SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 6
A vida e os ensinamentos de 
Jesus
Quem foi Jesus(humano)? 
Segundo o Cristianismo, Jesus seria o messias, o 
prometido de Deus para com os humanos. 
Segundo o Islamismo, Jesus foi um mensageiro de 
Allá e um profeta do Islã.
Como Jesus Nasceu 
Jesus foi concebido pelo Espírito Santo. Nasceu de 
uma virgem 
Chamada Maria, que está que estava por casar 
com João, o “pai” de Jesus”.
Para quê Jesus veio? 
Os Cristãos acreditam que Jesus veio para ser o 
salvador do mundo. 
Para o islamismo, a morte de Jesus foi um erro e 
que só foi consertado por Maomé.
Que ensinamentos Jesus transmitiu? 
Os ensinamentos sobre Deus. 
Jesus ensinou que Deus é o Criador que se 
preocupa com a sua criação e cuida dela desde as 
menores criaturas como o pardal. 
Os ensinamentos sobre si 
O que Jesus falou de si próprio é de muita 
importância, pois foi isso que a igreja primitiva veio 
a ensinar sobre ele. Jesus usou alguns títulos para 
se descrever ou os aceitava quando os outros os 
usavam.
Continuando... 
Jesus ensinou também a como ter uma vida “perfeita” 
-“Primeiro Jesus se esvaziou tornando-se homem. 
Depois, como homem, continuou se esvaziando. De 
que forma? Não fazendo nunca a sua própria vontade” 
Jesus também ensinou a orar. 
Portanto orai vós deste modo: Pai nosso que estás nos 
céus; santificado seja o teu nome; 
venha o teu reino; seja feita a tua vontade, assim na 
terra, como no céu. 
O pão nosso de cada dia nos dá hoje; 
e perdoa-nos as nossas dívidas, assim como nós 
também temos perdoado aos nossos devedores; 
e não nos deixes cair em tentação, mas livra-nos do 
mal.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Eae 28 Pregações e curas
Eae 28 Pregações e curasEae 28 Pregações e curas
Eae 28 Pregações e curasPatiSousa1
 
Entendendo o decálogo
Entendendo o decálogoEntendendo o decálogo
Entendendo o decálogoHelio Cruz
 
Estudos do evangelho "O maior mandamento"
Estudos do evangelho "O maior mandamento"Estudos do evangelho "O maior mandamento"
Estudos do evangelho "O maior mandamento"Leonardo Pereira
 
Eae 68 - vícios e defeitos - roteiro da aula
Eae   68 - vícios e defeitos - roteiro da aulaEae   68 - vícios e defeitos - roteiro da aula
Eae 68 - vícios e defeitos - roteiro da aulaNorberto Scavone Augusto
 
O homem de bem, grande desafio
O homem de bem, grande desafioO homem de bem, grande desafio
O homem de bem, grande desafioGraça Maciel
 
( Espiritismo) e a e - aula 37 # a genese da alma # 01
( Espiritismo)   e a e - aula 37 # a genese da alma # 01( Espiritismo)   e a e - aula 37 # a genese da alma # 01
( Espiritismo) e a e - aula 37 # a genese da alma # 01Alencar Santana
 
Eae 22 À volta a Jerusalém e as escolas rabínicas.
Eae 22  À volta a Jerusalém e as escolas rabínicas.Eae 22  À volta a Jerusalém e as escolas rabínicas.
Eae 22 À volta a Jerusalém e as escolas rabínicas.PatiSousa1
 
Missão de Jesus - Evangelização espírita
Missão de Jesus - Evangelização espíritaMissão de Jesus - Evangelização espírita
Missão de Jesus - Evangelização espíritaLarissa Martins
 
BEM AVENTURADOS OS PUROS DE CORAÇÃO
BEM AVENTURADOS OS PUROS DE CORAÇÃOBEM AVENTURADOS OS PUROS DE CORAÇÃO
BEM AVENTURADOS OS PUROS DE CORAÇÃOSergio Menezes
 
Estranha moral ESE Cap XXIII
Estranha moral ESE Cap XXIIIEstranha moral ESE Cap XXIII
Estranha moral ESE Cap XXIIIgrupodepaisceb
 
A034 EAE DM - CONSAGRAÇÃO E EXCURSÕES AO ESTRANGEIRO 20190628v4
A034 EAE DM - CONSAGRAÇÃO E EXCURSÕES AO ESTRANGEIRO 20190628v4A034 EAE DM - CONSAGRAÇÃO E EXCURSÕES AO ESTRANGEIRO 20190628v4
A034 EAE DM - CONSAGRAÇÃO E EXCURSÕES AO ESTRANGEIRO 20190628v4Daniel de Melo
 
Quem é minha mãe e quem são meus irmãos?
Quem é minha mãe e quem são meus irmãos?Quem é minha mãe e quem são meus irmãos?
Quem é minha mãe e quem são meus irmãos?Isnande Mota Barros
 
O sermão da montanha ( Leonardo Pereira
O sermão da montanha ( Leonardo Pereira O sermão da montanha ( Leonardo Pereira
O sermão da montanha ( Leonardo Pereira Leonardo Pereira
 
Palestra uma visão espírita da paternidade
Palestra uma visão espírita da paternidadePalestra uma visão espírita da paternidade
Palestra uma visão espírita da paternidadeAlonso Filho
 
Eae 53 Interpretação do sermão do monte IV.
Eae 53 Interpretação do sermão do monte IV. Eae 53 Interpretação do sermão do monte IV.
Eae 53 Interpretação do sermão do monte IV. PatiSousa1
 
Diálogo de Jesus e Nicodemos
Diálogo de Jesus e NicodemosDiálogo de Jesus e Nicodemos
Diálogo de Jesus e NicodemosCandice Gunther
 
Princípios Básicos do Espiritismo
Princípios Básicos do EspiritismoPrincípios Básicos do Espiritismo
Princípios Básicos do Espiritismopaikachambi
 

Mais procurados (20)

Eae 28 Pregações e curas
Eae 28 Pregações e curasEae 28 Pregações e curas
Eae 28 Pregações e curas
 
Entendendo o decálogo
Entendendo o decálogoEntendendo o decálogo
Entendendo o decálogo
 
Aula 1 inaugural - 18ª Turma
Aula 1   inaugural - 18ª Turma Aula 1   inaugural - 18ª Turma
Aula 1 inaugural - 18ª Turma
 
Estudos do evangelho "O maior mandamento"
Estudos do evangelho "O maior mandamento"Estudos do evangelho "O maior mandamento"
Estudos do evangelho "O maior mandamento"
 
Eae 68 - vícios e defeitos - roteiro da aula
Eae   68 - vícios e defeitos - roteiro da aulaEae   68 - vícios e defeitos - roteiro da aula
Eae 68 - vícios e defeitos - roteiro da aula
 
O homem de bem, grande desafio
O homem de bem, grande desafioO homem de bem, grande desafio
O homem de bem, grande desafio
 
( Espiritismo) e a e - aula 37 # a genese da alma # 01
( Espiritismo)   e a e - aula 37 # a genese da alma # 01( Espiritismo)   e a e - aula 37 # a genese da alma # 01
( Espiritismo) e a e - aula 37 # a genese da alma # 01
 
EAE 2 a criação
EAE 2 a criaçãoEAE 2 a criação
EAE 2 a criação
 
Eae 22 À volta a Jerusalém e as escolas rabínicas.
Eae 22  À volta a Jerusalém e as escolas rabínicas.Eae 22  À volta a Jerusalém e as escolas rabínicas.
Eae 22 À volta a Jerusalém e as escolas rabínicas.
 
Missão de Jesus - Evangelização espírita
Missão de Jesus - Evangelização espíritaMissão de Jesus - Evangelização espírita
Missão de Jesus - Evangelização espírita
 
BEM AVENTURADOS OS PUROS DE CORAÇÃO
BEM AVENTURADOS OS PUROS DE CORAÇÃOBEM AVENTURADOS OS PUROS DE CORAÇÃO
BEM AVENTURADOS OS PUROS DE CORAÇÃO
 
Estranha moral ESE Cap XXIII
Estranha moral ESE Cap XXIIIEstranha moral ESE Cap XXIII
Estranha moral ESE Cap XXIII
 
A034 EAE DM - CONSAGRAÇÃO E EXCURSÕES AO ESTRANGEIRO 20190628v4
A034 EAE DM - CONSAGRAÇÃO E EXCURSÕES AO ESTRANGEIRO 20190628v4A034 EAE DM - CONSAGRAÇÃO E EXCURSÕES AO ESTRANGEIRO 20190628v4
A034 EAE DM - CONSAGRAÇÃO E EXCURSÕES AO ESTRANGEIRO 20190628v4
 
Quem é minha mãe e quem são meus irmãos?
Quem é minha mãe e quem são meus irmãos?Quem é minha mãe e quem são meus irmãos?
Quem é minha mãe e quem são meus irmãos?
 
O sermão da montanha ( Leonardo Pereira
O sermão da montanha ( Leonardo Pereira O sermão da montanha ( Leonardo Pereira
O sermão da montanha ( Leonardo Pereira
 
Indulgência
IndulgênciaIndulgência
Indulgência
 
Palestra uma visão espírita da paternidade
Palestra uma visão espírita da paternidadePalestra uma visão espírita da paternidade
Palestra uma visão espírita da paternidade
 
Eae 53 Interpretação do sermão do monte IV.
Eae 53 Interpretação do sermão do monte IV. Eae 53 Interpretação do sermão do monte IV.
Eae 53 Interpretação do sermão do monte IV.
 
Diálogo de Jesus e Nicodemos
Diálogo de Jesus e NicodemosDiálogo de Jesus e Nicodemos
Diálogo de Jesus e Nicodemos
 
Princípios Básicos do Espiritismo
Princípios Básicos do EspiritismoPrincípios Básicos do Espiritismo
Princípios Básicos do Espiritismo
 

Destaque

Ensinamentos de jesus
Ensinamentos de jesusEnsinamentos de jesus
Ensinamentos de jesusSimone Pitta
 
A imaculada concepção e a mulher eterna
A imaculada concepção e a mulher eternaA imaculada concepção e a mulher eterna
A imaculada concepção e a mulher eternaSimone Pitta
 
Planificação da catequese para o ano 2012/2013
Planificação da catequese para o ano 2012/2013Planificação da catequese para o ano 2012/2013
Planificação da catequese para o ano 2012/2013catequesemacieiradesarnes
 
O Significado do Natal
O Significado do NatalO Significado do Natal
O Significado do Natal-
 
Reworker предпочтовая подготовка
Reworker предпочтовая подготовкаReworker предпочтовая подготовка
Reworker предпочтовая подготовкаNikita Florinskiy
 
3º trimestre 2015 adolescentes lição 03
3º trimestre 2015 adolescentes lição 033º trimestre 2015 adolescentes lição 03
3º trimestre 2015 adolescentes lição 03Joel Silva
 
EBD CPAD Lições bíblicas 1° trimestre 2016 lição 3 Esperando a volta de Jesus.
EBD CPAD Lições bíblicas 1° trimestre 2016 lição 3 Esperando a volta de Jesus.EBD CPAD Lições bíblicas 1° trimestre 2016 lição 3 Esperando a volta de Jesus.
EBD CPAD Lições bíblicas 1° trimestre 2016 lição 3 Esperando a volta de Jesus.GIDEONE Moura Santos Ferreira
 
Sermão da Montanha, Mateus 7
Sermão da Montanha, Mateus 7Sermão da Montanha, Mateus 7
Sermão da Montanha, Mateus 7JP Sanita
 
O verdadeiro discípulo
O verdadeiro discípuloO verdadeiro discípulo
O verdadeiro discípulomarckmel
 
Jesus e o Natal
Jesus e o NatalJesus e o Natal
Jesus e o Nataligmateus
 
Lição 13- Os Servos de Jesus, Sal da Terra e Luz do Mundo
Lição 13- Os Servos de Jesus, Sal da Terra e Luz do MundoLição 13- Os Servos de Jesus, Sal da Terra e Luz do Mundo
Lição 13- Os Servos de Jesus, Sal da Terra e Luz do MundoMaxsuel Aquino
 
Sal da terra
Sal da terraSal da terra
Sal da terraigmateus
 
Lição 13 os servos de jesus, sal da terra e luz do mundo ebd
Lição 13   os servos de jesus, sal da terra e luz do mundo  ebdLição 13   os servos de jesus, sal da terra e luz do mundo  ebd
Lição 13 os servos de jesus, sal da terra e luz do mundo ebdNayara Mayla Brito Damasceno
 
Jesus: Roteiro de Luz, Espiritismo: Receita de Vida
Jesus: Roteiro de Luz, Espiritismo: Receita de VidaJesus: Roteiro de Luz, Espiritismo: Receita de Vida
Jesus: Roteiro de Luz, Espiritismo: Receita de Vidaigmateus
 

Destaque (17)

Ensinamentos de jesus
Ensinamentos de jesusEnsinamentos de jesus
Ensinamentos de jesus
 
A imaculada concepção e a mulher eterna
A imaculada concepção e a mulher eternaA imaculada concepção e a mulher eterna
A imaculada concepção e a mulher eterna
 
Planificação da catequese para o ano 2012/2013
Planificação da catequese para o ano 2012/2013Planificação da catequese para o ano 2012/2013
Planificação da catequese para o ano 2012/2013
 
O Significado do Natal
O Significado do NatalO Significado do Natal
O Significado do Natal
 
Reworker предпочтовая подготовка
Reworker предпочтовая подготовкаReworker предпочтовая подготовка
Reworker предпочтовая подготовка
 
3º trimestre 2015 adolescentes lição 03
3º trimestre 2015 adolescentes lição 033º trimestre 2015 adolescentes lição 03
3º trimestre 2015 adolescentes lição 03
 
274 jesus é a luz do mundo
274   jesus é a luz do mundo274   jesus é a luz do mundo
274 jesus é a luz do mundo
 
EBD CPAD Lições bíblicas 1° trimestre 2016 lição 3 Esperando a volta de Jesus.
EBD CPAD Lições bíblicas 1° trimestre 2016 lição 3 Esperando a volta de Jesus.EBD CPAD Lições bíblicas 1° trimestre 2016 lição 3 Esperando a volta de Jesus.
EBD CPAD Lições bíblicas 1° trimestre 2016 lição 3 Esperando a volta de Jesus.
 
Sermão da Montanha, Mateus 7
Sermão da Montanha, Mateus 7Sermão da Montanha, Mateus 7
Sermão da Montanha, Mateus 7
 
O verdadeiro discípulo
O verdadeiro discípuloO verdadeiro discípulo
O verdadeiro discípulo
 
Luz Do Mundo
Luz Do MundoLuz Do Mundo
Luz Do Mundo
 
Sois a luz
Sois a luzSois a luz
Sois a luz
 
Jesus e o Natal
Jesus e o NatalJesus e o Natal
Jesus e o Natal
 
Lição 13- Os Servos de Jesus, Sal da Terra e Luz do Mundo
Lição 13- Os Servos de Jesus, Sal da Terra e Luz do MundoLição 13- Os Servos de Jesus, Sal da Terra e Luz do Mundo
Lição 13- Os Servos de Jesus, Sal da Terra e Luz do Mundo
 
Sal da terra
Sal da terraSal da terra
Sal da terra
 
Lição 13 os servos de jesus, sal da terra e luz do mundo ebd
Lição 13   os servos de jesus, sal da terra e luz do mundo  ebdLição 13   os servos de jesus, sal da terra e luz do mundo  ebd
Lição 13 os servos de jesus, sal da terra e luz do mundo ebd
 
Jesus: Roteiro de Luz, Espiritismo: Receita de Vida
Jesus: Roteiro de Luz, Espiritismo: Receita de VidaJesus: Roteiro de Luz, Espiritismo: Receita de Vida
Jesus: Roteiro de Luz, Espiritismo: Receita de Vida
 

Semelhante a A vida e os ensinamentos de Jesus

Semelhante a A vida e os ensinamentos de Jesus (20)

Jornal Rosa Mistica 2
Jornal Rosa Mistica 2Jornal Rosa Mistica 2
Jornal Rosa Mistica 2
 
Cristologia
CristologiaCristologia
Cristologia
 
Livro ebook-cristianismo-basico
Livro ebook-cristianismo-basicoLivro ebook-cristianismo-basico
Livro ebook-cristianismo-basico
 
Religião
ReligiãoReligião
Religião
 
Livro eu sou o senhor que te sara
Livro   eu sou o senhor que te saraLivro   eu sou o senhor que te sara
Livro eu sou o senhor que te sara
 
EU SOU O SENHOR QUE TE SARA
EU SOU O SENHOR QUE TE SARAEU SOU O SENHOR QUE TE SARA
EU SOU O SENHOR QUE TE SARA
 
Cultura religiosa - Crisma
Cultura religiosa - CrismaCultura religiosa - Crisma
Cultura religiosa - Crisma
 
A instituição do discipulado
A instituição do discipuladoA instituição do discipulado
A instituição do discipulado
 
Emrc 7º aula 15
Emrc 7º aula 15Emrc 7º aula 15
Emrc 7º aula 15
 
Emrc 7º aula 15
Emrc 7º aula 15Emrc 7º aula 15
Emrc 7º aula 15
 
Falsos cristos
Falsos cristosFalsos cristos
Falsos cristos
 
Cristianismo - Prof. Altair Aguilar
Cristianismo - Prof. Altair AguilarCristianismo - Prof. Altair Aguilar
Cristianismo - Prof. Altair Aguilar
 
cristologia-1.pptx
cristologia-1.pptxcristologia-1.pptx
cristologia-1.pptx
 
cristologia-1.pptx
cristologia-1.pptxcristologia-1.pptx
cristologia-1.pptx
 
Cristologia - Natureza humana de Cristo - Matheus Rocha
Cristologia - Natureza humana de Cristo - Matheus RochaCristologia - Natureza humana de Cristo - Matheus Rocha
Cristologia - Natureza humana de Cristo - Matheus Rocha
 
LIÇÃO 13 - Jesus cristo, o modelo supremo de caráter
LIÇÃO 13 - Jesus cristo, o modelo supremo de caráterLIÇÃO 13 - Jesus cristo, o modelo supremo de caráter
LIÇÃO 13 - Jesus cristo, o modelo supremo de caráter
 
Conheça a jesús
Conheça a jesúsConheça a jesús
Conheça a jesús
 
"EU SOU O SENHOR QUE TE SARA"
"EU SOU O SENHOR QUE TE SARA""EU SOU O SENHOR QUE TE SARA"
"EU SOU O SENHOR QUE TE SARA"
 
4 evangelistas
4 evangelistas4 evangelistas
4 evangelistas
 
56 A Igreja encontra problemas / 56 the church meets trouble portuguese
56 A Igreja encontra problemas / 56 the church meets trouble portuguese56 A Igreja encontra problemas / 56 the church meets trouble portuguese
56 A Igreja encontra problemas / 56 the church meets trouble portuguese
 

Mais de Thiago Vieira

Lesão Entorse Fratura e Contusão
Lesão Entorse Fratura e ContusãoLesão Entorse Fratura e Contusão
Lesão Entorse Fratura e ContusãoThiago Vieira
 
Lesão Entorse Fratura e Contusão
Lesão Entorse Fratura e ContusãoLesão Entorse Fratura e Contusão
Lesão Entorse Fratura e ContusãoThiago Vieira
 
Trabalho de redação
Trabalho de redaçãoTrabalho de redação
Trabalho de redaçãoThiago Vieira
 
Trabalho de matemática
Trabalho de matemáticaTrabalho de matemática
Trabalho de matemáticaThiago Vieira
 
Invertebrados - por Fabia Mello
Invertebrados - por Fabia MelloInvertebrados - por Fabia Mello
Invertebrados - por Fabia MelloThiago Vieira
 

Mais de Thiago Vieira (7)

Tigres asiaticos
Tigres asiaticosTigres asiaticos
Tigres asiaticos
 
Lesão Entorse Fratura e Contusão
Lesão Entorse Fratura e ContusãoLesão Entorse Fratura e Contusão
Lesão Entorse Fratura e Contusão
 
Lesão Entorse Fratura e Contusão
Lesão Entorse Fratura e ContusãoLesão Entorse Fratura e Contusão
Lesão Entorse Fratura e Contusão
 
Trabalho de redação
Trabalho de redaçãoTrabalho de redação
Trabalho de redação
 
Trabalho de matemática
Trabalho de matemáticaTrabalho de matemática
Trabalho de matemática
 
Poema
PoemaPoema
Poema
 
Invertebrados - por Fabia Mello
Invertebrados - por Fabia MelloInvertebrados - por Fabia Mello
Invertebrados - por Fabia Mello
 

Último

Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...marioeugenio8
 
Currículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São Paulo
Currículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São PauloCurrículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São Paulo
Currículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São Pauloririg29454
 
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...azulassessoria9
 
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...LuizHenriquedeAlmeid6
 
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptxnelsontobontrujillo
 
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdfHistória concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdfGisellySobral
 
Projeto envolvendo as borboletas - poema.doc
Projeto envolvendo as borboletas - poema.docProjeto envolvendo as borboletas - poema.doc
Projeto envolvendo as borboletas - poema.docCarolineWaitman
 
Sequência didática Carona 1º Encontro.pptx
Sequência didática Carona 1º Encontro.pptxSequência didática Carona 1º Encontro.pptx
Sequência didática Carona 1º Encontro.pptxCarolineWaitman
 
O que é literatura - Marisa Lajolo com.pdf
O que é literatura - Marisa Lajolo com.pdfO que é literatura - Marisa Lajolo com.pdf
O que é literatura - Marisa Lajolo com.pdfGisellySobral
 
Tema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdf
Tema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdfTema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdf
Tema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdfAnaAugustaLagesZuqui
 
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptxQuímica-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptxKeslleyAFerreira
 
Histogramas.pptx...............................
Histogramas.pptx...............................Histogramas.pptx...............................
Histogramas.pptx...............................mariagrave
 
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSSFormação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSSPedroMatos469278
 
UFCD_8291_Preparação e confeção de peixes e mariscos_índice.pdf
UFCD_8291_Preparação e confeção de peixes e mariscos_índice.pdfUFCD_8291_Preparação e confeção de peixes e mariscos_índice.pdf
UFCD_8291_Preparação e confeção de peixes e mariscos_índice.pdfManuais Formação
 
O que é, de facto, a Educação de Infância
O que é, de facto, a Educação de InfânciaO que é, de facto, a Educação de Infância
O que é, de facto, a Educação de InfânciaHenrique Santos
 
Modelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autores
Modelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autoresModelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autores
Modelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autoresAna Isabel Correia
 
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024azulassessoria9
 
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptxSlides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 

Último (20)

Poema - Maio Laranja
Poema - Maio Laranja Poema - Maio Laranja
Poema - Maio Laranja
 
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...
 
Currículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São Paulo
Currículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São PauloCurrículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São Paulo
Currículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São Paulo
 
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
 
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
 
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
 
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdfHistória concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
 
Projeto envolvendo as borboletas - poema.doc
Projeto envolvendo as borboletas - poema.docProjeto envolvendo as borboletas - poema.doc
Projeto envolvendo as borboletas - poema.doc
 
Sequência didática Carona 1º Encontro.pptx
Sequência didática Carona 1º Encontro.pptxSequência didática Carona 1º Encontro.pptx
Sequência didática Carona 1º Encontro.pptx
 
O que é literatura - Marisa Lajolo com.pdf
O que é literatura - Marisa Lajolo com.pdfO que é literatura - Marisa Lajolo com.pdf
O que é literatura - Marisa Lajolo com.pdf
 
Tema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdf
Tema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdfTema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdf
Tema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdf
 
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptxQuímica-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
 
Histogramas.pptx...............................
Histogramas.pptx...............................Histogramas.pptx...............................
Histogramas.pptx...............................
 
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSSFormação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
 
UFCD_8291_Preparação e confeção de peixes e mariscos_índice.pdf
UFCD_8291_Preparação e confeção de peixes e mariscos_índice.pdfUFCD_8291_Preparação e confeção de peixes e mariscos_índice.pdf
UFCD_8291_Preparação e confeção de peixes e mariscos_índice.pdf
 
O que é, de facto, a Educação de Infância
O que é, de facto, a Educação de InfânciaO que é, de facto, a Educação de Infância
O que é, de facto, a Educação de Infância
 
662938.pdf aula digital de educação básica
662938.pdf aula digital de educação básica662938.pdf aula digital de educação básica
662938.pdf aula digital de educação básica
 
Modelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autores
Modelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autoresModelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autores
Modelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autores
 
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024
 
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptxSlides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
 

A vida e os ensinamentos de Jesus

  • 1. A vida e os ensinamentos de Jesus
  • 2. Quem foi Jesus(humano)? Segundo o Cristianismo, Jesus seria o messias, o prometido de Deus para com os humanos. Segundo o Islamismo, Jesus foi um mensageiro de Allá e um profeta do Islã.
  • 3. Como Jesus Nasceu Jesus foi concebido pelo Espírito Santo. Nasceu de uma virgem Chamada Maria, que está que estava por casar com João, o “pai” de Jesus”.
  • 4. Para quê Jesus veio? Os Cristãos acreditam que Jesus veio para ser o salvador do mundo. Para o islamismo, a morte de Jesus foi um erro e que só foi consertado por Maomé.
  • 5. Que ensinamentos Jesus transmitiu? Os ensinamentos sobre Deus. Jesus ensinou que Deus é o Criador que se preocupa com a sua criação e cuida dela desde as menores criaturas como o pardal. Os ensinamentos sobre si O que Jesus falou de si próprio é de muita importância, pois foi isso que a igreja primitiva veio a ensinar sobre ele. Jesus usou alguns títulos para se descrever ou os aceitava quando os outros os usavam.
  • 6. Continuando... Jesus ensinou também a como ter uma vida “perfeita” -“Primeiro Jesus se esvaziou tornando-se homem. Depois, como homem, continuou se esvaziando. De que forma? Não fazendo nunca a sua própria vontade” Jesus também ensinou a orar. Portanto orai vós deste modo: Pai nosso que estás nos céus; santificado seja o teu nome; venha o teu reino; seja feita a tua vontade, assim na terra, como no céu. O pão nosso de cada dia nos dá hoje; e perdoa-nos as nossas dívidas, assim como nós também temos perdoado aos nossos devedores; e não nos deixes cair em tentação, mas livra-nos do mal.