1

90 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
90
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

1

  1. 1. 1 ° Geração Aquarela do Brasil (interpretação : Gal Costa) Composição: Ary Barroso (Trecho) Brasil, meu Brasil Brasileiro Meu mulato inzoneiro Vou cantar-te nos meus versos Ô Brasil, samba que dá Bamboleio, que faz gingar Ô Brasil do meu amor Terra de Nosso Senhor Brasil, Brasil, prá mim, prá mim... Junto com esse ufanismo, veio também a exaltação do índio. Isso porque o índio era nativo do Brasil, antes da chegada dos portugueses. Canibal - Ivete Sangalo Morava numa ilha perdida e deserta Deserta, ilha deserta da dor Sonhava com um índio Que me desse alegria E esse índio era você amor(2x) Com um penacho na cabeça, de uma tribo de paz Tocava tambor, eu quero mais, eu quero mais(2x) O seu amor é canibal Comeu meu coração
  2. 2. Mas agora eu sou feliz O seu amor é canibal Meu coração Agora é todo carnaval(2x) 2° Geração CPM 22 – “Um minuto para o fim do mundo”, onde o sentimentalismo exagerado, a idealização da mulher, a solidão e o tédio. Letra: Me sinto só... Mas quem é que nunca se sentiu assim Procurando um caminho pra seguir, Uma direção - respostas Um minuto para o fim do mundo, Toda sua vida em 60 segundos Uma volta no ponteiro do relógio pra viver O tempo corre contra mim, sempre foi assim e sempre vai ser... Vivendo apenas pra vencer a falta que me faz você De olhos fechados eu tento esconder a dor agora Por favor entenda, eu preciso ir embora porque... Quando estou com você Sinto meu mundo acabar, perco o chão sob os meus pés Me falta o ar pra respirar E só de pensar em te perder por um segundo, Eu sei que isso é o fim do mundo Volto o relógio para trás tentando adiar o fim,
  3. 3. Tentando esconder o medo de te perder quando me sinto assim De olhos fechados eu tento enganar meu coração Fugir pra outro lugar em uma outra direção porque Quando estou com você Sinto meu mundo acabar Perco o chão sobre os meus pés Me falta o ar pra respirar E só de pensar em te perder por um segundo Eu sei que isso é o fim do mundo(Bis) Eu sei que isso é o fim do mundo Eu sei que isso é o fim...(Bis) Eu sei que isso é o fim do mundo! 3° Geração Não me convidaram Pra essa festa pobre Que os homens armaram pra me convencer A pagar sem ver Toda essa droga Que já vem malhada antes de eu nascer Não me ofereceram Nem um cigarro Fiquei na porta estacionando os carros Não me elegeram Chefe de nada O meu cartão de crédito é uma navalha
  4. 4. Brasil Mostra tua cara Quero ver quem paga Pra gente ficar assim Brasil Qual é o teu negócio? O nome do teu sócio? Confia em mim Não me convidaram Pra essa festa pobre Que os homens armaram pra me convencer A pagar sem ver Toda essa droga Que já vem malhada antes de eu nascer Não me sortearam A garota do Fantástico Não me subornaram Será que é o meu fim? Ver TV a cores Na taba de um índio Programada pra só dizer "sim, sim" Brasil Mostra a tua cara
  5. 5. Quero ver quem paga Pra gente ficar assim Brasil Qual é o teu negócio? O nome do teu sócio? Confia em mim Grande pátria desimportante Em nenhum instante Eu vou te trair (Não vou te trair)

×