Expocietec, 15/10/2012 - Apresentação do BNDES

322 visualizações

Publicada em

Publicada em: Economia e finanças
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
322
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide
  • Nas operações diretas, o risco da operação é do BNDES.
    A análise do projeto é realizada pelo seu próprio corpo técnico.
  • BNDES Automático: financiamentos de até R$ 10 milhões
    FINEM: financiamentos acima de R$ 10 milhões
  • BNDES Automático: financiamentos de até R$ 10 milhões
    FINEM: financiamentos acima de R$ 10 milhões
  • BNDES Automático: financiamentos de até R$ 10 milhões
    FINEM: financiamentos acima de R$ 10 milhões
  • BNDES Automático: financiamentos de até R$ 10 milhões
    FINEM: financiamentos acima de R$ 10 milhões
  • BNDES Automático: financiamentos de até R$ 10 milhões
    FINEM: financiamentos acima de R$ 10 milhões
  • C3104-7 – Fabricação de colchões
  • BNDES Automático: financiamentos de até R$ 10 milhões
    FINEM: financiamentos acima de R$ 10 milhões
  • Expocietec, 15/10/2012 - Apresentação do BNDES

    1. 1. EXPOCIETEC 2012 Inovação BNDES 15 de Outubro de 2012
    2. 2. Instituições financeiras credenciadas pelo BNDES Contratadas diretamente com o BNDES Como apoiamos? Operações Diretas Empresário Instituição Financeira Credenciada Operações Indiretas Informação e Relacionamento Empresário
    3. 3. Informações gerais Análise cadastral; Capacidade de pagamento; Garantias: normas Banco Central. Em dia  obrigações fiscais e previdenciárias; Legislação ambiental; Não estar em regime de recuperação de crédito. Requisitos Mínimos O BNDES não exige tempo mínimo de faturamento! BNDES Agente Financeiro
    4. 4. Classificação de Porte utilizada M P M E Porte da Empresa Receita Operacional Bruta Anual Micro Pequena Média até R$ 2,4 milhões até R$ 16 milhões até R$ 90 milhões
    5. 5. Taxa de Juros = + Taxa de Intermediação Financeira Cobre o risco das operações com agentes financeiros Custo das Operações Indiretas + Remunera a atividade operacional do agente financeiro Remuneração do Agente Financeiro + Remunera a atividade operacional do BNDESRemuneração Básica do BNDES Representa o custo de captação dos recursos utilizados pelo BNDES Custo Financeiro MPMEs isentas X
    6. 6. Apoio às Micro, Pequenas e Médias Empresas
    7. 7. Projetos de Investimento
    8. 8. Projetos de Investimento  Obras civis, montagem e instalações  Estudos e projetos de engenharia associados ao investimento  Móveis e utensílios  Despesas pré-operacionais  Pesquisa e Desenvolvimento / Certificação  Máquinas e equipamentos nacionais  Novos  Usados - Microempresa  Capital de Giro  Micro – até 70%  Pequena e média – até 40% O que pode ser financiado? BNDES Automático
    9. 9.  Aquisições de terrenos e imóveis;  Gastos correntes;  Compra de empresas;  Aquisição de software produzido no exterior.  Os prazos de carência e amortização são definidos pelo agente financeiro.  Serão negociadas entre o agente financeiro e o cliente;  Pode ser utilizado o Fundo Garantidor para Investimentos (BNDES FGI).  O financiamento pode chegar até 90% do valor do investimento. Projetos de Investimento BNDES Automático 1 - Qual é a participação máxima do BNDES? 2 - Quais são as garantias exigidas? 3 - Qual é o prazo total? 4 – O que não pode ser financiado?
    10. 10. Máquinas e Equipamentos
    11. 11.  Máquinas e equipamentos novos, de fabricação nacional e listados no CFI (Credenciamento de Fabricantes Informatizado – BNDES);  Capital de giro associado ao investimento fixo.  Microempresa – até 50%  Pequena e Média – até 30% Máquinas e Equipamentos BNDES Finame O que pode ser financiado?
    12. 12.  Máquinas e equipamentos que NÃO estejam no CFI (Credenciamento de Fabricantes Informatizado – BNDES);  Máquinas e equipamentos usados.  Pode chegar a 100% do valor do investimento;  A garantia mínima é o próprio equipamento financiado; O agente poderá exigir garantias adicionais;  Pode ser utilizado o BNDES FGI.  Os prazos de carência e amortização são definidos pelo agente;  Prazo total: até 120 meses. Máquinas e Equipamentos 1 - Qual é o prazo do financiamento? 2 - Quais são as garantias exigidas? 3 - Qual é a participação máxima do BNDES? 4 – O que não pode ser financiado? BNDES Finame
    13. 13. BNDES PSI BNDES PSI Oferece condições especiais para o financiamento à produção e à aquisição de máquinas e equipamentos O que pode ser financiado?  Aquisição de máquinas e equipamentos de fabricação nacional e listados no Credenciamento de Fabricantes Informatizado, disponível no Portal BNDES;  Capital de giro associado à aquisição de máquinas e equipamentos;  Aquisição de ônibus, caminhões, chassis, caminhões-trator, carretas, cavalos-mecânicos, reboques, semirreboques, tanques e afins novos, de fabricação nacional e constantes no CFI.
    14. 14. Capital de Giro
    15. 15. Capital de Giro Capital de giro isolado BNDES Progeren O que pode ser financiado? Quem pode solicitar? Porte Setor Micro e pequena Indústria de transformação; Indústria extrativa de petróleo e gás natural; Extração de minerais metálicos, exceto metais preciosos e radioativos; e Atividades de apoio à extração de minerais. Média-Grande e Grande Indústria de laticínios; Indústria de bens de capital; Fabricação de produtos têxteis; Confecção de artigos do vestuário e acessórios; Preparação de couros, seus artefatos fabricados, artigos para calçados; Fabricação de artefatos de madeira, palha, cortiça, vime e material trançado Fabricação de móveis (exceto C3104-7); Fabric.de baterias, acumuladores, peças e acessórios para veículos automotores; Fabricação de equipamentos de informática e periféricos; Fabricação de material eletrônico e de comunicações; Fabricação de brinquedos e jogos recreativos; e Fabricação de instr. e materiais para uso médico, odontológico e artigos ópticos. Média Indústria de transformação
    16. 16.  Empresas que não sejam dos segmentos contemplados;  Até 36 meses, incluído o prazo de carência de até 12 meses.  Serão negociadas entre o agente financeiro e o cliente;  Pode ser utilizado o Fundo Garantidor para Investimentos (BNDES FGI).  Até 20% da Receita Operacional Bruta (ROB) da empresa;  Limitado a R$ 20 milhões por cliente a cada 12 meses. Capital de Giro BNDES Progeren 1 - Qual o limite do financiamento? 2 - Quais são as garantias exigidas? 3 - Qual o prazo do financiamento? 4 - Quem não pode solicitar o financiamento?
    17. 17. + Taxa de Intermediação Financeira Cobre o risco das operações com agentes financeiros Custo das Operações Indiretas + Remunera a atividade operacional do agente financeiro Remuneração do Agente Financeiro + Remunera a atividade operacional do BNDESRemuneração Básica do BNDES Representa o custo de captação dos recursos utilizados pelo BNDES Custo Financeiro MPMEs isentas X Taxa de Juros = Custo total do financiamento para o beneficiário
    18. 18. Condições - MPME *Fonte: AOI/DESCO – média2011 BNDES Automático BNDES Finame BNDES PSI BNDES Progeren Custo Financeiro Remuneração BNDES Remuneração Agente Financeiro* Taxa Final Prazo Carência TJLP 5,5% a.a. Negociado Negociado TJLP 5,5% a.a. Até 120 meses De 3 a 24 meses 5,5% a.a. TJLP 5,5% a.a. Até 120 meses Até 36 meses De 3 a 24 meses Até 12 meses 0,9% a.a. 0,9% a.a. 0% a 0,5% a.a. Negociada 3,3% a.a. Negociada 2,9% a.a. Negociada 3,5% a.a. +/- 0,77% a.m. +/- 0,74% a.m. 0,45% a.m. +/- 0,76% a.m.
    19. 19. Como solicitar o financiamento? Micro, Pequena e Média Empresa Agente Financeiro  Dirigir-se à instituição financeira credenciada de sua preferência  Apresentação da documentação necessária;  Análise da possibilidade de concessão do crédito;  Negociação das garantias;  Aprovação da operação.  Homologação da operação;  Liberação dos recursos. 1º Passo 2º Passo 3º Passo
    20. 20. • atuação em todos os setores da economia • de forma complementar a outras instituições do Sistema Nacional de Inovação • conjugação de instrumentos de renda fixa e renda variável DiretrizesDiretrizes Fomentar e apoiar operações associadas à formação de capacitações e ao desenvolvimento de ambientes inovadores, com o intuito de gerar valor econômico ou social e melhorar o posicionamento competitivo das empresas, contribuindo para a criação de empregos de melhor qualidade, o aumento da eficiência produtiva, a sustentabilidade ambiental e o crescimento sustentado do País. ObjetivoObjetivo Política de Inovação do BNDES
    21. 21. Inovação: Conceito “(...) implementação de um produto (bem ou serviço) novo ou significativamente aprimorado, ou um processo, ou um novo método de marketing, ou um novo método organizacional nas práticas de negócios, na organização do local de trabalho ou nas relações externas.” (Manual de Oslo – 3ª Edição)
    22. 22. Complementaridade com o SNI • Parceria com FINEP – Agente Financeiro do PSI • Cartão BNDES pode ser utilizado para financiar as contrapartidas financeiras exigidas em programas executados pela FINEP (Sibratec) e Sebrae (Sebraetec) Condições Diferenciadas • Custo menor quando comparado às demais linhas • Valor mínimo para apoio direto - R$ 1 milhão • Combinação de instrumentos de renda fixa e renda variável • Participação do BNDES até 90% • Financiamento a capitais intangíveis • Financiamento a serviços de inovação pelo Cartão BNDES Política de Atuação no Apoio à Inovação
    23. 23. Instrumentos de Apoio à Inovação APLICAÇÃO NÃO- REEMBOLSÁVEL RENDA FIXA / RENDA VARIÁVEL EQUITY PRODUTOS INDIRETOS PROSOFT, PROFARMA, PROPLÁSTICO, PROTVD, PRO-Aeronáutica, Proengenharia e BNDES P&G SETORIAIS BNDES INOVAÇÃO FUNTEC Fundo Tecnológico Projetos de Pesquisa aplicada, desenvolvimento tecnológico e inovação em áreas de interesse nacional CARTÃO BNDES BNDES AUTOMÁTICO LIMITE DE CRÉDITO  Fundos Mútuos Fechados e Participação  Participação direta HORIZONTAIS
    24. 24. Instrumentos de Apoio à Inovação APLICAÇÃO NÃO- REEMBOLSÁVEL RENDA FIXA / RENDA VARIÁVEL EQUITY PRODUTOS INDIRETOS PROSOFT, PROFARMA, PROPLÁSTICO, PROTVD, PRO-Aeronáutica, Proengenharia e BNDES P&G SETORIAIS BNDES INOVAÇÃO FUNTEC Fundo Tecnológico Projetos de Pesquisa aplicada, desenvolvimento tecnológico e inovação em áreas de interesse nacional CARTÃO BNDES BNDES AUTOMÁTICO LIMITE DE CRÉDITO  Fundos Mútuos Fechados e Participação  Participação direta PRODUTOS INDIRETOS HORIZONTAIS
    25. 25. Objetivo:Objetivo: Apoiar o aumento da competitividade por meio de investimentos em inovação compreendidos na estratégia de negócios da empresa, contemplando ações contínuas ou estruturadas para inovações em produtos, processos e/ou marketing, além do aprimoramento das competências e do conhecimento técnico no país. ProjetoProjeto • Modalidade direta: financiamento e/ou capitalização • Valor Mínimo: R$ 1 milhão • Custo: TJLP +Taxa de Risco de Crédito (MPMEs isentas) • Participação: até 90% • Prazo: até 12 anos • Garantias: definidas na análise PSI Custo: 4% a.a. Prazo: 10 anos * Contratações até 31/12/2012 BNDES Inovação
    26. 26. Instrumentos de Apoio à Inovação APLICAÇÃO NÃO- REEMBOLSÁVEL RENDA FIXA / RENDA VARIÁVEL PRODUTOS INDIRETOS PROSOFT, PROFARMA, PROPLÁSTICO, PROTVD, PRO-Aeronáutica, Proengenharia e BNDES P&G SETORIAIS BNDES INOVAÇÃO FUNTEC Fundo Tecnológico Projetos de Pesquisa aplicada, desenvolvimento tecnológico e inovação em áreas de interesse nacional CARTÃO BNDES BNDES AUTOMÁTICO LIMITE DE CRÉDITO HORIZONTAIS EQUITY  Fundos Mútuos Fechados e Participação  Participação direta
    27. 27. Objetivo:Objetivo: financiamento, através de Instituições Financeiras Credenciadas, para implantação, ampliação, recuperação e modernização de ativos fixos, bem como projetos de Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação, nos setores de indústria, comércio, prestação de serviços e agropecuária. • Modalidade indireta e automática • Não existe valor mínimo • Valor Máximo: R$ 20 milhões • Divide-se em Linhas de Financiamento, com objetivos e condições financeiras específicas. • Custo: a partir de TJLP + 0,9% a.a. + Remuneração da Instituição Financeira Credenciada • Participação: até 90% dos itens financiáveis • Prazos: definidos pela Instituição Financeira Credenciada Indicado para M PM Es BNDES Automático
    28. 28. Cartão BNDES Baseado no conceito de cartão de crédito, visa financiar de forma ágil e simplificada os investimentos das MPMEs. Objetivo
    29. 29. Ambiente de Negócios Parceiros 43 mil Fornecedores Credenciados 201 mil produtos 553 mil Compradores MPMEs R$ 28,7 bilhões de crédito pré-aprovado Cartão BNDES
    30. 30. Limite de até R$ 1 milhão, por banco emissor Prestações fixas em até 48 meses Taxa de juros atrativa: 0,91% a.m. (agosto/12) Acesso a cerca de 43 mil Fornecedores Credenciados Crédito rotativo e pré-aprovado; uso automático 553 mil potenciais clientes com R$ 28,7 bilhões de crédito pré- aprovado Financiamento automático para o cliente Sem risco de crédito Fabricantes podem indicar distribuidores Exposição do catálogo de produtos gratuita FornecedoresCompradores Vantagens
    31. 31.  Empresas de qualquer porte;  Fabricantes ou distribuidores de bens previamente aprovados pelo BNDES.  Prestadores de serviços autorizados pelo BNDES  Empresas com faturamento de até R$ 90 milhões;  Ser correntista em um dos bancos emissores;  Estar em dia com o INSS, FGTS, RAIS, tributos federais e legislação ambiental. FornecedoresCompradores Quem pode solicitar?
    32. 32. Cartão BNDES Baseado no conceito de cartão de crédito, visa financiar de forma ágil eBaseado no conceito de cartão de crédito, visa financiar de forma ágil e simplificada os investimentos dassimplificada os investimentos das MPMES. No caso da inovação financia-seNo caso da inovação financia-se etapas do processo e não projetos, sendo que os serviços são prestados poretapas do processo e não projetos, sendo que os serviços são prestados por fornecedores credenciadosfornecedores credenciados • Avaliação de conformidade, normalização, regulamentação técnica e metrologia; • Acreditação hospitalar; • Design, Ergonomia e Modelagem de produto; • Prototipagem; • Resposta técnica de alta complexidade; • Serviços técnico-especializados em eficiência energética e impacto ambiental; • Desenvolvimento de embalagens; • Extensão tecnológica; • Projeto de experimento; • Aquisição de conhecimentos tecnológicos e transferência de tecnologia (contratos averbados de INPI); • Avaliação de viabilidade e pedido de registro de propriedade intelectual; • Avaliação da qualidade de software(CMMI, MPS.BR, MEDE-PROS) • Contrapartidas financeiras de MPMEs em programas voltados para a inovação, executados pelo MCT/FINEP e SEBRAE em cooperação com ICTs. Exemplos de serviços:
    33. 33. Instrumentos de Apoio à Inovação APLICAÇÃO NÃO- REEMBOLSÁVEL RENDA FIXA / RENDA VARIÁVEL PRODUTOS INDIRETOS PROSOFT, PROFARMA, PROPLÁSTICO, PROTVD, PRO-Aeronáutica, Proengenharia e BNDES P&G SETORIAIS BNDES INOVAÇÃO FUNTEC Fundo Tecnológico Projetos de Pesquisa aplicada, desenvolvimento tecnológico e inovação em áreas de interesse nacional CARTÃO BNDES BNDES AUTOMÁTICO LIMITE DE CRÉDITO HORIZONTAIS EQUITY  Fundos Mútuos Fechados e Participação  Participação direta
    34. 34. Criatec • Gestores Regionais: SC, SP, RJ, MG, PE, CE e PA • Patrimônio Comprometido: 100 milhões (80% BNDESPar) • Duração: 10 anos (quatro primeiros: período de investimento) • Política de Investimento – Empresas com faturamento líquido máximo de R$ 6 milhões – Máximo de investimento por empresa: R$ 1,5 milhão – Setores em foco: TI, Biotecnologia, Novos Materiais, Nanotecnologia, Agronegócios e outros Objetivo:Objetivo: capitalizar as micro e pequenas empresas inovadoras de capital semente e prover-lhes um adequado apoio gerencial Fase de investim ento encerrada Criatec 2 em form atação
    35. 35. Fundo de Inovação em Meio Ambiente Objetivo:Objetivo: Apoiar, por meio de até dois Fundos de Investimento, o empreendedorismo e explorar as oportunidades de investimentos em empresas inovadoras, de modo a propiciar o desenvolvimento de tecnologias limpas. Tecnologias limpas são aquelas que, comparadas com as alternativas convencionais, minimizam o impacto no meio ambiente, por meio de ações como a redução da emissão de carbono e de outros resíduos sólidos e líquidos, o tratamento de resíduos e o uso mais eficiente de recursos (energia e outros insumos). Participação BNDESPAR: Até 90% (noventa por cento) do patrimônio comprometido de cada Fundo, limitada a R$ 270 milhões (R$ 135 milhões para cada fundo). Prazo de duração: Até 10 anos Em fase de seleção dos gestores
    36. 36. Instrumentos de Apoio à Inovação APLICAÇÃO NÃO- REEMBOLSÁVEL RENDA FIXA / RENDA VARIÁVEL PRODUTOS INDIRETOS PROSOFT, PROFARMA, PROPLÁSTICO, PROTVD, PRO-Aeronáutica, Proengenharia e BNDES P&G SETORIAIS BNDES INOVAÇÃO FUNTEC Fundo Tecnológico Projetos de Pesquisa aplicada, desenvolvimento tecnológico e inovação em áreas de interesse nacional CARTÃO BNDES BNDES AUTOMÁTICO LIMITE DE CRÉDITO HORIZONTAIS EQUITY  Fundos Mútuos Fechados e Participação  Participação direta
    37. 37. Objetivo: apoiar financeiramente projetos que objetivam estimular o desenvolvimento tecnológico e a inovação de interesse estratégico para o País, em conformidade com os Programas e Políticas Públicas do Governo Federal. • Aplicação direta e não reembolsável • Projetos de natureza científica e tecnológica • Beneficiárias: • Instituições tecnológicas e • Instituições de apoio • Participação: até 90% • As solicitações serão recebidas de maneira contínua pelo BNDES, sendo apreciadas por Comitê Consultivo (CCTEC) em três reuniões distintas ao longo do ano • Focos em 2012: Energia, Meio Ambiente, Eletrônica, Novos Materiais, Química e Veículos Elétricos Com a interveniência de empresas FUNTEC - Fundo Tecnológico
    38. 38. Portal do BNDES - www.bndes.gov.br
    39. 39. Centrais de Atendimento Rio de Janeiro (55 21) 2172-8888 São Paulo (55 11) 3512-5100 Brasília (55 61) 3204-5600 Recife (55 81) 2127-5800 Montevideo (59 82) 622-8875 Londres (44 20) 3008-6741 Cartão BNDES 0800 702 6337 Operações indiretas (55 21) 2172-8800 Exportações (55 21) 2172-8566 Ouvidoria 0800 702 6307 www.bndes.gov.br/faleconosco www.bndes.gov.br/ouvidoria
    40. 40. http://www.bndes.gov.br/inovacao/
    41. 41. Obrigado!

    ×