DIAGNÓSTICO E
MITIGAÇÃO DE
DEFEITO E FALHAS
CRÔNICAS DOS
SECIONADORES DE
345 KV DA
SUBESTAÇÃO NEVES 1
Equipe de Melhoria C...
VÍDEO INSTITUICIONAL
SUBESTAÇÃO
NEVES 1
Sistema De Transmissão CEMIG
Gerência de Manutenção
Centro Norte
Manobra Secionador
ATENÇÃO!
EQUIPAMENTO EM
CONDIÇÃO ESPECIAL
ESTA ETIQUETA SOMENTE PODERÁ SER
RETIRADA APÓS RESTABELECIDAS AS
CONDIÇÕES NORMA...
TEMPESTADEDEIDÉIAS
Indução elétrica muito alta
Desajuste da Parte Ativa
Mau Contato
Contatos mal Projetados
Fadiga Parte A...
Defeito Comando
Alterações no funcionamento do
mecanismo da caixa
de comando
Comprovado
Defeito Parte Ativa
Medição de tor...
DIAGRAMA DE CAUSA E EFEITO
Defeito
Secionadores
Indução elétrica muito alta
Desajuste da Parte Ativa
Mau Contato
Contatos ...
MATRIZ DE VIABILIDADE
POSSÍVEIS SOLUÇÕES CUSTO
COMPLEXIDADE
TÉCNICA
TEMPO DE
EXECUÇÃO
CONFIABILIDADE
Revisão Geral do
Seci...
O que? Onde? Como? Por que? Quem? Quando? Quanto?
1 Programação Escritório
Sistema de
Gereciamento de
Desligamento
Atender...
Monitoramento
Solucionado
O Problema foi
P D
CA
LAN
PLANEJAR
O
FAZER
HECK
VERIFICAR
CT
AGIR
Tempestade de Ideias
Diagrama ...
Secionadores Manutencionados
2011 2012
Meta
Julho de 2012
META
ALCANÇADA!
MonitoramentoPD
C A
META DO PLANO DE AÇÃO:
REVIS...
MonitoramentoPD
C A
Monitoramento
P
DC
A
Pendências de Manutenção Secionador
HOJE
ZERO Pendencias de Manutenção
RESULTADOS TANGÍVEIS
R$ 43.403,59
R$ 62.996,02 R$ 19.592,43 (31%)
R$ 1.200.000,00
R$ 1.156.596,41
96,4%
Manutenção
Correti...
RESULTADOS INTANGÍVEISRESULTADOS INTANGÍVEIS
Q Aumento da Confiabilidade
C Eficiência Operacional
A
Garantia de Fornecimen...
RESULTADOS INTANGÍVEISPadronização
Definido Padrão de Trabalho.
Disseminado para outras
gerências (lateralidade).
Trabalho...
RESULTADOS INTANGÍVEISConclusão
Com o sucesso do nosso
projeto de melhoria
contínua, outras gerências
da empresa que possu...
A Equipe agradece àqueles que contribuíram direta ou
indiretamente no desenvolvimento deste projeto de
melhoria contínua, ...
8ª Convenção de Grupos de Melhoria Contínua-Palestra CEMIG
8ª Convenção de Grupos de Melhoria Contínua-Palestra CEMIG
8ª Convenção de Grupos de Melhoria Contínua-Palestra CEMIG
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

8ª Convenção de Grupos de Melhoria Contínua-Palestra CEMIG

580 visualizações

Publicada em

CEMIG (MG)
Projeto: Diagnostico e mitigação de defeito e falhas crônicas dos secionadores 345KV da subestação Neves 1.

  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

8ª Convenção de Grupos de Melhoria Contínua-Palestra CEMIG

  1. 1. DIAGNÓSTICO E MITIGAÇÃO DE DEFEITO E FALHAS CRÔNICAS DOS SECIONADORES DE 345 KV DA SUBESTAÇÃO NEVES 1 Equipe de Melhoria Contínua Amilton Mitsuo Suga Diego Amaral Lopes Max Sander da Silva
  2. 2. VÍDEO INSTITUICIONAL
  3. 3. SUBESTAÇÃO NEVES 1 Sistema De Transmissão CEMIG Gerência de Manutenção Centro Norte
  4. 4. Manobra Secionador
  5. 5. ATENÇÃO! EQUIPAMENTO EM CONDIÇÃO ESPECIAL ESTA ETIQUETA SOMENTE PODERÁ SER RETIRADA APÓS RESTABELECIDAS AS CONDIÇÕES NORMAIS DO EQUIPAMENTO. Equipamento: ______________ Colocado por:______________ Hora:_________Data:_______ (Vide Verso) 88167 (0100-DGT-1ª) P DC A LAN PLANEJAR PROBLEMA PRIORIZADO E DEFINIDO: Falhas crônicas nos secionadores 345 kv da SE Neves 1. META: SOLUCIONAR 100% das Falhas Crônicas dos Secionadores 345 kV da SE NEVES 1 até DEZEMBRO de 2012.
  6. 6. TEMPESTADEDEIDÉIAS Indução elétrica muito alta Desajuste da Parte Ativa Mau Contato Contatos mal Projetados Fadiga Parte Ativa Desalinhamento Desgaste/Deterioração das peças Mau contato na fiação Falha de Projeto Emperramento Mecânico da parte ativa Atuação Indevida da proteção Manutenção Inadequada Comando elétrico obsoleto Penetração de Umidade Lubrificação Inadequada Periodicidade de Manutenção Imperícia P DC A OBSERVAÇÃO
  7. 7. Defeito Comando Alterações no funcionamento do mecanismo da caixa de comando Comprovado Defeito Parte Ativa Medição de torque pela corrente no motor não apresentou alterações Descartado Hipótese Justificativa Julgamento TESTEDEHIPÓTESESP DC A
  8. 8. DIAGRAMA DE CAUSA E EFEITO Defeito Secionadores Indução elétrica muito alta Desajuste da Parte Ativa Mau Contato Contatos mal Projetados Fadiga Parte Ativa Desalinhamento Desgaste/Deterioração das peças Mau contato na fiação Falha de Projeto Emperramento Mecânico da parte ativa Atuação Indevida da proteção Manutenção Inadequada Comando elétrico obsoleto Penetração de Umidade Lubrificação Inadequada Periodicidade de Manutenção Imperícia P DC A
  9. 9. MATRIZ DE VIABILIDADE POSSÍVEIS SOLUÇÕES CUSTO COMPLEXIDADE TÉCNICA TEMPO DE EXECUÇÃO CONFIABILIDADE Revisão Geral do Secionador BAIXO BAIXO BAIXO ALTA Manutenção Corretiva BAIXO BAIXA BAIXO BAIXO Substituição do Secionador ALTO ALTA ALTO ALTA Substituição do Comando Monopolar por Tripolar ALTO ALTA ALTO ALTA TEMPESTADE DE IDÉIAS P DC A
  10. 10. O que? Onde? Como? Por que? Quem? Quando? Quanto? 1 Programação Escritório Sistema de Gereciamento de Desligamento Atender Legislação Supervisor da eqquipe Jan 2011 R$ 0,00 2 Retirada do comando SE NEVES 1 Desconexão mecânica e Elétrica do Comando Manutenção em oficina Equipe de Manutenção 19 de Fevereiro R$ 753,06 3 Revisão Geral em Oficina Oficina Desmontagem e Substituição de componentes, Limpeza ajustes, testes Solução do Problema Equipe de Manutenção Abril 2011 R$ 2300,00 4 Programação Escritório Sistema de Gereciamento de Desligamento Atender Legislação Supervisor da eqquipe Fevereiro 2012 R$ 0,00 5 Reinstalação do Comando SE NEVES 1 Reconexão mecânica e Elétrica do Comando Reestabelecer a funcionalidade do equipamento Equipe de Manutenção Fevereiro 2012 R$ 0,00 6 Verificação de Eficácia SE NEVES 1 Monitoramento funcionamento do Secionador Verificação de Eficácia Equipe Operação 1 ANO R$ 0,00 META DO PLANO DE AÇÃO: REVISAR TODOS OS 18 MECANISMOS INSTALADOS NA SE NEVES 1 ATÉ DEZEMBRO DE 2012 Plano de Ação 5W2H TREINAMENTO E DISTRIBUIÇÃO DAS TAREFAS P DC A O FAZER EXECUÇÃO E REGISTRO DOS RESULTADOS
  11. 11. Monitoramento Solucionado O Problema foi P D CA LAN PLANEJAR O FAZER HECK VERIFICAR CT AGIR Tempestade de Ideias Diagrama de Causa e Efeito Matriz de Viabilidade Execução do Plano de Ação de Melhoria (5W2H) Verificados os Resultados da Melhoria
  12. 12. Secionadores Manutencionados 2011 2012 Meta Julho de 2012 META ALCANÇADA! MonitoramentoPD C A META DO PLANO DE AÇÃO: REVISAR TODOS OS 18 MECANISMOS INSTALADOS NA SE NEVES 1 ATÉ DEZEMBRO DE 2012
  13. 13. MonitoramentoPD C A
  14. 14. Monitoramento P DC A Pendências de Manutenção Secionador HOJE ZERO Pendencias de Manutenção
  15. 15. RESULTADOS TANGÍVEIS R$ 43.403,59 R$ 62.996,02 R$ 19.592,43 (31%) R$ 1.200.000,00 R$ 1.156.596,41 96,4% Manutenção Corretiva Projeto de GMC Projeto Inicial ECONOMIA DE DE ECONOMIA PD C A
  16. 16. RESULTADOS INTANGÍVEISRESULTADOS INTANGÍVEIS Q Aumento da Confiabilidade C Eficiência Operacional A Garantia de Fornecimento de Energia M Interação entre os participantes da equipe e envolvimento com outras equipes Aprendizado no Uso das ferramentas da qualidade S Manobras mais Seguras PD C A
  17. 17. RESULTADOS INTANGÍVEISPadronização Definido Padrão de Trabalho. Disseminado para outras gerências (lateralidade). Trabalho apresentado em fóruns internos. PD C A
  18. 18. RESULTADOS INTANGÍVEISConclusão Com o sucesso do nosso projeto de melhoria contínua, outras gerências da empresa que possuem equipamentos semelhantes estão utilizando mesmo método de manutenção. As ferramentas da qualidade demonstraram sua aplicabilidade para solução de problemas da equipe.
  19. 19. A Equipe agradece àqueles que contribuíram direta ou indiretamente no desenvolvimento deste projeto de melhoria contínua, e já está envolvida em novos desafios. Amilton Mitsuo Suga - mitsuo@cemig.com.br Diego Amaral Lopes - diego.lopes@cemig.com.br Max Sander da Silva - maxsander@cemig.com.br Obrigado!

×