Projeto stola do brasil

4.297 visualizações

Publicada em

Projeto Projeto Redução do valor não agregado e otimização de layout da Longarina Cintura PICK-UP - Stola do Brasil
I Convenção Brasileira de Lean, promoção UBQ- União Brasileira para a Qualidade - www.ubq.org.br

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
4.297
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
38
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Projeto stola do brasil

  1. 1. STOLA do Brasil
  2. 2. A EMPRESA DO SETOR METÁLICO AUTOMOBILÍSTICO                                   (único fornecedor de Soldagem de Carrocerias para Veículos (único fornecedor de Soldagem de Carrocerias para VeículosComerciais Leves); PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE ENGENHARIA EFERRAMENTARIA (Projetações e Construções); j ç ç PRODUÇÃO DE CARROCERIAS COMERCIAIS LEVES: Pick‐up LEVES: Pick‐Strada, Doblò, Fiorino, ALÉM DE SUBCONJUNTOS Palio, Doblò, ÉSiena,Siena, Stilo, Punto, Uno, Idea, Novos Modelos E DE PEÇASESTAMPADAS.ESTAMPADAS. TRABALHA EM 3 TURNOS PRODUTIVOS COM 2.958 PRODUTIVOS,EMPREGADOS, ALÉM DE TERCEIROS EM ÁREAS DE SERVIÇO. SERVIÇO.
  3. 3. GRUPO TRABALHOPilar: Melhoria Focada RESPONSÁVEL GERAL  GIUSEPPE FACCHIN COORDENADOR SPS  TALES DE ASSIS TALES DE ASSIS
  4. 4. PROJETO DA EMPRESA TEMA: TEMA: Redução Valor Não Agregado (NVAA) otimização (NVAA),layout, redução no abastecimento de peças ao lado linha,melhoria posto de trabalho e ganho de produtividade naLONGARINA CINTURA PICK‐UP STRADA; PICK‐ STRADA; HISTÓRICO: HISTÓRICO: Através matriz priorização na área daspreparações, observou‐se que apresentava várias perdas: observou‐ perdas:• Alto índice de NVAA; NVAA;• Utilização de grande espaço físico interno para produção/armazenamento de peças lado linha; linha;• Problemas de MURI/MUDA/MURI; MURI/MUDA/MURI; / /•Excesso de deslocamento para elaboração do ciclo de trabalho. trabalho.
  5. 5. SITUAÇÃO ATUAL MURI (Análise Ergonômica) 525 movimentos irregulares/dia (3 turnos)
  6. 6. LAYOUT ‐ ANTES LAYOUT ‐ A imagem não pode ser exibida. Talv ez o computador não tenha memória suficiente para abrir a imagem ou talv ez ela esteja corrompida. Reinicie o computador e abra o arquiv o nov amente. Se ainda assim aparecer o x v ermelho, poderá ser necessário excluir a imagem e inseri-la nov amente. 465585730 LONG IN CINT FLP 517218670 DIAF CONEX LAT 518117600 REF LONG IN CINT 467373620 COMPL LONG CINT 467779090 518202460 LONG CINT CAB LONGA RIPORT LONG SUP
  7. 7. SITUAÇÃO ATUALObjetivos:Objetivos:• Redução do NVAA (Valor Não Agregado) em 50%; 50%• Redução espaço físico interno para produção/armazenamento de peças em 20 m2;• Redução do deslocamento para elaboração do ciclo de trabalho para 18.000 passos/ano; 18. passos/ano;• Maximização da produtividade em 6%.
  8. 8. SITUAÇÃO PROPOSTA1 ‐ Treinamento metodológico WCM aos envolvidos da área; área;2 ‐ Manutenções e modificações nos dispositivos e ferramentais; ç ç p ferramentais;3 – Ajustes layout e pintura; Aquisição de flow‐racks, suportes para caçambas e gravitacionais; pintura; flow‐racks, gravitacionais;4 ‐ Análise dos postos de trabalho (Muri/Muda/Mura); (Muri/Muda/Mura); - 54 %5 ‐ Planejamento logístico através do conferente de materiais (otimização de caçambas). caçambas). N.V.A.A. - 28 m2 19.523  área passos/ano
  9. 9. LAYOUT ‐ DEPOISLAYOUT ‐ 518202460 517218670 518117600 467373620
  10. 10. LAYOUT ‐ ATUALLAYOUT ‐
  11. 11. SITUAÇÃO ATUAL
  12. 12. GANHOS OBTIDOS DESCRIÇAO ATUAL RESULTADO Produção Horária P d ã H á i Obj.: 6% Cons.: 6,98% (Aumento %) Deslocamentos 149.240 19.523 metros/ano / metros/ano / Análise VA 45% 69% (Valor Agregado) Análise NVAA 55% 31% (Valor Não Agregado) Análise MURI 525 36(Movimentos Irregulares) movimentos/dia movimentos/dia Área de Trabalho 60 m2 32 m2 Empurrada PuxadaSistema de Produção 26 caçambas lado 8 caçambas lado linha linha B/C 1,66

×