SIMULADO UNIFICADO ESCOLA CORNÉLIA. 3º ANO ENSINO MÉDIO. DOCUMENTO PÚBLICO.

964 visualizações

Publicada em

ESCOLA CORNÉLIA FERREIRA LADEIRA
SIMULADO UNIFICADO.
DIVULGAÇÃO DE AVALIAÇÕES PARA CONHECIMENTO PÚBLICO E PARA OS INTERESSADOS EM FAZER E TESTAR OS CONHECIMENTOS.
TAKE THE PEACE WHERE IT WILL BE.
LEVE A PAZ ONDE FOR
Antônio Fernandes Neto.

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
964
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
6
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
8
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

SIMULADO UNIFICADO ESCOLA CORNÉLIA. 3º ANO ENSINO MÉDIO. DOCUMENTO PÚBLICO.

  1. 1. ESCOLA CORNÉLIA FERREIRA LADEIRA SIMULADO UNIFICADO NOME:_____________________________nº____SÉRIE 3º EM TURMA:____NOTA:______ Orientações para fazer o Simulado. 1. Preencha o cabeçalho com seu nome, série, turma e número da chamada. 2. Leia a questões mais de uma vez, não será permitida rasura. 3. Marque apenas um alternativa, caso marque duas ou mais a questão será anulada. 4. Só marque mais de uma alternativa quando a questão assim pedir que faça. 5. Faça o simulado com calma, pois ele é avaliação deste bimestre. 6. Marque o gabarito sem cometer rasuras. LÍNGUA PORTUGUESA PROFESSORA CARLA Leia o texto abaixo e responda às questões 1 e 2 Canção do vento e da minha vida O vento varria as folhas, O vento varria os frutos, O vento varria as flores... E a minha vida ficava Cada vez mais cheia De frutos, de flores, de folhas. [...] O vento varria os sonhos E varria as amizades... O vento varria as mulheres... E a minha vida ficava Cada vez mais cheia De afetos e de mulheres. O vento varria os meses E varria os teus sorrisos... O vento varria tudo! E a minha vida ficava Cada vez mais cheia De tudo. BANDEIRA, M. Poesia completa e prosa. Rio de Janeiro: José Aguilar, 1967. QUESTÃO 1) (ENEM 2009) Predomina no texto a função da linguagem a) fática, porque o autor procura testar o canal de comunicação. b) metalinguística, porque há explicação do significado das expressões. c) conativa, uma vez que o leitor é provocado a participar de uma ação. d) referencial, já que são apresentadas informações sobre acontecimentos e fatos reais. e) poética, pois chama-se a atenção para a elaboração especial e artística da estrutura do texto. QUESTÃO 2) (ENEM 2009) Na estruturação do texto, destaca-se a) a construção de oposições semânticas. b) a apresentação de ideias de forma objetiva. c) o emprego recorrente de figuras de linguagem, como o eufemismo. d) a repetição de sons e de construções sintáticas semelhantes. e) a inversão da ordem sintática das palavras. Leia o texto abaixo e responda às questões 3 e 4 Quando eu falo com vocês, procuro usar o código de vocês. A figura do índio no Brasil de hoje não pode ser aquela de 500 anos atrás, do passado, que representa aquele primeiro contato. Da mesma forma que o Brasil de hoje não é o Brasil de ontem, tem 160 milhões de pessoas com diferentes sobrenomes. Vieram para cá asiáticos, europeus, africanos, e todo mundo quer ser brasileiro. A importante pergunta que nós fazemos é: qual é o pedaço de índio que vocês têm? O seu cabelo? São seus olhos? Ou é o nome da sua rua? O nome da sua praça? Enfim, vocês devem ter um pedaço de índio dentro de vocês. Para nós, o importante é que vocês olhem para a gente como seres humanos, como pessoas que nem precisam de paternalismos, nem precisam ser tratadas com privilégios. Nós não queremos tomar o Brasil de vocês, nós queremos compartilhar esse Brasil com vocês. TERENA, M. Debate. MORIN, E. Saberes globais e saberes locais. Rio de Janeiro: Garamond, 2000 (adaptado). QUESTÃO 3) (ENEM 2009) Os procedimentos argumentativos utilizados no texto permitem inferir que o ouvinte/leitor, no qual o emissor foca o seu discurso, pertence a) ao mesmo grupo social do falante/autor. b) a um grupo de brasileiros considerados como não índios. c) a um grupo étnico que representa a maioria europeia que vive no país.
  2. 2. d) a um grupo formado por estrangeiros que falam português. e) a um grupo sociocultural formado por brasileiros naturalizados e imigrantes. QUESTÃO 4) (ENEM 2009) Na situação de comunicação da qual o texto foi retirado, a norma padrão da língua portuguesa é empregada com a finalidade de a) demonstrar a clareza e a complexidade da nossa língua materna. b) situar os dois lados da interlocução em posições simétricas. c) comprovar a importância da correção gramatical nos diálogos cotidianos. d) mostrar como as línguas indígenas foram incorporadas à língua portuguesa. e) ressaltar a importância do código linguístico que adotamos como língua nacional. Leia o texto abaixo para responder à questão 5 (ENEM 2009) Nunca se falou e se preocupou tanto com o corpo como nos dias atuais. É comum ouvirmos anúncios de uma nova academia de ginástica, de uma nova forma de dieta, de uma nova técnica de autoconhecimento e outras práticas de saúde alternativa, em síntese, vivemos nos últimos anos a redescoberta do prazer, voltando nossas atenções ao nosso próprio corpo. Essa valorização do prazer individualizante se estrutura em um verdadeiro culto ao corpo, em analogia a uma religião, assistimos hoje ao surgimento de novo universo: a corpolatria. CODO, W.; SENNE, W. O que é corpo(latria). Coleção Primeiros Passos. Brasiliense, 1985 (adaptado). QUESTÃO 5) Sobre esse fenômeno do homem contemporâneo presente nas classes sociais brasileiras, principalmente, na classe média, a corpolatria a) é uma religião pelo avesso, por isso outra religião; inverteram-se os sinais, a busca da felicidade eterna antes carregava em si a destruição do prazer, hoje implica o seu culto. b) criou outro ópio do povo, levando as pessoas a buscarem cada vez mais grupos igualitários de integração social. c) é uma tradução dos valores das sociedades subdesenvolvidas, mas em países considerados do primeiro mundo ela não consegue se manifestar porque a população tem melhor educação e senso crítico. d) tem como um de seus dogmas o narcisismo, significando o “amar o próximo como se ama a si mesmo”. e) existe desde a Idade Média, entretanto esse acontecimento se intensificou a partir da Revolução Industrial no século XIX e se estendeu até os nossos dias. Leia o texto abaixo e responda às questões 6 e 7 QUESTÃO 6) (ENEM 2010) S.O.S Português Por que pronunciamos muitas palavras de um jeito diferente da escrita? Pode-se refletir sobre esse aspecto da língua com base em duas perspectivas. Na primeira delas, fala e escrita são dicotômicas, o que restringe o ensino da língua ao código. Daí vem o entendimento de que a escrita é mais complexa que a fala, e seu ensino restringe-se ao conhecimento das regras gramaticais, sem a preocupação com situações de uso. Outra abordagem permite encarar as diferenças como um produto distinto de duas modalidades da língua: a oral e a escrita. A questão é que nem sempre nos damos conta disso. S.O.S Português. Nova Escola. São Paulo: Abril, Ano XXV, n.º 231, abr. 2010 (fragmento adaptado). O assunto tratado no fragmento é relativo à lingua portuguesa e foi publicado em uma revista destinada a professores. Entre as características próprias desse tipo de texto, identificam-se as marcas linguísticas prórias do uso a) regional, pela presença de léxico de determinada região do Brasil. b) literário, pela conformidade com as normas da gramática. c) técnico, por meio de expressões próprias de textos científicos. d) coloquial, por meio do registro de informalidade. e) oral, por meio do uso de expressões típicas da oralidade. Leia o texto abaixo e responda à questão 7 (ENEM 2010) MOSTRE QUE SUA MEMÓRIA É MELHOR DO QUE A DE COMPUTADOR E GUARDE ESTA CONDIÇÃO: 12X SEM JUROS. Campanha publicitária de loja de eletroeletrônicos. Revista Época. N.º 424, 03 de jul. 2006. QUESTÃO 07) Ao cir cularem socialmente, os textos realizam-se como práticas de linguagem, assumindo configurações específicas, formais e de conteúdo. Considerando o contexto em que circula o texto publicitário, seu objetivo básico é a) influenciar o comportamento do leitor, por meio de apelos que visam à adesão ao consumo. b) definir regras de comportamento social pautadas no combate ao consumismo exagerado. c) defender a importância do conhecimento de informática pela população de baixo poder aquisitivo. d) facilitar o uso de equipamentos de informática pelas classes sociais economicamente desfavorecidas.
  3. 3. e) questionar o fato de o homem ser mais inteligente que a máquina, mesmo a mais moderna. Leia este fragmento e responda à questão 8 (ENEM 2010) MOSTRE QUE SUA MEMÓRIA É MELHOR DO QUE A DE COMPUTADOR E GUARDE ESTA CONDIÇÃO: 12X SEM JUROS. Campanha publicitária de loja de eletroeletrônicos. Revista Época. N.º 424, 03 de jul. 2006. QUESTÃO 8) Ao circularem socialmente, os textos realizam-se como práticas de linguagem, assumindo configurações específicas, formais e de conteúdo. Considerando o contexto em que circula o texto publicitário, seu objetivo básico é a) influenciar o comportamento do leitor, por meio de apelos que visam à adesão ao consumo. b) definir regras de comportamento social pautadas no combate ao consumismo exagerado. c) defender a importância do conhecimento de informática pela população de baixo poder aquisitivo. d) facilitar o uso de equipamentos de informática pelas classes sociais economicamente desfavorecidas. e) questionar o fato de o homem ser mais inteligente que a máquina, mesmo a mais moderna. MATEMÁTICA PROFESSORA GABRIELA ––––––––– QUESTÃO 09 –––––––––– Um copo cilíndrico, com 4 cm de raio e 12 cm de altura, está com água até a altura de 8 cm. Foram então colocadas em seu interior n bolas de gude, e o nível da água atingiu a boca do copo, sem derramamento. 3 Qual é o volume, em cm , de todas as n bolas de gude juntas? (A) 32π (B) 48π (C) 64π (D) 80π (E) 96π ––––––––– QUESTÃO 10 –––––––––– Em uma escola, há 400 estudantes do sexo masculino e 800 do sexo feminino. Escolhendo-se ao acaso um estudante dessa escola, qual a probabilidade de ele ser do sexo feminino? (A) 1 4 (B) 1 3 (C) 2 5 (D) 2 3 (E) 1 2 D1 ––––––––– QUESTÃO 11 –––––––––– Uma lata de leite em pó, em forma de um cilindro reto, possui 8 cm de altura com 3 cm de raio na base. Uma outra lata de leite, de mesma altura e cujo raio é o dobro da primeira lata, possui um volume: (A) duas vezes maior. (B) três vezes maior. (C) quatro vezes maior. (D) sete vezes maior. (E) oito vezes maior. ––––––––– QUESTÃO 12 –––––––––– Duas pessoas, partindo de um mesmo local, caminham em direções ortogonais. Uma pessoa caminhou 12 metros para o sul, a outra, 5 metros para o leste. Qual a distância que separa essas duas pessoas? (A) 7m (B) 13m (C) 17m (D) 60m (E) 119m ––––––––– QUESTÃO 13 –––––––––– Um pintor dispõe de 6 cores diferentes de tinta para pintar uma casa e precisa escolher uma cor para o interior e outra diferente para o exterior, sem fazer nenhuma mistura de tintas. De quantas maneiras diferentes essa casa pode ser pintada usando-se apenas as 6 cores de tinta que ele possui? (A) 6 (B) 15 (C) 20 (D) 30 (E) 60 ––––––––– QUESTÃO 14 –––––––––– O termo que ocupa a posição n em uma progressão aritmética (PA) de razão r é dado pela fórmula a a n r n   ( 1)  1 . Com o auxílio dessa informação, assinale a alternativa que apresenta o décimo quarto termo de uma PA de razão 3, cujo primeiro termo é igual a 20. (A) 39 (B) 42 (C) 59 (D) 62 (E) 70 D4 ––––––––– QUESTÃO 15 –––––––––– Ao passar sua mão direita por todos os vértices e arestas de um poliedro, somente uma vez, um deficiente visual percebe que passou por 8 vértices e 12 arestas. Conclui -se que o número de faces desse poliedro é igual a: (A) 20 (B) 12 (C) 8 (D) 6 (E) 4
  4. 4. BIOLOGIA PROFESSORA ELISÂNGELA QUESTÃO 16) Dos animais abaixo, o único que apresenta, em seu ciclo de vida, a respiração branquial, cutânea e pulmonar é: a) a minhoca. b) o gafanhoto. c) a aranha. d) o polvo e) o sapo. QUESTÃO 17) Os animais podem ser classificados em invertebrados ou vertebrados. Marque a opção que traz apenas nomes de animais vertebrados: a) minhoca, peixe, caracol. b) cobra, sapo, cachorro. c) lombriga, lesma, caramujo. d) rã, ser humano, estrela-do-mar. e) jacaré, leão, minhoca. QUESTÃO 18) Do ponto de vista evolutivo, o surgimento de um ovo com casca foi uma das características que permitiram a adaptação dos vertebrados ao ambiente terrestre. Essa adaptação surgiu, pela primeira vez, em: a) peixes. b) anfíbios. c)répteis. d) mamíferos. e) aves. QUESTÃO 19) As cobras são animais vertebrados capazes de causar acidentes graves em humanos e até mesmo levá-los a morte. Elas fazem parte do grupo: a) dos peixes. b) dos anfíbios. c) dos répteis. d) dos mamíferos. e) das aves. HISTÓRIA PROFESSORA CRISTIANE QUESTÃO 20) (CAED – UFJF) Leia o texto abaixo. Nas eleições de 1930, a Aliança Liberal perdeu, vencendo o candidato republicano Júlio Prestes. Mas, usando como pretexto o assassinato do aliancista João Pessoa por um simpatizante de Washington Luís, João Dantas, Getúlio Vargas e seus partidários organizaram um golpe que, em outubro de 1930, tirou Washington Luís do poder. Os fatos ocorridos em 1930 puseram um fim à: A) Política do Café-com-leite. B) Política do Pão e Circo. C) República Nova. D) República Populista. QUESTÃO 21) (CAED – UFJF)Leia o texto, abaixo, sobre a Revolução Cubana. Em 1959, uma revolução na ilha de Cuba levou ao poder um governo chefiado por Fidel Castro. Ele e sua equipe determinaram a realização imediata de uma reforma agrária, com a tomada das propriedades dos grandes fazendeiros e sua transformação em cooperativas agrícolas. Apoiados pelos Estados Unidos, os opositores da revolução tentaram derrubar o governo castrista, mas fracassaram.DREGUER, Ricardo e TOLEDO, Eliete. Novo História: conceitos e procedimentos. São Paulo: Atual, v. 4, p. 127. Com a Revolução, os governantes cubanos se declararam: A) anarquistas. B) capitalistas. C) liberais. D) socialistas. QUESTÃO 22) (CAED – UFJF) Leia o texto abaixo. Ao dominar os moradores de uma região pela força do dinheiro e das armas, o coronel estabelecia um “curral eleitoral” subordinado às suas decisões no tempo das eleições. Nessa época, o coronel indicava qual o candidato cada um de seus “apadri nhados” deveria votar. Essa prática, mais conhecida como “voto de cabresto”, era também acompanhada por outra série de fraudes eleitorais. Quando julgava necessário, um coronel poderia alterar o resultado de uma eleição fraudando a contagem dos votos ou incluindo o voto de pessoas que não existiam ou já estariam mortas. Através desse conjunto de ações, uma mesma família poderia manter-se durante anos seguidos no controle político de uma
  5. 5. região. Em troca de favores políticos, esses coronéis garantiam a eleição de representantes que controlavam o cenário político nacional. http://mundoeducacao.uol.com.br/historiadobrasil/coronelis mo.htm>. Acesso em: 11 out. 2011. Esse texto refere-se a um período histórico denominado: A) Ditadura Militar. B) Estado Novo. C) República Oligárquica. D) Segundo Império. QUESTÃO 23) (CAED – UFJF) Leia a notícia abaixo relacionada à campanha “O petróleo é nosso”, realizada durante a Era Vargas. Muitos devem estar lembrados da frase “O petróleo é nosso”, quando da campanha para dimi nuir a importação e a dependência do petróleo pelo Brasil, implantado pelo então Presidente da República Getúlio Vargas. Getúlio tinha razão em dizer que o Brasil poderia, no futuro, ser um grande explorador dessa matéria-prima. http://www.biodieselbr.com/noticias/energia/o-petroleo-e-nosso- 23-02-06.htm. Acesso em: 3 de jan. Essa campanha possuiu caráter A) entreguista. B) imperialista. C) nacionalista. D) neoliberal. GEOGRAFIA PROFESSORA FERNANDA Observe a charge abaixo para responder à questão 24 QUESTÃO 24) A charge acima faz referência a um momento importante da história mundial, identificado pela alternativa: a) Guerra franco-prussiana. b) Guerra do Golfo. c) Guerra Fria. d) Guerra do Gelo. QUESTÃO 25) A imagem acima mostra um mapa do continente africano um pouco diferente do que estamos acostumados a ver. Podemos afirmar que esse mapa teve a intenção de: a) Denegrir a imagem do continente africano. b) Mostrar a diversidade cultural da África. c) Mostrar a divisão política da África. d) Mostrar a diversidade étnica da África. Leia o texto abaixo e responda à questão 26 “Como nasceu Brasília? A resposta é simples. Como todas as grandes iniciativas, surgiu quase de um nada. A idéia da interiorização da capital do país era antiga, remontando à época da Inconfidência Mineira. A partir daí viera rolando através das diferentes fases da nossa História: o fim da era colonial, os dois reinados e os sessenta e seis anos de República até 1955. [...]Coube a mim levar a efeito a audaciosa tarefa. Não só promovi a interiorização da capital no exíguo período do meu governo, mas que essa mudança se processasse em bases sólidas, construí, em pouco mais de três anos, uma metrópole inteira – moderna e urbanisticamente revolucionária – que é Brasília”. (Juscelino Kubitschek. Por que construí Brasília? Brasília: Senado Federal, Conselho Editorial, 2000. Coleção Brasil 500 Anos. p: 7) QUESTÃO 26) A partir da citação acima e de seus conhecimentos sobre o governo de Juscelino Kubitschek (1956-1960), EXAMINE as afirmativas abaixo: I – O projeto nacional -desenvolvimentista do governo J.K. caracterizou-se pelo compromisso com a democracia e pela intensificação do desenvolvimento industrial de tipo capitalista. II – A marcha para o oeste representada pela construção de Brasília e do cruzeiro rodoviário pretendeu promover uma
  6. 6. maior articulação entre o litoral e o interior do território brasileiro, visando integrar a nação. III – A política econômica do governo J.K., definida no Plano de Metas, apoiou se no incentivo aos investimentos privados de capital nacional e estrangeiro, bem como nos investimentos estatais na infraestrutura nacional. IV – Kubitschek apoiou-se na aliança dos partidos PSD (Partido Social Democrático) e PTB (Partido Trabalhista Brasileiro). ASSINALE a alternativa correta: A) Somente as afirmativas I e II estão corretas. B) Somente as afirmativas I e III estão corretas. C) Somente as afirmativas I, II e III estão corretas. D) Somente as afirmativas II, III e IV estão corretas. E) Todas as afirmativas estão corretas. QUÍMICA PROFESSOR CLÁUDIO QUESTÃO 27) O nome da molécula de fórmula estrutural e´: H3C – CH – CH2 – NH2 é: │ CH3 a) metil -n-propil amina. b) t-butil amina. c) sec-butil amina. d) metil -3-amino propano. e) isobutila amina. QUESTÃO 28) No início de 1993, os jornais noticiaram que quando uma pessoa se apaixona, o organismo sintetiza uma substância – etilfenilamina, responsável pela excitação característica daquele estado. A classificação e o caráter químico desta amina são, respectivamente: a) amina primária – ácido. b) amina primária – básico. c) amina secundária – neutro. d) amina secundária – ácido. e) amina secundária – básico. Leia as proposições abaixo e responda à questão 29 Um dos episódios da final da Copa da França de 1998 mais noticiados no Brasil e no mundo foi "o caso Ronaldinho". Especialistas apontaram: estresse, depressão, ansiedade e pânico podem ter provocado a má atuação do jogador brasileiro. Na confirmação da hipótese de estresse, teriam sido alteradas as quantidades de três substâncias químicas excitatórias do cérebro - a noradrenalina, a serotonina e a dopamina - cujas estruturas estão abaixo representadas: QUESTÃO 29) Essas substâncias têm em comum as seguintes funções químicas: a) Amida e fenol b) Amina e fenol c) Amida e álcool d) Amina e álcool e)NDA QUESTÃO 30) A ureia cuja fórmula estrutural aparece abaixo, está presente na urina dos mamíferos, como resultante do metabolismo dos aminoácidos. Quanto a função orgânica, essa substância pode ser classificada como: a) Cetona b) Amida c) Amina d) Cianato. e) NDA SOCIOLOGIA PROFESSOR GABRIEL Leia o texto abaixo e responda à questão 31 (Enem, 2007) Quanto mais desenvolvida é uma nação, mais lixo cada um de seus habitantes produz. Além de o progresso elevar o volume de lixo, ele também modifica a qualidade do material despejado. Quando a sociedade progride, ela troca a televisão, o computador, compra mais brinquedos e
  7. 7. aparelhos eletrônicos. Calcula-se que 700 milhões de aparelhos celulares já foram jogados fora em todo o mundo. O novo lixo contém mais mercúrio, chumbo, alumínio e bário. Abandonado nos lixões, esse material deteriora e vaza. As substâncias liberadas infiltram-se no solo e podem chegar aos lençóis freáticos ou rios próximos, espalhando-se pela água. Anuário Gestão Ambiental 2007 (com adaptações). QUESTÃO 31) A respeito da produção de lixo e de sua relação com o ambiente é correto afirmar que: . (A) o desenvolvimento sustentável requer controle e monitoramento dos efeitos do lixo sobre espécies existentes em cursos d`água, solo e vegetação (B) o tipo e a quantidade de lixo produzido pela sociedade independem de políticas de educação que proponham mudanças no padrão de consumo. (C) a produção de lixo é inversamente proporcional ao nível de desenvolvimento econômico das sociedades. (D) as substâncias químicas encontradas no lixo levam, frequentemente, ao aumento da diversidade de espécies e, portanto, ao aumento da produtividade agrícola do solo. (E) o desenvolvimento tecnológico tem elevado a criação de produtos descartáveis, o que evita a geração de lixo e resíduos químicos. Leia o texto abaixo e responda à questão 32 (Enem, 2004) Um certo carro esporte é desenhado na Califórnia, financiado por Tóquio, o protótipo é criado em Worthing (Inglaterra) e a montagem é feita nos EUA e México, com componentes inventados em Nova Jérsei (EUA), fabricados no Japão. […] Já a indústria de confecção norte-americana, quando inscreve seus produtos “made in USA”, esquece de mencionar que eles foram produzidos no México, Caribe ou Filipinas. Renato Ortiz. Mundialização e Cultura. São Paulo: Brasiliense, 1996. QUESTÃO 32) O texto ilustra como em certos países produz-se tanto um carro esporte e sofisticado, quanto roupas que nem sequer levam uma etiqueta identificando o país produtor. De fato, tais roupas costumam ser feitas em fábricas chamadas “maquiladoras” - situadas em zonas-francas, onde os trabalhadores nem sempre têm direitos trabalhistas garantidos. A produção nessas condições indicaria um processo de globalização que: (A) fortalece os Estados Nacionais e diminui as disparidades econômicas entre eles pela aproximação entre um centro rico e uma periferia pobre. (B) garante a soberania dos Estados Nacionais por meio da identificação da origem de produção dos bens e mercadorias. (C) fortalece igualmente os Estados Nacionais por meio da circulação de bens e capitais e do intercâmbio de tecnologia. (D) reafirma as diferenças entre um centro rico e uma periferia pobre, tanto dentro como fora das fronteiras dos Estados Nacionais. (E) compensa as disparidades econômicas pela socialização de novas tecnologias e pela circulação globalizada da mão de obra. QUESTÃO 33) (Enem/2010) “O príncipe, portanto, não d ev e se incomodar com a reputação de cruel, se seu propósito é manter o povo unido e leal. De fato, com uns poucos exemplos duros poderá ser mais clemente de outros que, por muita piedade, permitem os distúrbios que levam ao assassinato e ao roubo.” (MAQUIAVEL, N. O Príncipe, São Paulo: Martin Claret, 2009.) No século XVI, Maquiavel escreveu "O Príncipe", reflexão sobre a Monarquia e a função do governante. A manutenção da ordem social, segundo esse autor, baseava-se na A) inércia do julgamento de crimes polêmicos. B) bondade em relação ao comportamento dos mercenários. C) compaixão quanto à condenação de transgressões religiosas. D) neutralidade diante da condenação dos servos. E) conveniência entre o poder tirânico e a moral do príncipe. QUESTÃO 34) (URCA/CE) O Iluminismo produziu ideias que serviram de base ideológica para as Revoluções Burguesas dos séculos XVIII e XIX. Seus pensadores escreveram tratados filosóficos, econômicos e políticos. Entre eles, o Barão de la Brède e de Montesquieu (1689 – 1755), mais conhecido somente por Montesquieu. Assinale a alternativa que diz respeito ao seu pensamento político: A - sua teoria política se baseava no contrato, isto é, na convicção de que o povo escolhe o governo e, com isso, dá origem à sociedade civil. B - propôs um sistema equilibrado de governo, com a divisão dos poderes em executivo, legislativo e judiciário. C - defendeu a forma republicana de poder para os países e a política em termos de poder, fortuna e capacidade do governante. D - defendeu a ideia de que se um governo agisse de forma despótica e absoluta,violando os direitos naturais dos indivíduos, poderia ser legitimamente derrubado. E - criticando severamente a Igreja Católica, defendeu uma nova forma de governo e um estado que difundisse o ateísmo e as ciências.
  8. 8. FILOSOFIA PROFESSOR AUGUSTO Leia o texto abaixo e responda à questão 35, 36, 37 e 38 O MERCADO MANDA MESMO? 01 Quem se dedicar hoje a ler todos os livros, manuais e artigos sobre o que é ser um ''bom 02 profissional'' certamente vai desistir de tentar qualquer emprego. Em primeiro lugar, as 03 descrições que encontramos são sempre de ''super - homens'', que nunca têm estresse, não 04 se cansam, são capazes de infinitas adaptações, nunca brigam com a família... Ou seja, 05 não é descrição de gente. 06 Em segundo lugar, o conjunto dessas fórmulas é francamente contraditório. O que uns di - 07 -zem que é bom outros acham que não. É como se cada autor, cada consultor, cada 08 articulista pegasse uma ideia, transformasse em regra e quisesse aplicá-la a todos os seres 09 humanos, de qualquer sexo e de qualquer cultura. 10 Não é preciso muita sociologia para perceber que esse emaranhado todo, ao pretender indi - 11 -car o bom caminho para o profissional, desenha uma espécie de ''tipo ideal'' de trabalhador 12 para as necessidades do mercado. E como o próprio mercado é todo cheio de ambiguidades 13 e necessidades que são contrárias umas às outras, o que sobra para nós é uma grande 14 perplexidade. 15 Então que tal parar um pouco de pensar no mercado e pensar em você mesmo? Qual é o 16 ''algo a mais'' que você, com sua personalidade, suas aptidões, seu jeito de ser, qual é esse 17 ''algo'' que você pode desenvolver? É preciso saber que formação é a mais adequada para 18 você, não a formação mais adequada para o mercado. 19 As diferentes cartilhas, as diversas teorias, as fórmulas mágicas servem apenas para tentar 20 conduzir todo mundo para o mesmo lugar. O desafio é sair desse lugar e se tornar alguém 21 incomum, de acordo com seus desejos e interesses. Então, não será apenas uma questão 22 de ''empregabilidade'', como dizem, mas de vida. 23 Pode até não parecer, mas nós somos seres humanos, com dignidade. No mercado, há 24 obviamente mercadorias, simplesmente com preço. E fazer o melhor por si mesmo, e não 25 pelo mercado, é algo que não tem preço. (In: FOLHA DE SÃO PAULO - Especial: Empregos, 22 de abril de 2001 - p.10 - texto adaptado) QUESTÃO 35) A principal relação de ideias presente no texto é a oposição entre mercado e... A) sociedade. B) emprego. C) consultores. D) teorias. E) indivíduo. QUESTÃO 36) A crítica do autor dirige-se às publicações que, para vender a imagem do ''bom profissional'', apresentam orientações: A) extraordinárias e incoerentes com o mercado. B) inaceitáveis e muito cheias de regras. C) extravagantes e indiferentes à cultura de cada um. D) irrealizáveis e incompatíveis entre si. E) enganadoras e pouco criativas. QUESTÃO 37) Com a expressão ''super-homens'' (linha 03), o autor tem a intenção de: A) fazer alusão ao potencial extraordinário das pessoas que buscam o constante aperfeiçoamento profissional. B) ressaltar a admiração que os modelos de profissional apresentados pelos manuais despertam no leitor. C) evidenciar a distância entre o que se recomenda nos livros e o que, de fato, as pessoas conseguem ser. D) incitar os futuros profissionais a se equipararem com os heróis modernos. E) reforçar a necessidade de preparação para que os jovens possam acompanhar, com um mínimo de segurança, os ''voos'' do mercado. QUESTÃO 38) As expressões abaixo, extraídas do texto, referem-se todas ao conteúdo dos livros, manuais e artigos criticados pelo autor, EXCETO a da alternativa: A) ''as descrições que encontramos'' (linhas 02 e 3). B) ''o conjunto dessas fórmulas'' (linha 06). C) ''esse emaranhado todo'' (linha 10). D) '' uma grande perplexidade'' (linhas 13 e 14). E) ''as diversas teorias'' (linha 19). INGLÊS PROFESSOR RICARDO Leia o texto abaixo e responda às questões 39, 40 e 41 Skilled Work, Without the Worker By JOHN MARKOFF NYTimes: August, 2012 DRACHTEN, the Netherlands — At an electronics factory on the coast of China, hundreds of workers use their hands and specialized tools to assemble electric shavers . That is the old way. At a sister factory here, in the Dutch countryside, 128 robot arms do the same work with yoga-like flexibility. Video cameras guide them through feats well beyond the capability of the most dexterous human. The arms work so fast that
  9. 9. they must be enclosed in glass cages to prevent the people supervising them from being injured. And they do it all without a coffee break — three shifts a day, 365 days a year. All told, the factory here has several dozen workers per shift, about a tenth as many as the one in China. This is the future. A new wave of robots, far more adept than those now commonly used by automakers and other heavy manufacturers, are replacing workers around the world in both manufacturing and distribution. Factories like the one here in the Netherlands are a striking counterpoint to those used by other electronics giants, which employ hundreds of thousands of low-skilled workers. Adapted from http://www.nytimes.com/2012/08/19/business/new-wave-of- adept-robots-is-changing-globalindustry. html?ref=technology&_moc.semityn.www Glossary: skill - habilidade tool - ferramenta to assemble - montar feat - feito, façanha to injure - ferir shift - turno adept - competente According to the text, choose the correct alternative in the following questions: (De acordo com o texto escolha a alternativa correta) QUESTÃO 39) The Dutch factory produces ____. A) shifts B) electronics C) glass cages D) specialized tools QUESTÃO 40) In “...supervising them...” (2nd paragraph), them refers to ____. A) arms B) cages C) people D) supervisors QUESTÃO 41) According to the text, there are older and modern robots. Older robots have been used in the production of ____. A) cars B) glass cages C) video cameras D) electric shavers.

×