Oficina Como funciona uma consultoria para o terceiro setor.

1.953 visualizações

Publicada em

Como funciona uma consultoria para o Terceiro Setor
O que é importante saber antes de contar com ajuda externa para sua organização

Carga Horária: 8 horas

Programação

Nesta oficina serão apresentados os principais tópicos para aqueles que estão pensando em contratar uma consultoria ou até profissionais que pretendem se profissionalizar como consultores para o segmento social. Há diferenças significativas entre metodologias desenvolvidas para a iniciativa privada e para o setor governamental.

O Terceiro Setor, por sua vez, sofre com diagnósticos equivocados que geram resultados abaixo da performance que se espera de seus dirigentes. Esta oficina pretende levantar as principais questões para o sucesso na gestão de uma organização social.

Conteúdo Programático

Olhar com outros olhos

Antes de começar, tente você mesmo

Diagnóstico, Desenho, Implantação

As consultorias empresariais

Metodologias para Governos (PPAs e Orçamentos)

Quem é o cliente? Pra quem trabalhamos?

8 premissas que ajudam no diagnóstico

O elemento esquecido (as pessoas)

Benchmarks

A fase piloto, o coaching e o desmame

O melhor consultor

Publicada em: Aperfeiçoamento pessoal
0 comentários
4 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.953
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
63
Comentários
0
Gostaram
4
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Oficina Como funciona uma consultoria para o terceiro setor.

  1. 1. por marcelo estraviz
  2. 2. Olhar com outros olhos Antes de começar, tente você mesmo Diagnóstico, Desenho, Implantação As consultorias empresariais Metodologias para Governos Quem é o cliente? Pra quem trabalhamos? 8 premissas que ajudam no diagnóstico O elemento esquecido (as pessoas) Benchmarks A fase piloto, o coaching e o desmame O melhor consultor
  3. 3. O CASO DOS 3 PEDREIROS
  4. 4. (DUPLASDEDUPLAS)
  5. 5. Olhar com outros olhos Antes de começar, tente você mesmo Diagnóstico, Desenho, Implantação As consultorias empresariais Metodologias para Governos Quem é o cliente? Pra quem trabalhamos? 8 premissas que ajudam no diagnóstico O elemento esquecido (as pessoas) Benchmarks A fase piloto, o coaching e o desmame O melhor consultor
  6. 6. (HISTÓRICO)
  7. 7. HOJE ONTEM FUNDADORES PRIMEIRAS AJUDAS PRIMEIROS ERROS E ACERTOS CRESCIMENTO OS QUE ESTÃO PORQUE ESTÃO HOJE
  8. 8. HOJE ONTEM FUNDADORES PRIMEIRAS AJUDAS PRIMEIROS EVENTOS LISTAGEM DE QUEM SAIU OS QUE ESTÃO PORQUE ESTÃO HOJE
  9. 9. HOJE ONTEM FUNDADORES PRIMEIRAS AJUDAS PRIMEIROS ERROS E ACERTOS CRESCIMENTO OS QUE ESTÃO PORQUE ESTÃO HOJE
  10. 10. HOJE ONTEM FUNDADORES PRIMEIRAS AJUDAS PRIMEIROS EVENTOS LISTAGEM DE QUEM SAIU OS QUE ESTÃO PORQUE ESTÃO HOJE
  11. 11. CUIDADO COM O PASSADO (NOS 2 SENTIDOS)
  12. 12. CONHECIDOS DE ONTEM CONHECIDOS HOJE
  13. 13. Olhar com outros olhos Antes de começar, tente você mesmo Diagnóstico, Desenho, Implantação As consultorias empresariais Metodologias para Governos Quem é o cliente? Pra quem trabalhamos? 8 premissas que ajudam no diagnóstico O elemento esquecido (as pessoas) Benchmarks A fase piloto, o coaching e o desmame O melhor consultor
  14. 14. EXERCÍCIO EM DUPLAS: DIAGNÓSTICO (3 ITENS) DESENHO (INCLUI $)
  15. 15. http://www.childhood.org.br/quem-somos/parceiros
  16. 16. Olhar com outros olhos Antes de começar, tente você mesmo Diagnóstico, Desenho, Implantação As consultorias empresariais Metodologias para Governos Quem é o cliente? Pra quem trabalhamos? 8 premissas que ajudam no diagnóstico O elemento esquecido (as pessoas) Benchmarks A fase piloto, o coaching e o desmame O melhor consultor
  17. 17. (NÃOÉSUPERHERÓI)
  18. 18. EXERCÍCIO EM GRUPO: DESENHO DA SOLUÇÃO
  19. 19. Olhar com outros olhos Antes de começar, tente você mesmo Diagnóstico, Desenho, Implantação As consultorias empresariais Metodologias para Governos Quem é o cliente? Pra quem trabalhamos? 8 premissas que ajudam no diagnóstico O elemento esquecido (as pessoas) Benchmarks A fase piloto, o coaching e o desmame O melhor consultor
  20. 20. Olhar com outros olhos Antes de começar, tente você mesmo Diagnóstico, Desenho, Implantação As consultorias empresariais Metodologias para Governos Quem é o cliente? Pra quem trabalhamos? 8 premissas que ajudam no diagnóstico O elemento esquecido (as pessoas) Benchmarks A fase piloto, o coaching e o desmame O melhor consultor
  21. 21. (ESPALHE-SE)
  22. 22. Olhar com outros olhos Antes de começar, tente você mesmo Diagnóstico, Desenho, Implantação As consultorias empresariais Metodologias para Governos Quem é o cliente? Pra quem trabalhamos? 8 premissas que ajudam no diagnóstico O elemento esquecido (as pessoas) Benchmarks A fase piloto, o coaching e o desmame O melhor consultor
  23. 23. Requisitos Internos Ótima causa Casa Arrumada Dedicação exclusiva Sustentabilidade Requisitos Externos Transparência Comunicação Parcerias Solicitar!
  24. 24. Olhar com outros olhos Antes de começar, tente você mesmo Diagnóstico, Desenho, Implantação As consultorias empresariais Metodologias para Governos Quem é o cliente? Pra quem trabalhamos? 8 premissas que ajudam no diagnóstico O elemento esquecido (as pessoas) Benchmarks A fase piloto, o coaching e o desmame O melhor consultor
  25. 25. (OCASODASCAIXINHAS)
  26. 26. Olhar com outros olhos Antes de começar, tente você mesmo Diagnóstico, Desenho, Implantação As consultorias empresariais Metodologias para Governos Quem é o cliente? Pra quem trabalhamos? 8 premissas que ajudam no diagnóstico O elemento esquecido (as pessoas) Benchmarks A fase piloto, o coaching e o desmame O melhor consultor
  27. 27. (CONEXÕES)
  28. 28. Olhar com outros olhos Antes de começar, tente você mesmo Diagnóstico, Desenho, Implantação As consultorias empresariais Metodologias para Governos Quem é o cliente? Pra quem trabalhamos? 8 premissas que ajudam no diagnóstico O elemento esquecido (as pessoas) Benchmarks A fase piloto, o coaching e o desmame O melhor consultor
  29. 29. CONSULTORIA PILOTO COACHING DESMAME DESENHO IMPLANTAÇÃO
  30. 30. causa comunicação captação
  31. 31. Olhar com outros olhos Antes de começar, tente você mesmo Diagnóstico, Desenho, Implantação As consultorias empresariais Metodologias para Governos Quem é o cliente? Pra quem trabalhamos? 8 premissas que ajudam no diagnóstico O elemento esquecido (as pessoas) Benchmarks A fase piloto, o coaching e o desmame O melhor consultor
  32. 32. É aquele que se torna dispensável.

×