O slideshow foi denunciado.
Seu SlideShare está sendo baixado. ×
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Próximos SlideShares
Jornal 15 a 30 de setembro
Jornal 15 a 30 de setembro
Carregando em…3
×

Confira estes a seguir

1 de 1 Anúncio

Mais Conteúdo rRelacionado

Diapositivos para si (20)

Anúncio

Semelhante a Pag. 3 pb pdf (20)

Mais de Ed Claudio Cruz (20)

Anúncio

Pag. 3 pb pdf

  1. 1. Página 03PARANÁ NOTÍCIAS Campo Mourão Comcam, 13 e 14 de junho de 2015 Ações sociais atAções sociais atAções sociais atAções sociais atAções sociais atendem cerendem cerendem cerendem cerendem cerca deca deca deca deca de 11111,3 mil menores por mês,3 mil menores por mês,3 mil menores por mês,3 mil menores por mês,3 mil menores por mês Os Centros de Referência de Assistência Social (CRAS) são a porta de entrada para os serviços de proteção social não só dos menores de idade como de famílias que vivem em situação de vulnerabilidade social Dados da Secretaria Municipal de Ação Social indicam que mensalmente cerca de 1,3 mil crianças, adolescentes ou jovens de- pendem do atendimento dos programas sociais ofereci- dos pelo município. O tra- balho é voltado desde a ga- rantir direitos até inserção social, em espaços como Conselho Tutelar, CRAS, CREAS, Centros de Inte- gração e Centro da Juven- tude. O Conselho Tutelar existe para zelar pelos di- reitos, garantindo que o Estatuto da Criança e do Adolescente seja cumprido. Com uma média de atendi- mento de 230 crianças e adolescentes, o órgão rece- be e acompanha o encami- nhamento de denúncias, fis- caliza e toma providências diante de ameaça a direitos. Em Campo Mourão, a maioria dos atendimentos do Conselho é relacionada a abandono de incapaz, se- guido de casos de abusos. Os conselheiros, que traba- lham em escalas de plantão 24 horas, atendem ocorrên- cias a partir de denúncias, fazem operações e também apoiam operações das poli- ciais Militar e Civil, além do Ministério Público. 114 jovens - O município oferece ainda um Serviço de Proteção Social a dolescen- tes em cumprimento de medida socioeducativa de li- berdade assistida e presta- ção de serviço a comunida- de. Hoje a média de atendi- mento é de 114 jovens/mês. A finalidade é dar atenção socioassistencial e acompa- nhamento a adolescentes e jovens em cumprimento de medidas socioeducativas em meio aberto, determinadas judicialmente. “Talvez por fal- ta de melhor informação, muitos acreditam que os adolescentes podem, por exemplo, cometer crimes sem sofrer nenhuma conse- quência. Eles também so- frem as sanções adequadas à idade”, observa a secretá- ria da Ação Social, Anelise Bronzel Dubay. 30 crianças – Cerca de 30 crianças de 0 a 6 anos atu- almente recebem assistên- cia mensal do Serviço de Convivência e Fortaleci- mento de Vínculos. Esse trabalho tem por foco o de- senvolvimento de ativida- des com crianças, familiares e comunidade, prevenindo ocorrência de situações de exclusão social e risco, em especial a violência domés- tica e o trabalho infantil. No município o serviço é reali- zado através do Projeto Crescer, com encontros se- manais, possibilitando a in- teração entre pais e filhos, ampliando trocas culturais e de vivência, despertando o sentimento de pertença e de identidade, incentivando a socialização e a convivên- cia comunitária. O projeto é desenvolvido nas três uni- dades de CRAS. CRAS e CREAS - Os Cen- tros de Referência de Assis- tência Social (CRAS) são a porta de entrada para os serviços de proteção social não só dos menores de ida- de como de famílias que vi- vem em situação de vulne- rabilidade social. O CRAS trabalha na pre- venção a maus tratos físi- cos e psíquicos, abandono, abuso sexual, uso de subs- tâncias psicoativas, situa- ção de rua ou trabalho in- fantil. Semelhante trabalho é realizado no Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS). A diferença é que enquanto o CRAS bus- ca prevenir as ocorrências, o CREAS atua com as víti- mas que já tiveram seus direitos violados. Centros de Integração: apoio no contraturno Só nos oito Centros de Integração são atendi- das todo mês cerca de 600 crianças e adolescentes en- tre 6 a 15 anos. “Trata-se de um espaço de convivên- cia e formação para a cida- dania, no contraturno es- colar, com ações pautadas em experiências lúdicas, culturais e esportivas como forma de expressão, intera- ção, aprendizagem, sociabi- lidade e proteção social”, ex- plica o diretor da Secretaria e responsável pelos centros, Sebastião Galdino. As unidades, descen- tralizadas nos bairros de maior vulnerabilidade soci- al, funcionam nos períodos da manhã e tarde, com ali- mentação, apoio às tarefas escolares e oficinas socioe- ducativas. Às famílias são ofertadasoficinasdegeração de trabalho e renda, além do atendimento psicossocial. 65 jovens – Atualmente 65 jovens recebem atendimen- to do Serviço de Convivên- cia para Adolescentes de 15 a 17 anos, visando o forta- lecimento da convivência familiar e comunitária. É voltado a dar assistência a jovens com problemas de frequência na escola. No município, o serviço é ofe- recido através de dois pro- gramas: Pro Jovem Ado- lescente e Formando Cida- dão. Já as atividades no Centro da Juventude, na asa leste, atualmente aten- dem uma média de 320 jo- vens de 12 a 18 anos, com ações socioeducativas, cul- turais e de esporte. AmAmAmAmAmpliada ofpliada ofpliada ofpliada ofpliada oferererererta de conta de conta de conta de conta de convitvitvitvitvites para a 25ªes para a 25ªes para a 25ªes para a 25ªes para a 25ª FFFFFesta do Carneiresta do Carneiresta do Carneiresta do Carneiresta do Carneiro no Buracoo no Buracoo no Buracoo no Buracoo no Buraco Este ano a Comissão Organi- zadora da 25ª Fes- ta Nacional do Carneiro no Bura- co ampliou a ofer- ta de convites para o almoço do prato típico de Campo Mourão que será oferecido dia 12 de julho no Parque de Exposições “Getúlio Ferrari”. Novos 1.980 con- vites serão coloca- dos á venda pelas 14 enti- dades que participam da Festa em 2015. A venda de maior número de convites foi possível com a amplia- ção do numero dos buracos, que passaram de 147 para 180. O preço dos convites é de R$ 30,00 (Adultos) e R$ 15,00 (crianças até 08 anos) e são válidos para três ho- rários diferentes: 11, 12 ou 13 horas, e parte da renda será revertida para entida- des assistenciais. As 14 en- tidades que vão comerci- alizar os convites são: CTR, APAE-Rotary Gra- lha Azul, Santa Casa-Rota- ry Verdes Campos, Provo- par, Caixa, Sonibram, Clu- be da Justiça, CTG Índio Bandeira, Assercam, Sindi- cato Rural, Rotary Clube Campo Mourão, Centros de Educação Infantil-Ce- meis, Acadêmicos da UTF- PR e da Unespar. A Festa Nacional do Carneiro no Buraco será aberta oficialmente na ter- A obra de revitaliza- ção da Estrada Rural do Bar- reiro das Frutas (correspon- dendo ao trecho da BR 272) foi licitada nesta quarta-fei- ra, 10, pela Prefeitura de Campo Mourão. ça-feira, 07, com show da dupla Munhoz e Mariano e segue até dia 12 no Par- que de Exposição de Cam- po Mourão, com diversas outras atrações. Em seis dias de realização, o prin- cipal evento da cidade deve receber mais de 180 mil vi- sitantes. Rainha - A estudan- te universitária Juliana Aparecida Toríbio Cale- gher, 19, foi eleita Rainha da 25ª Festa Nacional do Car- neiro no Buraco em um concurso que lotou o Tea- tro Municipal, na noite des- ta quarta-feira, 3. Onze can- didatas disputaram a coroa para representar a beleza da mulher mourãoense na fes- ta que acontece juntamen- te com a Exposição Feira Agropecuária, Comercial de Industrial, de 7 a 12 de julho no Parque de Exposi- ções Getúlio Ferrari. O con- curso foi promovido pelo Município de Campo Mou- rão, através da Fundacam (Fundação Cultural). PrefPrefPrefPrefPrefeitura realiza obras de readeqeitura realiza obras de readeqeitura realiza obras de readeqeitura realiza obras de readeqeitura realiza obras de readequação deuação deuação deuação deuação de estradas na comunidade Pingo D´Aestradas na comunidade Pingo D´Aestradas na comunidade Pingo D´Aestradas na comunidade Pingo D´Aestradas na comunidade Pingo D´Aguaguaguaguagua Apoiando moradores e produtores rurais, garantindo o escoamento de safras, bem como o transporte escolar o Município de Campo Mourão, está realizando obras de rea- dequação em estradas da Co- munidade Pingo D´Àgua (re- gião hortifrutigranjeiros saí- da para a Comunidade Barrei- ro das Frutas). Ao todo são cinco quilô- metros de melhorias de estra- das, contando com o levanta- mento, escoamento de águas pluviais e cascalhamento com- Licitada obra de revitalização da Estrada do Barreiro das Frutas OBRAS Quatro empresas partici- param do processo e a vence- dora foi a Liotto e Silva Ltda que executará a obra com 9.727 metros quadrados ao custo de R$ 2.693.733,91. A recuperação da via será executada com recursos própri- os do município de Campo Mourão, sendo que R$ 1.297.000,00 é oriundo de so- bras de recursos da Câmara Municipal. A prefeita Regina Dubay argumenta que a obra atende grande parte de moradores e produtores da zona rural, me- lhorando o deslocamento dos moradores, garantindo o esco- amento das safras, bem como o transporte escolar. PrefPrefPrefPrefPrefeitura adqeitura adqeitura adqeitura adqeitura adquireuireuireuireuire nononononovvvvvos vos vos vos vos veículos paraeículos paraeículos paraeículos paraeículos para SecreSecreSecreSecreSecretaria detaria detaria detaria detaria de AAAAAgricultura e Meiogricultura e Meiogricultura e Meiogricultura e Meiogricultura e Meio AmbientAmbientAmbientAmbientAmbienteeeee Renovando a frota de veículos egarantindoeficiênciaeeconomiados trabalhosvoltadosapopulação,aPre- feitura de Campo Mourão adquiriu mais três utilitários marca Fiat Strada para ações da Secretaria Municipal de AgriculturaeMeioAmbiente(Seama). Ao todo foram investidos R$ 122 mil nas aquisições, recursos oriundos da Fundeflor. A prefeita Regina Dubay partici- pou da entrega das chaves juntamen- te com o diretor da Seama, Ademir Franco de Lima “Pezão”, na tarde des- ta quinta-feira, 11, quando falou dos investimentos no setor de Agricultura e Meio Ambiente. Ela lembrou que a administraçãomunicipalvemadquirin- do veículos para todos os setores ga- rantindoaqualidadedosserviços.“Re- novandoafrotaestamosinvestindono patrimôniodomunicípio,melhorando os serviços de todos os setores”, disse a prefeita, relacionando que a Prefei- tura vem adquirindo automóveis, uti- litários, caminhões e maquinários. pactado, executados através de Secretaria de Obras e Serviços Públicos. Na última semana, o se- cretário de Obras e Serviços Públicos, César Stanziola, es- teve vistoriando os trabalhos. Ele argumenta que as melho- rias atendem aos anseios da co- munidade rural e vêm sendo executados com recursos pró- prios. Também estão sendo rea- lizados trabalhos na região da Usina Mourão, divisa com Lui- ziana e no Distrito de Piquirivaí.

×