Workshop Sociedade-Essencis

470 visualizações

Publicada em

Caso Prático I: Essencis Soluções Ambientais
Apresentador: Henrique Bechara Stancioli

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
470
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
10
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
14
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Workshop Sociedade-Essencis

  1. 1. Portfolio de SOLUÇÕES INTEGRADAS:Portfolio de SOLUÇÕES INTEGRADAS:
  2. 2. CERTIFICAÇÕES:CERTIFICAÇÕES:
  3. 3. REGIONAIS • São Paulo (Caieiras, São José dos Campos, Taboão da Serra e Sede) • Rio de Janeiro (Magé e Macaé) • Minas Gerais (Betim, Juiz de Fora) • Sul ( Curitiba, Joinville, Capela de Santana – RS) UNIDADES DE NEGÓCIO • Engenharia e Consultoria • Manufatura Reversa • Óleo & Gás Onde estamos:Onde estamos: Atuação em todo o Território Nacional
  4. 4. REGIONAL MG:REGIONAL MG: CTVA BETIM E JUIZ DE FORA
  5. 5. § Aterros Classe I e Classe II § Co-Processamento - UVE Tecnologias
  6. 6. 2001 - Criação da Essencis Soluções Ambientais 2004 - Criação da Essencis MG Soluções Ambientais - EMG Betim 2006 – Certificação da EMG nas Normas ISO 9001 e 14001 2010 – Certificação da EMG nas Normas OHSAS 18001 2011 – Revisão do Planejamento Estratégico da Regional 2012 – Faixa Ouro no Prêmio Mineiros de Qualidade - PMQ 2013 – Unidade de Valorização Energética – UVE e CTVA Juiz de Fora
  7. 7. CRITÉRIO 4 – SOCIEDADE 4.1 – Responsabilidade Socioambiental 4.2 – Desenvolvimento Social CRITÉRIO 4 – SOCIEDADE 4.1 – Responsabilidade Socioambiental 4.2 – Desenvolvimento Social
  8. 8. Critério 4.1 – Responsabilidade Socioambiental 4.1.a) Identificação de Aspectos e Tratamento de Impactos Sociais e Ambientais Critério 4.1 – Responsabilidade Socioambiental 4.1.a) Identificação de Aspectos e Tratamento de Impactos Sociais e Ambientais § Mapeamento de Processo (Presente e Futuro) • Matéria Prima • Insumos Entrada TransformaçãoProcesso Produto AcabadoSaídas Impactos Ambientais e Sociais
  9. 9. Critério 4.1 – Responsabilidade Socioambiental 4.1.a) Identificação de Aspectos e Tratamento de Impactos Sociais e Ambientais Critério 4.1 – Responsabilidade Socioambiental 4.1.a) Identificação de Aspectos e Tratamento de Impactos Sociais e Ambientais Incidência Classe Temporalidade Abrangênc ia Frequenc ia Severida de IPR Monitoramentoemedição Operacional 1 Operação Obras de terraplenagem comimplantação e ampliação das células de aterro classes 1 e2 Construção de taludes e encostas N Escavação Erosão D AD PR 2 2 3 12 LI01/2008;LI 03/2008; C sim BT.AT.01.08 -Deslocamentodomaciço GS.05.00 -Atendimentoe Gerenciamentode Emergênciae Crise 2 Operação Obras de terraplenagem comimplantação e ampliação das células de aterro classes 1 e2 Construção de taludes e encostas N Supressão vegetal Alteração da harmonia paisagística D AD PR 2 2 2 8 LI 01/2008;LP/LI 03/2008;LO 41/10;Portaria IEF2/09 C sim EIA/RIMAeAIA Viveirode mudas 3 Operação Obras de terraplenagem comimplantação e ampliação das células de aterro classes 1 e2 Construção de taludes e encostas N Movimentação de terra.Emissão de material particulado Poluição atmosférica D AD PR 2 2 2 8 LI 01/2008; C sim LTCATePPRA PPR-Programade Proteção Respiratória. PCMSO- Programa de Controlemédicoesaúde ocupacional Característicasdosaspectosambientais Nº Área Processo Atividade Condição Avaliaçãodoimpacto ambiental Gerenciamento Aspecto Impacto Legislação CriticidadeLegal /Manifestação SIGNIFICATIVO § Avaliação de Aspecto e Impactos Ambientais e Social Severidade, Abrangência e Frequência
  10. 10. Critério 4.1 – Responsabilidade Socioambiental 4.1.b) Comunicação de Impactos Sociais e Ambientais a Sociedade Critério 4.1 – Responsabilidade Socioambiental 4.1.b) Comunicação de Impactos Sociais e Ambientais a Sociedade Processo de audiência pública Licenciamento Ambiental para ampliação e implantação de novos processo e/ou unidades. Processos de autodenúncia Ocorrência de incidentes Comunicação de incidentes Procedimento para Comunicação com as partes interessadas Quadros de Gestão Comunicação de aspectos e impactos sociais e ambientais para colaboradores, terceiros, visitantes, etc
  11. 11. Critério 4.1 – Responsabilidade Socioambiental 4.1.c) Identificação e Análise de Requisitos Legais, Regulamentares e Contratuais Critério 4.1 – Responsabilidade Socioambiental 4.1.c) Identificação e Análise de Requisitos Legais, Regulamentares e Contratuais § Legislações de Saúde, Segurança e Meio Ambiente - SGI § Licenciamentos Ambientais § Contratação de empresa especializada em Direito Ambiental
  12. 12. Critério 4.1 – Responsabilidade Socioambiental 4.1.d) Seleção e Promoção de Ações de Desenvolvimento Social Critério 4.1 – Responsabilidade Socioambiental 4.1.d) Seleção e Promoção de Ações de Desenvolvimento Social § Comitê de Sustentabilidade CÓDIGO DE CONDUTA VOLUNTARIADO (colaboradorese Terceiros) INVESTIMENTO (tempoeR$) PARCERIAS (locaise institucionais) STAKEHOLDERS PROJETOS/PROGRAMA INDICADORES DE DESEMPENHO EDUCAÇÃO AMBIENTAL DESENV. LOCAL
  13. 13. Critério 4.1 – Responsabilidade Socioambiental 4.1.d) Seleção e Promoção de Ações de Desenvolvimento Social Critério 4.1 – Responsabilidade Socioambiental 4.1.d) Seleção e Promoção de Ações de Desenvolvimento Social § Comitê de Sustentabilidade
  14. 14. Critério 4.1 – Responsabilidade Socioambiental 4.1.d) Seleção e Promoção de Ações de Desenvolvimento Social Critério 4.1 – Responsabilidade Socioambiental 4.1.d) Seleção e Promoção de Ações de Desenvolvimento Social § Comitê de Sustentabilidade § Mapeamento de Stakeholders Essencis Regional MG Famílias dos funcionários Órgãos Públicos Acionistas TerceirosÓrgãos Ambientais Arquidiocese Sindicatos CREA/ FIEMG Universidades Imprensa Associações de Moradores Fornecedores Clientes Colaboradores ONG’s Corporativo
  15. 15. Critério 4.1 – Responsabilidade Socioambiental 4.1.d) Seleção e Promoção de Ações de Desenvolvimento Social Critério 4.1 – Responsabilidade Socioambiental 4.1.d) Seleção e Promoção de Ações de Desenvolvimento Social § Comitê de Sustentabilidade § Mapeamento de Stakeholders • Colaboradores • Família de Funcionários • Terceiros Residentes • Comunidades do Entorno
  16. 16. Educação Ambiental com Desenvolvimento Local Público Alvo /Público Alvo / AçõesAções • Empresas (RSI): • Portas Abertas (estimular comunidade empresarial via parcerias) • Comunidade (RSU): – PEA Kids (aumentar foco no tema) – Portas Abertas (estimular escolas) – Comunidade Limpa (novo projeto – parceria Viasolo e Prefeitura) – Orquidário (novo projeto - parceria com associação local) • Sociedade (RSU ; RSI) – Portas Abertas (estimular visitas em parcerias) – Associaçãode Catadores (estimular parcerias com outras entidades) Foco: importância da indústria ambiental para a melhoria do Meio Ambiente Fundamento: ações ligado cadeia de resíduos Sólidos industriais (RSI) e Resíduos Sólidos Urbanos (RSU) sempre em parceria. Critério 4.1 – Responsabilidade Socioambiental 4.1.d) Seleção e Promoção de Ações de Desenvolvimento Social Critério 4.1 – Responsabilidade Socioambiental 4.1.d) Seleção e Promoção de Ações de Desenvolvimento Social
  17. 17. Critério 4.1 – Responsabilidade Socioambiental 4.1.d) Seleção e Promoção de Ações de Desenvolvimento Social Critério 4.1 – Responsabilidade Socioambiental 4.1.d) Seleção e Promoção de Ações de Desenvolvimento Social § Comitê de Sustentabilidade § Projeto de Sustentabilidade (Radar de Sustentabilidade)
  18. 18. Critério 4.1 – Responsabilidade Socioambiental 4.1.d) Seleção e Promoção de Ações de Desenvolvimento Social Critério 4.1 – Responsabilidade Socioambiental 4.1.d) Seleção e Promoção de Ações de Desenvolvimento Social § Plano de Ação Comitê de Sustentabilidade
  19. 19. Critério 4.2 – Desenvolvimento Social 4.2.a) Identificação, análise e utilização das necessidades e expectativas da sociedade Critério 4.2 – Desenvolvimento Social 4.2.a) Identificação, análise e utilização das necessidades e expectativas da sociedade Parceriascom ONG’s Visitas à Igrejas Indicaçãode Colaboradores Visitas à Secretaria de Educação de Betim Projeto Alinhamento Comitê de Sustentabilidade Aprovação da Diretoria
  20. 20. Critério 4.2 – Desenvolvimento Social 4.2.b) Fortalecimento da Sociedade Critério 4.2 – Desenvolvimento Social 4.2.b) Fortalecimento da Sociedade
  21. 21. Critério 4.2 – Desenvolvimento Social 4.2.b) Fortalecimento da Sociedade Critério 4.2 – Desenvolvimento Social 4.2.b) Fortalecimento da Sociedade
  22. 22. Critério 4.2 – Desenvolvimento Social 4.2.b) Fortalecimento da Sociedade Critério 4.2 – Desenvolvimento Social 4.2.b) Fortalecimento da Sociedade
  23. 23. Critério 4.2 – Desenvolvimento Social 4.2.b) Fortalecimento da Sociedade Critério 4.2 – Desenvolvimento Social 4.2.b) Fortalecimento da Sociedade
  24. 24. GESTÃO ENTREGAS TRANSFORMAÇÃO PORQUE GESTÃO PARA A SUSTENTABILIDADE? fonte: MOYSES SIMANTOB
  25. 25. OBRIGADO! Henrique Bechara Stancioli Email: hstancioli@essencis.com.br Tel: (31) 3539-1754 // 9749-0275

×