Projeto Trem Turístico - Santa Maria / RS

5.751 visualizações

Publicada em

Apresentação: Vânia Antunes
26 e 27/03/2010
Encontro sobre Turismo Cultural Ferroviário
Local: Unifra - Santa Maria / RS

Publicada em: Turismo
1 comentário
1 gostou
Estatísticas
Notas
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
5.751
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
34
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
78
Comentários
1
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Projeto Trem Turístico - Santa Maria / RS

  1. 1. PROJETO TREM TURÍSTICO - SANTA MARIA / RS - Recorte de vitral da Basílica Menor Nossa Senhora Medianeira – Santa Maria - RS
  2. 2. PLANO MUNICIPAL DE TURISMO EIXOS DA POLÍTICA MUNICIPAL DE TURISMO
  3. 3. Macroprograma Macroprojeto Projetos
  4. 4. <ul><li>Trem Turístico </li></ul><ul><li>Coordenação Geral do Projeto </li></ul><ul><li>Secretaria de Município de Turismo de Santa Maria </li></ul><ul><li>Estudo de Viabilidade Técnica Turística </li></ul><ul><li>Secretaria de Município de Turismo de Santa Maria </li></ul><ul><li>Estudo de Viabilidade Técnica Ferroviária </li></ul><ul><li>Equipe Técnica da ABPF – Assoc. Brasileira de Preservação Ferroviária </li></ul><ul><li>Estudo de Viabilidade Arquitetônica </li></ul><ul><li>Autarquia Municipal Escritório da Cidade </li></ul><ul><li>Arquiteta e Urbanista: Priscila Terra Quesada </li></ul><ul><li>Estagiários (Arquitetura e Urbanismo ULBRA/SM): </li></ul><ul><li>- Caroline Machado </li></ul><ul><li>- Daniela Torri </li></ul><ul><li>- Deyvid Bittencourt </li></ul><ul><li>APOIO: </li></ul><ul><li>Secretaria de Município da Cultura de Santa Maria </li></ul>
  5. 5. ELABORANDO O PROJETO PARA CRIAÇÃO E IMPLANTAÇÃO DO TREM TURÍSTICO
  6. 6. ELABORANDO O PROJETO PARA CRIAÇÃO E IMPLANTAÇÃO DO TREM TURÍSTICO
  7. 7. * Cenário histórico * Cenário atual * Diagnóstico mercadológico * Viabilidade técnica * Estruturas e necessidades preliminares * Viabilidade Patrimonial e Arquitetônica * Processos e dinâmica a ser seguido para implantação do referido produto. ELABORANDO O PROJETO PARA CRIAÇÃO E IMPLANTAÇÃO DO TREM TURÍSTICO
  8. 8. ELABORANDO O PROJETO PARA CRIAÇÃO E IMPLANTAÇÃO DO TREM TURÍSTICO TURÍSTICA TÉCNICA FERROVIARIA E ESTUDO VIABILIDADE - ABPF VIABILIDADE PATRIMONIAL E ARQUITETÔNICA
  9. 9. VIA TERMINAL EQUIPAMENTO SISTEMA DE TRANSPORTE TURISTICO -
  10. 10. <ul><li>Santa Maria à Boca do Monte = 11,12 Km cada trecho (34 min) </li></ul><ul><li>Santa Maria à Pinhal = 18,78 km cada trecho (57 min) </li></ul><ul><li>Santa Maria à Camobi = 11,58 Km cada trecho (35 min) </li></ul>TRAÇADOS - ESTAÇÕES
  11. 11. Diagnóstico da situação dos entornos das vias estudadas
  12. 12. OS TERMINAIS ESTAÇÃO SANTA MARIA
  13. 13. OS EQUIPAMENTOS <ul><li>01 locomotiva; </li></ul><ul><li>02 vagões de passageiros; </li></ul><ul><li>Material rodante dos 03 equipamentos. </li></ul>
  14. 14. DIAGNÓSTICO MERCADOLÓGICO <ul><li>Transporte Regular de Longa Distância </li></ul><ul><li>Transporte Regular Metropolitano </li></ul><ul><li>Transporte Turístico e Cultura </li></ul>
  15. 15. VIABILIDADE TÉCNICA DE UM TREM TURÍSTICO EM SANTA MARIA – RS <ul><li>No decorrer do estudo percebeu-se a viabilidade de implantação do trem pelos seguintes motivos: </li></ul><ul><li>A via está em boas condições, configurando-se em uma ferrovia de nível II, que de acordo com Suevo (2009) a implantação, “é mais fácil – embora um pouco trabalhoso, pois depende de negociações com a concessionária de cargas, que é responsável pela operação e manutenção do trecho. O principal desafio é a obtenção do material rodante”. </li></ul><ul><li>No caso de Santa Maria, a empresa ALL (América Latina Logística) concessionária da ferrovia MALHA SUL, já foi contata e aguarda o projeto de implantação para análise; </li></ul>
  16. 16. <ul><li>A prefeitura possui a titularidade dos bens da extinta RFFSA, tanto no que se refere ao terminal quanto ao material rodante; O estado do material encontra-se precário, mas a empresa SANTA FÉ VAGÕES foi contatada e está disposta a contribuir na cedência de espaço para revitalização de vagões e apoio técnico; </li></ul><ul><li>- Há um interesse da comunidade, do poder público e de empresas da iniciativa privada na preservação do patrimônio histórico ferroviário; </li></ul>
  17. 17. <ul><li>As questões ferroviárias tem grande apelo mercadológico, principalmente junto a públicos da terceira idade e crianças; </li></ul><ul><li>- Há várias empresas públicas e privadas com linhas de financiamento direcionadas ao setor; </li></ul>
  18. 18. ELABORANDO O PROJETO PARA CRIAÇÃO E IMPLANTAÇÃO DO TREM TURÍSTICO TÉCNICA FERROVIARIA E ESTUDO VIABILIDADE - ABPF
  19. 20. IMPLANTAÇÃO DO TREM TURÍSTICO-CULTURAL A VAPOR NA ÁREA URBANA DE SANTA MARIA, RS <ul><li>Para possibilitar a realização do estudo, a equipe técnica da ABPF esteve em Santa Maria, visitando nos dias 10 e 11 de dezembro de 2009 , os trechos de ferrovia na cidade com possibilidades de implantação do trem turístico-cultural. </li></ul>
  20. 21. DETALHAMENTO <ul><li>Avaliação da infraestrutura a ser utilizada: com a visita ao trecho dos técnicos especialistas para observação da situação atual in loco , avaliando preliminarmente as condições da via onde será implantada a ferrovia; </li></ul><ul><li>• Avaliação da superestrutura a ser utilizada na ferrovia: determinando o traçado da linha, a eventual necessidade de obras de arte, aterros e arrimos, o escoamento das águas pluviais e o material de via a ser utilizado (quantidade de dormentes, trilhos, fixação, desvios, pátios e chaves); </li></ul>
  21. 22. <ul><li>Estudo dos benefícios decorrentes do empreendimento: contendo a repercussão nas comunidades e na região abrangida e o papel do empreendimento no desenvolvimento turístico e cultural; </li></ul><ul><li>• Memorial descritivo da implantação: com a sugestão de traçado e relação do material de via a ser utilizado (quantidade de dormentes, trilhos, fixação, desvios, pátios e aparelhos de mudança de via); </li></ul><ul><li>• Levantamento do custo de reforma da locomotiva: apresentando a melhor referência para executar o serviço e o orçamento correspondente; </li></ul><ul><li>• Estimativa de custo para reforma do material rodante tracionado (carros de passageiros). </li></ul>
  22. 23. <ul><li>Itemização </li></ul><ul><li>Avaliação da infraestrutura existente </li></ul><ul><li>Avaliação da superestrutura a ser utilizada para o trem </li></ul><ul><li>Benefícios decorrentes do empreendimento </li></ul><ul><li>Plano de exploração turística </li></ul><ul><li>A implantação e operação do trem na Opção “A” </li></ul>
  23. 24. <ul><li>A implantação do trem nas Opções “B” e “C” </li></ul><ul><li>A operação turística com o trem </li></ul><ul><li>As locomotivas a vapor </li></ul><ul><li>O material rodante tracionado </li></ul><ul><li>Acessibilidade </li></ul><ul><li>A homologação do trem pela ANTT </li></ul>
  24. 25. ELABORANDO O PROJETO PARA CRIAÇÃO E IMPLANTAÇÃO DO TREM TURÍSTICO VIABILIDADE PATRIMONIAL E ARQUITETÔNICA
  25. 26. Trem turístico Viabilidade arquitetônica e patrimonial para Santa Maria/RS
  26. 27. Referências Projetuais
  27. 28. Estação Valence, França. Estação Avignon, França. A estrutura met á lica e composta por colunas, treli ç as principais, vigas curvas secund á rias e calhas. Estação Aix-en-Provence , França . O traçado da nova linha Mediterrâneo do TGV Projeto: Jean-Marie Duthilleul FONTE : http://www.arcoweb.com.br/arquitetura (2001). Shopping Popular - Brasília, DF. Projeto: Alencar Cinnanti FONTE : http://www.arcoweb.com.br/arquitetura (2008). Os p ó rticos são formados pela união de arcos que vencem vãos de 8,25 metros
  28. 29. Estação Convention Center –Curitiba, PR. Projeto: Dória Lopes Fiuza Arquitetura FONTE: http://www.arcoweb.com.br/arquitetural (2004). Estação Convention Center –Curitiba, PR. Projeto:Dória Lopes Fiuza Arquitetura Acesso ao bulevar que conduz aos museus e à praça de alimentação do shopping. FONTE: http://www.arcoweb.com.br/arquitetura (2004).
  29. 30. Análise do Entorno
  30. 31. Imagem aérea Fonte: Google Earth (2009) Gare Trevo de Acesso Bairro Dores Barragem LEGENDA Via Coletora Via Arterial Localização do Lote N Rua Silva Jardim Av. Rio Branco Rua Euclides da Cunha N
  31. 32. Imagem aérea Fonte: Google Earth (2009) Pontos de referências Lote em Estudo LEGENDA N Ponte Seca Gare Escola Estadual Manoel Ribas Supermercado Carrefour Prefeitura Municipal de Santa Maria Igreja Santa Catarina Escola Municipal Aracy Barreto Sacchis Bunge Rua Silva Jardim Av. Rio Branco Rua Euclides da Cunha N Parque Itaimbé
  32. 33. Imagem aérea Fonte: Google Earth (2009) LEGENDA Linha férrea Gare Camobi Bunge Barragem N N
  33. 34. 1 ª Etapa Estação – BUNGE Área do Terreno: 9.494,90m²
  34. 35. Programa Arquitetônico
  35. 36. <ul><li>Setor Cultural </li></ul><ul><li>Plataforma </li></ul><ul><li>Hall </li></ul><ul><li>Recepção/Central de Informações </li></ul><ul><li>Guarda Materiais </li></ul><ul><li>Bilheteria </li></ul><ul><li>Sala de Exposições </li></ul><ul><li>Mini Museu/ Casa do ferroviário </li></ul><ul><li>Ferromodelismo/maquete de Santa Maria </li></ul><ul><li>Atelier/Oficinas </li></ul><ul><li>Sanitários Públicos </li></ul><ul><li>Banca de jornal/Biblioteca de Bairro </li></ul><ul><li>Caixa eletrônicos </li></ul><ul><li>Setor Comercial </li></ul><ul><li>Bar/Café </li></ul><ul><li>Lojas Souvenirs </li></ul><ul><li>Setor Serviços </li></ul><ul><li>Copa </li></ul><ul><li>Depósito de Material de Limpeza </li></ul><ul><li>Sanitário </li></ul><ul><li>Setor Administrativo </li></ul><ul><li>Sala de Reunião/Vidro </li></ul><ul><li>Sala Administração/Coordenação </li></ul><ul><li>Almoxarifado </li></ul><ul><li>Setor Convívio </li></ul><ul><li>Palco Externo </li></ul><ul><li>Camarim </li></ul><ul><li>Espaço para projeções </li></ul><ul><li>Espaço contemplação/ lazer passivo/espaço aberto </li></ul><ul><li>Área de Convivência </li></ul><ul><li>Estacionamento </li></ul><ul><li>Mobiliário urbano </li></ul><ul><li>Telefone público </li></ul><ul><li>Caixa de correio </li></ul><ul><li>Bancos </li></ul><ul><li>lixeiras </li></ul><ul><li>Relógio </li></ul><ul><li>Programação visual – Sinalização </li></ul>Programa Arquitetônico
  36. 37. <ul><li>Objetivos </li></ul><ul><li>Resgatar a cultura Ferroviária </li></ul><ul><li>Estimular Convívio Social </li></ul><ul><li>Proporcionar Espaços para Manifestações Culturais </li></ul><ul><li>(dança, teatro, cinema, oratória, etc..) </li></ul><ul><li>Estimular Exposições Escolares - </li></ul><ul><li>“ História de Cada um que faz parte de muitas”. (Museu) </li></ul><ul><li>Difundir Pontos Turísticos </li></ul><ul><li>Potencializar um Ponto de Cultura </li></ul><ul><li>(Incentivar a Pluralidade Cultural) </li></ul><ul><li>Ampliar o Repertório Cultural </li></ul><ul><li>Incentivar a Leitura </li></ul><ul><li>(Biblioteca de Bairro) </li></ul><ul><li>Incentivar Jogos Cooperativos </li></ul><ul><li>Garantir a Acessibilidade Universa </li></ul><ul><li>Promover Espaços de Lazer </li></ul><ul><li>Espaços Temáticos </li></ul><ul><li>Ferrovia </li></ul><ul><li>Botânico/Área de Conservação </li></ul><ul><li>Etnias/Imigração </li></ul><ul><li>Gastronomia </li></ul><ul><li>Paleontologia </li></ul><ul><li>Educação </li></ul>
  37. 38. Setorização Cultural Comercial Serviços Convívio Administrativo Acesso
  38. 39. Levantamento do Terreno
  39. 40. V1 V2 V3 Fig. 1 - Imagem aérea Fonte: Google Earth (2009) Fig. 2 – VISTA 2 Fonte: acervo Priscila Terra Quesada Fig. 4 – VISTA 3 Fonte: acervo Priscila Terra Quesada Fig. 3 – VISTA 1 Fonte: acervo Priscila Terra Quesada
  40. 41. Propostas Iniciais Partido Arquitetônico
  41. 42. Corte
  42. 51. ELABORANDO O PROJETO PARA CRIAÇÃO E IMPLANTAÇÃO DO TREM TURÍSTICO
  43. 52. Endereço: Rua Venâncio Aires, 2035 – sala 406 CEP: 97010-005 - Santa Maria – RS Fone: (55) 3217-9415 E-mail: [email_address]

×