Aeronaves!

4.493 visualizações

Publicada em

Excelente compêndio sobre tipos de aeronaves, comparação entre elas, os principais aeroportos no mundo, distâncias entre cidades, perigos para a aviação!
Tudo isso mostrado com magníficas fotos! Divirta-se e conheça um pouco mais sobre aviões!

Publicada em: Diversão e humor, Turismo
1 comentário
5 gostaram
Estatísticas
Notas
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
4.493
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
505
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
131
Comentários
1
Gostaram
5
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Aeronaves!

  1. 1. Aeronaves IV Formatação: José Carlos Suman [email_address] Progressão manual
  2. 2. Aeronave é qualquer máquina capaz de sustentar vôo, e a grande maioria também é capaz de alçar vôo por meios próprios. A estrutura do avião. Seus principais componentes e suas funções:
  3. 3. Aeronaves mais pesadas do que o ar usam asas e/ou outras partes de sua estrutura como meio de sustentação. Tais aeronaves são chamadas de aerodinos.
  4. 11. Linhas de vapor de água condensado deixada por aeronaves que operam em grandes altitudes. Elas podem contribuir para a formação do cirro Impacto ambiental
  5. 12. Assim como todas as atividades envolvendo combustão, operando com aeronaves movidas a combustível (desde Balões de ar Quente, até jatos comerciais) emitem gases poluentes como dióxido de carbono (CO2), e outros poluentes na atmosfera. Aeronaves que operam perto da tropopausa (principalmente os grandes jatos) emitem aerosol e deixam rastros chamados de contrails, que contribuem para a formação do cirro— que vem crescendo numa faixa de o,2% desde a invenção da aviação.
  6. 13. Pistas & Aeroportos
  7. 15. Alguns nomes de aeroportos pelo mundo: Exterior: Amsterdã (Schipol); Atlanta (Hartsfield); Belfast (City e International); Berlim (Schoenefeld, Tegel e Tempelhof); Boston (Logan); Bruxelas (National e South); Bucareste (Otopeni); Buenos Aires (Ezeiza); Chicago (O ´ Hare); Dallas (Fort Worth); Detroit (Metro); Estocolmo (Arlanda, Bromma e Skavsta); Filadélfia (International); Glasgow (International e Prestwick); Houston (Hobby); Kiev (Borispol e Zhulyany); Londres (Heathrow, Gatwick, Luton e Stansted)); Los Angeles (International); Madrid (Barajas); Miami (International); Milan (Linate, Orio al Serio e Malpensa); Montreal (Dorval, Mirabel e St. Huber); Moscou (Domodedovo, Sheremetyevo e Vnukovo); Nova Iorque (JFK , La Guardia e Newark); Ottawa (Macdonald); Paris (Charles de Gaulle, Orly e Beauvais); Reykjavik (Keflavik); Roma (Fiumicino e Ciampino); Sidney (Bankstown); Tóquio (Narita); Toronto (Lester, City Central, Buttonvill e Downsview); Washington (Dulles e National).
  8. 16. Alguns nomes de aeroportos pelo Brasil: Belo Horizonte (Tancredo Neves e Pampulha); Belém (Val de Cães); Brasília (Presidente Juscelino Kubitschek); Campinas (Viracopos); Campo Grande (Internacional); Cuiabá (Marechal Rondon); Curitiba (Afonso Pena); Fortaleza (Pinto Martins); Goiânia (Santa Genoveva); Manaus (Brigadeiro Eduardo Gomes); Porto Alegre (Salgado Filho); Recife (Guararapes); Rio de Janeiro (Tom Jobim e Santos Dumont); Salvador (Dois de Julho); São Paulo (Congonhas e Internacional de Cumbica).
  9. 17. Distâncias aéreas em Km entre as principais capitais brasileiras: Distância aérea entre diversas linhas regulares internacionais: (*) ( Partindo do Rio de Janeiro) Assunção (1.560 km); Bogotá (4.642 km); Boston (8.058 km); Buenos Aires (1.960 km); Cairo (9.902 km); Caracas (4.530 km); Chicago (8.523 km); Cidade do Cabo (6.066 km); Cidade do México (7.677 km); Cingapura (15.730 km); Copenhague (10.400 km); Dublin (9.715 km); Estocolmo (10.694 km); Frankfurt (10.047 km); Glasgow (9.810 km); Hamburgo (10.023 km); Helsinque (11.467 km); Hong Kong (17.695 km); Johanesburgo (7.274 km); La Paz (2.640 km); Lagos (6.080 km); Lima (3.847 km); Lisboa (7.741 km); Londres (9.289 km); Los Angeles (10.132 km); Lourenço Marques - "Maputo" (7.581 km); Madri (8.146 km); Manila (18.112 km); Miami (6.875 km); Montevidéu (1.860 km); Munique (9.920 km); Nova Iorque (7.757 km); Oslo (11.066 km); Panamá (5.301 km); Paris (9.178 km); Pequim (17.329 km); Quito (4.950 km); Roma (9.148 km); Santiago (3.190 km); São Francisco (10.652 km); Seattle (11.090 km); Seul (20.816 km); Tel-Aviv (13.236 km); Tóquio (18.564 km); Zurique (9.770 km). (*) Distâncias médias, podendo ter ligeira variação entre a rota escolhida por uma companhia aérea e outra. (**) Para calcular as horas de vôo - sem contar eventuais escalas -, tome como base cada 100km em 6 minutos de vôo.
  10. 19. Controle de Tráfego Aéreo
  11. 20. Controle de Tráfego Aéreo O Controle De Tráfego Aéreo (CTA) trabalha com a comunicação enter as aeronaves para ajudá-las e mantê-las separadas e ajudá-las — isso é, ele mantém as aeronaves com espaço suficiente entre si (tanto na vertical quanto na horizontal) para não haver risco de colisão . Os controladores podem também pedir aos pilotos para informar a posição de aeronaves próximas, ou, em aéreas de tráfego aéreo intenso (como os EUA) eles podem usar o radar par verificar as posições das aeronaves. Existem quatro tipos diferentes de controle de vôo: 1 - Os centros de controle de vôo (bem como os Cindactas no Brasil), que controlam as aeronaves em vôo entre aeroportos 2 - Torres de controle (incluindo a torre, controle de tráfego em solo, entregas de autorização de tráfego, e outros serviços), que controlam as aeronaves a uma distância relativamente pequena(em média, 10 a 15 quilômetros na horizontal e 1.000 metros na vertical) de um aeroporto. 3 - Controladores de tráfego aéreo nos oceanos, que controlam as aeronaves em espaço aéreo internacional, geralmente sem radar. 4 - Controles de Terminal, que controlam as aeronaves numa extensa área (de 50 a 80 quilômetros) em aeroportos movimentados.
  12. 21. Torres de controle no Aeroporto Internacional de Amsterdã, na Holanda
  13. 24. Porta - Aviões O Lynx mk46 que é um helicóptero muito comum para porta-aviões, usado para reconhecimento, transporte e salvamento
  14. 25. Um porta-aviões é um navio de guerra cujo papel principal é servir de base aérea móvel. Permite, portanto, que uma força naval possa projetar o seu poderio aéreo a grandes distâncias, sem necessitar depender de bases terrestres (fixas) para os aviões. As Marinhas modernas, que operam estes navios, consideram os porta-aviões como a peça central da frota; papel que era desempenhado anteriormente pelo navio de guerra. Esta mudança, parcialmente atribuída à intensificação da guerra aérea, iniciou-se na Segunda Guerra Mundial. Uma exceção é a Marinha Russa, que a despeito de possuir grande capacidade militar, nunca centrou esforços na construção desse tipo de embarcação, por julgar que seu valor militar seria questionável, em função de sua grande vulnerabilidade a ataques que poderiam ser feitos inclusive longa distância. Durante a existência da URSS, o alto comando da marinha considerava os porta-aviões como gigantescos alvos móveis. Muito em função disso, somente um único exemplar de navio aeródromo, o Almirante Kuznetsov, chegou a tornar-se plenamente funcional, embora houvesse outros em projeto.
  15. 26. Primeira aterragem de um avião num navio
  16. 27. Porta-aviões de convés curvo, permite o lançamento e recuperação simultânea das aeronaves Os porta-aviões são, geralmente, os maiores navios operados pela Marinha. Um porta-aviões da classe Nimitz, com dois reatores nucleares e quatro turbinas de vapor, mede cerca de 333 m (1092 ft) de comprimento e custa cerca de US$ 4,5 bilhões. Os Estados Unidos constituem o país com o maior número de porta-aviões, com onze em serviço neste momento, representando um símbolo da projeção do país como potência militar. Apenas nove países mantêm porta-aviões: Estados Unidos, França, Índia, Rússia, Espanha, Brasil, Itália, Tailândia, e Reino Unido. A Marinha da República Popular da China (Marinha das Forças Armadas de Salvação Popular) dispõe ainda do porta-aviões Varyag da antiga URSS, embora não exista consenso por parte dos analistas navais acerca da sua intenção de o utilizar. Porém, estão, aparentemente, a usar o Varyag para compreender as operações navais com este tipo de navios para um futuro porta-aviões chinês.
  17. 29. O USS Harry S. Truman ancorado perto de Portsmouth, Inglaterra, enquanto a tripulação descansa.
  18. 31. Os maiores aviões na escala do tempo
  19. 34. Comparação entre aviões gigantes
  20. 35. Aviões da Boeing Aviões Boeing até 1960 80: · P-12 · Stearman · XB-15 · 247 · 307 Stratoliner · 314 Clipper · 377 Stratocruiser · Y1B-9 · B-17 Flying Fortress · B-29 Superfortress Aviões Boeing descontinuados: 707 · 720 · 717 · 727 · 757 Aviões Boeing em produção: 737 · 747 · 767 · 777 Aviões Boeing em desenvolvimento : 787 Dreamliner · Yellowstone · 747-8 · 777 Tanker (KC-777) · F-15SE Silent Eagle Aviões Boeing militares: B-1 Lancer · B-2 Spirit · B-52 Stratofortress · C-17 Globemaster III · E-3 Sentry · F-15SE Silent Eagle Outros aviões: Boeing Air Force One · 737-200 PP-SMA · Sucatinhas · Sucatão · 747 LCF · Enola Gay Projetos nunca realizados: Boeing 2707 · Boeing Sonic Cruiser · Boeing 747X Super Stretch O Boeing 707, o primeiro jato transatlântico comercial
  21. 36. Boeing 747 da Air New Zealand decolando do Aeroporto Internacional de Christchurch, Nova Zelândia
  22. 37. Um Boeing 777 da Emirates Airlines no Aeroporto de Heathrow, Londres
  23. 38. Comparações modelos de “Airbus”
  24. 40. Transporte de passageiros - O Airbus A380 - O maior O avião, chamado freqüentemente de Superjumbo, fez seu primeiro vôo experimental em 27 de Abril de 2005 em Toulouse, França. O A380 consumiu mais de dez anos e cerca de 12 bilhões de euros (R$ 35,1 bilhões) para ser desenvolvido. O Airbus A380, desenvolvido e construído pela Airbus S.A.S. (EADS Systems), é o maior avião comercial de passageiros da história.
  25. 43. O Airbus A380, atualmente o maior avião comercial de passageiros do mundo.
  26. 58. 11 de setembro de 2001
  27. 59. Quatro aviões seqüestrados pelos terroristas da Al-Qaeda colidem contra as torres do World Trade Center, uma de alas do Pentágono e o campo de Shanksville.
  28. 60. É o maior atentado da história.
  29. 62. ACIDENTES AÉREOS 31.10.1996 - Hora 08 26 Fokker 100 - Prefixo PT-MRK
  30. 63. Um dos perigos que vem do céu: Aves
  31. 65. Avião da Emirates TODOS CORREMOS TAIS RISCOS QUANDO VOAMOS. Freqüentemente acompanhamos notícias sobre acidentes que acontecem com aviões no Brasil e no mundo. A maioria destes acidentes acabam envolvendo grandes estragos e tragédias com vítimas do vôo, como também para os familiares com a perda de entes queridos. Se uma ave de apenas 2Kg se choca contra uma aeronave a apenas 300 km/h o impacto resultante é de 7 toneladas, mais do que o suficiente para causar muito estrago em um avião. O que ocorreria quando um avião comercial a jato, que pode chegar a 1000 km/h, se choca com um pelicano de 10kg. Recentemente vimos na prática o que um pequeno ganso pode fazer com uma aeronave quando o vôo da US Airways pousou no rio Hudson em Nova Iorque.
  32. 66. Neste caso parece que a ave ficou perfeitamente embutida na asa deste Navajo.
  33. 68. Ave atinge o pára-brisa A física esclarece o que ocorre aqui, mas é difícil imaginar que um pouco de carne, ossos e penas possam cortar fibra como se fosse manteiga. Em uma fração de segundo uma batida forte e muito sangue espalhado no pára-brisas todo rachado.
  34. 69. Acidentes aéreos sempre causam grandes impactos e vítimas, independente do porte da aeronave e/ou do local, seja em área urbana, na selva, ou na água.
  35. 70. 27 de março de 1977: Dois Boeing’s 747 colidem no aeroporto de Santa Cruz de Tenerife, matando 583 pessoas e ferindo outras 61, naquele que é considerado até hoje, o maior desastre aéreo da história da aviação. Reconstrução de acidente
  36. 71. Air France – flight 358 – Airbus - Ago 2005
  37. 72. Bombeiros entre os destroços do acidente do Vôo TAM 3054, em São Paulo, Brasil
  38. 73. 29.09.2006 - Hora 16 50 - Boeing 737-8EH - Prefixo PR-GTD Os difíceis resgates dentro da Selva
  39. 75. Acidentes com aviões Foto: Marcos Zanutto - Flickr Duas aves
  40. 76. Acidente com avião regional da Suíça Pouso sobre fios de eletricidade Acidente com Boeing 767 Acidente em Porta-aviões Acidente com Tupolev Boeing 747- 400 British Airways Acidente durante o pouso
  41. 77. Acidente Colômbia
  42. 78. Imagens dos destroços do avião da Air Índia, que sofreu acidente no sul do país. (Foto AP Photo)_2010_22_Mai Um recente acidente: Índia – 22.05.2010 Investigadores inspecionam destroços de Boeing na Índia que pegou fogo. Ministro da Aviação Civil diz que piloto pode ter errado. Acidente deixou 158 mortos; oito pessoas sobreviveram. Do G1, com agências internacionais * (Foto Sarkar Dibyangshu-AFP Photo)
  43. 79. Airbus que caiu sobre o Oceano Atlântico, em 2009, após deixar o Rio Henrique Porto - Do G1 RJ - 30/05/2010 17h08 - Atualizado em 30/05/2010 20h10 Parentes de vítimas do vôo 447 da Air France embarcaram na tarde deste domingo (30), no Aeroporto Internacional Tom Jobim, na Ilha do Governador, subúrbio do Rio, para participar de uma cerimônia privada em Paris. Na ocasião, uma placa será inaugurada no cemitério de Père Lachaise, em homenagem aos mortos na tragédia. As despesas da viagem serão pagas pela companhia aérea, que organizou as homenagens na França. Dos 228 passageiros mortos no acidente, 58 são brasileiros. Pai de uma das vítimas, Nelson Marinho mostra faixa com os dizeres "Em busca da verdade", que será exibida na cerimônia (Foto: Henrique Porto / G1)
  44. 80. "O homem se descobre quando se mede com um obstáculo." "Liberdade é voar por espaços sem limites, que vão ao encontro dos nossos sonhos." ANTOINE DE SAINT-EXUPÉRY ESCRITOR E AVIADOR FRANCÊS (*1900 +1944) AUTOR DO LIVRO “O PEQUENO PRÍNCIPE”
  45. 81. Musica: Interpretação: Frank Pourcel - Airport theme Pesquisas/Ilustrações: http://g1.globo.com/mundo/noticia/2010/05/investigadores-inspecionam-destrocos-de-boeing-na-india.html http://peryserranegra.blogspot.com/2010/01/aerostacaoaviacao.html http://pt.wikipedia.org/wiki/McDonnell_Douglas“ http://pt.wikipedia.org/wiki/Cemit%C3%A9rio_de_avi%C3%B5es http://www.airliners.net/ http://www.bicodocorvo.com.br/.../acidentes-com-avioes http://www.blogpaedia.com.br/2009/01/monte-decorao-da-sua-casa-com-peas-de.html http://www.diariodepernambuco.com.br/imagens/2009/05/24/URBANA8_2.jpg http:// www.museutec.org.br/.../enciclop/cap002/012.html http://www.portalbrasil.net/aviacao.htm
  46. 82. FIM Formatação: José Carlos Suman [email_address] Repassando aos colegas pilotos e amigos amantes da aviação. SIDNEI DAL POGGETTO CUNHA [email_address]

×