Jornal Paraná Notícias

8.236 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
8.236
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
7.263
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Jornal Paraná Notícias

  1. 1. Comcam, 19 e 20 de maio de 2015 Circulação semanal "Deleita-te também no Senhor, e te concederá os desejos do teu coração.” (Salmos 37: 4) Maio Amarelo www.jornalprn.com.br . 12 candidatas àRainhada Festado Carneirono Buraco As 12 candidatas concorrem este ano ao título de Rainha da Festa Nacional do Carneiro no Buraco. O Concurso será dia 3 de junho, no Teatro Municipal de Campo Mourão. Pág. 04 RRRRReajusteajusteajusteajusteajustes acima da inflação garantes acima da inflação garantes acima da inflação garantes acima da inflação garantes acima da inflação garantememememem aumentaumentaumentaumentaumento real aoso real aoso real aoso real aoso real aos serserserserservidores do Pvidores do Pvidores do Pvidores do Pvidores do Paranáaranáaranáaranáaraná Nos últimos quatro anos, o Governo do Paraná ampliou o poder aquisitivo dos servidores concedendo aumentos nos salários acima da inflação para quase todas as categorias do funcionalismo público, principalmente professores, policiais e profissionais da saúde. Pág. 06 CÂMARAS MUNICIPAIS Em buscaEm buscaEm buscaEm buscaEm busca dododododo dinheirdinheirdinheirdinheirdinheirooooo rrrrroooooubadoubadoubadoubadoubado Denúncia Segundo a Polícia Federal do Paraná, a quadrilha que é acusada de desviar 70 mi- lhões, era composta por integrantes de OSCIPs (Organi- zações da Sociedade Civil de Interesse Público) e funcioná- rios de prefeituras, que emiti- am notas frias. As investiga- ções estão concentradas nas prefeituras de Piraquara, Campina Grande do Sul, Mare- chal Cândido Rondon e Francis- co Alves e também Curitiba. Pág. 02 Acompanhe as atividades parlamentares de Janiópolis e Luiziana7 2 Deputado Leonaldo Paranhos lamenta decisão da justiça em rejeitar pedido para que União amplie vacinação contra Gripe A ASSEMBLEIA LEGISLATIVA Comerciantes definiram proposta de calendário para datas especiais ACICAM 8 Enfrentando a tentação Pág. 05 Por vivermos neste mundo, vamos sempre enfrentar a realidade da tentação. Não se esqueça, entretanto, que não é pecado ser tentado. Movimento “Maio Amarelo” por trânsito mais seguro é lançado em Campo Mourão. Pág. 08 Prefeita discute sobre projeto de recapeamento de avenidas na SEDU Prefeitura realiza obras de recape asfáltico na região da Vila Rio Grande 32º Clube de Mães é inaugurado em área central Pág. 03 Pág. 03 Pág. 03
  2. 2. & Fatos “ FRASE Política Não quer ser caluniado, perseguido e desprezado? Não sonhe, não crie, seja só mais um.” (Pastor Marcos Feliciano) PARANÁ NOTÍCIASPágina 02 Comcam, 19 e 20 de maio de 2015 A Polícia Federal deflagrou na última sema- na, em conjunto com a Con- troladoria Geral da União, a Operação Fidúcia visan- do desarticular a atuação de uma associação criminosa especializada em desviar re- cursos públicos recebidos por intermédio de Organi- zações da Sociedade Civil de Interesse Público (OS- CIPs), situadas em Curiti- ba. As investigações tive- ram início em 2011 e apon- tam pela existência de indí- cios de que o grupo crimi- noso desviava dinheiro re- cebido em razão de termos de parcerias firmados com diversos Municípios do Es- tado do Paraná desde o ano 2005, em especial para atu- ação em programas na área de Saúde. Os recursos públicos recebidos eram desviados mediante diversas condu- tas, dentre elas a não com- provação de aplicação de taxa de administração, a prestação irregular de con- tas, pagamentos irregulares a empresas de dirigentes das OSCIPs, pagamentos efetuados para empresas de “fachada” e saques de altos valores em espécie. Ade- mais, também foram colhi- dos indícios de fraude em processo de licitação. A operação conta com a participação de 70 policiais federais e seis ser- vidores da Controladoria Geral da União, que estão dando cumprimento a 14 mandados de busca e apre- ensão, 11 mandados de con- dução coercitiva e três man- dados de prisão temporária nos municípios paranaenses de Curitiba, Piraquara, Campina Grande do Sul, Marechal Cândido Rondon e Francisco Alves. Todos os mandados foram expedidos pela Justi- ça Federal em Curitiba. A estimativa é que o desvio gire em torno de 70 milhões de reais. Os envolvidos fo- ram indiciados pelos crimes de associação criminosa, pe- culato, falsidade ideológica, lavagem de dinheiro e deli- tos previstos na Lei de Li- citações. (Fonte: agazetadepiraquara) Em breve novas cidades também deverão engrossar a lista de faucatruas Em busca do dinheirEm busca do dinheirEm busca do dinheirEm busca do dinheirEm busca do dinheiro ro ro ro ro roubadooubadooubadooubadooubado Gaeco denuncia delegado eGaeco denuncia delegado eGaeco denuncia delegado eGaeco denuncia delegado eGaeco denuncia delegado e escrivão da Pescrivão da Pescrivão da Pescrivão da Pescrivão da Polícia Civil porolícia Civil porolícia Civil porolícia Civil porolícia Civil por crime de corrupção passivcrime de corrupção passivcrime de corrupção passivcrime de corrupção passivcrime de corrupção passivaaaaa O Ministério Público do Paraná (MP-PR), por meio do Núcleo Regional de Maringá do Grupo de Atuação Especial e Comba- te ao Crime Organizado (Gaeco), apresentou na úl- tima semana, à Vara Crimi- nal de Goioerê, denúncia contra um delegado e um escrivão da Polícia Civil. Ambos estão em outras ci- dades, mas atuaram em Goioerê e foram denuncia- dos por crime de corrupção passiva qualificada. Segundo as investi- gações do MP, os dois teri- am solicitado e recebido “propinas” de proprietários de boates e outros estabe- lecimentos que exploram a prostituição, como contra- Deputado PDeputado PDeputado PDeputado PDeputado Paranhos lamenta decisão daaranhos lamenta decisão daaranhos lamenta decisão daaranhos lamenta decisão daaranhos lamenta decisão da Justiça em rejeitar pedido para qJustiça em rejeitar pedido para qJustiça em rejeitar pedido para qJustiça em rejeitar pedido para qJustiça em rejeitar pedido para que Uue Uue Uue Uue Uniãoniãoniãoniãonião amamamamamplie vplie vplie vplie vplie vacinação contra gripe Aacinação contra gripe Aacinação contra gripe Aacinação contra gripe Aacinação contra gripe A Sangue inocente A cara de pau desses bandidos é coisa surpreendente. O dinheiro público destinado a Saúde era desviado por meio de OSCIPs, através de notas frias e outros mecanismos. Sãos “feras” mesmo esses malandros. Mas como sem- pre, um dia a casa cai. SangueinocenteIIeaconsciêncialeve Não, pelo jeito eles não perdiam nem o sono. E negócio deles era mesmo ganhar dinheiro. Assim, acumulam ri- quezas, construindo casas, comprando carros e engordan- do as contas bancarias, enquanto milhares de pessoas morrem na fila de espera, porque não são atendidas, por falta de recursos. Sangue inocente III e os 70 milhões Já imaginaram quanto atendimento médico, quanta con- sulta, e quantos procedimentos cirúrgicos poderiam ser feitos com o dinheiro que esses bandidos, ladrões mise- ráveis de prefeitura roubaram? Sangue inocente IV e o inferno Roubar dinheiro público já é um crime horroroso, mas roubar dinheiro que seria investido na Saúde é um absur- do, além de ser crime é pecado, e dos grandes. Vão ter que prestar contas a Deus! Em quem confiar? Em Goioerê o escrivão e o delegado, que por sua vez de- veriam oferecer segurança a população, estavam mesmo se aproveitando do cargo para obter vantagens. Para refletir... Já que trazemos médicos de Cuba poderíamos trazer juízes da Indonésia. Que tal? Toda semana Vamos falar de coisa boa. Há algum tem- po a prefeita de Campo Mourão Re- gina Dubay enfrenta uma verdadeira ma- ratona de obras. Pra- ticamente toda se- mana existe uma obra para ser entregue a população. Regina otimista A prefeita Regina Dubay esteve na capital do estado em audiência com o diretor geral da SEDU, João Carlos Orte- ga e com o superintendente executivo do Paranacidade, Wilson Bley Lipski, e voltou animada com a possibilidade de receber os recursos para a pavimentação asfáltica. Essa semana TécnicosdaSEDU-SecretariadeEstadodeDesenvolvimen- toUrbanoestarãoemCampoMourãonessasemana,afim de analisar o acesso do Parque Industrial até a BR 487. Ao todo, são R$ 7 milhões em financiamentos que estão sen- do pleiteados para as obras de recapeamento. Onde será recapeado As avenidas José Custódio de Oliveira, João Bento, Afonso Botelho, Guilherme de Paula Xavier e parte da Avenida Ir- mãos Pereira, além da pavimentação da estrada de acesso as indústrias da Coamo Agroindustrial Cooperativa. partida para não investiga- rem as atividades ilícitas. O Gaeco apurou também que o escrivão fre- quentava uma das casas, deixando de pagar pelo consumo de bebidas, sob ameaça de denunciar a dona do lugar. O escrivão é acusado ainda de cobrar propina de outras vítimas para inter- ferir em favor delas em in- vestigações. Os fatos denunciados ocorreram em 2013 e 2014. Na denúncia, o Ministério Públicorequereuaperdade função pública dos servido- resdenunciadose,cautelar- mente, a proibição de que eles se aproximem ou man- tenham contato com as tes- temunhas do processo. Em despacho emiti- do na última quinta-feira, 14, o juiz Friedmann An- derson Wendpap, da 1ª Vara Federal de Curitiba, negou o pedido de tutela antecipada interposta pela Comissão de Defesa da Cri- ança, Adolescente e Idoso da Assembleia Legislativa do Paraná (CRIAI) e pelo seu presidente, deputado Paranhos (PSC), para que o Ministério da Saúde pro- videnciasse a imunização emergencial contra a gri- pe H1N1 (gripe A) também para crianças, adolescentes e professores da rede públi- ca de ensino, além dos já atendidos públicos consi- derados “de risco”. Para justificar a recu- sa, o juiz federal alega “in- capacidade material”, con- siderando que a medida atingiria aproximadamen- te 3,6 milhões de crianças e adolescentes, “fora os professores da rede públi- ca”. Além disso, o magis- trado argumenta que não haveria tempo hábil para a vacinação. “Considerando esses dois elementos a con- ciliar (elevado número de indivíduos e a proximida- de do inverno), é de se pressupor a dificuldade da União na aquisição e admi- nistração da quantidade de doses estimadas. Vale di- zer, haverá dificuldade tan- to no que se refere à exis- tência de estoque disponí- vel no mercado, como na organização da estrutura necessária para viabilizar a efetiva vacinação”, diz o despacho. Essa é a terceira vez que o deputado Paranhos busca o amparo judicial para obrigar a União a cumprir sua obrigação constitucional de garantir proteção à saúde, já que trata-se de direito pautado pelo princípio da universa- lidade. “De nossa parte va- mos continuar lutando para todos os cidadãos te- nham direito à vacina e, nesse ano, de forma especial, crian- ças, adolescen- tes e professo- res que tam- bém acabam fi- cando mais suscetíveis ao contágio em ambientes fe- chados como o transporte co- letivo e salas de aula muitas ve- zes fechadas no período de in- verno”, argumenta o parla- mentar. Na petição feita ao juízo federal, o advogado da CRIAI defende que a va- cina é necessária conside- rando que o padrão climá- tico do Paraná contribui para a propagação da do- ença, o que está provado pelos números. Thiago Chamulera descreve que a atual estratégia de imuni- zar apenas grupos de risco não se mostrou eficaz nos anos anteriores, já que em 2013 foram registrados 1.416 casos e 58 óbitos e, em 2014, 16 mortes. “Mes- mo se tivéssemos registra- do apenas uma morte a va- cinação em massa já se jus- tificaria, pois trata-se de uma doença evitável justa- mente pela vacina”, enfati- za Paranhos. [Os recursos públicos recebidos eram desviados mediante diversas condutas, dentre elas, a não comprovação de apli- cação de taxa de administração, a prestação irregular de contas, pagamentos irregulares a empresas de dirigentes das OSCIPs, pagamentos efetuados para empresas de “fa- chada” e saques de altos valores em espécie]
  3. 3. Página 03PARANÁ NOTÍCIAS Campo Mourão Comcam, 19 e 20 de maio de 2015 PrefPrefPrefPrefPrefeita discuteita discuteita discuteita discuteita discute sobree sobree sobree sobree sobre prprprprprojeojeojeojeojettttto deo deo deo deo de recapeamentrecapeamentrecapeamentrecapeamentrecapeamento deo deo deo deo de aaaaavvvvvenidas na SEDUenidas na SEDUenidas na SEDUenidas na SEDUenidas na SEDU Em Curitiba, a pre- feita Regina Dubay esteve em audiência com o diretor geral da SEDU -Secretaria de Estado de Desenvolvi- mento Urbano, João Carlos Ortega e com o superinten- dente executivo do Parana- cidade, Wilson Bley Lipski, nesta quinta-feira, 14, quan- do tratou sobre o processo de viabilização de financia- mento de recursos para obras de recapeamento as- faltico de avenidas centrais e pavimentação do acesso do Parque Industrial junto a BR 487 (Saída para Gua- rapuava). Regina estava acompanhada pelo coorde- nador geral do município, Carlos Garcia e pelo secre- tário de Planejamento, Re- nato Ikeda. Durante a reunião, Ortega anunciou que técni- cos da SEDU estarão em Campo Mourão na próxima semana, a fim de analisar o acesso do Parque Industri- al até a BR 487. Ao todo são R$ 7 mi- lhões em financiamentos que estão sendo pleiteados para as obras de recapea- mento nas avenidas José Custódio de Oliveira, João Bento, Afonso Botelho, Guilherme de Paula Xavi- er e parte da Avenida Ir- mãos Pereira, além da pa- vimentação da estrada de acesso as indústrias da Co- amo Agroindustrial Coope- rativa. PrefPrefPrefPrefPrefeitura realiza obras de recape asfáltico naeitura realiza obras de recape asfáltico naeitura realiza obras de recape asfáltico naeitura realiza obras de recape asfáltico naeitura realiza obras de recape asfáltico na região da Vila Rio Granderegião da Vila Rio Granderegião da Vila Rio Granderegião da Vila Rio Granderegião da Vila Rio Grande Depois de executar obras de recapeamento de pavimentação em boa parte de vias da área central, con- junto Ilha Bela e região do Lar Paraná, a Prefeitura de Campo Mourão está revita- lizando toda a pavimentação asfáltica em ruas da região da Vila Rio Grande. Ao todo são seis vias que estão sen- do revitalizadas em todas as suas extensões, tanto no bairro, como nos jardins Orly e Tomazi. Outras vias também serão revitalizadas no jardim Copacabana. A prefeita Regina Du- bay esteve acompanhando os trabalhos juntamente com a presidente da Associ- ação de Moradores da Vila Rio Grande, Silvane Bar- toski, na manhã desta sex- ta-feira, 15, quando conver- sou com moradores e falou do projeto de revitalização da pavimentação, que vem envolvendo diversas vias da cidade. Ela reforçou que as obras vêm sendo realizadas com recursos próprios do município, como resultado de uma ampla economia em praticamente todos os seto- res e aplicação de recursos provenientes do IPVA. A prefeita Regina Dubay esteve acompanhando os trabalhos juntamente com a presidente da Associação de Moradores da Vila Rio Grande, Silvane Bartoski 32º Clube de Mães é inaugurado em área central32º Clube de Mães é inaugurado em área central32º Clube de Mães é inaugurado em área central32º Clube de Mães é inaugurado em área central32º Clube de Mães é inaugurado em área central “Com os Clubes de Mães, nossas mulheres são mais fortes. São novas oportunidades de trabalho e entretenimento”, disse a prefeita Regina Fortalecendo os tra- balhos voltados para as mulheres, a Prefeitura de Campo Mourão, através da Secretaria da Mulher insta- lou um novo Clube de Mães na região central, na tarde desta segunda-feira, 18. O Clube de Mães “Fazendo Arte” foi inaugurado das dependências do CCI – Centro de Convivência do Idoso, localizado na Rua Peabiru junto ao Estádio Municipal e á o 32º clube de Campo Mourão. A secretária da Mu- lher, Anelise Dubay, que também é secretá- ria de Ação Social, fa- lou dos trabalhos rea- lizados pelos 31 clubes de mães já existentes no município e dos resulta- dos, destacando a mulher em atividades de entreteni- mento e aprendizagem com oportunidade de geração de renda. Por sua vez, a prefei- ta Regina Dubay falou dos resultados dos trabalhos re- alizados nos clubes de mães mantidos no município, na promoção da saúde mater- no infantil dentro de um contexto familiar. Ela res- saltou que as atividades são planejadas de acordo com Entidades e parceiros tratam sobre a realização da 25ª Festa Nacional do Carneiro no Buraco as necessidades dos usuári- os e desenvolvidas com o envolvimento da comunida- de. “Com os Clubes de Mães, nossas mulheres são mais fortes. São novas opor- tunidades de trabalho e en- tretenimento”, disse a pre- feita Regina. Também participa- ram da solenidade, o ex- prefeito Nelson Tureck; a coordenadora geral dos Clubes de Mães, Leila Cris- tina Zanotin; coordenado- ra do Clube de Mães “Fa- zendo Arte”, Cacilda Inácio Cirino “Cacá” e os vereado- res Edilson Martins e Ne- lita Piacentini. Ao todo o Município de Campo Mourão, através da Secretaria da Mulher mantém 32 clubes de mães, que desenvolvem cursos de artesanato, costura industrial e culinária, além de orientações Clubes de Mães Representantes de entidades, parceiros e membrosdacomissãoor- ganizadora da Festa Naci- onal do Carneiro no Bu- raco estiveram reunidos com a prefeita Regina Dubay e com o presiden- te da comissão organiza- dora, Nelson Casarolli, na manhã desta segunda- feira, 18, quando trataram sobre a realização da 25ª edição da festa do prato tí- pico de Campo Mourão, programadaparaacontecer de 7 a 12 de julho, junta- mente com a Feira Agrope- cuária, Comercial e Indus- trial. Durante a reunião de trabalho que aconteceu no gabinete da prefeita, foram definidos detalhes e proje- tos de melhorias para a fes- ta gastronômica nacional e exposição, bem como as melhorias que estão sendo realizadas no Parque de Ex- posições Getúlio Ferrari. Durante a reunião, o coordenadorgeraldomuni- cípio, Carlos Garcia, apre- sentou propostas de ações e a prefeita Regina enalte- ceu a participação de enti- dades e parceiros, enalte- cendo que neste ano a festa será especial em comemo- ração ao Jubileu de Prata. Dentre os assuntos tratados,foramdefinidosos preços dos convites, sendo R$30,00(adulto)eR$15,00 (infantil). As entidades tam- bémsolicitarammaistachos para as barracas. Como novidade, a Festa Nacional do Carneiro no Buraco contará com 33 buracos a mais, somando 180 buracos para o cozi- mento da iguaria a ser ser- vida para mais de 12 mil pessoas. O Parque de Ex- posições vem recebendo melhorias, incluindo au- mento da área para as barracas ao redor da are- na de rodeio. Comissão-Oempresário Névio Hanel (Rotary) será homenageadocomoopre- sidente de honra da 25ª FestaNacionaldoCarneiro no Buraco, enquanto que Casarolli é o presidente da comissão de realização.
  4. 4. Página 04 Comcam, 19 e 20 de maio de 2015 PARANÁ NOTÍCIAS De segunda a sábado R$ 14,00 - Domingos e feriados R$ 16,00 - Marmitex pequena R$ 7,00 - Média R$ 9,00 - Grande R$ 11,00 Rua Santa Catarina, 2120 - Centro - Campo Mourão PR Fone: (44) 3017-1141 O restaurante do Moacir, localizado na área central de Campo Mourão, vem se tornando ponto de encontro de pessoas de toda região. A passeio ou a trabalho, muitas pessoas tem preferido o restaurante para fazer uma saborosa refeição. Com preços aces- síveis e uma ótima qualidade,o restaurante já virou referencia na região da Comcam. SociedadeNotícias Doze candidatas concorrem este ano ao título de Rainha da Fes- ta Nacional do Carneiro no Buraco. O Concurso será dia 3 de junho, no Teatro Municipal de Campo Mou- rão. A vencedora será coroada du- rante o jantar de lançamento da 25º Festa Nacional do Carneiro no Bu- raco dia 12 de junho quando rece- berá um prêmio de R$ 2 mil, entre outras premiações dos patroci- nadores do evento. A Rainha do Carneiro no Buraco 2014 foi Renata Kelli de Souza. A promoção é da Secre- taria Especial da Cultura - Fun- dação Cultural (Fundacam) e o Concurso tem por objetivo di- namizar os eventos que cercam a Festa do prato típico da cida- de, e de destacar a simpatia, in- telectualidade e a beleza femi- nina da cidade. No dia do Con- curso as candidatas serão ava- liadas pelos itens: beleza plás- tica, simpatia, desenvoltura e charme e ainda precisam apre- sentar conhecimentos gerais sobre Campo Mourão e a Festa NacionaldoCarneironoBuraco. Aline Teodoro da Silva, Ana Carolina Batista da Silva, Ariadne Fernandez Zago, Ariadne Michelle Amaral da Silva, Bianca Regina Ronorfo, Bruna Lohana Senger, Evelin Rosa da Luz, Francielli Bragança Isabella Souza da Silva, Juliana Aparecida Toríbio Calegher, Juliana Oliveira Teixeira, Sara Thais Guerreiro Moreira. CANDIDATAS A RAINHA DA 25ª FESTA NACIONAL DO CARNEIRO NO BURACO 12 candidatas à Rainha da Festa do Carneiro no Buraco Em 2014 o evento foi de altíssimo nível
  5. 5. Variedades Curiosidades PARANÁ NOTÍCIAS Comcam, 19 e 20 de maio de 2015 Página 05 PPPPPor qor qor qor qor que Jesus vue Jesus vue Jesus vue Jesus vue Jesus venceu a tenceu a tenceu a tenceu a tenceu a tentação?entação?entação?entação?entação? Em Filipenses 2.7 e Romanos 8.3, a Palavra de Deus diz claramente que o Senhor Jesus, ao se huma- nizar, fez-se semelhante aos homens (gr. homoioma), e não igual ou idêntico a eles (gr. isos). Em outras pala- vras, Ele se fez Homem sem nunca ter deixado de ser Deus (Jo 1.14; 8.58). E aí está o grande mistério da sua gloriosa encarnação (cf. 1 Tm 3.16). A frase bíblica “em tudo foi tentado, mas sem pecado” (Hb 4.15) de- nota que Jesus foi o único homem a nascer e a viver sem pecado. E, por isso mesmo, foi também o único que morreu por nossos pe- cados e ressuscitou para a nossa justificação. A frase “em tudo foi tentado, mas sem pecado” apresenta, de modo sintéti- co, a verdade neotestamen- tária de que o Unigênito — gr. monogenes, “único do gênero” (Jo 3.16) — foi ten- tado pelo que estava à sua volta (Mt 4.1-11), e não a partir de sua própria natu- reza, a qual jamais deixou de ser plenamente santa (Jo 8.46; 1 Pe 2.22). Diferente- mente do Homem perfeito e incomparável, nós, além de sermos tentados pelo mundo e pelo Diabo (tenta- ção externa), também so- mos tentados por nós mes- mos, a partir de nossa pró- pria natureza decaída (ten- tação interna): “cada um é tentado, quando atraído e engodado pela sua própria concupiscência” (Tg 1. 14). Por que, pois, o Deus- Homem venceu a tentação externa como Homem? Esse foi um dos propósitos da sua gloriosa encarnação, visto que nós, por nós mes- mos, jamais venceríamos a tentação. Somos dependen- tes da graça do Senhor Je- sus (2 Co 12.9), o qual se fez “semelhante aos irmãos, para ser misericordioso e fiel sumo sacerdote naquilo que é de Deus, para expiar os pecados do povo. Porque, naquilo que ele mesmo, sen- do tentado, padeceu, pode socorrer aos que são tenta- dos” (Hb 2.17,18). (Ciro Sanches Zibordi) Enfrentando a tentação Por vivermos neste mundo, vamos sempre en- frentar a realidade da ten- tação. Não se esqueça, en- tretanto, que não é peca- do ser tentado. Se fosse as- sim, então o pior pecador que jamais viveu seria Nos- so Senhor Jesus Cristo por que “como nós, em tudo foi tentado, mas sem pecado” (Hb 4.15). Quando Satanás deseja tentar você, ele sabe exatamente qual botão deve apertar! Conhece as suas fraquezas, bem como as de todas as pessoas. As coisas que talvez o tentem podem não ser tentação para outra pessoa. O alvo de Satanás, quando tenta, é fazer com que todos nós vivamos in- dependentes de Deus, isto é, fazer com que andemos segundo a carne em vez de no Espírito (Gl 5.16-23). (Evangelista (Pastor) Marcello Ferraz) A família estava fazendo uma longa viagem de carro: o pai, a mãe, dois filhos e a sogra. Até que as crianças, com sua agitação natural, estavam suportá- veis. Mas a velha não parava de gritar, resmungar, se debater. Como toda sogra que se preza, infernizando mesmo. O genro não aguentava mais ouvir aqueles ber- ros, então resolveu parar o carro e tomar uma atitude drástica: irritado, abriu a porta, saiu do veículo, des- trancou o porta-malas e falou: - Tudo bem, já chega! A senhora pode ir lá à frente. Mas se der um pio, vai voltar prá cá, de novo! Piada 1- Onde está localiza a maior pirâmide do mundo em extensão? a) No estado de Puebla no México b) É a pirâmide de Quéops noEgito c) No norte de Lima no Peru 2- Qual o macho da lebre? a) Coelho b) Lebrão c) Lebre macho Respostas (1a – 2b – 3c – 4a) 3- Ufanismo significa: a) Doença comportamental de fanáticos b) Pessoas que estudam vida em outros planetas c) Comportamento de quem se vangloria de algo em demasia 4- Qual a capital da África do Sul? a) Pretória b) Johanesburgo c) Cidade do Cabo A foto é do parque Gurilândia nos anos 70 em Campo Mourão. O parque foi inaugurado no dia 10 de outubro de 1970, onde é hoje o Senac. Na parte de trás, ainda tem a escola, mas na época era só educação infantil. Memória Viva Chrystian e Ralf – A dupla de sucesso nos anos 80 e 90, chegaram a anunciar o fim de sua parceria em 1999 após uma séria dis- cussão. Cantando sozinhos, no entan- to, nenhum dos irmãos obteve suces- so e acabaram fazendo as pazes em 2001, permanecendo juntos desde então. O perdão foi completo e nos úl- timos anos a dupla se manteve dis- tante de polêmicas, embora tenha perdido grande parte de seu espaço na mídia. Poucos se lembram, mas em 81, Chrystian casou com Gretchen. O músico foi o primeiro dos 16 mari- dos da dançarina e cantora. Por onde andas?
  6. 6. Página 06 Comcam, 19 e 20 de maio de 2015 PARANÁ NOTÍCIASEstado RRRRReajusteajusteajusteajusteajustes acima da inflação garantes acima da inflação garantes acima da inflação garantes acima da inflação garantes acima da inflação garantememememem aumentaumentaumentaumentaumento real aos sero real aos sero real aos sero real aos sero real aos servidores do Pvidores do Pvidores do Pvidores do Pvidores do Paranáaranáaranáaranáaraná Nos últimos quatro anos, o Governo do Paraná ampliou o poder aquisitivo dos servidores concedendo aumentos nos salários aci- ma da inflação para quase todas as categorias do fun- cionalismo público, princi- palmente professores, poli- ciais e profissionais da saú- de. Além dos reajustes, fo- ram feitas grandes contra- tações para recuperar a de- fasagem de profissionais em áreas prioritárias. A valori- zação dos servidores, com evolução salarial e criação de planos de carreira, é uma das principais marcas da gestão do governador Beto Richa. De 2011 a 2014, a média de reajuste do salá- rio base do funcionalismo foi de 63,6%. O porcentual é superior a inflação acumu- lada para o período, medi- da pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), que é de 26,7%. “Um Estado eficien- te depende diretamente da qualificação, da satisfação e valorização dos servidores. Esse reconhecimento é um objetivo constante da nos- sa gestão”, avaliou o gover- nador. Das 42 categorias do funcionalismo, 34 foram contempladas com reajus- tes salariais expressivos aci- ma da inflação. O compara- tivo dos reajustes leva em consideração o salário ini- cial das categorias em 2010 e 2015. Com os reajustes, progressões e novas contra- tações, o investimento anu- al do governo estadual com o funcionalismo aumentou de R$ 10 bilhões em 2010 para R$ 17,5 bilhões em 2015. Richa lembrou que, quando assumiu o governo, a defasagem salarial dos servidores era grande. “Im- plantamos no Paraná um jeito novo de governar, que prima pelo diálogo e respei- to pelos servidores estadu- ais”, afirmou. Além dos re- ajustes, o governador lem- bra que fez grandes contra- tações para recuperar a de- fasagem de profissionais em algumas áreas. PODER DE COMPRA - O diretor-presidente do Instituto Paranaense de Desenvolvimento Econô- mico e Social (Ipardes), Ju- lio Takeshi Suzuki Júnior, afirma que os aumentos sa- lariais dos últimos anos ampliaram o poder de com- pra dos servidores estadu- ais. “Os servidores recebe- ram reajustes bem acima da inflação, superando a média dos trabalhadores da inici- ativa privada. Isso repre- senta um ganho significati- vo de poder aquisitivo para o funcionalismo”, avalia. Takeshi explica que em 2010 os salários do fun- cionalismo estavam defasa- dos com um histórico de re- ajustes sem ganhos reais. “A reposição da defasagem ga- rantiu salários acima da média paga no resto do Bra- sil”, disse ele, citando como exemplo os profissionais do magistério. Outra questão impor- tante destacada pelo presi- dente do Ipardes é a situa- ção atual da econômica na- cional e estadual. De acor- do com ele, esse é um mo- mento complicado porque a desaceleração da econômi- ca brasileira tem reduzido a arrecadação dos governos estaduais e municipais. “Apesar das dificuldades, o governo concedeu os au- mentos salariais prometi- dos ao funcionalismo”, afir- mou. ÁREAS PRIORITÁRIAS – Os servidores da saúde, educação e segurança, áre- as prioritárias do governo, tiveram os aumentos sala- riais mais expressivos. O sa- lário base de um professor que ingressou no magisté- rio em 2010 era de R$ 2.001,78. Em 2014, com re- ajuste de 59,59%, o salário inicial chegou a R$ 3.194,71. Aumento real de 32,9% em quatro anos. Além do aumento sa- larial, o governo ampliou a hora atividade e contratou, por concurso público, 23 mil professores e pedagogos nos últimos quatro anos. “É uma das maiores contrata- ções da história do Paraná na área de ensino. Não te- mos medido esforços para melhoria na educação”, afir- mou o governador. Já os professores do ensino supe- rior tiveram aumento de 45,42%, sendo 18,7% de aumento real. NA SEGURANÇA - Na segurança pública, com os reajustes e mudanças na carreira, o soldado parana- ense que ingressa hoje na Polícia Militar do Paraná recebe salário de R$ 3.651,10 - valor 59,47% su- perior ao que recebia em 2010. O aumento real é de 32,7%. Com isso, o Esta- do paga hoje um dos maiores salá- rio do Brasil para soldado, atrás do Distrito Federal que recebe ajuda de custeio da União. O aumento concedido pelo go- verno, que atendeu de forma escalona- da todas as catego- rias policiais, foi reflexo de uma grande reestrutu- ração de cargos implantado pelo governo estadual em 2012. A medi- da regulamenta o regime de remune- ração das forças de segurança por sub- sídio, conforme prevê a Emenda 29 da Constituição Estadual. A implantação do subsídio também beneficiou os policiais civis, que tive- ram um aumento médio de 84%, em quatro anos. O maior aumento concedido no período foi a remunera- ção base de um auxiliar de perícia oficial, da Polícia Ci- vil. Em 2010 era de R$ 1.372,12. Com o aumento concedido de 101,37%, o servidor que entrou em 2014 recebeu R$ 2.763,05. Descontando a inflação no período, a correção foi de 74,67%. O salário inicial de um agente policial era R$ 1.955,72 em 2010 e passou de para R$ 3.741,27 em 2014. Um reajuste de 91,30%, sendo 64% de au- mento real. Um investiga- dor hoje ganha R$ 4.785,20, valor 88,48% superior. Em quatro anos, foram contra- tados 10 mil policiais civis e militares no Paraná. Uma das categorias com maior aumento salari- al foi a dos agentes peniten- ciários. Contando o salário base e as gratificações da função de execução, o ven- cimento para a carreira ini- cial passou de R$ 2.678,18 para R$ 4.671,49. Isso re- presenta aumento de 74%. “Essas medidas foram fun- damentais para redução da criminalidade em várias re- giões do Estado”, avaliou Richa. SAÚDE – Na área da saú- de, além dos reajustes anu- ais, o Governo reestruturou a carreira dos servidores com a criação, em 2014 de quadro próprio para a área. Com isso, o aumento médio em quatro anos foi de 43%. A tabela da carreira hoje conta com três categorias: agente de apoio (44%), agente de execução (51%) e agente profissional (34%). GRATIFICAÇÕES – Além dos aumentos salari- ais, o governo estadual tam- bém reajustou as gratifica- ções pagas aos servidores públicos estaduais que de- sempenham funções especi- ais. Todas as 19 faixas de servidores tiveram o bene- fício reajustado acima da in- flação. Em alguns casos, foi dobrado. É o caso dos agen- tes penitenciários que a gratificação passou de R$ 1.627,50 para R$ 3.340,48, um aumento de 105%. Além disso, o benefí- cio pago aos profissionais que trabalham em unidades de saúde e hospitais aumen- tou em média 45,42%, aos educadores sociais em mé- dia 103% e aos servidores do ensino superior aumen- tou em média 147%. Já o valor pago em auxílio ali- mentação para os servido- res também dobrou, pas- sando de R$ 50 para R$ 103. (aenpr) Secretária da Edu- cação faz novo apelo pelo retorno às salas de aula A secretária de Esta- do da Educação, Ana Se- res, reiterou nesta sexta- feira, 15, o apelo pela vol- ta às aulas na rede esta- dual de ensino, conside- rando a extensão do pre- juízo aos mais de um mi- lhão de alunos do Estado. A secretária frisou que, se houver retorno imediato às escolas, haverá a repo- sição de aulas, atendendo solicitação e reivindica- ções de cada uma das 32 regionais. “Nossos estu- dantes já foram prejudi- cados pela primeira gre- ve, de 29 dias. O conteú- do precisa ser ministrado e os 200 dias letivos têm que ser cumpridos”, des- tacou Ana Seres. A secre- tária reforçou, ainda, que as reivindicações especí- ficasdacategoriadospro- fessores já foram atendi- das ao final da primeira paralisação. O governo do Esta- do esclarece que, confor- me a legislação que rege as contratações de pro- fessores temporários (PSS), a ausência ao ser- viço por mais de sete dias úteis consecutivos, sem motivo justificado, é mo- tivo de rescisão do con- trato. A previsão está no artigo 17 da Lei 108/2005. Segundo Ana Seres, as faltas injustificadas ge- ram diversos prejuízos à carreira dos professores, não apenas demissão. Com apenas uma falta, por exemplo, já há preju- ízo na progressão na car- reira. Com qualquer nú- mero de ausências em sala de aula fica compro- metida a classificação em concurso para remoção (mudança de escola) e a partir da quinta falta o profissional pode perder o direito à licença especi- al (a cada de cinco anos). Cabe destacar que, conforme a legislação em vigor, a contratação de professores e de pessoal temporáriospodeserefe- tivada para suprir a falta de docente ou servidores decorrentes de aposenta- dorias, demissões, exone- rações, falecimento ou afastamento. Com base na deci- são judicial que conside- ra a greve abusiva, a Se- cretaria pode contabilizar as faltas a partir de 27 de abril. EDITAL - A Secreta- ria de Estado da Educação já lançou edital para a contratação de professo- res temporários para atu- ar na rede estadual de en- sino de todo o Paraná. Este é mais um dos inves- timentos na área anunci- ados neste ano, além das contratações de novos docentesedaquitaçãode pagamentos pendentes. Não há um número defi- nido de vagas a serem ocupadas, pois o preen- chimento dos cargos vai depender da demanda por escola. (aenpr)
  7. 7. Comcam, 19 e 20 de maio de 2015 Página 07PARANÁ NOTÍCIAS Legislativo em Destaque EADORES DE JANIÓPOLIS AROL AÇÕES DOS VEREADORES DE JANIÓPOLIS O vereador Moacir Pe- reira do Reis solicitou ao Chefe do DER — Departa- mento de Estradas e Roda- gem, estudos objetivando a instalação de redutores de velocidade na Avenida São João, nesta cidade de Janió- polis, prolongamento da PR 468. Segundo o vereador, a solicitação é necessária, haja vista que na maior parte da extensão da Avenida São João,nãoexisteredutoresde velocidade, colocando em risco a segurança dos pedes- tres. Moacirtambémsolici- tou ao Executivo Municipal, estudos objetivando a insta- lação de redutores de veloci- dade na Rua Marechal Deo- doro, entre o cruzamento com a Rua Princesa Izabel, e na Rua Conselheiro Mafra, entre o cruzamento com a RuaMarechalDeodoro,nes- ta cidade de Janiópolis. Em requerimento Moacir solicitou ao Execu- tivo Municipal a tomada de providências no sentido de adequar a identificação do veículoautomóveldoCRAS, para que o mesmo seja utili- zado exclusivamente para as finalidades do referido de- partamento. “Justifica-se a presente proposição em ra- zão de recebermos notícias de que o veículo do CRAS está sendo utilizado por ou- tros departamentos do mu- nicípio, desviando a finalida- de para o qual se destina. Dessa forma, deve-se ade- quar a identificação do veí- culo, com a instalação de adesivos com o logo do CRAS, e, consequentemen- te, determinar que o veículo seja utilizado exclusivamen- te para as finalidades daque- le departamento”, explicou o vereador, que lembrou a Prefeitura tem 30 dias para atender a solicitação. Moacir requereu a dispensa de interstício para o Projeto de Lei no. 006/ 2015, para que o mesmo seja submetido à delibera- ção do Plenário na mesma sessão do dia 04 de maio, em votações em 1° e 2° turnos. “Justifica-se o presente re- querimento haja vista que o projeto supramencionado, deve ser analisado em regi- me de urgência e ser im- prescindível para tratar de assuntos de grande rele- vância desta Municipalida- de, especialmente para ade- quar a Lei 309/2010, a qual regula diversos assuntos re- ferentes ao Conselho Muni- cipal da Criança e do Ado- lescente, em especial a rea- lização da eleição para os conselheiros tutelares”, ex- plicou. O vereador José Aparecido dos Santos por meio de indicação solicitou ao Gerente Geral do Banco do Brasil, agência de Janiópolis, para que verifique a possibilidade da instalação de cabines de proteção nos caixas internos da agência, visando aumentar a segurança dos usuários. “A presente solicitação é necessária, haja vista que a medida sugerida é imprescindível para garantir a privacidade do cliente por ocasião do recebi- mento de dinheiro nos caixas”, alertou o vereador. O vereador também indicou ao Executivo Municipal, estudos objetivando a construção de campo de futebol suíço, no Patrimônio de Bragápolis. José Aparecido alega que em razão de ser uma reivindicação antiga dos moradores daquele patrimônio, e irá contribuir para o lazer a prática de esportes naquela comunidade. AÇÕES DOS VEREADORES DE LUIZIANA Por meio de indica- ção o vereador José Ânge- lo Tadeu Borsato solicitou ao Executivo Municipal para que este determine ao órgão competente que seja cascalhado o lado direito da estrada Reinaldo Sacoman que liga a sede do Muníci- pio a Valinhos, mais preci- samente na chamada subi- da da égua e na porteira. Em sua justificativa o vere- ador alegou que devido ao trafego de maquinas agríco- las ou mesmo caminhões que se encontram neste lo- cal não ter como passar de- vido a estrada ser muito es- treita, sendo então preciso que seja feito uma área cas- calhada na lateral da pista para dar fluxo ao transito destes implementos. O vereador Gilmar Batista indicou ao Execu- tivo Municipal para que este determine um casca- lhamento, junto com edifi- cação de algumas lomba- das na rua Mario Fer- nandes de Morais, desde a esquina da Avenida In- dependência e até onde já esta cascalhado na mes- ma rua. Em sua argumen- tação o presidente da Câma- ra justifica que a referida rua é de chão batido e como foi edificado varias constru- ções na mesma, os morado- res do local e proximidades sofrem com poeira e barro, o que o cascalhamento aju- daria a minimizar estes pro- blemas. Gilmar também indi- cou ao Executivo a viabili- zação da conclusão restan- te do meio fio, anti-pó e de galerias pluviais na rua Leonor Valter Costin. “A re- ferida rua necessita dessas benfeitorias, para minimi- zar problemas com poeira ou barro em dias de chuva, bem como a falta de galeri- as pluviais faz com que ocorra alagamentos em al- gumas casas, gerando mui- tos transtornos para os moradores do local”, disse o presidente da Câmara. Gilmar solicitou ain- da que o Executivo Muni- cipal, a determinação para que o órgão competente providencie iluminação na Rua Mario Fernandes Mo- raes. “A rua ainda não pos- sui iluminação artificial, porém os postes já estão instalados o que facilitaria o trabalho, e devido ao au- mento de casas residenciais edificadas”, salientou. O vereador Luiz Carlos de Oliveira Ferreira indicou ao Executivo Municipal para que o mesmo determine ao órgão competente a colocação de um poste de iluminação na rua Horácio Amaral, mais precisamente em frente a propriedade do Sr. Luiz Dal Bosco. O vereador José Carlos Rodrigues Moreira por meio de indicação, sugeriu que o Executivo Municipal Sugerindo estude a possibilidade de construir uma Praça ao lado da Creche Municipal, onde está instalado a torre da TV Carajás, entre a rua 37 e Alaor Diniz de Medeiros. José Carlos disse que a indicação tem por objetivo ocupar esta área que esta vaga, diminuir a poeira e também a lama que se forma e corre pro asfalto em dias de chuva, causando transtornos para os moradores das proximidades, além de embelezar a cidade e dar aos Munícipes mais uma área de lazer. O vereador Joa- quim Pepineli de Araújo requereu junto ao Executi- vo Municipal informações sobre a dívida tributária de I.T.B.I da Agropecuária Ipê, e da Sra. Maria da Concei- ção Montans Baier, com o Município de Luiziana. E também se foi ajuizado al- guma ação visando preser- var os interesses do Muni- cípio com relação a essa di- vida. Se a resposta for posi- tiva, já houve alguma ma- nifestação da Justiça a res- peito desse fato? Juntamente com a ve- readora Cristina e o verea- dor Pedro, o vereador Joa- quim requereu junto ao Executivo Municipal para que o mesmo envie a Câma- ra Municipal, informações se procede o documento recebido do Sr. Moacir Silva, Presidente do CIUENP, Consocio Inter- municipal de Urgência e Emergência do Noroeste do Paraná, mais conheci- do como SAMU, e lido em plenário no dia 13 de abril de 2015, informando e pe- dindo providencias a Casa, referente a inadimplência do Nosso Munícipio com este consorcio de saúde. “O vereador explicou que o SAMU presta relevantes serviços ao munícipio e se houver inadimplência os serviços poderão ser sus- pensos”, alertou Joaquim. Em requerimento o vereador solicitou ao Exe- cutivo para que seja envia- da a Câmara Municipal, in- formações sobre os moto- ristas que trabalham em horário noturno entre as 22: 00 hora se até as 05: 00 horas da manhã, recebem adicional noturno, confor- me rege o artigo 73 Con- solidação das Leis Traba- lhistas. Os motoristas que fazem a linha da faculdade, e/ou ainda outros que saem para viajar antes das 05: 00 da manhã também recebem esse beneficio? Qual o critério adota- do para fazer o cálculo do percentual destas horas ex- tras que incide sobre o adi- cional noturno e como são computadas estas horas na carga horária de cada mo- torista? O vereador Sérgio Ap.º Simões sugeriu ao Executivo Municipal que seja concluído um pequeno trecho de asfalto nos cruza- mentos da Rua Alaor Diniz de Medeiros com a rua Dr. Horácio Amaral. “O local indicado está sem asfalto, e com um ressalto acentuado podendo causar acidentes ou mesmo danos em motos, veículos, ou caminhões que utilizam essa via”, alertou. Sérgio também indicou ao departamento competente, estudos no sentido de me- lhorar a forma de entregas das fichas de consultas no posto de saúde. “A presente indicação tem por objetivo melhorar as formas de entrega des- sas fichas, principalmente para as pessoas idosas ou da área rural do Município que precisam levantar de madrugada para ir até o posto de saúde para conse- guir consulta”, justificou. O mesmo vereador indicou ao Executivo Municipal para que haja um estudo sobre a possibilidade de determinar que seja feito calçamento com pré-misturado nas ruas do Conjunto Heitor Fin, Sol Nascente, Por do Sol, e em todas as ruas do Município que ainda não possuem as- falto, ou anti-pó. Pediu ainda que se estude a possibilidade de contratar um medico vete- rinário para o Município. “A contratação desse pro- fissional, visa atender os pequenos produtores rurais do Município, que ficaram sem aten- dimento desde a saída do veterinário que anteri- ormente os atendia” argu- mentou. Em requerimento o vereador solicitou que seja enviado ao Deputado Esta- dual Marcio Nunes um ofi- cio solicitando junto aos órgãos competentes a aqui- sição e repasse para o Mu- nicípio de uma motonive- ladora. Sérgio requereu ain- da que seja enviado um ofi- cio ao Deputado Estadual Márcio Nunes e também para o Deputado Federal Zeca Dirceu para que os mesmos intercedam junto aos órgãos competentes, a aquisição e posterior repas- se ao Município, de um vei- culo de 7 lugares, e 2 veí- culos de 5 lugares para uti- lização do departamento de saúde de Luiziana. O veiculo de 7 lugares visa o transporte de pacientes que precisam se deslocar para outro município para fazer hemodiálise, e os ou- tros dois veículos , um deverá atender o PSF ru- ral e o outro o PSF urbano. A vereadora Cristi- na Ap.ª dos Santos, junta- mente com o vereador Gil- mar Batista indicaram ao Executivo Municipal para que se determine ao órgão competente, que seja feito limpeza na Rua Ari Ferraz de Souza. Segundo eles, os mo- radores da referida rua re- clamam do acumulo de lixo e pedem providencias no sentido de que seja destina- do um Gari para fazer a lim- peza necessária no local. Cristina ainda reque- reu junto ao Executivo para que o mesmo envie a Câma- ra Municipal, informações sobre motivo do cancela- mento da licitação para compra de leite especial pelo Município. A vereadora e o vere- ador Pedro requereram jun- to ao Executivo para que o mesmo envie informações sobre a paralização das obras de construção da es- cola infantil e do centro de eventos, visto que a respos- ta vindo do Executivo indi- cando que a empresa Mou- rão Ferracom LTDA-ME de Campo Mourão, que foi a vencedora da licitação, não concluiu as obras con- forme descrição do contra- to, pede-se o seguinte: - Qual foi o valor repassado a essa empresa para cons- trução das obras? Enviar copias dos valores repassa- dos. Qual procedimento jurídico foi tomado pelo Executivo no sentido de a mesma ressarcir os cofres públicos do Munícipio pe- los danos causados? Existe plano de uma nova licitação para conclu- são das obras paradas, se a resposta for sim, qual o pra- zo para que isso aconteça? O Executivo já tomou as devidas providencias ju- rídicas no sentido de cadas- trar a empresa inadimplen- te junto aos órgãos compe- tentes para que a mesma fi- que inidônea para participar de novas licitações, confor- me rege a Lei 8.666/93, evi- tando assim que a mesma cause novos danos a outros órgãos públicos? Cristina e Pedro re- quereram ao Executivo para que o mesmo envie a Câmara Municipal informa- ções sobre o critério utili- zado pelo departamento de saúde do Município para realização de consultas mé- dicas, quantas consultas cada médico realiza em seu turno de trabalho, e tam- bém os horários que estes profissionais de saúde per- manecem no referido centro posto para estas consultas.
  8. 8. PARANÁ NOTÍCIASPágina 08 Comcam, 19 e 20 de maio de 2015 Especial MoMoMoMoMovimentvimentvimentvimentvimento “Maio Amarelo” por trânsito “Maio Amarelo” por trânsito “Maio Amarelo” por trânsito “Maio Amarelo” por trânsito “Maio Amarelo” por trânsito maiso maiso maiso maiso mais segursegursegursegurseguro é lançado em Camo é lançado em Camo é lançado em Camo é lançado em Camo é lançado em Campo Mourãopo Mourãopo Mourãopo Mourãopo Mourão Buscando a conscienti- zação de motoristas e pedes- tres, a Prefeitura de Campo Mourão,atravésdaDiretran – Diretoria de Trânsito, em parceria com os mais dife- rentes setores da sociedade civil lançou na manhã deste sábado, 16, o Movimento Maio Amarelo, com o obje- tivo de tornar o trânsito mais seguro por meio da educação e da fiscalização. O diretor da Diretran, Nelson Casarolli, explicou que o movimento tem como objetivochamaraatençãoda sociedade para o alto índice de mortes e feridos no trân- sito. Ele explicou que a es- colha pelo mês é motivada pela proposta da ONU – Or- ganização das Nações Uni- das, quando decretou, em 11 de maio de 2011, a Década de Ação para Segurança no Trânsito. “Através de ações co- ordenadas entre o poder pú- blico e a sociedade civil or- ganizada vamos mobilizar órgãos de governos, empre- sas, entidades de classe, as- sociações, federações, socie- dade civil organizada para, ComerComerComerComerComerciantciantciantciantciantes defes defes defes defes definiram priniram priniram priniram priniram proposta deoposta deoposta deoposta deoposta de calendário para datas especiaiscalendário para datas especiaiscalendário para datas especiaiscalendário para datas especiaiscalendário para datas especiais Na última semana foi realizada uma reunião onde foi elaborada e defini- da a proposta de calendário para o funcionamento do comércio de Campo Mou- rão em datas especiais até maio do próximo ano. O encontrofoipromovidopela Associação Comercial e In- dustrial (Acicam) e a Câma- ra de Dirigentes Lojistas (CDL) e a proposta agora será encaminhada ao Sindi- catoEmpresarialdoComér- cio (Sindicam) para entrar nasnegociaçõesdaConven- ção Coletiva de Trabalho (CCT 2015-2016). efetivamente discutir o tema, engajar-se em ações e propagar o conhecimento sobre o trânsito”, disse Ca- sarolli. A prefeita Regina Dubay participou do lança- Um bom número de empresários da área comer- cial de Campo Mourão par- ticipoudareuniãoeapropos- ta prevê a abertura das lojas em horário especial no Dia dosNamorados,naFestaNa- cional do Carneiro do Bura- co, no Dia dos Pais, no Dia dasCriançasenoperíodoque antecedeonatal.Tambémfoi tratada da abertura do co- mércio lojista, em horário especial, no primeiro sábado após o quinto dia útil de cada mês, uma tradição de déca- das em Campo Mourão. A data que mais gerou mais discussão foi do Dia das Cri- anças,quecoincidecomofe- riado da Padroeira do Bra- sil (Nossa Senhora Apare- cida) e se comemora no dia 12 de outubro. Neste ano, a data será comemorada em uma segunda-feira. No sá- bado que antecede a data é o aniversário do Município de Campo Mourão. Assim haveria um recesso de três diasseguidosdocomércioe o feriado do dia 10 de outu- broprejudicaria,sobretudo, as vendas em torno do Dia das Crianças, prevendo-se uma acentuada evasão de consumidores para outros centros. mento e destacou que a conscientização é a maior arma para mudar a realida- de do trânsito no Brasil. “O movimento maio amarelo é extremamente importante para orientar e educara a população por um transito mais seguro.” Também participa- ram do evento os vereado- res Edílson Martins e Ed- son Batilani, o secretário de saúde Marcio Alencar, Te- nente Ulisses, diretor da Ciretran Neuri Dalmolin, procurador geral do muni- cípio Marcio Berbet, presi- dente da Santa Casa José Laurani entre outras auto- ridades municipais.

×