Intro uç o
     d ã               Ta fa
                         re                P c so
                                ...
Es m s no a d 3 9 a . Ma c nc ta e no m m nto e q Só ra s o p e g nd
    ta o     no e 9 .C       is o re m nte     o e   ...
Um ve q e tá nap s nç d Só ra sre lizaa s g
  a z ue s s    re e a e c te a        s e uinte ta fa :
                     ...
•   Formar grupos de quatro alunos.
•   Definir uma tarefa para cada aluno, mediante sorteio.
•   Cada aluno realiza, rota...
Enciclopédia de Filosofia em língua inglesa sobre Sócrates

História da Filosofia sobre Sócrates

Descrição da morte de Só...
O trabalho será avaliado tendo em conta os seguintes critérios:

1) Apresentação (clareza, correcção e síntese). = 10%

2)...
Agora que terminaram a webquest sobre a morte de Sócrates e já
conhecem e compreendem as circunstâncias deste momento
marc...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Webquest

302 visualizações

Publicada em

Publicada em: Negócios, Turismo
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
302
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Webquest

  1. 1. Intro uç o d ã Ta fa re P c so ro e s Re urs s c o Ava ç o lia ã C nc ã o lus o Webquest para aprendizes de Filósofos Trabalho realizado por: Carla Pereira Cláudia Vital João Santarém Patrícia Pires Paulo Barroso Bus d Só ra s(4 a . –3 9a .) no Mus u d Lo to e c te 70 .C 9 .C e o uvree P ris m a
  2. 2. Es m s no a d 3 9 a . Ma c nc ta e no m m nto e q Só ra s o p e g nd ta o no e 9 .C is o re m nte o e m ue c te , rim iro ra e s te a d r d Filo o , a e u a o e d trib l d Ate s e to o p r livre inic tiva a ta a is m tiza o a s fia c ito rd m o una e na m u, o ia , ç d c uta q o c nd e ic ue o uziu à m rte re us nd a fug d c rc rep p s p lo s us d c ulo . Im g o , c a o a o á e ro o ta e s e is íp s a ina q , a vé d um m q ue tra s e a á uina d te p , re re is a e te m m nto e a s te a d c o fina d o m o g d te s o e s is s o is urs l e Só ra sp ra o s uss g o s     c te e nte s e e uid re .      “ Mo d Só ra s , d J c ue -Lo Da , 178 A rte e c te ” e a q s uis vid 7
  3. 3. Um ve q e tá nap s nç d Só ra sre lizaa s g a z ue s s re e a e c te a s e uinte ta fa : s re s III. Id ntific a ra e q le ra o Trib l Ate ns ac nd na Só ra s e a s zõ s ue va m una nie e o e r c te ; IV.Exp itao m tivo q le ra Só ra saa e r ac nd na ã d m rte lic s o s ue va m c te c ita o e ç o e o ere us r afug d c rc re c a a o á e ; V. Se o tu ta b mumd c ulo d Só ra s q a um nto utiliza sp ra nd mé is íp e c te , ue rg e s ria a o c nve e afug o nc r ir; VI.Um ve q Só ra sre us u, e c m nte afug q o s us a z ue c te c o fe tiva e , a ue s e d c ulo lhep p rc na m im g q e tiaahip te ed s re liza is íp s ro o io ra , a ina ue xis ó s ee a r umno julg m nto ea re e ad fe ad filó o e ua s u vo a e p s nta e s o s fo nq nto e a vo a o d gd .
  4. 4. • Formar grupos de quatro alunos. • Definir uma tarefa para cada aluno, mediante sorteio. • Cada aluno realiza, rotativamente, as quatro tarefas. • Comparar e complementar as tarefas realizadas por cada aluno, de modo a obter o melhor resultado possível para cada tarefa.
  5. 5. Enciclopédia de Filosofia em língua inglesa sobre Sócrates História da Filosofia sobre Sócrates Descrição da morte de Sócrates Sócrates na Wikipedia Textos sobre a vida e obra de Sócrates Video sobre Sócrates Download do livro Críton, de Platão, em formato digital
  6. 6. O trabalho será avaliado tendo em conta os seguintes critérios: 1) Apresentação (clareza, correcção e síntese). = 10% 2) Identificação histórica (conforme os factos) das razões que levaram o Tribunal Ateniense a condenar Sócrates. = 15% 3) Clareza e pertinência da explicitação dos motivos que levaram Sócrates a aceitar a condenação de morte e a recusar a fuga do cárcere. = 15% 4) Validade dos argumentos utilizados pelos alunos para convencer Sócrates a fugir da prisão. = 30% 5) Eficácia da estratégia de defesa adoptada pelos alunos enquanto hipotéticos advogados de Sócrates no novo julgamento em tribunal. = 30%
  7. 7. Agora que terminaram a webquest sobre a morte de Sócrates e já conhecem e compreendem as circunstâncias deste momento marcante na História da Filosofia enquanto exemplo de humanidade e de valorização de ideais sociais e princípios éticos, é conveniente reflectir, pensar e continuar a interrogar criticamente o que contribui para sermos melhores cidadãos, respeitando os outros e as leis do Estado, numa sociedade cada vez mais globalizada e materialista como a nossa.

×