O slideshow foi denunciado.

O Melhor Do GP 2009

10

Compartilhar

o melhor do  Tom Comunicação Grupo Tom de Estudos Dezembro de 2009 Adriana Machado Caroline Marinheiro Carlos Henrique Vil...
     Laloum      David Head de Planejamento, Y&R
<ul><li>A man always buy something for two reasons: a good reason, and the real reason. </li></ul>

Vídeos do YouTube não são mais aceitos pelo SlideShare

Visualizar original no YouTube

Vídeos do YouTube não são mais aceitos pelo SlideShare

Visualizar original no YouTube

Vídeos do YouTube não são mais aceitos pelo SlideShare

Visualizar original no YouTube

Vídeos do YouTube não são mais aceitos pelo SlideShare

Visualizar original no YouTube

Vídeos do YouTube não são mais aceitos pelo SlideShare

Visualizar original no YouTube

Carregando em…3
×
1 de 86
1 de 86

O Melhor Do GP 2009

10

Compartilhar

Descrição

Apresentação do Grupo Tom de Estudos do dia 15/12.

Relatores: Adriana Machado (@adrimachado), Caroline Marinheiro (@carolmarinheiro) e Carlos Henrique Vilela (@chmkt).

Transcrição

  1. 1. o melhor do Tom Comunicação Grupo Tom de Estudos Dezembro de 2009 Adriana Machado Caroline Marinheiro Carlos Henrique Vilela
  2. 2.      Laloum      David Head de Planejamento, Y&R
  3. 3. <ul><li>A man always buy something for two reasons: a good reason, and the real reason. </li></ul>
  4. 4. mas afinal, o que é a razão verdadeira? as pessoas são guiadas por valores e são esses valores que fazem as pessoas a ter crenças encontrar as causas -> modas encontrar uma causa para as marcas
  5. 5. valores e a verdade valores de época valores de amanhã
  6. 6. valores e verdade #mentira um dos pilares do mundo atual e virtual do photoshop ao “fakebook”
  7. 7. valores e verdade #verdade valor essencial em tudo o que será feito pela frente transparência é o novo filtro
  8. 8. valores de época informação X conhecimento 1
  9. 9. valores de época data driven um número para cada momento de nossa vida 2
  10. 10. valores de época responsabilidade menos discurso, mais ação menos discurso politicamente correto 3
  11. 11. valores de época comunidade the power of WE pós hiper individualismo socialismo digital humanismo universal claro, um pouco de “poesia capitalista” 4
  12. 12. valores de época design não precisa ser caro para ser bonito tudo e todos podem ficar bonitos 5
  13. 13. valores de época upgrade a busca pelo melhor 6
  14. 14. valores de época o mundo X BIC (BRIC s/ a Rússia) os sonhos são abertos para todo mundo 7
  15. 15. valores de amanhã criatividade X conhecimento 1
  16. 16. valores de amanhã instinto X data driven “ stop thinking” 2
  17. 17. valores de amanhã o novo lucro pela primeira vez vamos lucrar graças a responsabilidade 3
  18. 18. valores de amanhã neo individualismo X comunidade os novos heróis: histórias de pessoas com valores 4
  19. 21. valores de amanhã local X humanismo universal origens, proximidade, simplicidade, raízes 5
  20. 22. http://www.bbc.co.uk/radio/#r-lcl
  21. 23. valores de amanhã coragem X humanismo universal 6
  22. 24. valores de amanhã artesanal/real X design valorização da competência de verdade. algo que foi criado com o tempo, experiência 7
  23. 25. valores de amanhã beta X busca do melhor não haverá tempo para perfeição tudo será uma versão beta 8
  24. 26. valores de amanhã BIC X mundo o mundo com os olhos em nós cores, energia, tribalismo, celebração, rituais, descontração 9
  25. 27. Brad Kay Presidente, SS+K
  26. 28. “ forças invisíveis” determinam o comportamento humano são as chamadas Forças Sociais, movimentos que acontecem na sociedade e moldam a forma de pensar e agir de todos nós culturais intelectuais éticas políticas
  27. 30. você pode estar enganado ao achar que está fazendo escolhas
  28. 31. <ul><li>Reconsideration – reconsiderar o que se fez </li></ul><ul><li>Democratization – socialização ampliada </li></ul><ul><li>Civility – civilidade, a rudez não é mais aceita </li></ul><ul><li>Rebellion – agir em grupo </li></ul><ul><li>Selective Gratification – pequenas gratificações </li></ul>
  29. 32. <ul><li>Joe Wilson, político norte-americano, no meio de um discurso do Obama gritou “You lie!” </li></ul><ul><li>perdeu apoio e pediu desculpas no dia seguinte </li></ul>
  30. 33. <ul><li>a tenista Serena brigou com a juíza na semifinal do Aberto dos Estados Unidos (no match point), perdeu o campeonato e ainda pagou uma multa de 82 mil dólares </li></ul>
  31. 34. o caso brasileiro
  32. 35. não confundir tendências com forças sociais, que são mais perenes força social: necessidade das pessoas de socializar ainda mais Trend: Microblogs (Twitter)
  33. 52. 2007
  34. 59. Ernesto Bologna vim para falar do contraditório
  35. 60. “ o homem não é senhor de sua própria casa” S. Freud 0
  36. 61. “ a mente que você não vê produz a mente que você vê”
  37. 62. o que move o mundo não é a razão é o desejo 1
  38. 63. papel da comunicação: desenvolver maneiras racionais de fazer com que os desejos se manifestem
  39. 64. o desejo e a razão só se encontram no acaso 2
  40. 65. ainda estamos obrigando as pessoas a garantirem as coisas e isso é uma insensatez filosófica
  41. 66. o planejamento precisa tomar cuidado para não ser um fornecedor de garantias
  42. 67. como explicar a complexidade do mundo ao cliente que, geralmente, quer garantias ?
  43. 68. não abolindo o acaso da conversa não há como controlar o futuro
  44. 69. fortuna acaso, sorte, azar algo que precisa fazer parte do raciocínio de todos
  45. 70. O hífen 3
  46. 71. a conexão algo que liga duas coisas duas pessoas
  47. 72. se tenho o hífen, sou capaz de enfrentar o acaso caso contrário, é impossível
  48. 73. construindo relações estreitas com clientes, conseguiremos estabelecer uma aventura conjunta
  49. 74. aventura entregar-se a sistemas de insegurança
  50. 75. a necessidade de garantias sufoca a criatividade
  51. 76. duas pessoas jurídicas só se relacionam através de duas pessoas físicas 4
  52. 77. <ul><li>Obrigado! </li></ul><ul><li>www.tomcomunicacao.com.br </li></ul>

Descrição

Apresentação do Grupo Tom de Estudos do dia 15/12.

Relatores: Adriana Machado (@adrimachado), Caroline Marinheiro (@carolmarinheiro) e Carlos Henrique Vilela (@chmkt).

Transcrição

  1. 1. o melhor do Tom Comunicação Grupo Tom de Estudos Dezembro de 2009 Adriana Machado Caroline Marinheiro Carlos Henrique Vilela
  2. 2.      Laloum      David Head de Planejamento, Y&R
  3. 3. <ul><li>A man always buy something for two reasons: a good reason, and the real reason. </li></ul>
  4. 4. mas afinal, o que é a razão verdadeira? as pessoas são guiadas por valores e são esses valores que fazem as pessoas a ter crenças encontrar as causas -> modas encontrar uma causa para as marcas
  5. 5. valores e a verdade valores de época valores de amanhã
  6. 6. valores e verdade #mentira um dos pilares do mundo atual e virtual do photoshop ao “fakebook”
  7. 7. valores e verdade #verdade valor essencial em tudo o que será feito pela frente transparência é o novo filtro
  8. 8. valores de época informação X conhecimento 1
  9. 9. valores de época data driven um número para cada momento de nossa vida 2
  10. 10. valores de época responsabilidade menos discurso, mais ação menos discurso politicamente correto 3
  11. 11. valores de época comunidade the power of WE pós hiper individualismo socialismo digital humanismo universal claro, um pouco de “poesia capitalista” 4
  12. 12. valores de época design não precisa ser caro para ser bonito tudo e todos podem ficar bonitos 5
  13. 13. valores de época upgrade a busca pelo melhor 6
  14. 14. valores de época o mundo X BIC (BRIC s/ a Rússia) os sonhos são abertos para todo mundo 7
  15. 15. valores de amanhã criatividade X conhecimento 1
  16. 16. valores de amanhã instinto X data driven “ stop thinking” 2
  17. 17. valores de amanhã o novo lucro pela primeira vez vamos lucrar graças a responsabilidade 3
  18. 18. valores de amanhã neo individualismo X comunidade os novos heróis: histórias de pessoas com valores 4
  19. 21. valores de amanhã local X humanismo universal origens, proximidade, simplicidade, raízes 5
  20. 22. http://www.bbc.co.uk/radio/#r-lcl
  21. 23. valores de amanhã coragem X humanismo universal 6
  22. 24. valores de amanhã artesanal/real X design valorização da competência de verdade. algo que foi criado com o tempo, experiência 7
  23. 25. valores de amanhã beta X busca do melhor não haverá tempo para perfeição tudo será uma versão beta 8
  24. 26. valores de amanhã BIC X mundo o mundo com os olhos em nós cores, energia, tribalismo, celebração, rituais, descontração 9
  25. 27. Brad Kay Presidente, SS+K
  26. 28. “ forças invisíveis” determinam o comportamento humano são as chamadas Forças Sociais, movimentos que acontecem na sociedade e moldam a forma de pensar e agir de todos nós culturais intelectuais éticas políticas
  27. 30. você pode estar enganado ao achar que está fazendo escolhas
  28. 31. <ul><li>Reconsideration – reconsiderar o que se fez </li></ul><ul><li>Democratization – socialização ampliada </li></ul><ul><li>Civility – civilidade, a rudez não é mais aceita </li></ul><ul><li>Rebellion – agir em grupo </li></ul><ul><li>Selective Gratification – pequenas gratificações </li></ul>
  29. 32. <ul><li>Joe Wilson, político norte-americano, no meio de um discurso do Obama gritou “You lie!” </li></ul><ul><li>perdeu apoio e pediu desculpas no dia seguinte </li></ul>
  30. 33. <ul><li>a tenista Serena brigou com a juíza na semifinal do Aberto dos Estados Unidos (no match point), perdeu o campeonato e ainda pagou uma multa de 82 mil dólares </li></ul>
  31. 34. o caso brasileiro
  32. 35. não confundir tendências com forças sociais, que são mais perenes força social: necessidade das pessoas de socializar ainda mais Trend: Microblogs (Twitter)
  33. 52. 2007
  34. 59. Ernesto Bologna vim para falar do contraditório
  35. 60. “ o homem não é senhor de sua própria casa” S. Freud 0
  36. 61. “ a mente que você não vê produz a mente que você vê”
  37. 62. o que move o mundo não é a razão é o desejo 1
  38. 63. papel da comunicação: desenvolver maneiras racionais de fazer com que os desejos se manifestem
  39. 64. o desejo e a razão só se encontram no acaso 2
  40. 65. ainda estamos obrigando as pessoas a garantirem as coisas e isso é uma insensatez filosófica
  41. 66. o planejamento precisa tomar cuidado para não ser um fornecedor de garantias
  42. 67. como explicar a complexidade do mundo ao cliente que, geralmente, quer garantias ?
  43. 68. não abolindo o acaso da conversa não há como controlar o futuro
  44. 69. fortuna acaso, sorte, azar algo que precisa fazer parte do raciocínio de todos
  45. 70. O hífen 3
  46. 71. a conexão algo que liga duas coisas duas pessoas
  47. 72. se tenho o hífen, sou capaz de enfrentar o acaso caso contrário, é impossível
  48. 73. construindo relações estreitas com clientes, conseguiremos estabelecer uma aventura conjunta
  49. 74. aventura entregar-se a sistemas de insegurança
  50. 75. a necessidade de garantias sufoca a criatividade
  51. 76. duas pessoas jurídicas só se relacionam através de duas pessoas físicas 4
  52. 77. <ul><li>Obrigado! </li></ul><ul><li>www.tomcomunicacao.com.br </li></ul>

Mais Conteúdo rRelacionado

Audiolivros relacionados

Gratuito durante 30 dias do Scribd

Ver tudo

×