Caracterização e      Dimensionamentodo Turismo Receptivo na Bahia            2009   Fundação Instituto de Pesquisas      ...
Pesquisa Fipe   Para aferir os números do turismo na Bahia,    tivemos a preocupação de contratar a Fundação    Instituto...
Aspectos GeraisObjetivos:Caracterizar e dimensionar o turismo doméstico einternacional no estado, identificando os seguint...
Aspectos Gerais   As pesquisas foram realizadas no período de alta, média e baixa    estações nos 22 principais portões d...
Receptivos tradicionais   Salvador                 Lençóis   Porto Seguro             Maraú / Camamu   Trancoso      ...
Eventos Juninos   Salvador                    Euclides da Cunha   Porto Seguro                Cachoeira   Ilhéus     ...
Eventos religiosos   Bom Jesus da Lapa (Festa de Nosso Senhor    Bom Jesus)   Cachoeira (Festa de Nossa Senhora da Boa  ...
Eventos carnavalescos   Salvador   Porto Seguro
Dimensionamento eCaracterização   Eventos Juninos
Eventos Juninos   Nos eventos juninos foram pesquisadas 21    localidades, no período de 22 e 25 de junho    de 2008.   ...
Eventos Juninos   Salvador                    Euclides da Cunha   Porto Seguro                Cachoeira   Ilhéus     ...
Pesquisa de Contagem   Fluxo total de turistas: 90.628 dos quais    65.615, equivalente a 67 %, tiveram como    motivação...
Pesquisa de Contagem   Já nas demais cidades, afora Barreiras, a    motivação da festa chega a 70%.   Em Jequié, por exe...
Pesquisa de Contagem   22,8% dos turistas são de outros estados.   Dos turistas provenientes da região    nordeste, foi ...
Pesquisa de Contagem   Mas observou-se incidência relativamente    alta de turistas de:       São Paulo (5,2%)       Pe...
Pesquisa de Contagem   Dos turistas estrangeiros, os Estados    Unidos se destaca como principal emissor,    com 23% do t...
Pesquisa de Contagem   40% dos turistas internacionais chegaram    por Salvador, 27% por São Paulo, 10% pelo    Rio de Ja...
Perfil do Turista   Observou-se que 57,3% dos turistas já haviam    participado do evento. Trata-se de um dado    positiv...
Perfil do Turista   94,3% avaliou como bom e muito bom: atrações    musicais tradicionais, atrações musicais    eletrônic...
Perfil do Turista   Gênero: predominância do sexo masculino (52,7%). Em    Cachoeira houve predominância do gênero femini...
Perfil do Turista   Acompanhantes de viagem: A maior parte dos    turistas que visitaram os municípios realizaram a    vi...
Perfil do Turista   Gasto médio per capta no local: O gasto per    capta foi de R$ 249,00.   Gasto per capta dia no loca...
Perfil do Turista   Principal veículo de comunicação que influenciou na    decisão:   Internet (70% indicou site ou port...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Caracterização do turismo receptivo são joão

951 visualizações

Publicada em

  • Seja o primeiro a comentar

Caracterização do turismo receptivo são joão

  1. 1. Caracterização e Dimensionamentodo Turismo Receptivo na Bahia 2009 Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas - FIPE
  2. 2. Pesquisa Fipe Para aferir os números do turismo na Bahia, tivemos a preocupação de contratar a Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas - FIPE, instituição da Universidade de São Paulo – USP, responsável pelas pesquisas da Embratur, de forma que, usando a mesma metodologia, pudéssemos comparar o dados da Bahia com o de outros estados da Federação. A pesquisa foi contratada em junho de 2008 e realizada durante exatamente um ano.
  3. 3. Aspectos GeraisObjetivos:Caracterizar e dimensionar o turismo doméstico einternacional no estado, identificando os seguinteselementos: Contagem do fluxo turístico Perfil sócio-econômico dos viajantes Seus gastos Suas avaliações das áreas e / ou eventos visitados Taxa de ocupação dos meios de hospedagem das localidades pesquisadas.
  4. 4. Aspectos Gerais As pesquisas foram realizadas no período de alta, média e baixa estações nos 22 principais portões de entrada do estado (receptivo tradicional) e nos municípios marcados fortemente pelas festas juninas, carnavalescas e religiosas. As localidades foram selecionadas com base na capacidade hoteleira, no apelo natural, cultural e/ou econômica, além do seu reconhecido potencial turístico. Para consolidação dos dados, foram feitas, no período, quatro tipos de pesquisas, realizadas em sete etapas. Ao todo, foram aplicados 16.525 questionários nas localidades de receptivo tradicional e nos municípios fortemente marcados pelos eventos juninos, carnavalescos e religiosos. As entrevistas foram realizadas de forma direta e aleatória nas seguintes localidades:
  5. 5. Receptivos tradicionais Salvador  Lençóis Porto Seguro  Maraú / Camamu Trancoso  Barreiras Arraial D’Ajuda  Cachoeira Santa Cruz Cabrália  Ilha de Itaparica Ilhéus  Vera Cruz Ilha de Comandatuba  Itacaré Morro de São Paulo  Juazeiro Praia do Forte  Paulo Afonso Costa do Sauípe  Rio de Contas Imbassaí  Prado
  6. 6. Eventos Juninos Salvador  Euclides da Cunha Porto Seguro  Cachoeira Ilhéus  Serrinha Lençóis  Macaúbas Senhor do Bonfim  Entre Rios Barreiras  Amargosa Jequié  Piritiba Paulo Afonso  Barra Cruz das Almas  Maragojipe Santo Antonio de Jesus  Ibicuí Mucugê
  7. 7. Eventos religiosos Bom Jesus da Lapa (Festa de Nosso Senhor Bom Jesus) Cachoeira (Festa de Nossa Senhora da Boa Morte) Canudos (Romaria de Canudos) Monte Santo (Romaria da Serra de Piquaraçá)
  8. 8. Eventos carnavalescos Salvador Porto Seguro
  9. 9. Dimensionamento eCaracterização Eventos Juninos
  10. 10. Eventos Juninos Nos eventos juninos foram pesquisadas 21 localidades, no período de 22 e 25 de junho de 2008. Foram realizadas pesquisas de contagem, turismo receptivo e levantamento censitário.
  11. 11. Eventos Juninos Salvador  Euclides da Cunha Porto Seguro  Cachoeira Ilhéus  Serrinha Lençóis  Macaúbas Senhor do Bonfim  Entre Rios Barreiras  Amargosa Jequié  Piritiba Paulo Afonso  Barra Cruz das Almas  Maragojipe Santo Antonio de Jesus  Ibicuí Mucugê
  12. 12. Pesquisa de Contagem Fluxo total de turistas: 90.628 dos quais 65.615, equivalente a 67 %, tiveram como motivação da viagem as festas juninas. No total de localidades pesquisadas, observa-se que o fluxo de turistas em Salvador, Porto Seguro e Ilhéus não são destinações que têm apelo de Festas Juninas, tanto que em todas elas a motivação da festa não ultrapassa 25%.
  13. 13. Pesquisa de Contagem Já nas demais cidades, afora Barreiras, a motivação da festa chega a 70%. Em Jequié, por exemplo, 100% dos entrevistados tiveram o evento junino como motivador da viagem. O próprio estado da Bahia é o maior emissor de turistas domésticos durante esse período, com 77,2% do total.
  14. 14. Pesquisa de Contagem 22,8% dos turistas são de outros estados. Dos turistas provenientes da região nordeste, foi registrado o percentual de 84,9% do total (aqui incluídos o da Bahia). Salvador foi a principal cidade emissora, com 42,6% dos turistas domésticos.
  15. 15. Pesquisa de Contagem Mas observou-se incidência relativamente alta de turistas de:  São Paulo (5,2%)  Pernambuco (2,7%)  Sergipe (2,7%)  Rio de Janeiro (2,4%)  Minas Gerais (2,3%)
  16. 16. Pesquisa de Contagem Dos turistas estrangeiros, os Estados Unidos se destaca como principal emissor, com 23% do total. Salvador e Lençóis foram os municípios que receberam maior variedade de turistas estrangeiros, com, respectivamente, 11 e nove países diferentes.
  17. 17. Pesquisa de Contagem 40% dos turistas internacionais chegaram por Salvador, 27% por São Paulo, 10% pelo Rio de Janeiro e igual percentual por Porto Seguro. O gasto médio per capta efetivado pelos turistas que visitaram as cidades por causa dos eventos juninos foi de R$ 229,91, sendo distribuídos entre diversão (37,1%), alimentação (23,9%), hospedagem (15,4%), compras (14,7%), transporte local (6,5%) e outros (2,5%).
  18. 18. Perfil do Turista Observou-se que 57,3% dos turistas já haviam participado do evento. Trata-se de um dado positivo, pois indica a satisfação do turista. 86,9% dos turistas tiveram suas expectativas atendidas ou superadas. 82% disseram que retornariam aos eventos e 90% recomendariam o evento para outras pessoas. 88% avaliou positivamente itens como: decoração, espaço, qualidade do som, iluminação, organização e animação)
  19. 19. Perfil do Turista 94,3% avaliou como bom e muito bom: atrações musicais tradicionais, atrações musicais eletrônicas, barracas de comida, concurso de quadrilhas, programação religiosa, trio de forró e show de espada) No geral, a infraestrutura turística dos municípios foi bem avaliada. A exceção foram os banheiros públicos, mal avaliados por 51% dos turistas. 70% dos entrevistados disseram preferir o São João ao Carnaval.
  20. 20. Perfil do Turista Gênero: predominância do sexo masculino (52,7%). Em Cachoeira houve predominância do gênero feminino (62,8%). Faixa etária: Observa-se a predominância do público jovem, com idades entre 16 a 31 anos (60%). Grau de instrução: A maior parte dos turistas possui nível médio completo (56,4%) ou superior completo (29,9%). Ocupação: Estudantes (19,2%), comerciários (13%) e funcionários públicos (13%). Renda média mensal individual: R$ 1.720,40. Os turistas que visitaram Barreiras tem a maior renda (R$ 4.633,90) e os de Barra a menor (R$821,30).
  21. 21. Perfil do Turista Acompanhantes de viagem: A maior parte dos turistas que visitaram os municípios realizaram a viagem com até 4 pessoas. Principal meio de transporte: 60% utilizou ônibus de linha e 30% automóvel próprio. Principal meio de hospedagem: 70% hospedou- se em casa de amigos e parentes e 10% alugaram imóveis. Aquisição de serviços de agências de viagem: 97% não utilizou este tipo de serviço. Gasto médio no local: O gasto médio foi de R$ 448,20.
  22. 22. Perfil do Turista Gasto médio per capta no local: O gasto per capta foi de R$ 249,00. Gasto per capta dia no local: R$ R$ 65,53. Permanência no município do evento: 80% dos turistas permaneceram 4 pernoites e menos de 5% ficaram mais do que 7 pernoites. Principal fator de influência: 80% visitou o município por comentários de amigos e parentes ou porque já conheciam o evento.
  23. 23. Perfil do Turista Principal veículo de comunicação que influenciou na decisão: Internet (70% indicou site ou portal do próprio município. Em Amargosa, Cachoeira, Euclides da Cunha, e Mucugê foi de 100%). Televisão (12,4%) Em Entre Rios, 100% dos turistas apontaram o rádio como principal fator de influência. Em Paulo Afonso, nenhum turista apontou a Internet. Avaliação de preços: 6,7% consideraram os preços baixos, 65,1% consideraram normais e 24,9% elevados. Tipo de música preferida: 70% diz preferir forró pé-de- serra e 22% forró eletrônico.

×