Aftbavancado

396 visualizações

Publicada em

Curso avançado (12 horas) para alunos da AFTB

Publicada em: Espiritual, Negócios
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
396
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
21
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide
  • Séculos 19 e 20 – entidades religiosas, confessionais, caritárias, existentes até hoje. Anos 50 – conceito de proteção do trabalhador – organizações sem fins lucrativos são os partidos, os sindicatos, os clubes, as fundações corporativas, as fundações de previdência TUDO FECHADO PARA GRUPOS, CLASSES – Anos 70 – abertura lenta e gradual – ongs não tinham apoio nem político nem financeiro nacional. Se valem do capital internacional e de seu apoio político para sua proteção e sustentabilidade Anos 80 – início da democratização – redes, associações, “nacionalização” das ongs, maior visibilidade anos 90 – surgimento de um maior número de organizações, dados redegife, conceito da causa pública, da responsabilidade coletiva
  • Aftbavancado

    1. 1. Avançado - Captação de Recursos AFTB
    2. 2. <ul><li> Vamos Combinar? </li></ul><ul><li>Materiais ?OK </li></ul><ul><li>Horário in </li></ul><ul><li>Celulares out </li></ul><ul><li>Perguntas sempre </li></ul><ul><li>Silêncio sagrado </li></ul><ul><li>Sair diferente de como entrou </li></ul>Consultoria Coletiva
    3. 6. A CARA FEIA DO HOMEM MAU
    4. 7. EXERCÍCIO #1 – Troca de Papéis
    5. 8. FUNDAÇÕES E EMPRESAS NÃO ESTÃO ONDE ESTAMOS (NEM ESTARÃO, NEM QUEREM ESTAR)
    6. 9. Quanto?= $$ Até quando?
    7. 10. ALIADOS
    8. 11. O QUE É CAPTAR? SUPRIR NECESSIDADES OU OUTRAS COISAS PEDIR DINHEIRO CONCILIAR INTERESSES
    9. 12. EXERCÍCIO #2 – Quais os Motivos
    10. 13. “ Nunca pense que você precisa se desculpar por pedir a alguém que doe para uma causa de valor, é como se você estivesse dando a ele a oportunidade de participar de um investimento de alto nível. O dever dele em dar é igual ao seu em pedir” Rockfeller
    11. 14. CONTATOS
    12. 15. ABRINDO PORTAS
    13. 16. COMUNIQUE-SE COM FREQUÊNCIA
    14. 17. DE FORMA ESTRUTURADA
    15. 19. MEUS CONTATOS
    16. 20. CONTATOS DE UM DE MEUS AMIGOS
    17. 22. CONEXÕES
    18. 23. EXERCÍCIO #3 – Administrando a carteira
    19. 25. AGORA VAMOS AO MERCADO
    20. 26. CASE STATEMENT (A PASTINHA)
    21. 27. EMAIL TELEFONEMA REUNIÃO Crescimento da efetividade CONTATO HUMANO
    22. 28. QUEBRANDO O GELO
    23. 29. <ul><li>SEJA SUCINTO </li></ul><ul><li>FALE TUDO </li></ul><ul><li>SOLICITE </li></ul><ul><li>CALE-SE </li></ul><ul><li>ESCUTE </li></ul><ul><li>AGENDE </li></ul>
    24. 30. EXERCÍCIO #4 – Troca de Papéis II
    25. 31. SOMOS HUMANOS
    26. 32. ELE DISSE NÃO
    27. 33. ELE DISSE SIM!!!
    28. 34. Follow up
    29. 35. AGRADEÇA SEMPRE

    ×