Call 1 T11 Port

277 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação, Negócios, Tecnologia
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Call 1 T11 Port

  1. 1. BM&FBovespa: VLID3APRESENTAÇÃO DATELECONFERÊNCIARESULTADOS 1T11
  2. 2. CONSOLIDADO Destaques Financeiros 1T10 1T11 (R$ milhões) Receita Líquida 170,1 206,0 EBITDA¹ 37,5 43,1 Margem EBITDA² 22,0% 20,4% Lucro Líquido³ 19,1 23,2 Margem Líquida 11,2% 11,3%¹ EBITDA ajustado por despesas não-recorrentes no 1T10² Margem EBITDA desconsidera o valor da equivalência patrimonial no 1T11³ Lucro Líquido ajustado por IR e CS diferido passivo e por despesas não-recorrentes EBITDA 14,9% superior ao apresentado no mesmo período de 2010; Aumento de 21,1% na Receita Líquida; Aumento do payout de 30% para 40% do lucro líquido ajustado no pagamento de JCP e Dividendos para2011; Nova estrutura de negócios, focada à necessidade dos clientes; 3
  3. 3. MIX DE RECEITA LÍQUIDA E EBITDA 1T11Receita Líquida Meios de 23,0% Meios de pagamento com maior contribuição Pagamentos para a Receita Líquida, 3,9 p.p. superior ao 1T10 48,9% Sistema de Identificação 28,1% TelecomunicaçãoEBITDA 20,4% Meios de Pagamentos Sistemas de Identificação ainda com maior 35,0% Sistema de percentual no EBITDA da Companhia. Identificação Telecomunicação 44,6% 4
  4. 4. MEIOS DE PAGAMENTO 1T10 1T11Receita Líquida 76,6 100,7EBITDA 5,2 15,1Margem EBITDA 6,8% 15,0%Volume de vendas (milhões de cartões) 33,2 48,9Continuidade no avanço dos Smart Cards contribuiu para Receita Líquida 31,5% superior; EBITDA de R$ 15,1 milhões, superior em 190,4% em relação ao 1T10; Margem de EBITDA saindo de 6,8% para 15,0% no trimestre comparado; 5
  5. 5. SISTEMAS DE IDENTIFICAÇÃO 1T10 1T11Receita Líquida 53,3 58,0EBITDA 20,6 19,2Margem EBITDA 38,6% 33,1%Volume de vendas (milhões) 3,9 3,4 Receita Líquida 8,8% superior ao 1T10; EBITDA cedendo 6,8% em relação ao mesmo período de 2010, impactados pela redução de volume dedocumentos emitidos; Margem de EBITDA saindo de 38,6% para 33,1% no 1T11; Expectativa de continuidade da inclusão de novos serviços em contratos já existentes. 6
  6. 6. TELECOMUNICAÇÕES 1T10 1T11Receita Líquida 40,2 47,3EBITDA 11,7 8,8Margem EBITDA 29,1% 16,3%Volume de vendas (Cartões) 12,0 14,4Equivalência Patrimonial 1,1 Incremento de 17,7% na Receita Líquida da divisão; EBITDA de R$ 8,8 milhões, ante R$ 11,7 milhões no 1T10. Se desconsiderarmos o valor de R$ 4 milhõesrecebidos em 2010, verificamos um incremento de 14,3% T/T; Expectativa de aumento de market share para 2011. 7
  7. 7. POSIÇÃO DE CAIXA Posição no 1T11 R$ milhões Caixa Inicial 139,7 Capex (5,2) Recompra (3,3) Dividendos / JCP (7,0) Outros 0,6 Caixa Final 124,8 8
  8. 8. ENDIVIDAMENTO R$ milhões Debêntures Dívida Bruta 189,7 R$ 180 milhões Caixa 124,8 Emissão: Abr/2008 Dívida Líquida 64,9 1ª parcela: Abr/2011 Dívida Líquida / EBITDA* 0,36 Remuneração: CDI + 1,5% a.a EBITDA* / Despesa Financeira* 8,44 Prazo: 5 anos Período de Carência: 3 anos Covenants - Div. Líquida / EBITDA ≤ 2,5 - EBITDA / Despesas Financeiras ≥ 2,0* EBITDA e Despesa Financeira acumulados nos últimos 12 meses 9
  9. 9. OUTLOOK 2011 1. Plano Estratégico 2. Certificação Digital 3. Eleição da Diretoria 4. Dividendos 5. EBITDA 10
  10. 10. CONTATOS RELAÇÕES COM INVESTIDORESPara informações adicionais, entre em contato com a área de RI:Carlos Affonso D’AlbuquerqueDiretor Financeiro e de RIaffonso@valid.com.br+55 (21) 2195-7202+55 (21) 9584-1338Website Relações com Investidores:www.valid.com.br/riAv. Presidente Wilson, 231 - 16° Andar - Rio de Janeiro - RJ - CEP 20030-905 11
  11. 11. RESSALVA SOBRE DECLARAÇÕES FUTURASEsta apresentação contém considerações futuras referentes às perspectivas do negócio, estimativas deresultados operacionais e financeiros, e às perspectivas de crescimento da Valid. Estas são apenas projeções e,como tal, baseiam-se exclusivamente nas expectativas da administração da Valid em relação ao futuro donegócio e seu contínuo acesso a capitais para financiar o plano de negócios da Companhia. Tais consideraçõesfuturas dependem, substancialmente, de mudanças nas condições de mercado, regras governamentais,pressões da concorrência, do desempenho do setor e da economia brasileira, entre outros fatores, além dosriscos apresentados nos documentos de divulgação arquivados pela Valid e estão, portanto, sujeitas a mudançassem aviso prévio. 12

×