Anticoncepcao

318 visualizações

Publicada em

Métodos Anti-concepcionais

Publicada em: Saúde e medicina
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
318
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
6
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Anticoncepcao

  1. 1.  Coito • • • Interrompido: É a retirada do pênis da vagina antes da ejaculação. Reduz a transmissão do HIV em casais monogâmicos. Eficácia: ideal:4 gestações a cada 100 mulheres no primeiro ano de uso perfeito. normal:27 gestações a cada 100 mulheres.
  2. 2.  Amamentação: • • • • É eficaz dependendo de variáveis individuais. Com a amamentação eleva se os niveis de prolactina reduzindo a secreção de GnRH,consequentemente reduzindo a produção de LH e FSH e inibindo a maturação folicular. A ovulação é improvável antes dos 6 meses. Os intervalos entre as amamentações não devem ser maiores que 4 horas durante o dia e 6 horas a noite.
  3. 3.  Consciência • • da fertilidade(abstinência periódica,contracepção natural) Deve-se evitar as relações sexuais durante o período fértil próximo do momento da ovulação. Para prever a ovulação analisa se a temperatura corporal,o muco cervical e a tabelinha.
  4. 4.  Preservativos: • • Método de barreira. Proteção contra concepção,DST e neoplasia cervical.
  5. 5.  Espermicidas • • • • vaginais: Nonoxinol-9 ,detergente aniônico tensoativo que imobiliza os espermatozoides. São pouco eficazes. Causa lesões genitais que facilitam a transmissão de HIV e outras DST’s. Aumenta a colonização da vagina por Escherichia coli já que mata os lactobacilos vaginais.
  6. 6.  Diafragma: • • Barreira vaginal que cobre o colo uterino impedindo a passagem dos espermatozoides. Normalmente é usado em associação ao espermicida.
  7. 7.  DIU • • • Contracepção adequada,segura e com eficácia equivalente a esterilização tubária. Causam a formação de uma espuma biológica na cavidade uterina,que contem filamentos de fibrina,células fagocíticas e enzimas proteolíticas. Os DIU de cobre liberam continuamente uma pequena quantidade de cobre produzindo uma resposta inflamatoria no local ainda maior.
  8. 8. • O ambiente uterino modificado interfere na passagem do espermatozoide pelo útero impedindo a fertilização.
  9. 9.  Contraceptivos • • • • hormonais Podem ser em forma de pílula(CO),injetável,adesivo,implantes e anéis vaginais. Podem conter estrógeno e progesterona ou apenas progesterona. O contraceptivo hormonal mais usado é o CO de associação(estrógeno+progesterona) CO:Podem ser monofásicos ou bifásicos,de 21 dias ou 28 dias(7 últimos são placebo).
  10. 10. • • Benefícios:Prevenção de câncer de ovário e câncer endometrial,redução dos índices de gravidez ectópica. Contra indicações:fumantes,mulheres com histórico de doenças cardiovasculares.
  11. 11.  Contracepção • • de emergência Estrogênio apenas,estrogênio e progesterona,levonorgestrel isolado. Estrogênio em alta dose:tomado dentro de 72 horas após o coito,evita a gravidez.O mecanismo de ação envolve alteração da motilidade tubária,interferência na função do corpo lúteo mediada por prostaglandinas,ou alteração no endométrio.

×