117 de Agosto de 2010
Estruturação de um
Family Office
2
Definição de um Family Office
Family Office é a estrutura de
uma ou mais famílias definidas
para administrar os ativos
t...
3
Início
 O processo tradicionalmente começa com a necessidade
de estabelecer controles gerenciais e contábeis dos
divers...
4
Como Começar
 Determinando a Missão da Família e consolidando os
Valores;
 Estruturando o processo administrativo da f...
5
Family Office – Objetivos
 Estabelecer mecanismos de Governança Familiar;
 Prover a família com mecanismos de Gestão
i...
6
Expectativas em relação ao
Family Office
O Family Office tende a se constituir quando a família se
apercebe que suas exp...
7
Estrutura Padrão
conselho
consultivo
serviços terceirizados profissionais
Family Office
governança familiar
17 de Agosto...
8
Vantagens e Desvantagens
 Vantagens
 Confidencialidade;
 Serviço personalizado
da estrutura.
 Tangíveis:
 Custos co...
9
Deveres do Family Office
Instituir um projeto de proteção patrimonial utilizando-se:
 Estruturas Fiduciárias Nacionais ...
10
Projetos de um Family Office
 Programa de Mentores para os herdeiros e sucessores;
 Administração do Risco Patrimonia...
11
Fatores
Sucesso
 Qualidade dos serviços contratados interna e
externamente (Profissionais Qualificados):
 Ampla comun...
12
Pontos Críticos do Family Office
Aspectos Genéricos
 Representatividade Familiar;
 Representatividade Operacional;
 ...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Seminário o futuro das empresas familiares no brasil 17-08-2010 - apresentação estruturação de um family office

329 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
329
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Seminário o futuro das empresas familiares no brasil 17-08-2010 - apresentação estruturação de um family office

  1. 1. 117 de Agosto de 2010 Estruturação de um Family Office
  2. 2. 2 Definição de um Family Office Family Office é a estrutura de uma ou mais famílias definidas para administrar os ativos tangíveis e intangíveis que não fazem parte da operação. 17 de Agosto de 2010
  3. 3. 3 Início  O processo tradicionalmente começa com a necessidade de estabelecer controles gerenciais e contábeis dos diversos membros da família de forma individual e / ou integrada visando um planejamento tributário.  Nesta fase todos os serviços tendem a ser terceirizados (as vezes utilizando-se a própria equipe da empresa operacional). 17 de Agosto de 2010
  4. 4. 4 Como Começar  Determinando a Missão da Família e consolidando os Valores;  Estruturando o processo administrativo da família através de:  Seleção de membros da família para atuar ou supervisionar o Family Office;  Contratar profissionais adequados (familiares ou não);  Definir nível tecnológico do processo. Calibrando as expectativas dos clientes 17 de Agosto de 2010
  5. 5. 5 Family Office – Objetivos  Estabelecer mecanismos de Governança Familiar;  Prover a família com mecanismos de Gestão independentes da Gestão Operacional;  Criação de estruturas formais para o diálogo dos acionistas, seus herdeiros com o objetivo de dirimir dúvidas e administrar os conflitos de forma que os mesmos não interfiram no processo organizacional da empresa. 17 de Agosto de 2010
  6. 6. 6 Expectativas em relação ao Family Office O Family Office tende a se constituir quando a família se apercebe que suas expectativas ultrapassam os procedimentos contábeis tais como:  Independência de visão da operação;  Serviços personalizados para os membros da família;  Transparência de dados;  Custos bem definidos. 17 de Agosto de 2010
  7. 7. 7 Estrutura Padrão conselho consultivo serviços terceirizados profissionais Family Office governança familiar 17 de Agosto de 2010
  8. 8. 8 Vantagens e Desvantagens  Vantagens  Confidencialidade;  Serviço personalizado da estrutura.  Tangíveis:  Custos controlados;  Tecnologia atualizada.  Intangíveis:  Afirmação dos Valores e a Missão da Família;  Separação do Patrimônio da operação.  Desvantagens  Criação de massa crítica;  Profissionais limitados a uma única família;  Falta de comparação com o mercado. 17 de Agosto de 2010
  9. 9. 9 Deveres do Family Office Instituir um projeto de proteção patrimonial utilizando-se:  Estruturas Fiduciárias Nacionais e Internacionais;  Maximizando o retorno do patrimônio em relação ao custo e risco;  Reduzir riscos tributários e jurídicos;  Coordenar os relacionamentos com os provedores de serviço tais como:  Private Bankes;  Seguros;  Serviços de Auditoria;  Outros.  Elaborar e controlar os orçamentos integrados dos membros da família.  Instituir controles objetivos de suas atividades;  Prover programas educacionais para a atualização de seus integrantes.  Instituir um programa de Comunicação e Integração entre os membros da Família promovendo:  Eventos;  Web Page;  Seminários;  Lazer. 17 de Agosto de 2010
  10. 10. 10 Projetos de um Family Office  Programa de Mentores para os herdeiros e sucessores;  Administração do Risco Patrimonial;  Filantropia Estratégica;  Organização de Reuniões Familiares;  Programas de Lazer;  Serviços de CONCIERGE. 17 de Agosto de 2010
  11. 11. 11 Fatores Sucesso  Qualidade dos serviços contratados interna e externamente (Profissionais Qualificados):  Ampla comunicação;  Confidencialidade dos dados;  Uso de tecnologia adequada;  Mandatos bem definidos de:  Serviços;  Investimentos.  Identificar o que são os assim considerados Serviços de Essência;  Investimentos;  Treinamentos;  Utilização de Recursos;  Conviver com a Missão de forma consciente e constante;  Manter a total independência da operação;  Manter a flexibilidade na sua forma de atuar. Insucesso  Utilização do Family Office para usufruto individual e não o coletivo da Família ou das Famílias;  Tomar decisões casuístas em relação a Família e usar a flexibilidade do Family Office como fator de acomodação. 17 de Agosto de 2010
  12. 12. 12 Pontos Críticos do Family Office Aspectos Genéricos  Representatividade Familiar;  Representatividade Operacional;  Entrada e saída de familiares;  Relacionamento com CONJUGES ;  Estrutura Patrimonial;  Política de Riscos;  Política de Investimentos. 17 de Agosto de 2010

×