SlideShare uma empresa Scribd logo

[E-book] Data Driven - Como Promover Uma Cultura de Negócio Orientada a Dados

Data Driven - Como Promover Uma Cultura de Negócio Orientada a Dados Data-Driven: uma forma de pensar que muda tudo! Três empresas que têm no DNA a missão de ajudar outras empresas a construir uma gestão muito mais simples e eficiente (Grupo Meta, Senior Sistemas e Treasy) unem forças para mostrar a você a importância de construir uma cultura orientada a dados dentro das organizações. No e-book você vai aprender sobre: • O que é uma Cultura Orientada a Dados • Gestor: como incentivar a Cultura de Dados em sua empresa • Como transformar dados em resultados • Usando as informações de forma estratégica • Como começar

1 de 26
Baixar para ler offline
1 VOLTAR PARA O ÍNDICE
Data-drivencomo promover uma cultura de negócio
orientada a dados
2 VOLTAR PARA O ÍNDICE
índice
04 Cultura orientada a dados
11 gestor: como incentivar a cultura de
dados na empresa
16 como transformar dados em resultados
20 Usando as informações de forma estratégica
23 conclusão
24 sobre as empresas
25 referências
3 VOLTAR PARA O ÍNDICE
Com a facilidade de acesso às informações no mundo digital, o gestor
tem muito mais recursos para analisar a performance do seu negócio e
planejar o futuro. Se antigamente essa coleta de dados sequer existia ou
era feita de forma empírica e com base no feeling dos empreendedores,
hoje esse processo evoluiu em um nível que é possível ter tudo em tempo
real na palma da mão. Eliminadas as limitações de tecnologia, velocidade
e até mesmo geográficas, temos um cenário extremamente promissor
para as empresas que se derem conta de algo fundamental: informação é
a chave para o sucesso do negócio. O uso delas de forma sistêmica traz
um empoderamento para as pessoas e para a empresa nunca visto antes.
Mas o que fazer com esse mar de dados? Eles permitem uma análise
muito mais sofisticada sobre diversos aspectos da gestão da empresa e
são fundamentais para alimentar diversos indicadores. No Brasil, ainda
existe uma barreira a ser quebrada em relação ao uso de dados de forma
estratégica. O maior desafio é fazer com que a data driven culture não
seja apenas uma preocupação dos gestores, mas algo respirado por toda
a organização.
Nesse e-book, três empresas que têm no DNA a missão de ajudar outras a
construir uma gestão muito mais simples e eficiente - Grupo Meta, Senior
Sistemas e Treasy - unem forças para mostrar a você a importância de
construir uma cultura orientada a dados dentro das organizações.
Veja a seguir como o estímulo a essa mudança de comportamento
e a tomada de decisão baseada em indicadores consistentes podem
revolucionar seu negócio.
Boa leitura!
introdução
4 VOLTAR PARA O ÍNDICE
Cultura orientada
a dados
5 VOLTAR PARA O ÍNDICE
CULTURA ORIENDATA A DADOS
O que é
De forma bem resumida podemos dizer que uma cultura orientada a dados é aquela em que
as decisões da organização são baseadas em informações, dados, estatísticas. Significa dizer
que a cada dia a intuição vem dando lugar às ações apoiadas por números que apontem o
caminho mais promissor. Apesar de ainda ser tímido no Brasil, o uso dos dados nas empresas
é reflexo de um movimento histórico internacional na gestão que ganhou força a partir dos anos
80, quando houve uma maior valorização das decisões racionais. Atualmente, as resoluções
dentro das empresas não necessariamente são aceitas por todos, porém, é imprescindível que
elas sejam justificadas, de preferência, com informações confiáveis.
Quando falamos de cultura organizacional, não podemos esquecer que se trata de um processo
que nunca acontecerá do dia para a noite dentro das organizações. É preciso que ele seja
estimulado pelos gestores, neste caso não pode ser ignorado um elemento essencial para
o sucesso de uma gestão orientada a dados: as pessoas. Apenas quando os profissionais
entenderem a importância desse tipo de postura e incorporarem isso em sua rotina é que a
empresa poderá contar com os benefícios desse tipo de conduta.
Big Data
É comum nas leitura a respeito da data driven culture ouvirmos falar desse termo. Big data
é usado para descrever o enorme volume de dados - estando eles organizados ou não - que
circulam dentro das empresas e têm um impacto significativo para o negócio. Porém, o que
importa não é quantidade de informações, mas sim a qualidade delas e o que as empresas
fazem com esses dados.
O grande volume de dados da empresa pode ser usado para compreender melhor o negócio,
melhorar o desempenho da organização, tomar decisões com embasamento, fazer previsões
de cenários com base nos comportamentos passados, personalizar a relação com os clientes,
entre outros benefícios que detalharemos melhor a seguir.
6 VOLTAR PARA O ÍNDICE
Benefícios
Um dos principais ganhos no uso de dados na gestão da empresa é que ela passa a ter um
posicionamento muito mais proativo do que reativo. Aquele velho modelo de viver apagando
incêndio e assim não conseguir dedicar um tempo precioso no planejamento de ações
estratégicas pode ser abolido uma vez que se tem em mãos as informações necessárias para
uma gestão mais realista e consciente.
A seguir listamos alguns benefícios da data driven culture dentro das empresas:
Inovação
Já que estamos falando de dados, vamos nos basear neles para entender
como as corporações estão ganhando com essa mudança. Um estudo
feito pela Teradata em parceria com a Forbes Insights e McKinsey sobre
os impactos das iniciativas de Big Data e Analytics ouviu 316 tomadores
de decisão das áreas de tecnologia e informação de empresas líderes de
mercado. Concluiu que a cultura orientada a dados está fomentando a
inovação em 3 áreas principais: criação de novos modelos de negócios
(para 54% dos entrevistados), descoberta de novas ofertas de produtos
(para 52%) e monetização de dados a empresas externas (para 40%). O
uso dos dados por essas empresas de forma analítica permitiu a geração
de insights para promover um ambiente de constante inovação.
Retorno do investimento (ROI)
Ainda a respeito da pesquisa mencionada acima, dois terços dos
participantesconfirmaramqueasiniciativasdeBigDataeanálisededados
tiveram um impacto importante e mensurável sobre as suas receitas,
com rápido retorno sobre os investimentos. De acordo com outro estudo,
feito pela Economist Intelligence Unit, as empresas que abraçaram uma
cultura de dados têm 3 vezes mais probabilidade de classificarem-se à
frente de suas concorrentes em relação ao desempenho financeiro.
CULTURA ORIENDATA A DADOS

Recomendados

Inovação e Transformação Digital
Inovação e Transformação DigitalInovação e Transformação Digital
Inovação e Transformação DigitalEvandro Paes
 
Transformação digital
Transformação digitalTransformação digital
Transformação digitalNei Grando
 
Transformação Digital
Transformação DigitalTransformação Digital
Transformação DigitalKaren Formagio
 
Transformacao digital
Transformacao digitalTransformacao digital
Transformacao digitalCharlley Luz
 
Inovação e Transformação Digital
Inovação e Transformação DigitalInovação e Transformação Digital
Inovação e Transformação DigitalAndre L. Miceli
 
Escritório de governança de dados
Escritório de governança de dadosEscritório de governança de dados
Escritório de governança de dadosBLRDATA
 
Transformação Digital - Rafael Clemente - BTGroup - Curitiba
Transformação Digital - Rafael Clemente - BTGroup - CuritibaTransformação Digital - Rafael Clemente - BTGroup - Curitiba
Transformação Digital - Rafael Clemente - BTGroup - CuritibaRafael Clemente
 
Treinamento PowerBI
Treinamento  PowerBITreinamento  PowerBI
Treinamento PowerBItiaquarius
 

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Microsoft Digital Advisory Services
Microsoft Digital Advisory ServicesMicrosoft Digital Advisory Services
Microsoft Digital Advisory ServicesMaria Fonsell
 
Governança de Dados-Uma abordagem via Canvas MGD_v02
Governança de Dados-Uma abordagem via Canvas MGD_v02Governança de Dados-Uma abordagem via Canvas MGD_v02
Governança de Dados-Uma abordagem via Canvas MGD_v02Carlos Barbieri
 
Digital transformation
Digital transformationDigital transformation
Digital transformationKhanhBao7
 
Aulas Marketing de Serviços
Aulas Marketing de ServiçosAulas Marketing de Serviços
Aulas Marketing de ServiçosPietri Erivaldo
 
La Gouvernance des Données
La Gouvernance des DonnéesLa Gouvernance des Données
La Gouvernance des DonnéesSoft Computing
 
Denodo as the Core Pillar of your API Strategy
Denodo as the Core Pillar of your API StrategyDenodo as the Core Pillar of your API Strategy
Denodo as the Core Pillar of your API StrategyDenodo
 
Gestão de Serviços de TI
Gestão de Serviços de TIGestão de Serviços de TI
Gestão de Serviços de TIEliseu Castelo
 
Big Data e Governança de Dados, via DMM-Data Management Maturiy Model
Big Data e Governança de Dados, via DMM-Data Management Maturiy ModelBig Data e Governança de Dados, via DMM-Data Management Maturiy Model
Big Data e Governança de Dados, via DMM-Data Management Maturiy ModelCarlos Barbieri
 
Introdução ao Comércio Eletrônico - E-Commerce
Introdução ao Comércio Eletrônico - E-CommerceIntrodução ao Comércio Eletrônico - E-Commerce
Introdução ao Comércio Eletrônico - E-CommerceAdriano Maranhão
 
Lista de exercicios de sig (respondida) 1bimestre 2013
Lista de exercicios de sig (respondida) 1bimestre 2013Lista de exercicios de sig (respondida) 1bimestre 2013
Lista de exercicios de sig (respondida) 1bimestre 2013José Nascimento
 
Digital Business Transformation | Strategy + Execution
Digital Business Transformation | Strategy + ExecutionDigital Business Transformation | Strategy + Execution
Digital Business Transformation | Strategy + Executionfeature[23]
 
Gouvernance des données - Pourquoi démarrer une gouvernance des données agile ?
Gouvernance des données - Pourquoi démarrer une gouvernance des données agile ?Gouvernance des données - Pourquoi démarrer une gouvernance des données agile ?
Gouvernance des données - Pourquoi démarrer une gouvernance des données agile ?Zeenea
 
Introdução comercio eletronico
Introdução comercio eletronicoIntrodução comercio eletronico
Introdução comercio eletronicoJhosafá de Kastro
 

Mais procurados (20)

Microsoft Digital Advisory Services
Microsoft Digital Advisory ServicesMicrosoft Digital Advisory Services
Microsoft Digital Advisory Services
 
Governança de Dados-Uma abordagem via Canvas MGD_v02
Governança de Dados-Uma abordagem via Canvas MGD_v02Governança de Dados-Uma abordagem via Canvas MGD_v02
Governança de Dados-Uma abordagem via Canvas MGD_v02
 
Digital transformation
Digital transformationDigital transformation
Digital transformation
 
MODELAGEM DE PROCESSOS
MODELAGEM DE PROCESSOSMODELAGEM DE PROCESSOS
MODELAGEM DE PROCESSOS
 
Aulas Marketing de Serviços
Aulas Marketing de ServiçosAulas Marketing de Serviços
Aulas Marketing de Serviços
 
La Gouvernance des Données
La Gouvernance des DonnéesLa Gouvernance des Données
La Gouvernance des Données
 
Denodo as the Core Pillar of your API Strategy
Denodo as the Core Pillar of your API StrategyDenodo as the Core Pillar of your API Strategy
Denodo as the Core Pillar of your API Strategy
 
Governança Digital
Governança DigitalGovernança Digital
Governança Digital
 
Gestão de Serviços de TI
Gestão de Serviços de TIGestão de Serviços de TI
Gestão de Serviços de TI
 
Big Data e Governança de Dados, via DMM-Data Management Maturiy Model
Big Data e Governança de Dados, via DMM-Data Management Maturiy ModelBig Data e Governança de Dados, via DMM-Data Management Maturiy Model
Big Data e Governança de Dados, via DMM-Data Management Maturiy Model
 
Introdução ao Comércio Eletrônico - E-Commerce
Introdução ao Comércio Eletrônico - E-CommerceIntrodução ao Comércio Eletrônico - E-Commerce
Introdução ao Comércio Eletrônico - E-Commerce
 
Arquitetura de Negócios
Arquitetura de NegóciosArquitetura de Negócios
Arquitetura de Negócios
 
Marketing Verde Luiane
Marketing Verde LuianeMarketing Verde Luiane
Marketing Verde Luiane
 
Tecnologia da informação aula 1
Tecnologia da informação    aula 1Tecnologia da informação    aula 1
Tecnologia da informação aula 1
 
Lista de exercicios de sig (respondida) 1bimestre 2013
Lista de exercicios de sig (respondida) 1bimestre 2013Lista de exercicios de sig (respondida) 1bimestre 2013
Lista de exercicios de sig (respondida) 1bimestre 2013
 
Indústria 4.0 - Um guia para Transformacão Digital
Indústria 4.0 - Um guia para Transformacão DigitalIndústria 4.0 - Um guia para Transformacão Digital
Indústria 4.0 - Um guia para Transformacão Digital
 
Digital Business Transformation | Strategy + Execution
Digital Business Transformation | Strategy + ExecutionDigital Business Transformation | Strategy + Execution
Digital Business Transformation | Strategy + Execution
 
Gouvernance des données - Pourquoi démarrer une gouvernance des données agile ?
Gouvernance des données - Pourquoi démarrer une gouvernance des données agile ?Gouvernance des données - Pourquoi démarrer une gouvernance des données agile ?
Gouvernance des données - Pourquoi démarrer une gouvernance des données agile ?
 
Introdução comercio eletronico
Introdução comercio eletronicoIntrodução comercio eletronico
Introdução comercio eletronico
 
Iso27001 sgsi
Iso27001 sgsiIso27001 sgsi
Iso27001 sgsi
 

Destaque

Destaque (9)

Geography of global processes
Geography of global processesGeography of global processes
Geography of global processes
 
5 Factors Affecting LLS
5 Factors Affecting LLS5 Factors Affecting LLS
5 Factors Affecting LLS
 
Big data
Big dataBig data
Big data
 
Personality
PersonalityPersonality
Personality
 
Task 7: Factors Affecting LLS
Task 7: Factors Affecting LLSTask 7: Factors Affecting LLS
Task 7: Factors Affecting LLS
 
Kasipaganpagpupunyagipagtitipid
KasipaganpagpupunyagipagtitipidKasipaganpagpupunyagipagtitipid
Kasipaganpagpupunyagipagtitipid
 
Value stream mapping (VSM)
Value stream mapping (VSM)Value stream mapping (VSM)
Value stream mapping (VSM)
 
[E-book] ICMS Substituição Tributária (ICMS ST) e CEST
[E-book] ICMS Substituição Tributária (ICMS ST) e CEST[E-book] ICMS Substituição Tributária (ICMS ST) e CEST
[E-book] ICMS Substituição Tributária (ICMS ST) e CEST
 
Закажите аудит печати у "Никотех"
Закажите аудит печати у "Никотех"Закажите аудит печати у "Никотех"
Закажите аудит печати у "Никотех"
 

Semelhante a [E-book] Data Driven - Como Promover Uma Cultura de Negócio Orientada a Dados

Cultura de dados: por que kpis garantem a saúde do seu negócio
Cultura de dados: por que kpis garantem a saúde do seu negócioCultura de dados: por que kpis garantem a saúde do seu negócio
Cultura de dados: por que kpis garantem a saúde do seu negócioMJV Technology & Innovation Brasil
 
Aula 06.1 FSI - Papel da Informação nas Organizações
Aula 06.1 FSI - Papel da Informação nas OrganizaçõesAula 06.1 FSI - Papel da Informação nas Organizações
Aula 06.1 FSI - Papel da Informação nas OrganizaçõesMessias Batista
 
Este MAPA pretende, portanto, que você apresente quais são as principais inte...
Este MAPA pretende, portanto, que você apresente quais são as principais inte...Este MAPA pretende, portanto, que você apresente quais são as principais inte...
Este MAPA pretende, portanto, que você apresente quais são as principais inte...AzulAssessoriaAcadmi7
 
Este MAPA pretende, portanto, que você apresente quais são as principais inte...
Este MAPA pretende, portanto, que você apresente quais são as principais inte...Este MAPA pretende, portanto, que você apresente quais são as principais inte...
Este MAPA pretende, portanto, que você apresente quais são as principais inte...AzulAssessoriaAcadmi7
 
Este MAPA pretende, portanto, que você apresente quais são as principais inte...
Este MAPA pretende, portanto, que você apresente quais são as principais inte...Este MAPA pretende, portanto, que você apresente quais são as principais inte...
Este MAPA pretende, portanto, que você apresente quais são as principais inte...AzulAssessoriaAcadmi7
 
Business Intelligence aplicado à Gestão Empresarial - TGII Fatec
Business Intelligence aplicado à Gestão Empresarial - TGII FatecBusiness Intelligence aplicado à Gestão Empresarial - TGII Fatec
Business Intelligence aplicado à Gestão Empresarial - TGII FatecLarissaGutierrez2
 
Business Analytics: empresas competitivas são orientadas por dados
Business Analytics: empresas competitivas são orientadas por dadosBusiness Analytics: empresas competitivas são orientadas por dados
Business Analytics: empresas competitivas são orientadas por dadosMJV Technology & Innovation Brasil
 
A Governança de TI atraves da Gestão Estratégica da Informação
A Governança de TI atraves da Gestão Estratégica da InformaçãoA Governança de TI atraves da Gestão Estratégica da Informação
A Governança de TI atraves da Gestão Estratégica da InformaçãoWeig Oliveira
 
Valorizando seu negócio com Big Data e Business Analytics
Valorizando seu negócio com Big Data e Business AnalyticsValorizando seu negócio com Big Data e Business Analytics
Valorizando seu negócio com Big Data e Business AnalyticsValêncio Garcia
 
Apostila sobre Big Data
Apostila sobre Big DataApostila sobre Big Data
Apostila sobre Big DataFernando Palma
 
14.01.02 business intelligence no ambiente
14.01.02    business intelligence no ambiente14.01.02    business intelligence no ambiente
14.01.02 business intelligence no ambienteTalita Lima
 
O papel estratégico da informação e dos sistemas
O papel estratégico da informação e dos sistemasO papel estratégico da informação e dos sistemas
O papel estratégico da informação e dos sistemasSérgio Reis
 
Analytics - Como a tecnologia da informação pode transformar o seu negócio
Analytics - Como a tecnologia da informação pode transformar o seu negócioAnalytics - Como a tecnologia da informação pode transformar o seu negócio
Analytics - Como a tecnologia da informação pode transformar o seu negócioGabriela Giacomini
 
Gestão de indicadores de negócio
Gestão de indicadores de negócioGestão de indicadores de negócio
Gestão de indicadores de negócioJoyce Paiva
 

Semelhante a [E-book] Data Driven - Como Promover Uma Cultura de Negócio Orientada a Dados (20)

Cultura de dados: por que kpis garantem a saúde do seu negócio
Cultura de dados: por que kpis garantem a saúde do seu negócioCultura de dados: por que kpis garantem a saúde do seu negócio
Cultura de dados: por que kpis garantem a saúde do seu negócio
 
Aula 06.1 FSI - Papel da Informação nas Organizações
Aula 06.1 FSI - Papel da Informação nas OrganizaçõesAula 06.1 FSI - Papel da Informação nas Organizações
Aula 06.1 FSI - Papel da Informação nas Organizações
 
Data Driven Business
Data Driven Business Data Driven Business
Data Driven Business
 
Este MAPA pretende, portanto, que você apresente quais são as principais inte...
Este MAPA pretende, portanto, que você apresente quais são as principais inte...Este MAPA pretende, portanto, que você apresente quais são as principais inte...
Este MAPA pretende, portanto, que você apresente quais são as principais inte...
 
Este MAPA pretende, portanto, que você apresente quais são as principais inte...
Este MAPA pretende, portanto, que você apresente quais são as principais inte...Este MAPA pretende, portanto, que você apresente quais são as principais inte...
Este MAPA pretende, portanto, que você apresente quais são as principais inte...
 
Este MAPA pretende, portanto, que você apresente quais são as principais inte...
Este MAPA pretende, portanto, que você apresente quais são as principais inte...Este MAPA pretende, portanto, que você apresente quais são as principais inte...
Este MAPA pretende, portanto, que você apresente quais são as principais inte...
 
Business Intelligence aplicado à Gestão Empresarial - TGII Fatec
Business Intelligence aplicado à Gestão Empresarial - TGII FatecBusiness Intelligence aplicado à Gestão Empresarial - TGII Fatec
Business Intelligence aplicado à Gestão Empresarial - TGII Fatec
 
Business Analytics: empresas competitivas são orientadas por dados
Business Analytics: empresas competitivas são orientadas por dadosBusiness Analytics: empresas competitivas são orientadas por dados
Business Analytics: empresas competitivas são orientadas por dados
 
Gestão do Conhecimento
Gestão do ConhecimentoGestão do Conhecimento
Gestão do Conhecimento
 
Report de Tendências em Negócios 2020
Report de Tendências em Negócios 2020Report de Tendências em Negócios 2020
Report de Tendências em Negócios 2020
 
A Governança de TI atraves da Gestão Estratégica da Informação
A Governança de TI atraves da Gestão Estratégica da InformaçãoA Governança de TI atraves da Gestão Estratégica da Informação
A Governança de TI atraves da Gestão Estratégica da Informação
 
TCC CORRIGIDO.pdf
TCC CORRIGIDO.pdfTCC CORRIGIDO.pdf
TCC CORRIGIDO.pdf
 
Valorizando seu negócio com Big Data e Business Analytics
Valorizando seu negócio com Big Data e Business AnalyticsValorizando seu negócio com Big Data e Business Analytics
Valorizando seu negócio com Big Data e Business Analytics
 
Apostila sobre Big Data
Apostila sobre Big DataApostila sobre Big Data
Apostila sobre Big Data
 
14.01.02 business intelligence no ambiente
14.01.02    business intelligence no ambiente14.01.02    business intelligence no ambiente
14.01.02 business intelligence no ambiente
 
O papel estratégico da informação e dos sistemas
O papel estratégico da informação e dos sistemasO papel estratégico da informação e dos sistemas
O papel estratégico da informação e dos sistemas
 
Analytics - Como a tecnologia da informação pode transformar o seu negócio
Analytics - Como a tecnologia da informação pode transformar o seu negócioAnalytics - Como a tecnologia da informação pode transformar o seu negócio
Analytics - Como a tecnologia da informação pode transformar o seu negócio
 
Gestão de indicadores de negócio
Gestão de indicadores de negócioGestão de indicadores de negócio
Gestão de indicadores de negócio
 
Webanalytics uma visao_brasileira_2
Webanalytics uma visao_brasileira_2Webanalytics uma visao_brasileira_2
Webanalytics uma visao_brasileira_2
 
Web Analytics: uma visão brasileira 2
Web Analytics: uma visão brasileira 2Web Analytics: uma visão brasileira 2
Web Analytics: uma visão brasileira 2
 

Mais de Treasy | Planejamento e Controladoria online!

Mais de Treasy | Planejamento e Controladoria online! (6)

Conquiste previsibilidade financeira para sua empresa: tenha um controller
Conquiste previsibilidade financeira para sua empresa: tenha um controllerConquiste previsibilidade financeira para sua empresa: tenha um controller
Conquiste previsibilidade financeira para sua empresa: tenha um controller
 
[E-book] Planejamento e Orçamento para EAD
[E-book] Planejamento e Orçamento para EAD[E-book] Planejamento e Orçamento para EAD
[E-book] Planejamento e Orçamento para EAD
 
[E-book] Planejando e Reduzindo Custos de Atendimento
[E-book] Planejando e Reduzindo Custos de Atendimento[E-book] Planejando e Reduzindo Custos de Atendimento
[E-book] Planejando e Reduzindo Custos de Atendimento
 
[Slides Workshop] Orçamento Empresarial na prática
[Slides Workshop] Orçamento Empresarial na prática[Slides Workshop] Orçamento Empresarial na prática
[Slides Workshop] Orçamento Empresarial na prática
 
Catálogo de recursos e funcionalidades do Treasy - Planejamento e Contoladori...
Catálogo de recursos e funcionalidades do Treasy - Planejamento e Contoladori...Catálogo de recursos e funcionalidades do Treasy - Planejamento e Contoladori...
Catálogo de recursos e funcionalidades do Treasy - Planejamento e Contoladori...
 
Treasy - Modelo de Plano de Contas simplificado
Treasy - Modelo de Plano de Contas simplificadoTreasy - Modelo de Plano de Contas simplificado
Treasy - Modelo de Plano de Contas simplificado
 

Último

Entender e compreender as teorias que embasaram e ainda embasam as tendências...
Entender e compreender as teorias que embasaram e ainda embasam as tendências...Entender e compreender as teorias que embasaram e ainda embasam as tendências...
Entender e compreender as teorias que embasaram e ainda embasam as tendências...assedlmoi
 
Para melhor compreendermos as relações em sociedade e suas formas de organiza...
Para melhor compreendermos as relações em sociedade e suas formas de organiza...Para melhor compreendermos as relações em sociedade e suas formas de organiza...
Para melhor compreendermos as relações em sociedade e suas formas de organiza...dl assessoria9
 
Bolsa de Valores Simples - www.bolsadevaloressimples.com.br
Bolsa de Valores Simples - www.bolsadevaloressimples.com.brBolsa de Valores Simples - www.bolsadevaloressimples.com.br
Bolsa de Valores Simples - www.bolsadevaloressimples.com.brPatriciagomes889620
 
MAPA - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51/2024
MAPA - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51/2024MAPA - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51/2024
MAPA - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51/2024dlp391622
 
ATIVIDADE 1 - DIDÁTICA - 51/2024ATIVIDADE 1 - DIDÁTICA - 51/2024
ATIVIDADE 1 - DIDÁTICA - 51/2024ATIVIDADE 1 - DIDÁTICA - 51/2024ATIVIDADE 1 - DIDÁTICA - 51/2024ATIVIDADE 1 - DIDÁTICA - 51/2024
ATIVIDADE 1 - DIDÁTICA - 51/2024ATIVIDADE 1 - DIDÁTICA - 51/2024Dl assessoria 21
 
ATIVIDADE 1 - BEDU - BIOLOGIA E BIOQUÍMICA HUMANA - 51/2024
ATIVIDADE 1 - BEDU - BIOLOGIA E BIOQUÍMICA HUMANA - 51/2024ATIVIDADE 1 - BEDU - BIOLOGIA E BIOQUÍMICA HUMANA - 51/2024
ATIVIDADE 1 - BEDU - BIOLOGIA E BIOQUÍMICA HUMANA - 51/2024leonardodl361
 
Todos já devem ter estudado e percebido a necessidade e a importância de se p...
Todos já devem ter estudado e percebido a necessidade e a importância de se p...Todos já devem ter estudado e percebido a necessidade e a importância de se p...
Todos já devem ter estudado e percebido a necessidade e a importância de se p...leitev350
 
ATIVIDADE 1 - IFPC - TEORIA DO DIREITO - 51/2024
ATIVIDADE 1 - IFPC - TEORIA DO DIREITO - 51/2024ATIVIDADE 1 - IFPC - TEORIA DO DIREITO - 51/2024
ATIVIDADE 1 - IFPC - TEORIA DO DIREITO - 51/2024dlalicia08
 
MAPA - BEDU - MEDIDAS E AVALIAÇÃO EM EDUCAÇÃO FÍSICA - 51/2024
MAPA - BEDU - MEDIDAS E AVALIAÇÃO EM EDUCAÇÃO FÍSICA - 51/2024MAPA - BEDU - MEDIDAS E AVALIAÇÃO EM EDUCAÇÃO FÍSICA - 51/2024
MAPA - BEDU - MEDIDAS E AVALIAÇÃO EM EDUCAÇÃO FÍSICA - 51/2024assedlmoi
 
ATIVIDADE 1 - HISTÓRIA DA AMÉRICA - 51/2024
ATIVIDADE 1 - HISTÓRIA DA AMÉRICA - 51/2024ATIVIDADE 1 - HISTÓRIA DA AMÉRICA - 51/2024
ATIVIDADE 1 - HISTÓRIA DA AMÉRICA - 51/2024Dl assessoria 21
 
As plataformas digitais, como o Book Creator e o Canva, abrem novas possibili...
As plataformas digitais, como o Book Creator e o Canva, abrem novas possibili...As plataformas digitais, como o Book Creator e o Canva, abrem novas possibili...
As plataformas digitais, como o Book Creator e o Canva, abrem novas possibili...mariaclarinhaa2723
 
MAPA - DIDÁTICA - 51/2024MAPA - DIDÁTICA - 51/2024
MAPA - DIDÁTICA - 51/2024MAPA - DIDÁTICA - 51/2024MAPA - DIDÁTICA - 51/2024MAPA - DIDÁTICA - 51/2024
MAPA - DIDÁTICA - 51/2024MAPA - DIDÁTICA - 51/2024AcademicaDlaUnicesum
 
ATIVIDADE 1 - IFPC - TEORIA DO DIREITO - 51/2024
ATIVIDADE 1 - IFPC - TEORIA DO DIREITO - 51/2024ATIVIDADE 1 - IFPC - TEORIA DO DIREITO - 51/2024
ATIVIDADE 1 - IFPC - TEORIA DO DIREITO - 51/2024dlalicia08
 
MAPA - BEDU - ATIVIDADE FÍSICA E QUALIDADE DE VIDA - 51/2024
MAPA - BEDU - ATIVIDADE FÍSICA E QUALIDADE DE VIDA - 51/2024MAPA - BEDU - ATIVIDADE FÍSICA E QUALIDADE DE VIDA - 51/2024
MAPA - BEDU - ATIVIDADE FÍSICA E QUALIDADE DE VIDA - 51/2024dlalicia08
 
ORGANIZAÇÃO RACIONAL DO TRABALHO (ORT) A Organização Racional do Trabalho (OR...
ORGANIZAÇÃO RACIONAL DO TRABALHO (ORT) A Organização Racional do Trabalho (OR...ORGANIZAÇÃO RACIONAL DO TRABALHO (ORT) A Organização Racional do Trabalho (OR...
ORGANIZAÇÃO RACIONAL DO TRABALHO (ORT) A Organização Racional do Trabalho (OR...mariaclarinhaa2723
 
A prescrição de exercícios físicos deve ser realizada de forma correta e base...
A prescrição de exercícios físicos deve ser realizada de forma correta e base...A prescrição de exercícios físicos deve ser realizada de forma correta e base...
A prescrição de exercícios físicos deve ser realizada de forma correta e base...dl assessoria9
 
ATIVIDADE 1 - GAMB - ADMINISTRAÇÃO EMPREENDEDORA E QUALIDADE - 51/2024
ATIVIDADE 1 - GAMB - ADMINISTRAÇÃO EMPREENDEDORA E QUALIDADE - 51/2024ATIVIDADE 1 - GAMB - ADMINISTRAÇÃO EMPREENDEDORA E QUALIDADE - 51/2024
ATIVIDADE 1 - GAMB - ADMINISTRAÇÃO EMPREENDEDORA E QUALIDADE - 51/2024Dl assessoria 21
 
ATIVIDADE 1 - BEDU - BIOLOGIA E BIOQUÍMICA HUMANA - 51/2024
ATIVIDADE 1 - BEDU - BIOLOGIA E BIOQUÍMICA HUMANA - 51/2024ATIVIDADE 1 - BEDU - BIOLOGIA E BIOQUÍMICA HUMANA - 51/2024
ATIVIDADE 1 - BEDU - BIOLOGIA E BIOQUÍMICA HUMANA - 51/2024leonardodl361
 
MAPA - SAÚDE COLETIVA - 51/2024MAPA - SAÚDE COLETIVA - 51/2024
MAPA - SAÚDE COLETIVA - 51/2024MAPA - SAÚDE COLETIVA - 51/2024MAPA - SAÚDE COLETIVA - 51/2024MAPA - SAÚDE COLETIVA - 51/2024
MAPA - SAÚDE COLETIVA - 51/2024MAPA - SAÚDE COLETIVA - 51/2024miladlasse
 
Comércio Exterior de Santa Catarina em 2023
Comércio Exterior de Santa Catarina em 2023Comércio Exterior de Santa Catarina em 2023
Comércio Exterior de Santa Catarina em 2023Henry Quaresma
 

Último (20)

Entender e compreender as teorias que embasaram e ainda embasam as tendências...
Entender e compreender as teorias que embasaram e ainda embasam as tendências...Entender e compreender as teorias que embasaram e ainda embasam as tendências...
Entender e compreender as teorias que embasaram e ainda embasam as tendências...
 
Para melhor compreendermos as relações em sociedade e suas formas de organiza...
Para melhor compreendermos as relações em sociedade e suas formas de organiza...Para melhor compreendermos as relações em sociedade e suas formas de organiza...
Para melhor compreendermos as relações em sociedade e suas formas de organiza...
 
Bolsa de Valores Simples - www.bolsadevaloressimples.com.br
Bolsa de Valores Simples - www.bolsadevaloressimples.com.brBolsa de Valores Simples - www.bolsadevaloressimples.com.br
Bolsa de Valores Simples - www.bolsadevaloressimples.com.br
 
MAPA - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51/2024
MAPA - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51/2024MAPA - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51/2024
MAPA - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51/2024
 
ATIVIDADE 1 - DIDÁTICA - 51/2024ATIVIDADE 1 - DIDÁTICA - 51/2024
ATIVIDADE 1 - DIDÁTICA - 51/2024ATIVIDADE 1 - DIDÁTICA - 51/2024ATIVIDADE 1 - DIDÁTICA - 51/2024ATIVIDADE 1 - DIDÁTICA - 51/2024
ATIVIDADE 1 - DIDÁTICA - 51/2024ATIVIDADE 1 - DIDÁTICA - 51/2024
 
ATIVIDADE 1 - BEDU - BIOLOGIA E BIOQUÍMICA HUMANA - 51/2024
ATIVIDADE 1 - BEDU - BIOLOGIA E BIOQUÍMICA HUMANA - 51/2024ATIVIDADE 1 - BEDU - BIOLOGIA E BIOQUÍMICA HUMANA - 51/2024
ATIVIDADE 1 - BEDU - BIOLOGIA E BIOQUÍMICA HUMANA - 51/2024
 
Todos já devem ter estudado e percebido a necessidade e a importância de se p...
Todos já devem ter estudado e percebido a necessidade e a importância de se p...Todos já devem ter estudado e percebido a necessidade e a importância de se p...
Todos já devem ter estudado e percebido a necessidade e a importância de se p...
 
ATIVIDADE 1 - IFPC - TEORIA DO DIREITO - 51/2024
ATIVIDADE 1 - IFPC - TEORIA DO DIREITO - 51/2024ATIVIDADE 1 - IFPC - TEORIA DO DIREITO - 51/2024
ATIVIDADE 1 - IFPC - TEORIA DO DIREITO - 51/2024
 
MAPA - BEDU - MEDIDAS E AVALIAÇÃO EM EDUCAÇÃO FÍSICA - 51/2024
MAPA - BEDU - MEDIDAS E AVALIAÇÃO EM EDUCAÇÃO FÍSICA - 51/2024MAPA - BEDU - MEDIDAS E AVALIAÇÃO EM EDUCAÇÃO FÍSICA - 51/2024
MAPA - BEDU - MEDIDAS E AVALIAÇÃO EM EDUCAÇÃO FÍSICA - 51/2024
 
ATIVIDADE 1 - HISTÓRIA DA AMÉRICA - 51/2024
ATIVIDADE 1 - HISTÓRIA DA AMÉRICA - 51/2024ATIVIDADE 1 - HISTÓRIA DA AMÉRICA - 51/2024
ATIVIDADE 1 - HISTÓRIA DA AMÉRICA - 51/2024
 
As plataformas digitais, como o Book Creator e o Canva, abrem novas possibili...
As plataformas digitais, como o Book Creator e o Canva, abrem novas possibili...As plataformas digitais, como o Book Creator e o Canva, abrem novas possibili...
As plataformas digitais, como o Book Creator e o Canva, abrem novas possibili...
 
MAPA - DIDÁTICA - 51/2024MAPA - DIDÁTICA - 51/2024
MAPA - DIDÁTICA - 51/2024MAPA - DIDÁTICA - 51/2024MAPA - DIDÁTICA - 51/2024MAPA - DIDÁTICA - 51/2024
MAPA - DIDÁTICA - 51/2024MAPA - DIDÁTICA - 51/2024
 
ATIVIDADE 1 - IFPC - TEORIA DO DIREITO - 51/2024
ATIVIDADE 1 - IFPC - TEORIA DO DIREITO - 51/2024ATIVIDADE 1 - IFPC - TEORIA DO DIREITO - 51/2024
ATIVIDADE 1 - IFPC - TEORIA DO DIREITO - 51/2024
 
MAPA - BEDU - ATIVIDADE FÍSICA E QUALIDADE DE VIDA - 51/2024
MAPA - BEDU - ATIVIDADE FÍSICA E QUALIDADE DE VIDA - 51/2024MAPA - BEDU - ATIVIDADE FÍSICA E QUALIDADE DE VIDA - 51/2024
MAPA - BEDU - ATIVIDADE FÍSICA E QUALIDADE DE VIDA - 51/2024
 
ORGANIZAÇÃO RACIONAL DO TRABALHO (ORT) A Organização Racional do Trabalho (OR...
ORGANIZAÇÃO RACIONAL DO TRABALHO (ORT) A Organização Racional do Trabalho (OR...ORGANIZAÇÃO RACIONAL DO TRABALHO (ORT) A Organização Racional do Trabalho (OR...
ORGANIZAÇÃO RACIONAL DO TRABALHO (ORT) A Organização Racional do Trabalho (OR...
 
A prescrição de exercícios físicos deve ser realizada de forma correta e base...
A prescrição de exercícios físicos deve ser realizada de forma correta e base...A prescrição de exercícios físicos deve ser realizada de forma correta e base...
A prescrição de exercícios físicos deve ser realizada de forma correta e base...
 
ATIVIDADE 1 - GAMB - ADMINISTRAÇÃO EMPREENDEDORA E QUALIDADE - 51/2024
ATIVIDADE 1 - GAMB - ADMINISTRAÇÃO EMPREENDEDORA E QUALIDADE - 51/2024ATIVIDADE 1 - GAMB - ADMINISTRAÇÃO EMPREENDEDORA E QUALIDADE - 51/2024
ATIVIDADE 1 - GAMB - ADMINISTRAÇÃO EMPREENDEDORA E QUALIDADE - 51/2024
 
ATIVIDADE 1 - BEDU - BIOLOGIA E BIOQUÍMICA HUMANA - 51/2024
ATIVIDADE 1 - BEDU - BIOLOGIA E BIOQUÍMICA HUMANA - 51/2024ATIVIDADE 1 - BEDU - BIOLOGIA E BIOQUÍMICA HUMANA - 51/2024
ATIVIDADE 1 - BEDU - BIOLOGIA E BIOQUÍMICA HUMANA - 51/2024
 
MAPA - SAÚDE COLETIVA - 51/2024MAPA - SAÚDE COLETIVA - 51/2024
MAPA - SAÚDE COLETIVA - 51/2024MAPA - SAÚDE COLETIVA - 51/2024MAPA - SAÚDE COLETIVA - 51/2024MAPA - SAÚDE COLETIVA - 51/2024
MAPA - SAÚDE COLETIVA - 51/2024MAPA - SAÚDE COLETIVA - 51/2024
 
Comércio Exterior de Santa Catarina em 2023
Comércio Exterior de Santa Catarina em 2023Comércio Exterior de Santa Catarina em 2023
Comércio Exterior de Santa Catarina em 2023
 

[E-book] Data Driven - Como Promover Uma Cultura de Negócio Orientada a Dados

  • 1. 1 VOLTAR PARA O ÍNDICE Data-drivencomo promover uma cultura de negócio orientada a dados
  • 2. 2 VOLTAR PARA O ÍNDICE índice 04 Cultura orientada a dados 11 gestor: como incentivar a cultura de dados na empresa 16 como transformar dados em resultados 20 Usando as informações de forma estratégica 23 conclusão 24 sobre as empresas 25 referências
  • 3. 3 VOLTAR PARA O ÍNDICE Com a facilidade de acesso às informações no mundo digital, o gestor tem muito mais recursos para analisar a performance do seu negócio e planejar o futuro. Se antigamente essa coleta de dados sequer existia ou era feita de forma empírica e com base no feeling dos empreendedores, hoje esse processo evoluiu em um nível que é possível ter tudo em tempo real na palma da mão. Eliminadas as limitações de tecnologia, velocidade e até mesmo geográficas, temos um cenário extremamente promissor para as empresas que se derem conta de algo fundamental: informação é a chave para o sucesso do negócio. O uso delas de forma sistêmica traz um empoderamento para as pessoas e para a empresa nunca visto antes. Mas o que fazer com esse mar de dados? Eles permitem uma análise muito mais sofisticada sobre diversos aspectos da gestão da empresa e são fundamentais para alimentar diversos indicadores. No Brasil, ainda existe uma barreira a ser quebrada em relação ao uso de dados de forma estratégica. O maior desafio é fazer com que a data driven culture não seja apenas uma preocupação dos gestores, mas algo respirado por toda a organização. Nesse e-book, três empresas que têm no DNA a missão de ajudar outras a construir uma gestão muito mais simples e eficiente - Grupo Meta, Senior Sistemas e Treasy - unem forças para mostrar a você a importância de construir uma cultura orientada a dados dentro das organizações. Veja a seguir como o estímulo a essa mudança de comportamento e a tomada de decisão baseada em indicadores consistentes podem revolucionar seu negócio. Boa leitura! introdução
  • 4. 4 VOLTAR PARA O ÍNDICE Cultura orientada a dados
  • 5. 5 VOLTAR PARA O ÍNDICE CULTURA ORIENDATA A DADOS O que é De forma bem resumida podemos dizer que uma cultura orientada a dados é aquela em que as decisões da organização são baseadas em informações, dados, estatísticas. Significa dizer que a cada dia a intuição vem dando lugar às ações apoiadas por números que apontem o caminho mais promissor. Apesar de ainda ser tímido no Brasil, o uso dos dados nas empresas é reflexo de um movimento histórico internacional na gestão que ganhou força a partir dos anos 80, quando houve uma maior valorização das decisões racionais. Atualmente, as resoluções dentro das empresas não necessariamente são aceitas por todos, porém, é imprescindível que elas sejam justificadas, de preferência, com informações confiáveis. Quando falamos de cultura organizacional, não podemos esquecer que se trata de um processo que nunca acontecerá do dia para a noite dentro das organizações. É preciso que ele seja estimulado pelos gestores, neste caso não pode ser ignorado um elemento essencial para o sucesso de uma gestão orientada a dados: as pessoas. Apenas quando os profissionais entenderem a importância desse tipo de postura e incorporarem isso em sua rotina é que a empresa poderá contar com os benefícios desse tipo de conduta. Big Data É comum nas leitura a respeito da data driven culture ouvirmos falar desse termo. Big data é usado para descrever o enorme volume de dados - estando eles organizados ou não - que circulam dentro das empresas e têm um impacto significativo para o negócio. Porém, o que importa não é quantidade de informações, mas sim a qualidade delas e o que as empresas fazem com esses dados. O grande volume de dados da empresa pode ser usado para compreender melhor o negócio, melhorar o desempenho da organização, tomar decisões com embasamento, fazer previsões de cenários com base nos comportamentos passados, personalizar a relação com os clientes, entre outros benefícios que detalharemos melhor a seguir.
  • 6. 6 VOLTAR PARA O ÍNDICE Benefícios Um dos principais ganhos no uso de dados na gestão da empresa é que ela passa a ter um posicionamento muito mais proativo do que reativo. Aquele velho modelo de viver apagando incêndio e assim não conseguir dedicar um tempo precioso no planejamento de ações estratégicas pode ser abolido uma vez que se tem em mãos as informações necessárias para uma gestão mais realista e consciente. A seguir listamos alguns benefícios da data driven culture dentro das empresas: Inovação Já que estamos falando de dados, vamos nos basear neles para entender como as corporações estão ganhando com essa mudança. Um estudo feito pela Teradata em parceria com a Forbes Insights e McKinsey sobre os impactos das iniciativas de Big Data e Analytics ouviu 316 tomadores de decisão das áreas de tecnologia e informação de empresas líderes de mercado. Concluiu que a cultura orientada a dados está fomentando a inovação em 3 áreas principais: criação de novos modelos de negócios (para 54% dos entrevistados), descoberta de novas ofertas de produtos (para 52%) e monetização de dados a empresas externas (para 40%). O uso dos dados por essas empresas de forma analítica permitiu a geração de insights para promover um ambiente de constante inovação. Retorno do investimento (ROI) Ainda a respeito da pesquisa mencionada acima, dois terços dos participantesconfirmaramqueasiniciativasdeBigDataeanálisededados tiveram um impacto importante e mensurável sobre as suas receitas, com rápido retorno sobre os investimentos. De acordo com outro estudo, feito pela Economist Intelligence Unit, as empresas que abraçaram uma cultura de dados têm 3 vezes mais probabilidade de classificarem-se à frente de suas concorrentes em relação ao desempenho financeiro. CULTURA ORIENDATA A DADOS
  • 7. 7 VOLTAR PARA O ÍNDICE Competitividade De acordo com a pesquisa da Teradata, um em cada cinco entrevistados afirmou que o uso de dados é o único meio de conseguir vantagem competitiva e 38% deles citou isso como uma questão determinante. De forma geral, os dados podem ser usados para decisões mais acertadas, gestão de riscos, redução de custos, aumento de receitas e melhores experiências com os clientes, o que acaba refletindo-se em uma maior competitividade das empresas no mercado. Planejamento Basear a gestão da empresa em dados abre uma grande possibilidade de variáveisaseremanalisadas.Então,trabalhandocomumarelaçãodecausa eefeito,émuitomaisfáciltersucessonoplanejamentodaspróximasações. Conheça melhor sua empresa Vocêconhecetodososprocessosdoseunegócio,dosníveisoperacionais, técnicos e estratégicos? Com a análise de dados, tem-se um olhar bem mais amplo do negócio, abrindo a possibilidade para revisar processos e eliminar erros. Controle de receitas e despesas Analisar dados financeiros e contábeis, despesas, receitas, fluxo de caixa, balancetes etc. traz uma visão muito mais completa sobre o desempenho financeiro da empresa e, assim, ajuda a administrar esses recursos. Indicadores de performance Com informações de qualidade em mãos, é possível criar indicadores de performance determinantes para o negócio, como o desempenho dos colaboradores, crescimento da empresa, melhorias em processos internos, entre outros. CULTURA ORIENDATA A DADOS
  • 8. 8 VOLTAR PARA O ÍNDICE Principais entraves É natural do ser humano, somos resistentes à mudança. Nada como ficar em nossa zona de conforto que, como o próprio nome diz, nos dá segurança para nunca sair do lugar. Outro problema sério enfrentado pelas empresas mas muitas vezes nem percebido pelos gestores é o antigo jargão de que em time que está ganhando, não se mexe. Ou seja, velhos modelos vão apenas sendo reproduzidos, sem questionamento e com nenhum ou pouco espaço para a inovação e adoção de novas práticas. Isso reflete-se totalmente na resistência de muitas empresas a trabalharem com os dados de forma mais estratégica. CULTURA ORIENDATA A DADOS
  • 9. 9 VOLTAR PARA O ÍNDICE Veja a seguir os principais entraves que barram a evolução e adesão dessa cultura. Toda a empresa deve estar envolvida Especialistas apontam que um dos pontos mais críticos para que as empresas tenham sucesso no uso da análise de dados é a abrangência. Muitas vezes apenas um setor da companhia é envolvido, o que acaba comprometendo o uso dessas informações. Esse aspecto deve ser contemplado pela gestão da empresa, que precisa estimular essa integração entre os departamentos. Nossa aversão aos números Tirando aquelas pessoas que convivem com números diariamente, quantas você conhece que realmente gostam de lidar com cálculos ou dados? É bem comum ouvirmos das pessoas que elas têm dificuldade ou simplesmente não gostam de ter contato com números. Essa aversão dificulta muito a implantação de uma gestão baseada em dados e é um dos motivos pelos quais muitas empresas ainda não conseguem extrair todos os benefícios que o uso e análise de métricas pode trazer para o negócio. Questão cultural Cultura não é algo colado na parede das empresas como a missão, visão e valores. A cultura empresarial precisa ser construída dia a dia pelas pessoas que fazem parte da organização. Ou seja, ainda que você seja um gestor extremamente inovador e que já entendeu as vantagens da aplicação dos dados na gestão, não conseguirá impor essa mudança na gestãododiaparaanoite.Depoisdetraçaraçõesparaqueosprofissionais entendam a importância dessa mudança de cultura, é primordial um processo de evolução e amadurecimento com objetivos muito claros e alinhados aos objetivos estratégicos de negócio. CULTURA ORIENDATA A DADOS
  • 10. 10 VOLTAR PARA O ÍNDICE Dá muito trabalho Imagine uma empresa centenária, que surgiu em um momento onde a internet sequer era sonhada. Pois bem, assim como fazer um senhor de 80 anos assimilar as novidades digitais, também é difícil fazer uma empresa mais conservadora mudar seus hábitos. Ainda que ela conte com profissionais mais abertos às novas tecnologias, muitas vezes uma cultura tradicional fica impregnada na gestão. Quando essa mudança de hábitos envolve processos organizacionais, estamos falando de medidas extremamente trabalhosas e, justamente por isso, geralmente deixadas de lado. Falando especificamente do Brasil, sabe-se que esse tipo de cultura caminha a passos lentos e é preciso avançar muito para ter esse amadurecimento tanto dos profissionais quantodomercado.Alémdisso,recompensarousodosdadoseestimular a experimentação e criatividade por meio dessas análises também aparecem como grandes desafios culturais. Ameaça Como comentamos acima, muito da resistência à cultura voltada a dados está na reprodução dos mesmos modelos de sempre. Muitos gestores, inclusive, sentem-se ameaçados com o uso dessas informações para a tomada de decisão. Aos olhos dos mais conservadores, pode parecer que toda aquela carreira construída com base na sua inteligência e alguns instintos, o chamado “feeling” para o negócio, estão sendo colocados à prova pelos números. CULTURA ORIENDATA A DADOS
  • 11. 11 VOLTAR PARA O ÍNDICE gestor: como incentivar a cultura de dados na empresa
  • 12. 12 VOLTAR PARA O ÍNDICE GESTOR: COMO INCENTIVAR A CULTURA DE DADOS NA EMPRESA Nem tanto ao mar, nem tanto à terra. Na gestão das empresas, o radicalismo não deve tomar o lugar de decisões equilibradas e do bom senso. Por isso, os dados não devem ser analisados de forma fria ou desconsiderando o contexto e a própria vivência dos profissionais dentro do negócio. É importante lembrar que os dados são uma mas não a única perspectiva possível. Os gestores que querem promover essa mudança dentro das organizações têm um grande desafio pela frente e esse capítulo é dedicado justamente para apontar os melhores caminhos para quem vai começar a estimular essa mudança. Acompanhe!
  • 13. 13 VOLTAR PARA O ÍNDICE Desafios Como mencionamos antes, esse tipo de gestão é algo ainda novo. Profissionais com muitos anos de mercado estão precisando se adaptar a esse cenário e mesmo quem já nasceu na era da informação deve estar constantemente atualizado. Ou seja, os desafios são muitos. O poder da equipe É importante reforçar que a cultura de dados não pode ser vista dentro da empresa como sendo responsabilidade de um único profissional ou equipe, como um especialista em dados e uma área de TI, por exemplo. As organizações que estão mais na vanguarda desse processo são aquelas que integram a cultura de dados em suas operações diárias, sendo colocados no centro de suas decisões - que podem sempre ser questionadas, desde que isso seja apoiado em informação. Aindasobreaimportânciadosprofissionais,éprecisocontarcomumaequipecomcompetências no gerenciamento de informações e capacidade analítica. Além disso, é fundamental capacitar o time para a seleção e análise das métricas corretas. O treinamento deve ser constante e focado já que muitos gestores afirmam que o recrutamento e seleção desses profissionais são grandes dificuldades. Entre os problemas apontados pelos líderes estão também a falta de especialistas na análise de dados e os custos com altos salários. Democratização das informações Se por um lado é importante contar com especialistas em dados, outro desafio apontado pelas empresas que já se guiam em uma cultura assim é a necessidade de democratizar as informações. Aquelas que apresentam melhor desempenho afirmam que não deixam esses elementos apenas nas mãos dos especialistas e procuram treinar profissionais de diferentes níveis para a coleta e utilização das informações. Boas práticas Lidarcomaresistênciapodeseralgocomumparaogestorqueoptarusarinformaçõesconcretas para a gestão do negócio. A principal dica é não desanimar no primeiro não e entender que a mudança é necessária para o sucesso. Veja algumas boas práticas e mire nos resultados! GESTOR: COMO INCENTIVAR A CULTURA DE DADOS NA EMPRESA
  • 14. 14 VOLTAR PARA O ÍNDICE Como lidar com o não Uma barreira inicial certamente vai existir para quem optar por trabalhar forte a cultura de dados dentro do negócio e os motivos já falamos antes: pode parecer chato, “sempre fizemos assim” etc. Por isso, é tão importante manteracomunicaçãomuitoclaraemrelaçãoàimportânciadessamudança para o sucesso da empresa e, consequentemente, dos seus profissionais. A partir do momento em que as pessoas sentem-se parte de algo maior, a tendência é que elas fiquem mais dispostas a aceitar as mudanças, afinal, elas entendem que isso será importante para a sua carreira também. Um argumento interessante é reforçar que esse tipo de ação já é realidade nas empresas líderes de mercado, portanto, um currículo com experiência em dados com certeza será bastante valorizado. Não deixe para depois Bom, você já sabe que, como todo processo, uma cultura voltada a dados vailevarumtempoparacomeçaravalerdefatonaempresa.Então,quanto mais tempo você demorar para iniciar essa mudança, mais tarde as pessoas irão se habituar. Outra dica é deixar claro que não é apenas uma decisão e outra que deve ter um olhar mais rígido para os números, todas elas precisam ser direcionadas para esse ponto. Empresas orientadas a dados devem contar com o apoio da alta gestão, com profissionais designados para cuidar dessa implantação. Selecione as métricas principais Com tantas informações disponíveis, muitas vezes nos deixamos levar por algumas que nem sempre são o foco do nosso negócio, como as métricas da vaidade, por exemplo, que mostram números bonitos mas que nem sempre representam algum resultado positivo para o negócio. Por isso, procureselecionarumgrupodemétricasquerealmentesejamimportantes para o negócio, como receita anual, taxa de crescimento de vendas, custo de aquisição dos clientes etc. GESTOR: COMO INCENTIVAR A CULTURA DE DADOS NA EMPRESA
  • 15. 15 VOLTAR PARA O ÍNDICE Promova a transparência Promover a transparência na gestão dos dados é uma forma de estimular também os profissionais a continuarem seguindo esse comportamento em sua rotina. Permita que os colaboradores tenham acesso a números de desempenho. A tendência é que eles percebam que seus esforços estão contribuindo para que a empresa chegue aos objetivos. A atitude precisa ser encabeçada por algum líder para que de fato ocorra, ele deve ter em mente que ficar guardando as informações apenas para si não trará nenhum resultado. Não exagere na análise Quandoiniciamaculturadeanálisededados,muitasempresasacabamse concentrandodemaisnaanálisedasinformaçõeseficamsemtomaruma decisão. Isso pode ser um grande erro, pois os dados estão disponíveis justamente para ajudar na tomada de decisões e não para adiá-las. Cuide para não exagerar na análise e ficar perfeccionista demais. Democratize os dados Váriosespecialistas recomendamcomoumaboapráticaademocratização não só dos dados, mas das ferramentas que farão essa coleta e eventual análise, o que deve ser uma atividade primária de todos os departamentos (Marketing, Vendas, Financeiro etc.). A ideia é que tudo seja levado a um nívelmaissimpleseacessívelparaaspessoasqueprecisaremtercontato com essas informações. As empresas líderes já compreenderam que ser bem sucedidas tem a ver também com permitir que as pessoas possam trabalhar com dados de forma fácil. Inclusive este é um dos passos mais importantes para empresas que estejam buscando a profissionalização da gestão. GESTOR: COMO INCENTIVAR A CULTURA DE DADOS NA EMPRESA
  • 16. 16 VOLTAR PARA O ÍNDICE como transformar dados em resultados
  • 17. 17 VOLTAR PARA O ÍNDICE Depois de assimilar a importância das decisões baseadas em dados e conseguir disseminar essa cultura dentro da empresa, qual seria o próximo passo? Bom, de que adianta vários dados na mão se eles não forem estratégicos para o negócio, não é? Chega o momento, então, de investir em formas de usar essas informações e transformá-las em resultados. Vamos lá? Escolha as ferramentas certas Não é de hoje que os executivos sempre tiveram uma forte preocupação com a gestão do desempenho empresarial, a diferença é que hoje eles contam com muito mais recursos para fazer essa análise. Dessa forma, ele consegue ter acesso às informações em tempo real e em um nível de detalhe que antes nem era imaginado. Porém, existe também o ônus desse excesso de dados: o desafio de coletar e analisar tudo. É aí que entra a importância de escolher as ferramentas e parceiros certos para ajudar nesse processo. O mercado oferece uma variedade delas com valores acessíveis e usabilidade simples, como softwares de análise, reports em tempo real, dashboards etc. Tudo isso para acelerar os processos de tomada de decisão dentro da empresa. COMO TRANSFORMAR DADOS EM RESULTADOS
  • 18. 18 VOLTAR PARA O ÍNDICE Mas como escolher a ferramenta ideal? Veja alguns pontos importantes para considerar antes da contratação: Interface e usabilidade Considerando que os colaboradores precisarão ter contato frequente com a ferramenta, é fundamental que ela tenha uma interface amigável e seja fácil de usar. Todas as funções devem estar acessíveis para o usuário, para que ele não tenha que perder muito tempo procurando. Performance Bom, também não adianta um sistema agradável aos olhos mas que não ofereça todas as funcionalidades necessárias. Verifique se a ferramenta é rápida e eficiente na gestão dos dados e disponibiliza eles de forma concisa e confiável. Histórico da empresa Esseprocedimentodeveriaserpadrãonacontrataçãodequalquerserviço, mas muitas vezes é esquecido. Investigue se a empresa fornecedora do software é confiável e também se tem um histórico de atendimento à sua área de negócio. Integrações Em vez de contratar várias empresas, por que não optar por uma que permita integrações com outras plataformas? A gestão fica bem mais fácil quando todas as informações estão centralizadas em um mesmo lugar e também é mais tranquilo administrar e manter contato com um só fornecedor. Num primeiro momento, pode até parecer um custo maior, mas, na realidade, você estará fazendo um investimento a médio e longo prazo. COMO TRANSFORMAR DADOS EM RESULTADOS
  • 19. 19 VOLTAR PARA O ÍNDICE Custos Na hora de avaliar os custos, lembre-se de que não conta apenas o valor pago pela ferramenta. É preciso considerar também o treinamento da equipe, licenças e customizações, por exemplo. Experimente A maioria das empresas oferece um período de trial para testar as funcionalidades. Se ela não tem essa opção, já é um ponto negativo. Procure testar pensando na aplicação na rotina da sua empresa. Coleta dos dados Estamos falando de uma grande quantidade de informação, portanto, o sistema precisa ter uma capacidade robusta de coleta e análise de dados. Classificação das informações Feita a coleta, é preciso que a ferramenta organize as informações para posteriormente ter condições de fazer uma análise delas. Investigue se o sistema é capaz de fazer essa classificação de forma intuitiva e customizável, de acordo com as necessidades da empresa. COMO TRANSFORMAR DADOS EM RESULTADOS
  • 20. 20 VOLTAR PARA O ÍNDICE Usando as informações de forma estratégica
  • 21. 21 VOLTAR PARA O ÍNDICE Agora que sabemos alguns itens importantes para a escolha das ferramentas de gestão de dados, é preciso entender como usar todo essa matéria-prima de informações. Ou seja, como usar esses dados de forma estratégica gerando valor para a empresa. Para começo de conversa, voltemos a alguns tópicos quando falamos da importância de estimular essa cultura dentro da empresa. Então, a lição principal é não guardar todas essas informações dentro da gaveta. Porexemplo:vocêtemacessoaumasériededadossobreoperfildoconsumidordedeterminado produto ou serviço da sua empresa. O que fazer com isso em mãos? Por meio dessa análise é possível promover melhorias nos produtos ou serviços ou até mesmo a criação de uma nova oferta com base no comportamento e perfil do público. Claro que para que isso aconteça em sintonia, é preciso eliminar barreiras no uso diário dos dados pelos profissionais e investir na capacitação. Além disso, analistas de dados devem estar presentes em todos os níveis da organização. COMO USAR AS INFORMAÇÕES DE FORMA ESTRATÉGICA
  • 22. 22 VOLTAR PARA O ÍNDICE COMO USAR AS INFORMAÇÕES DE FORMA ESTRATÉGICA Veja mais alguns insights para extrair o melhor dos dados: Leve em conta o histórico Faça uma análise da performance da empresa considerando a sua atuação em anos anteriores e os fatores que levaram a esses resultados. Esse levantamento do que já aconteceu quando a empresa ainda não tinha uma cultura de dados pode apontar alguns caminhos para o futuro. Escolha as métricas certas Nem sempre todas as áreas da empresa tem os mesmos interesses. Para promover uma integração entre as áreas, devem ser usadas métricas mais amplas que não sejam apenas de alguns times. O segredo está na identificação de indicadores chave essenciais para cada departamento e na transformação deles em itens importantes para todo o negócio. Mire no futuro A análise do histórico da empresa e da determinação das métricas principais ajuda no planejamento para direcionamentos de negócio. As análises preditivas usam dados passados para tentar prever alguma predisposição de algo acontecer no futuro, como o cliente fazer um up grade no plano mensal, por exemplo. Assim, com base nos resultados anteriores é possível tomar decisões diferentes para o futuro.
  • 23. 23 VOLTAR PARA O ÍNDICE Como vimos, não há mais por que resistir ao uso dos dados de forma estratégica dentro das organizações. Aquelas que não começarem a implantar medidas para democratizar o acesso a essas informações e promover uma verdadeira mudança na cultura empresarial, certamente ficarão para trás em termos de competitividade, inovação e muitas outras vantagens que comentamos ao longo do material. Ocaminhocomeçacomavontadedetransformaçãoeosdesafios maiores se concentram justamente no processo para se chegar a uma realidade onde o dia a dia da empresa seja pautado pelo uso e análise dos dados. Mais do que isso, a maior revolução acontecerá quando todas as decisões tomadas pela gestão não sejam feitas fundamentadas em suspeitas ou palpites, mas que as informações coletadas virem insumo para medidas muito mais conscientes e assertivas. Gestores e líderes de uma forma geral devem se livrar dos velhos paradigmas e entender que da dobradinha equipe capacitada mais dados podem ser extraídos excelentes resultados de negócio. Claro que esse momento envolve muita pesquisa e aprendizado, inclusive com tropeços que devem acontecer pelo caminho. Por isso, é tão importante contar com os parceiros ideais para auxiliar nessa nova jornada. E aí, você já está pronto para mudar? CONCLUSÃO
  • 24. 24 VOLTAR PARA O ÍNDICE Grupo Meta O Grupo Meta é composto por 5 unidades de negócio complementares na gestão empresarial: Meta Organização Contábil, Meta RH Multiservice, Meta Folpag, Meta Sistemas e Meta DataCloud. Em todas as unidades, o Grupo se concentra em oferecer soluções inovadoras que ajudam a desburocratizar os processos empresariais e torna a gestão mais eficiente, permitindo que os gestores se concentrem naquilo que realmente é estratégico para o negócio. Em parceria com a Senior Sistemas, oferece soluções tecnológicas voltadas à gestão empresarial (ERP) e gestão de pessoas. Senior Sistemas Referência nacional em softwares de gestão, a Senior oferece às empresas soluções em gestão empresarial, logística, gestão de pessoas e gestão de acesso e segurança. Atua em todo o Brasil com filiais, unidades de negócio, canais de distribuição e escritórios e atende a diversos segmentos, como agronegócio, varejo e logística. A empresa tem eu seu portfólio de serviços tanto consultorias como softwares que ajudam seus clientes na otimização dos processos e modelos de negócio, inovação e produtividade, simplificando a tomada de decisão e impulsionando a gestão. Treasy O Treasy é uma solução completa de planejamento e controladoria online, oferecendo diversos recursos para auxiliar as empresas a melhorar seus resultados financeiros: orçamento empresarial, simulações e cenários, acompanhamentodoplanejadoversusrealizado,análisesgerenciais,relatórios e indicadores e integrações com ERPs e contabilidade. Além do software, a empresa auxilia na adoção da metodologia de gestão orçamentária e implantaçãodasmelhorespráticasdegestãoparapotencializarcontinuamente os resultados financeiros dos clientes. sobre as empresas
  • 25. 25 VOLTAR PARA O ÍNDICE • http://www.dbserver.com.br/dbonline/2016/marco/como-extrair-o-melhor-dos-dados.html • http://blog.algartelecom.com.br/tendencias/10-tendencias-de-bi-que-podem-transformar-o-seu-negocio/ • http://www.proof.com.br/blog/business-analytics/tomando-decisoes-com-base-em-dados/ • http://leanperformance.com/pt-br/cultura/ • http://www.tiagodoria.com.br/coluna/tag/data-driven/ • http://computerworld.com.br/cultura-orientada-dados-e-maior-barreira-em-projetos-de-analytics • http://www.proxxima.com.br/home/conectados/2015/10/Por-que-o-Brasil-n-o-consegue-evoluir-na-cultura-de-dados--.html • http://www.proof.com.br/blog/business-analytics/saiba-como-incentivar-cultura-de-dados-na-empresa/ • http://computerworld.com.br/gestao/2013/03/26/empresas-orientadas-a-dados-tendem-a-ser-mais-competitiva • https://deskmetrics.com/tech-talk/importance-data-focused-culture/ • http://www.fiveacts.com.br/blog/a-cultura-empresarial-orientada-aos-dados/ • http://www.administradores.com.br/noticias/tecnologia/processos-analiticos-conferem-maior-vantagem-competitiva-as-empre- sas-diz-estudo-da-ibm/50485/ • http://www.techinsider.com.br/2013/05/big-data-empresas-que-analisam-dados-sao-mais-lucrativas/ • http://www.iopera.com.br/valorizando-seu-negocio-com-big-data-e-business-analytics/ • http://pt.slideshare.net/gabrielhasilva/web-analytics-como-criar-uma-cultura-orientada-a-dados • http://www.proof.com.br/blog/o-big-data-esta-mudando-a-maneira-como-pensamos/ • http://blog.cedrotech.com/tecnologia/como-o-correto-gerenciamento-de-big-data-pode-ajudar-seu-negocio/ • http://www.proof.com.br/blog/o-big-data-esta-mudando-a-maneira-como-pensamos/ • http://www.proof.com.br/whitepapers/wp-proof-splunk.pdf • http://www.proof.com.br/blog/business-analytics/tomando-decisoes-com-base-em-dados/ • http://www.proof.com.br/blog/o-big-data-esta-mudando-a-maneira-como-pensamos/ • http://www.binapratica.com.br/#!ferramentas-bi/c6rd • http://www.bigdatabusiness.com.br/como-escolher-um-sistema-de-mineracao-de-dados-eficiente/ referências
  • 26. 26 VOLTAR PARA O ÍNDICE