Apresentação
Segundo os PCNs ,um leitor competente é alguém que, por
iniciativa própria, é capaz de selecionar, dentre os ...
OBJETIVOS
 Construir na escola uma política de formação
de leitores na qual todos possam contribuir com sugestões para
de...
Formações continuadas
Meses previstos:
1ª Formação: 1ª quinzena de
fevereiro(procedimentos pertinentes a Sala de
Leitura)...
Assuntos para as formações
Voz, com o fonoaudiólogo Pablo
Dificuldade de aprendizagem: Sob o olhar
psicopedagógico, com ...
EIXO NORTEADOR : TEMAS TRANSVERSAIS
 Educação Infantil: Contos Infantis
Anos iniciais: Meio Ambiente, Pluralidade
Cultur...
Eventos previstos
1º semestre
Junho: Chá Literário
Julho: Semana Pedagógica
2º semestre
Desfile Cívico
Nossos Trabalhos
Conheça os trabalhos desenvolvidos por nosso
corpo docente em
smece-saladeleitura.blogspot.com.br
I formação de sala  de leitura  2015
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

I formação de sala de leitura 2015

257 visualizações

Publicada em

Projeto 1 Smece-Sala de Leitura Seropécida

Publicada em: Mídias sociais
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
257
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
93
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

I formação de sala de leitura 2015

  1. 1. Apresentação Segundo os PCNs ,um leitor competente é alguém que, por iniciativa própria, é capaz de selecionar, dentre os trechos que circulam socialmente, aqueles que podem atender a uma necessidade sua. Que consegue utilizar estratégias de leitura adequada para abordá-los de forma a atender a essa necessidade. Formar um leitor competente supõe formar alguém que compreenda o que lê; que possa aprender a ler também o que não está escrito, identificando elementos implícitos; que estabeleça relações entre o texto que lê e outros textos já lidos; que saiba que vários sentidos pode ser atribuídos a um texto. Um leitor competente só pode constituir-se mediante uma prática constante de leitura de textos de fato, a partir de um trabalho que deve se organizar em torno da diversidade de textos que circulam socialmente.
  2. 2. OBJETIVOS  Construir na escola uma política de formação de leitores na qual todos possam contribuir com sugestões para desenvolver uma prática constante de leitura que envolva o conjunto da unidade escolar;  Valorizar a leitura como fonte de informação, via de acesso aos mundos criados pela literatura;  Compreender fazer uso de informações contidas nos textos.
  3. 3. Formações continuadas Meses previstos: 1ª Formação: 1ª quinzena de fevereiro(procedimentos pertinentes a Sala de Leitura); 2ª Formação: 1ª quinzena de maio 3ª Formação: 1ª quinzena de agosto 4ª Formação: 1ª quinzena de outubro
  4. 4. Assuntos para as formações Voz, com o fonoaudiólogo Pablo Dificuldade de aprendizagem: Sob o olhar psicopedagógico, com a psicopedagoga Alyne Dislexia, com a psicopedagoga Simone
  5. 5. EIXO NORTEADOR : TEMAS TRANSVERSAIS  Educação Infantil: Contos Infantis Anos iniciais: Meio Ambiente, Pluralidade Cultural, Ética e Saúde. Anos finais: Meio Ambiente, Pluralidade Cultural, Ética , Saúde e Orientação sexual.
  6. 6. Eventos previstos 1º semestre Junho: Chá Literário Julho: Semana Pedagógica 2º semestre Desfile Cívico
  7. 7. Nossos Trabalhos Conheça os trabalhos desenvolvidos por nosso corpo docente em smece-saladeleitura.blogspot.com.br

×