crack

1.424 visualizações

Publicada em

Publicada em: Tecnologia, Saúde e medicina
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.424
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
96
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

crack

  1. 1. Ana Paula Horn, Gabriele da Costa e Jhenifer da Costa Turma: 71
  2. 2. O crack é feito de: Cocaína e bicarbonato de sódio.
  3. 3. A droga leva de 5 a 8 segundos para surtir efeito, uma euforia que dura no máximo cinco minutos: 1. O crack é queimado e sua fumaça aspirada passa pelos alvéolos pulmonares. 2. Via alvéolos o crack cai na circulação e atinge o cérebro.
  4. 4. 3. No sistema nervoso central, a droga age diretamente sobre os neurônios. O crack bloqueia a recaptura do neurotransmissor dopamina, mantendo a substância química por mais tempo nos espaços
  5. 5. Com isso as atividades motoras e sensoriais são superestimuladas. A droga aumenta a pressão arterial e a frequência cardíaca.
  6. 6. 4. O crack é distribuído pelo organismo por meio da circulação sanguínea. 5. No fígado, ele é metabolizado. 6. A droga é eliminada pela urina.
  7. 7. Efeitos: Euforia, após o feito o usuario se sente deprimido, o que leva o usuário a usar novamente para compensar o mal-estar, provocando intensa dependência. O usuário tem alucinações, paranóia (ilusão de perseguição).
  8. 8. O crack eleva a temperatura do corpo, podendo causar um acidente vascular cerebral.
  9. 9. A droga também causa destruição de neurônios e provoca degeneração dos músculos do corpo, o que da aparência característica (esquelética) ao individuo: Ossos da face saliente, braços e perna finas e costelas aparentes.
  10. 10. O crack inibe a fome de maneira que os usuários só se alimenta quando não está sob seu efeito narcótico. Outro efeito da droga é o excesso de horas sem dormir, e tudo isso deixa o dependente facilmente doente.
  11. 11. Como é feito: Passo 1 (esquerda): O pó é dissolvido em água quente. Passo 2 (direita): É adicionado bicarbonato de
  12. 12. Passo 3 (esquerda): A solução é fervida para separar a parte sólida. Passo 4 (direita): Resfriamento da mistura separada.
  13. 13. Passo 5: Filtragem da mistura fria para isolar os sólidos.
  14. 14. Crack (no filtro ).
  15. 15. O quer fazer se souber que alguém está começando a usar crack? Encaminhá-lo imediatamente ao tratamento disponível na sua região. O crack avança rapidamente em direção à dependência. Portanto, quanto mais precocemente o usuário for auxiliado, maior será sua chance deClinica de recuperação Santa Rita.
  16. 16. Bibliografia: www.todoscontraocrack.blogspot.com www.correio24horas.globo.com www.alagoas24horas.com.br/conteudo/?vEditoria. www.meuartigo.com www.wikipedia.com www.saude.hsw.uol.com.br www.brasil.gov.br

×