Pnaic 5a aula diretrizes curriculares componente portugues obj gerais e espec ciclo 1

3.374 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
3.374
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
353
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
38
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Pnaic 5a aula diretrizes curriculares componente portugues obj gerais e espec ciclo 1

  1. 1. Diretrizes Curriculares da Educação Básica para o Ensino Fundamental e Educação de Jovens e Adultos: Um Processo Contínuo de Reflexão e Ação COMPONENTES CURRICULARES – ANOS INICIAIS OBJETIVOS DE APRENDIZAGEM (p. 95-106) LÍNGUA PORTUGUESA Gêneros textuais para organização do trabalho pedagógico Para que os alunos possam ampliar os conhecimentos sobre a organização textual, recursos lingüísticos, apresentação gráfica e função social, estão elencados, no quadro a seguir, alguns gêneros textuais de diferentes esferas sociais para estudos sistematizados ao longo dos anos iniciais. Isto não significa que esses mesmos gêneros não possam ser apreciados ou lidos em outros anos dos ciclos, já que, a cada nova interação com um certo gênero, surgem novas explorações e descobertas. Além disso, os gêneros que não foram elencados como objeto de estudo sistematizado também devem circular na escola para busca de informação, apreciação, comunicação, entretenimento entre outros propósitos sociais. 1º Ano Tradição Oral (cantiga, trava-língua, parlenda, adivinha). Cotidiana (aviso, bilhete, convite, legenda de foto, lista). Literária (poema, conto de fada, conto de assombramento, conto acumulativo). 2º Ano Cotidiana (lista, carta e textos instrucionais: receita, regra de jogo). Divulgação científica (ficha técnica, verbetes: de curiosidade, de dicionário, de enciclopédia infantil). Literária (poema, fábula e contos: populares, de fada, de assombramento,). 3º Ano Jornalística (manchete, notícia). Cotidiana (diário e textos de entretenimento: história em quadrinhos, tirinhas).
  2. 2. Literária (poema, narrativas de aventura, contos, canção). OBJETIVOS GERAIS PARA O CICLO I Ao final do ciclo I, os alunos devem ser capazes de: · Relatar acontecimentos de acordo com a ordenação espaço-temporal, formular e responder perguntas pertinentes ao assunto, emitir opiniões sobre os temas estudados, respeitar opiniões e variedades lingüísticas, envolvendo- se em situações de comunicação, por meio de diferentes linguagens (oral, gestual, gráfica, entre outras). ·Compreender e respeitar as variedades linguísticas e, ao mesmo tempo, apropriar-se gradativamente dos modos mais formais de uso da linguagem, de acordo com as situações de comunicação e os interlocutores. · Apreciar textos literários para fruição e textos não literários para mobilização de novos conhecimentos, a partir da leitura realizada diariamente pelo professor. · Ler, manusear e produzir textos autênticos de diferentes portadores e gêneros (literários e não literários) bem como participar de situações diversificadas de leitura e de escrita de acordo com os propósitos sociais que caracterizam essas práticas. · Realizar leituras de forma autônoma de diferentes gêneros textuais apoiando- se em conhecimento sobre: tema do texto, características do seu portador, gênero textual e sistema de escrita. · Ler textos identificando o tema e as informações principais, com apoio nos conhecimentos sobre: assunto, características do portador, gênero textual e sistema de escrita. · Ler textos sobre os temas tratados nas diferentes áreas do conhecimento (enciclopédia, informações veiculadas pela internet, revistas, jornais, entre outros) com a finalidade de estudo mediada pelo professor. · Posicionar-se progressivamente como leitor: fazer antecipações quando lê, formular interpretações e verificar sua validade, perguntar o que não sabe, questionar as intenções do texto, emitir opinião sobre o assunto lido, relacionar o texto lido com outros textos e experiências. · Ler em voz alta com gradativa fluência e expressividade. · Posicionar-se progressivamente como escritor: planejar a escrita, considerando a função social do texto, o interlocutor, o portador e as características do gênero; fazer rascunhos, relendo para aperfeiçoar a escrita, tanto do ponto de vista textual quanto de suas convenções, podendo solicitar ajuda quando preciso. · Apropriar-se do sistema alfabético-ortográfico da escrita em Língua Portuguesa nas produções de textos escritos.
  3. 3. · Produzir textos contextualizados de comunicação real, tendo em vista situações de circulação ou publicação dos escritos que justifiquem a necessidade da escrita convencional e da adequada apresentação final dos textos. · Apropriar-se de convenções como orientação, alinhamento da escrita, legibilidade da grafia, função dos espaços em branco. Escrever textos, utilizando progressivamente convenções da escrita, tais como: ortografia e pontuação e paragrafação para organizar o texto. · Revisar e reescrever textos próprios e de outros, em conjunto com os colegas ou com o professor, adequando-os progressivamente à linguagem escrita e considerando os objetivos comunicativos, o tema, o interlocutor e o gênero. Objetivos Específicos 1º ano No primeiro ano, os alunos devem ser capazes de: · Relatar acontecimentos, expor e emitir comentários sobre os temas estudados, formular e responder perguntas, respeitar as variedades lingüísticas, envolvendo-se em situações de comunicação por meio de diferentes linguagens (oral, gestual, gráfica, entre outras). · Recontar histórias conhecidas, recuperando características da linguagem escrita do texto fonte. · Apreciar textos literários para fruição e textos não literários para mobilização de novos conhecimentos, a partir da leitura realizada diariamente pelo professor. · Interagir com materiais de diferentes portadores e gêneros textuais, experimentando diferentes modos de ler a partir do uso das estratégias de leitura para compreensão, apreciação e para interação com o texto. · Ler textos dominando a natureza alfabética do sistema de escrita, associando letras (grafemas) a sons (fonemas), com a mediação do professor. · Produzir uma escrita de acordo com o sistema alfabético de escrita, isto é, associando letras (grafemas) a sons (fonemas), sem exigência da escrita ortográfica. · Escrever textos de autoria com mediação do professor ou individualmente. · Escrever versões de textos conhecidos, com mediação do professor, mantendo as ideias principais e algumas características da linguagem escrita dos gêneros textuais trabalhados no ano. · Produzir, revisar e reescrever textos coletivamente, com mediação do professor, adequando-os progressivamente à linguagem escrita. 2º ano No segundo ano, os alunos devem ser capazes de:
  4. 4. Relatar acontecimentos de acordo com a ordenação espaço-temporal, formular e responder perguntas pertinentes ao assunto, expor e emitir comentários sobre os temas estudados, respeitar opiniões e variedades lingüísticas, envolvendo-se em situações de comunicação, por meio de diferentes linguagens (oral, gestual, gráfica, entre outras). · Recontar histórias conhecidas, recuperando características da linguagem escrita do texto fonte. · Apreciar textos literários para fruição e textos não literários para mobilização de novos conhecimentos, a partir da leitura realizada diariamente pelo professor. · Ler textos de diferentes portadores, gêneros e tipos de letras, experimentando modos de ler a partir do uso das estratégias de leitura para compreensão, apreciação e para interação com o texto. · Ler, com autonomia e/ou com mediação, textos para estudo dos temas das diferentes áreas do conhecimento, identificando as idéias centrais do texto e informações, com apoio nos conhecimentos sobre: assunto, características do seu portador, gênero textual e sistema de escrita, desenvolvendo-se assim como leitor. · Ler em voz alta com gradativa fluência e expressividade. · Apropriar-se de convenções como orientação, alinhamento da escrita, legibilidade da grafia, função dos espaços em branco. · Escrever textos de acordo com o sistema alfabético de escrita, utilizando progressivamente as convenções da escrita, tais como: ortografia, segmentação do texto em palavras, delimitação das frases (uso da maiúscula inicial e ponto), alinhamento e legibilidade da escrita. · Produzir textos de autoria, com mediação do professor ou individualmente, considerando os objetivos comunicativos, o tema, o interlocutor e buscando utilizar alguns recursos da linguagem escrita e marcas características dos gêneros textuais. · Escrever versões de textos conhecidos, coletivamente ou em dupla, mantendo as ideias principais e características da linguagem escrita dos gêneros estudados no ano. · Produzir, revisar e reescrever textos, em conjunto com os colegas ou com o professor, adequando-os progressivamente à linguagem escrita e considerando os objetivos comunicativos, o tema, o interlocutor e o gênero. 3º ano No terceiro ano, os alunos devem ser capazes de: Relatar acontecimentos de acordo com a ordenação espaço-temporal, formular e responder perguntas pertinentes ao assunto, emitir opiniões sobre os temas estudados, respeitar outras opiniões e variedades lingüísticas, envolvendo-se em situações de comunicação, por meio de diferentes linguagens (oral, gestual, gráfica, entre outras).
  5. 5. · Recontar informações e histórias conhecidas recuperando características da linguagem escrita do texto fonte e apropriando-se gradativamente dos modos mais formais de uso da linguagem, de acordo com a situação de comunicação e os interlocutores. · Apreciar textos literários para fruição e textos não literários para mobilização de novos conhecimentos, a partir da leitura realizada diariamente pelo professor. · Ler textos de diferentes portadores, de gêneros literários e não literários, utilizando as estratégias de leitura para compreensão, apreciação e para interação com o texto. · Ler, com autonomia e com mediação, textos para estudo dos temas das diferentes áreas do conhecimento para: identificar as informações e as idéias centrais do texto, relacioná-las com outros textos e experiência, questionar as intenções do autor, emitir opinião sobre o assunto lido, desenvolvendo-se, dessa forma, como leitor. · Ler em voz alta com gradativa fluência e expressividade. · Escrever textos, utilizando progressivamente convenções da escrita, tais como: ortografia, pontuação e paragrafação para organizar o texto. · Produzir textos de autoria, com marcas características dos gêneros textuais, desenvolvendo gradativamente procedimentos de escritor. · Escrever versões de textos conhecidos, coletivamente, em dupla e individualmente, mantendo as ideias principais e características da linguagem escrita dos gêneros estudados. · Revisar e reescrever textos próprios e de outros, em conjunto com os colegas ou com o professor, adequando-os progressivamente à linguagem escrita e considerando os objetivos comunicativos, o tema, o interlocutor e o gênero.

×