SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 16
LUXAÇÃO, CONTUSÃO, FRATURA E
ENTORSE.
POR: THIAGO VIEIRA, THIAGO FIRMO,
EMILCON NETO, LUIZ GUSTAVO E
MATHEUS MENDES
ED. FÍSICA DO 9º B
DO
COLÉGIO BATISTA
BRASILEIRO, TEMOS
O PRAZER DE DAR
INÍCIO À
APRESENTAÇÃO
LUXAÇÃO
Luxação é o deslocamento de um
osso da articulação,
geralmente acompanhado de uma
grave lesão de ligamentos
articulares. Isso resulta no
posicionamento anormal dos
dois ossos da articulação. A
luxação pode ser total ou
parcial – os dois ossos da
articulação ainda permanecem
LUXAÇÃO
Uma luxação provoca deformidade e
movimento anormal da articulação;
cavidade entre as superfícies
articulares; dor intensa e sangramento
intenso. Cuidadosamente, deve-se colocar
os dois ossos numa posição de conforto,
que permita a imobilização e o transporte
com o mínimo de dor. A articulação só
deve ser recolocada no lugar por
profissionais da área. Não pode ser
realizadas massagem ou aplicação de
calor. O serviço de saúde deve ser
Quais são os sinais de que há luxação e
qual é o primeiro socorro neste caso?
EXEMPLO DE
LUXAÇÃO:
“Julgo que as imagens sejam inapropriadas
e por isso decidi por não traze-las” –
Thiago Vieira.
FRATURA
Fratura é o rompimento total ou parcial
de qualquer osso. A fratura é
classificada quanto à relação do osso
como o meio externo.
FRATURA
Quais os tipos de fraturas existentes? Quais são
os sintomas de fratura?
Fratura fechada é assim chamada quando a pele não é rompida
pelo osso quebrado.
Fratura aberta ou exposta – ocorre quando o osso atravessa a
pele e fica exposto. A possibilidade de infecção neste tipo
de fratura é muito grande e, portanto, deve ser observada com
atenção.
Fratura completa – abrange toda a espessura do osso.
Fratura incompleta – engloba parte da espessura do osso.
Quando há fratura, são registrados:
dor intensa no local, que aumenta ao menor movimento;
inchaço;
crepitação ao movimentar – o som é parecido com o amassar de
um papel;
hematoma – rompimento de vaso, com acúmulo de sangue no
local;
paralisia por lesão de nervos.
EXEMPLO
DE FRATURA:
ENTORSE
É uma lesão que ocorre quando se
ultrapassa o limite normal de movimento
de uma articulação. Normalmente, ocasiona
distensão dos ligamentos e da cápsula
articular e, conseqüentemente, dor
intensa ao redor da articulação,
dificuldade de movimentação em graus
variáveis e, às vezes, sangramentos
internos.
ENTORSE
Deve-se aplicar frio intenso no local,
com bolsa de gelo, toalhas frias etc.
Massagens ou aplicações quentes devem ser
feitas somente 24 horas após o incidente.
É preciso, também, imobilizar a
articulação atingida e não movimentá-la
e, após, procurar um serviço de saúde
para avaliação e tratamento adequados.
O que deve ser feito após um
entorse?
EXEMPLO DE
ENTORSE:
CONTUSÃO
Contusão é o resultado de um forte
impacto na superfície do corpo. Pode
causar uma lesão nos tecidos moles da
superfície, nos músculos ou em cápsulas
ou ligamentos articulares. Algumas vezes,
a lesão é profunda, ficando, então,
difícil determinar a sua extensão.
CONTUSÃO
Quando há contusão, a pele fica roxa,
ocasionando hematoma e há dor na área de
contato. Deve-se aplicar gelo no local da
contusão imediatamente. Massagens ou
aplicação de calor no local só podem ser
realizadas após 24 horas do incidente. É
preciso procurar um serviço de saúde para
avaliação e tratamento adequado.
Quais os sintomas da contusão? Como
tratá-la?
EXEMPLO DE
CONTUSÃO:
FINAL.
Lesão Entorse Fratura e Contusão

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Aula Tratamento da Osteoartrose do Joelho - Dr David Sadigursky
Aula Tratamento da Osteoartrose do Joelho - Dr David SadigurskyAula Tratamento da Osteoartrose do Joelho - Dr David Sadigursky
Aula Tratamento da Osteoartrose do Joelho - Dr David SadigurskyDavid Sadigursky
 
Tipos de fraturas
Tipos de fraturasTipos de fraturas
Tipos de fraturasAline Teka
 
Exame físico do tórax
Exame físico do tórax Exame físico do tórax
Exame físico do tórax Paulo Alambert
 
Aula primeiros socorros
Aula primeiros socorrosAula primeiros socorros
Aula primeiros socorrosGizele Lima
 
Semiologia para Enfermagem No Caminho da Enfermagem Lucas Fontes
Semiologia para Enfermagem No Caminho da Enfermagem Lucas FontesSemiologia para Enfermagem No Caminho da Enfermagem Lucas Fontes
Semiologia para Enfermagem No Caminho da Enfermagem Lucas FontesLucas Fontes
 
Alongamento muscular
Alongamento  muscularAlongamento  muscular
Alongamento muscularlcinfo
 
Complexo do ombro 2013 - 2
Complexo do ombro   2013 - 2Complexo do ombro   2013 - 2
Complexo do ombro 2013 - 2paraiba1974
 
Aula de exame fisico do cotovelo e epicondilite
Aula de exame fisico do cotovelo e epicondiliteAula de exame fisico do cotovelo e epicondilite
Aula de exame fisico do cotovelo e epicondiliteMauricio Fabiani
 
Power point anestesia (1) (1)
Power point anestesia (1) (1)Power point anestesia (1) (1)
Power point anestesia (1) (1)Cláudia Sofia
 

Mais procurados (20)

Lesoes Musculares
Lesoes MuscularesLesoes Musculares
Lesoes Musculares
 
Aula Tratamento da Osteoartrose do Joelho - Dr David Sadigursky
Aula Tratamento da Osteoartrose do Joelho - Dr David SadigurskyAula Tratamento da Osteoartrose do Joelho - Dr David Sadigursky
Aula Tratamento da Osteoartrose do Joelho - Dr David Sadigursky
 
Tipos de fraturas
Tipos de fraturasTipos de fraturas
Tipos de fraturas
 
Lesões Esportivas
Lesões EsportivasLesões Esportivas
Lesões Esportivas
 
Exame físico do tórax
Exame físico do tórax Exame físico do tórax
Exame físico do tórax
 
Slides disfuncoes musculoesqueleticas
Slides disfuncoes musculoesqueleticasSlides disfuncoes musculoesqueleticas
Slides disfuncoes musculoesqueleticas
 
ORTESES E PROTESES INICIAL
ORTESES E PROTESES INICIALORTESES E PROTESES INICIAL
ORTESES E PROTESES INICIAL
 
Sensibilidade 14
Sensibilidade 14Sensibilidade 14
Sensibilidade 14
 
Equipe cirúrgica
Equipe cirúrgicaEquipe cirúrgica
Equipe cirúrgica
 
Artrose
ArtroseArtrose
Artrose
 
Aula primeiros socorros
Aula primeiros socorrosAula primeiros socorros
Aula primeiros socorros
 
Modulo 07
Modulo 07Modulo 07
Modulo 07
 
Semiologia para Enfermagem No Caminho da Enfermagem Lucas Fontes
Semiologia para Enfermagem No Caminho da Enfermagem Lucas FontesSemiologia para Enfermagem No Caminho da Enfermagem Lucas Fontes
Semiologia para Enfermagem No Caminho da Enfermagem Lucas Fontes
 
Alongamento muscular
Alongamento  muscularAlongamento  muscular
Alongamento muscular
 
Treinamento de Força
Treinamento de ForçaTreinamento de Força
Treinamento de Força
 
Complexo do ombro 2013 - 2
Complexo do ombro   2013 - 2Complexo do ombro   2013 - 2
Complexo do ombro 2013 - 2
 
Coluna Lombar
Coluna LombarColuna Lombar
Coluna Lombar
 
Aula de exame fisico do cotovelo e epicondilite
Aula de exame fisico do cotovelo e epicondiliteAula de exame fisico do cotovelo e epicondilite
Aula de exame fisico do cotovelo e epicondilite
 
Fraturas
FraturasFraturas
Fraturas
 
Power point anestesia (1) (1)
Power point anestesia (1) (1)Power point anestesia (1) (1)
Power point anestesia (1) (1)
 

Semelhante a Lesão Entorse Fratura e Contusão

Lesão Entorse Fratura e Contusão
Lesão Entorse Fratura e ContusãoLesão Entorse Fratura e Contusão
Lesão Entorse Fratura e ContusãoThiago Vieira
 
fratura e imobilização de membros superior e inferior
fratura e imobilização de membros superior e inferiorfratura e imobilização de membros superior e inferior
fratura e imobilização de membros superior e inferiorIvaneSales
 
aula sobre imobilização de fraturas, tipos de fraturas
aula sobre imobilização de fraturas, tipos de fraturasaula sobre imobilização de fraturas, tipos de fraturas
aula sobre imobilização de fraturas, tipos de fraturasRosaSantos738119
 
Lesão do aparelho locomotor
Lesão do aparelho locomotorLesão do aparelho locomotor
Lesão do aparelho locomotorKarina Pereira
 
Aula 05 primeiros socorros - entorse e distensão
Aula 05   primeiros socorros - entorse e distensãoAula 05   primeiros socorros - entorse e distensão
Aula 05 primeiros socorros - entorse e distensãoLUCAS MENDES SILVA OLIVEIRA
 
Traumatismos músculo-esqueléticos
Traumatismos músculo-esqueléticosTraumatismos músculo-esqueléticos
Traumatismos músculo-esqueléticosCaroline Paim
 
Luxação de tornozelo e pé
Luxação de tornozelo e péLuxação de tornozelo e pé
Luxação de tornozelo e péDanyllo Lucas
 
Luxações, torções, Traumas ósseos e amputações111.pptx
Luxações, torções, Traumas ósseos e amputações111.pptxLuxações, torções, Traumas ósseos e amputações111.pptx
Luxações, torções, Traumas ósseos e amputações111.pptxAntonioEduardodeSous
 
6- Objetos empalados e encravados, Lesões e fraturas, Técnicas de imobilizaçã...
6- Objetos empalados e encravados, Lesões e fraturas, Técnicas de imobilizaçã...6- Objetos empalados e encravados, Lesões e fraturas, Técnicas de imobilizaçã...
6- Objetos empalados e encravados, Lesões e fraturas, Técnicas de imobilizaçã...ElioenaiAlmeida1
 
Aula 6 Primeiros Socorros.pdf
Aula 6 Primeiros Socorros.pdfAula 6 Primeiros Socorros.pdf
Aula 6 Primeiros Socorros.pdfontimiza
 

Semelhante a Lesão Entorse Fratura e Contusão (20)

Lesão Entorse Fratura e Contusão
Lesão Entorse Fratura e ContusãoLesão Entorse Fratura e Contusão
Lesão Entorse Fratura e Contusão
 
fratura e imobilização de membros superior e inferior
fratura e imobilização de membros superior e inferiorfratura e imobilização de membros superior e inferior
fratura e imobilização de membros superior e inferior
 
Ferimentos nos ossos
Ferimentos nos ossosFerimentos nos ossos
Ferimentos nos ossos
 
aula sobre imobilização de fraturas, tipos de fraturas
aula sobre imobilização de fraturas, tipos de fraturasaula sobre imobilização de fraturas, tipos de fraturas
aula sobre imobilização de fraturas, tipos de fraturas
 
Imobilização
ImobilizaçãoImobilização
Imobilização
 
Lesão do aparelho locomotor
Lesão do aparelho locomotorLesão do aparelho locomotor
Lesão do aparelho locomotor
 
aula imobilização.pptx
aula imobilização.pptxaula imobilização.pptx
aula imobilização.pptx
 
Aula 05 primeiros socorros - entorse e distensão
Aula 05   primeiros socorros - entorse e distensãoAula 05   primeiros socorros - entorse e distensão
Aula 05 primeiros socorros - entorse e distensão
 
5 aula souza
5 aula souza5 aula souza
5 aula souza
 
Fraturas
FraturasFraturas
Fraturas
 
Fraturas
FraturasFraturas
Fraturas
 
Ortopedia
OrtopediaOrtopedia
Ortopedia
 
3df4ac181611e34527a1a6432dc1ac11.ppt
3df4ac181611e34527a1a6432dc1ac11.ppt3df4ac181611e34527a1a6432dc1ac11.ppt
3df4ac181611e34527a1a6432dc1ac11.ppt
 
Traumatismos músculo-esqueléticos
Traumatismos músculo-esqueléticosTraumatismos músculo-esqueléticos
Traumatismos músculo-esqueléticos
 
Luxação de tornozelo e pé
Luxação de tornozelo e péLuxação de tornozelo e pé
Luxação de tornozelo e pé
 
Luxações, torções, Traumas ósseos e amputações111.pptx
Luxações, torções, Traumas ósseos e amputações111.pptxLuxações, torções, Traumas ósseos e amputações111.pptx
Luxações, torções, Traumas ósseos e amputações111.pptx
 
Primeiros socorros
Primeiros socorrosPrimeiros socorros
Primeiros socorros
 
6- Objetos empalados e encravados, Lesões e fraturas, Técnicas de imobilizaçã...
6- Objetos empalados e encravados, Lesões e fraturas, Técnicas de imobilizaçã...6- Objetos empalados e encravados, Lesões e fraturas, Técnicas de imobilizaçã...
6- Objetos empalados e encravados, Lesões e fraturas, Técnicas de imobilizaçã...
 
Aula 6 Primeiros Socorros.pdf
Aula 6 Primeiros Socorros.pdfAula 6 Primeiros Socorros.pdf
Aula 6 Primeiros Socorros.pdf
 
Tst fratura
Tst   fraturaTst   fratura
Tst fratura
 

Mais de Thiago Vieira

A vida e os ensinamentos de Jesus
A vida e os ensinamentos de JesusA vida e os ensinamentos de Jesus
A vida e os ensinamentos de JesusThiago Vieira
 
Trabalho de redação
Trabalho de redaçãoTrabalho de redação
Trabalho de redaçãoThiago Vieira
 
Trabalho de matemática
Trabalho de matemáticaTrabalho de matemática
Trabalho de matemáticaThiago Vieira
 
Invertebrados - por Fabia Mello
Invertebrados - por Fabia MelloInvertebrados - por Fabia Mello
Invertebrados - por Fabia MelloThiago Vieira
 

Mais de Thiago Vieira (6)

A vida e os ensinamentos de Jesus
A vida e os ensinamentos de JesusA vida e os ensinamentos de Jesus
A vida e os ensinamentos de Jesus
 
Tigres asiaticos
Tigres asiaticosTigres asiaticos
Tigres asiaticos
 
Trabalho de redação
Trabalho de redaçãoTrabalho de redação
Trabalho de redação
 
Trabalho de matemática
Trabalho de matemáticaTrabalho de matemática
Trabalho de matemática
 
Poema
PoemaPoema
Poema
 
Invertebrados - por Fabia Mello
Invertebrados - por Fabia MelloInvertebrados - por Fabia Mello
Invertebrados - por Fabia Mello
 

Último

Missa catequese para o dia da mãe 2025.pdf
Missa catequese para o dia da mãe 2025.pdfMissa catequese para o dia da mãe 2025.pdf
Missa catequese para o dia da mãe 2025.pdfFbioFerreira207918
 
Religiosidade de Assaré - Prof. Francisco Leite
Religiosidade de Assaré - Prof. Francisco LeiteReligiosidade de Assaré - Prof. Francisco Leite
Religiosidade de Assaré - Prof. Francisco Leiteprofesfrancleite
 
Apresentação | Símbolos e Valores da União Europeia
Apresentação | Símbolos e Valores da União EuropeiaApresentação | Símbolos e Valores da União Europeia
Apresentação | Símbolos e Valores da União EuropeiaCentro Jacques Delors
 
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...marioeugenio8
 
Teatro como estrategias de ensino secundario
Teatro como estrategias de ensino secundarioTeatro como estrategias de ensino secundario
Teatro como estrategias de ensino secundarioWyngDaFelyzitahLamba
 
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptxSlides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
MESTRES DA CULTURA DE ASSARÉ Prof. Francisco Leite.pdf
MESTRES DA CULTURA DE ASSARÉ Prof. Francisco Leite.pdfMESTRES DA CULTURA DE ASSARÉ Prof. Francisco Leite.pdf
MESTRES DA CULTURA DE ASSARÉ Prof. Francisco Leite.pdfprofesfrancleite
 
Modelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autores
Modelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autoresModelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autores
Modelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autoresAna Isabel Correia
 
Tema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdf
Tema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdfTema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdf
Tema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdfAnaAugustaLagesZuqui
 
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptxQuímica-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptxKeslleyAFerreira
 
13_mch9_hormonal.pptx............................
13_mch9_hormonal.pptx............................13_mch9_hormonal.pptx............................
13_mch9_hormonal.pptx............................mariagrave
 
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...LuizHenriquedeAlmeid6
 
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...WelitaDiaz1
 
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptx
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptxAspectos históricos da educação dos surdos.pptx
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptxprofbrunogeo95
 
Histogramas.pptx...............................
Histogramas.pptx...............................Histogramas.pptx...............................
Histogramas.pptx...............................mariagrave
 
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantilPower Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantilMariaHelena293800
 
Slides Lição 06, Central Gospel, O Anticristo, 1Tr24.pptx
Slides Lição 06, Central Gospel, O Anticristo, 1Tr24.pptxSlides Lição 06, Central Gospel, O Anticristo, 1Tr24.pptx
Slides Lição 06, Central Gospel, O Anticristo, 1Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdfSQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdfAndersonW5
 
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 2)
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 2)Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 2)
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 2)Centro Jacques Delors
 

Último (20)

Missa catequese para o dia da mãe 2025.pdf
Missa catequese para o dia da mãe 2025.pdfMissa catequese para o dia da mãe 2025.pdf
Missa catequese para o dia da mãe 2025.pdf
 
Religiosidade de Assaré - Prof. Francisco Leite
Religiosidade de Assaré - Prof. Francisco LeiteReligiosidade de Assaré - Prof. Francisco Leite
Religiosidade de Assaré - Prof. Francisco Leite
 
Apresentação | Símbolos e Valores da União Europeia
Apresentação | Símbolos e Valores da União EuropeiaApresentação | Símbolos e Valores da União Europeia
Apresentação | Símbolos e Valores da União Europeia
 
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...
 
Teatro como estrategias de ensino secundario
Teatro como estrategias de ensino secundarioTeatro como estrategias de ensino secundario
Teatro como estrategias de ensino secundario
 
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptxSlides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
 
MESTRES DA CULTURA DE ASSARÉ Prof. Francisco Leite.pdf
MESTRES DA CULTURA DE ASSARÉ Prof. Francisco Leite.pdfMESTRES DA CULTURA DE ASSARÉ Prof. Francisco Leite.pdf
MESTRES DA CULTURA DE ASSARÉ Prof. Francisco Leite.pdf
 
Modelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autores
Modelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autoresModelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autores
Modelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autores
 
Tema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdf
Tema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdfTema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdf
Tema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdf
 
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptxQuímica-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
 
13_mch9_hormonal.pptx............................
13_mch9_hormonal.pptx............................13_mch9_hormonal.pptx............................
13_mch9_hormonal.pptx............................
 
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
 
662938.pdf aula digital de educação básica
662938.pdf aula digital de educação básica662938.pdf aula digital de educação básica
662938.pdf aula digital de educação básica
 
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
 
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptx
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptxAspectos históricos da educação dos surdos.pptx
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptx
 
Histogramas.pptx...............................
Histogramas.pptx...............................Histogramas.pptx...............................
Histogramas.pptx...............................
 
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantilPower Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
 
Slides Lição 06, Central Gospel, O Anticristo, 1Tr24.pptx
Slides Lição 06, Central Gospel, O Anticristo, 1Tr24.pptxSlides Lição 06, Central Gospel, O Anticristo, 1Tr24.pptx
Slides Lição 06, Central Gospel, O Anticristo, 1Tr24.pptx
 
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdfSQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
 
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 2)
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 2)Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 2)
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 2)
 

Lesão Entorse Fratura e Contusão

  • 1. LUXAÇÃO, CONTUSÃO, FRATURA E ENTORSE. POR: THIAGO VIEIRA, THIAGO FIRMO, EMILCON NETO, LUIZ GUSTAVO E MATHEUS MENDES
  • 2. ED. FÍSICA DO 9º B DO COLÉGIO BATISTA BRASILEIRO, TEMOS O PRAZER DE DAR INÍCIO À APRESENTAÇÃO
  • 3. LUXAÇÃO Luxação é o deslocamento de um osso da articulação, geralmente acompanhado de uma grave lesão de ligamentos articulares. Isso resulta no posicionamento anormal dos dois ossos da articulação. A luxação pode ser total ou parcial – os dois ossos da articulação ainda permanecem
  • 4. LUXAÇÃO Uma luxação provoca deformidade e movimento anormal da articulação; cavidade entre as superfícies articulares; dor intensa e sangramento intenso. Cuidadosamente, deve-se colocar os dois ossos numa posição de conforto, que permita a imobilização e o transporte com o mínimo de dor. A articulação só deve ser recolocada no lugar por profissionais da área. Não pode ser realizadas massagem ou aplicação de calor. O serviço de saúde deve ser Quais são os sinais de que há luxação e qual é o primeiro socorro neste caso?
  • 5. EXEMPLO DE LUXAÇÃO: “Julgo que as imagens sejam inapropriadas e por isso decidi por não traze-las” – Thiago Vieira.
  • 6. FRATURA Fratura é o rompimento total ou parcial de qualquer osso. A fratura é classificada quanto à relação do osso como o meio externo.
  • 7. FRATURA Quais os tipos de fraturas existentes? Quais são os sintomas de fratura? Fratura fechada é assim chamada quando a pele não é rompida pelo osso quebrado. Fratura aberta ou exposta – ocorre quando o osso atravessa a pele e fica exposto. A possibilidade de infecção neste tipo de fratura é muito grande e, portanto, deve ser observada com atenção. Fratura completa – abrange toda a espessura do osso. Fratura incompleta – engloba parte da espessura do osso. Quando há fratura, são registrados: dor intensa no local, que aumenta ao menor movimento; inchaço; crepitação ao movimentar – o som é parecido com o amassar de um papel; hematoma – rompimento de vaso, com acúmulo de sangue no local; paralisia por lesão de nervos.
  • 9. ENTORSE É uma lesão que ocorre quando se ultrapassa o limite normal de movimento de uma articulação. Normalmente, ocasiona distensão dos ligamentos e da cápsula articular e, conseqüentemente, dor intensa ao redor da articulação, dificuldade de movimentação em graus variáveis e, às vezes, sangramentos internos.
  • 10. ENTORSE Deve-se aplicar frio intenso no local, com bolsa de gelo, toalhas frias etc. Massagens ou aplicações quentes devem ser feitas somente 24 horas após o incidente. É preciso, também, imobilizar a articulação atingida e não movimentá-la e, após, procurar um serviço de saúde para avaliação e tratamento adequados. O que deve ser feito após um entorse?
  • 12. CONTUSÃO Contusão é o resultado de um forte impacto na superfície do corpo. Pode causar uma lesão nos tecidos moles da superfície, nos músculos ou em cápsulas ou ligamentos articulares. Algumas vezes, a lesão é profunda, ficando, então, difícil determinar a sua extensão.
  • 13. CONTUSÃO Quando há contusão, a pele fica roxa, ocasionando hematoma e há dor na área de contato. Deve-se aplicar gelo no local da contusão imediatamente. Massagens ou aplicação de calor no local só podem ser realizadas após 24 horas do incidente. É preciso procurar um serviço de saúde para avaliação e tratamento adequado. Quais os sintomas da contusão? Como tratá-la?