Lógica e Matemática Computacional - Aula 04

1.063 visualizações

Publicada em

Lógica e Matemática Computacional - Anhanguera
AULA 04 - LÓGICA DE PROGRAMAÇÃO

Publicada em: Tecnologia
0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.063
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
139
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
80
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Lógica e Matemática Computacional - Aula 04

  1. 1. ANHANGUERA – 2016.2 LÓGICA E MATEMÁTICA COMPUTACIONAL AULA 04 – LÓGICA DE PROGRAMAÇÃO Prof. Thomás da Costa thomascosta@aedu.com
  2. 2. LÓGICA E MATEMÁTICA COMPUTACIONAL – Prof. Thomás da Costa LÓGICA DE PROGRAMAÇÃO LÓGICA DE PROGRAMAÇÃO
  3. 3. LÓGICA E MATEMÁTICA COMPUTACIONAL – Prof. Thomás da Costa LÓGICA DE PROGRAMAÇÃO Lógica de Programação Conceito: • Computadores são programáveis. • Para programar um computador precisamos de uma linguagem e um algoritmo. • E como sempre de muita lógica !!! • Existem várias linguagens para escrever um programa de computador. • Entre elas: C, C++, C#, Java e etc. • Para escrever um programa, precisamos saber o objetivo ou o problema que devemos resolver. • Antes de desenvolvemos o algoritmo final em uma linguagem de computador, podemos fazer uma representação em símbolos. • Esta representação em símbolos é conhecida como fluxograma. • Com um fluxograma, criamos uma representação de um algoritmo que podemos desenvolver em qualquer linguagem.
  4. 4. LÓGICA E MATEMÁTICA COMPUTACIONAL – Prof. Thomás da Costa LÓGICA DE PROGRAMAÇÃO Fluxograma O que é?: São símbolos que representam instruções lógicas, de um algoritmo computacional. Essa representação simbólica, pode ser escrita em qualquer linguagem de computador. Um fluxograma ajuda também, no processo de documentação de um programa de computador.
  5. 5. LÓGICA E MATEMÁTICA COMPUTACIONAL – Prof. Thomás da Costa LÓGICA DE PROGRAMAÇÃO Fluxograma Símbolos: Para desenvolvermos um fluxograma, precisamos conhecer alguns símbolos. Este símbolos podem ser diferentes entre uma bibliografia ou outra e entre programas de diagramação. Na nossa disciplina vamos adotar o padrão mostrado a seguir. Vamos analisar estes símbolos !!!
  6. 6. LÓGICA E MATEMÁTICA COMPUTACIONAL – Prof. Thomás da Costa Símbolo Significado Inicio e fim de programa. Entrada de informações. Processamento do programa. Condicional. Saída de informações. Conectivo entre blocos de comandos. LÓGICA DE PROGRAMAÇÃO
  7. 7. LÓGICA E MATEMÁTICA COMPUTACIONAL – Prof. Thomás da Costa Início Fim LÓGICA DE PROGRAMAÇÃO Fluxograma Mínimo: Um fluxograma mínimo deve possuir a estrutura abaixo:
  8. 8. LÓGICA E MATEMÁTICA COMPUTACIONAL – Prof. Thomás da Costa LÓGICA DE PROGRAMAÇÃO Fluxograma Direção: Em um fluxograma, sempre utilizamos as setas para indicar o sentindo do nosso algoritmo. Por padronização, escrevemos o nosso fluxograma de cima para baixo e da esquerda para a direita. Início Fim Indica a direção do fluxograma.
  9. 9. LÓGICA E MATEMÁTICA COMPUTACIONAL – Prof. Thomás da Costa LÓGICA DE PROGRAMAÇÃO Fluxograma Entrada e Saída: Em um programa de computador, possuímos uma entrada (teclado, mouse e etc.) e uma saída (monitor, impressora e etc.). Isso é padrão para qualquer programa de computador. Na simbologia de fluxograma existe a representação de entrada e saída. Entrada. Saída.
  10. 10. LÓGICA E MATEMÁTICA COMPUTACIONAL – Prof. Thomás da Costa Fluxograma Variáveis ou entrada de valores: No fluxograma seguinte, é demonstrado como entrar com valores em variáveis: LÓGICA DE PROGRAMAÇÃO Início valor Fim
  11. 11. LÓGICA E MATEMÁTICA COMPUTACIONAL – Prof. Thomás da Costa Início valor valor Fim LÓGICA DE PROGRAMAÇÃO Fluxograma Exibindo valores: O fluxograma seguinte, entra com uma informação do usuário e exibe na saída:
  12. 12. LÓGICA E MATEMÁTICA COMPUTACIONAL – Prof. Thomás da Costa Início a, b, resultado resultado = a + b resultado Fim Fluxograma Processamento: Para efetuar cálculos, executar funções e bloco de instruções em geral, utilizamos o símbolo de processamento: LÓGICA DE PROGRAMAÇÃO
  13. 13. LÓGICA E MATEMÁTICA COMPUTACIONAL – Prof. Thomás da Costa Fluxograma Condicional – IF – SE: É uma instrução ou comando dentro de um fluxograma, que determina a veracidade de uma determinada condição. Essa condição normalmente é formada por uma ou mais proposições simples. LÓGICA DE PROGRAMAÇÃO
  14. 14. LÓGICA E MATEMÁTICA COMPUTACIONAL – Prof. Thomás da Costa Fluxograma Condicional – IF – SE: Utilizamos o símbolo condicional para validar alguma informação ou valor de uma variável e alterar o fluxo do nosso programa: LÓGICA DE PROGRAMAÇÃO Início media media >= 6 Aprovado Fim Reprovado Verdadeiro Falso
  15. 15. LÓGICA E MATEMÁTICA COMPUTACIONAL – Prof. Thomás da Costa Fluxograma Condicional – WHILE – ENQUANTO: Podemos utilizar o símbolo condicional para representar um laço. Esta instrução de laço, executa um bloco de comando enquanto uma condição for verdadeira. Além disso, o comando while ou enquanto pode ser ou não executado caso a condição não seja verdadeira inicialmente. LÓGICA DE PROGRAMAÇÃO numero <= 10 numero = numero + 1 Verdadeiro Fim Falso
  16. 16. LÓGICA E MATEMÁTICA COMPUTACIONAL – Prof. Thomás da Costa LÓGICA DE PROGRAMAÇÃO Fluxograma Conectivo: Quando um programa é muito extenso, utilizamos os conectivos para separar um bloco de símbolos e tornar a visualização mais legível do fluxograma: Início media media >= 6 Aprovado Fim Reprovado Verdadeiro Falso 1 1
  17. 17. LÓGICA E MATEMÁTICA COMPUTACIONAL – Prof. Thomás da Costa LÓGICA DE PROGRAMAÇÃO Fluxograma Exemplos: Vamos analisar alguns exemplos de fluxograma e depois desenvolver um conjunto de exercícios.
  18. 18. LÓGICA E MATEMÁTICA COMPUTACIONAL – Prof. Thomás da Costa Início valor valor = valor + 1 valor Fim
  19. 19. LÓGICA E MATEMÁTICA COMPUTACIONAL – Prof. Thomás da Costa Início notaB1, notaB2, media media = (notaB1 * 0.4) + (notaB2 * 0.6) media >= 6 Aprovado Fim Reprovado Verdadeiro Falso
  20. 20. LÓGICA E MATEMÁTICA COMPUTACIONAL – Prof. Thomás da Costa Início notaB1, notaB2, media media = (notaB1 * 0.4) + (notaB2 * 0.6) media >= 6 Aprovado Fim Reprovado Verdadeiro Falso 1 1
  21. 21. LÓGICA E MATEMÁTICA COMPUTACIONAL – Prof. Thomás da Costa Início contador contador <= 10 contador = 0 contador = contador + 1 contador Verdadeiro Falso Fim
  22. 22. LÓGICA E MATEMÁTICA COMPUTACIONAL – Prof. Thomás da Costa Resumo • Podemos representar uma lógica computacional através de símbolos. • Estes símbolos representam as seguintes instruções lógicas: • Inicio e fim de programa. • Entrada e saída de informações. • Condicional. • Conectivos entre blocos de instruções de um programa. • Processamento de informações ou rotinas. • Desenvolvendo um fluxograma, podemos criar um programa em qualquer linguagem computacional. LÓGICA DE PROGRAMAÇÃO
  23. 23. Obrigado !!! ANHANGUERA – 2016.2

×