncular
  3. 3. Figura 3 - Sequência Sagital T1 pós infusão endovenosa de gadolíneo evidencia intensa impregnação da lesão pelo meio de contraste paramagnético.
  4. 4. Sequência Coronal T1 pós gadolíneo evidencia a impregnação intensa e homogênea da lesão com invasão do seio cavernoso direito. Nota-se ainda pequeno nódulo no corno frontal do ventrículo lateral esquerdo relacionado a disseminação liquórica do tumor.
  5. 5. • Dr Victor Hugo Rocha Marussi • Diagnóstico : Germinoma Selar/ Supra Selar - Pico de incidência: 10 a 12 anos. - Mais comum em mulheres. - Quadro clínico : Diabetes insipidus. - Tratamento: Radioterapia e quimioterapia adjuvante
  6. 6. Germinomas • RM: • Lesão expansiva selar/ supra selar • T1:Iso a hipointensa. Ausência do hipersinal da neuro-hipófise. • T2: Isointenso. • Calcificações e hemorragia são raros. • T1 pós contraste: Impregnação homogênea.
  7. 7. • Diagnóstico Diferencial: - Macroadenoma – Raro apresentar-se com quadro clínico de diabetes insipidus, faixa etária mais avançada. - Craniofaringeoma – Lesão geralmente com sinal heterogêneo a RM, comumente calcifica e apresenta macrocistos.
  8. 8. Referências • Magnetic resonance imaging of neurohypophyseal germinomas Cancer Volume68 Issue 5, Pages 1009 - 1014 • Suprasellar germinoma and late perioptic seeding. Eur J Ophthalmol. 2008 Jan-Feb;18(1):159-61. • The clinical characteristics of primary intracranial germinoma Zhonghua Nei Ke Za Zhi. 2005 Nov;44(11):840-3. Chinese. • Primary intracranial germ cell tumors in children: evaluation of fourteen cases. Arq Neuropsiquiatr. 2005 Sep;63(3B):832-6

×