3 para viver_infancia_trava_lingua

1.365 visualizações

Publicada em

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.365
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
29
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

3 para viver_infancia_trava_lingua

  1. 1. 1 TravaTravaTravaTrava----LínguaLínguaLínguaLíngua Coletânea organizada por Marita Martins Redin Trava-língua é um tipo de parlenda, ou seja, ditos ou rimas sem música, destinados a ensinar, ou divertir a criança. A trava-língua é um tipo diferente de parlenda, pois sua pronúncia é difícil e a repetição rápida provoca deturpação dos termos. Podem ser em versos, em palavras soltas ou em pequenos textos. 1. O Rato e a Rosa Rita O rato roeu a roupa do rei de Roma, O rato roeu a roupa do rei da Rússia, O rato roeu o rabo do Rodovalho. O rato a roer roía. E a Rosa Rita Ramalho do rato a roer se ria! 2. A Rata A rata roeu a rolha Da garrafa da rainha. 3. O Rato O rato roeu a roupa da rainha do rei de Roma O rei de Roma de raiva roeu o resto 4. Tigre UM TIGRE DOIS TIGRES TRÊS TIGRES 5. Três pratos de trigo Para três tigres tristes.
  2. 2. 2 6. Retreta Quando toca a retreta na praça repleta Se cala o trombone se toca a trombeta 7. Trinco Troca o trinco, Traz o troco Troca o troco, Traz o trinco. 8. Crocodilo É crocogrilo ? É cocodrilo? É cocrodilo ? É cocodilho ? É corcodilho ? É crocrodilo ? É crocodilho ? É corcrodilo ? É corcodilo ? É jacaré? Será que ninguém acerta o nome Do crocodilo mané 9. Padre Pedro - Pedreiro da catedral está aqui o padre Pedro? - Qual padre Pedro? - O padre Pedro Pires Pisco Pascoal. - Aqui na catedral tem três padres Pedros Pires Piscos Pascoais. Como em outras catedrais. 10.Pedro Pedro tem o peito preto Peito de Pedro é preto. Se o peito de Pedro é preto, Peito do pé de Pedro é preto ? 11.Pintor Português Paulo Pereira Pinto Peixoto, Pobre pintor português, Pinta perfeitamente Portas, paredes e pias, Por parco preço, patrão.
  3. 3. 3 12.Constantinopla O bispo de Constantinopla É bom constantinopolizador Quem o desconstantinopolitanizar, Bom desconstantinopolitanizador será! 13.Chuchu Chuchu roxo Em tacho sujo 14.Tatu - Alô, o tatu taí? - Não, o tatu num tá. Mas a mulher do tatu tando é o mesmo que o tatu lá. 15.Gato Gato escondido Com o rabo de fora Ta mais escondido Que rabo escondido Com gato de fora. 16.Pato, gato, rato Paga o pato, dorme o gato, Foge o rato, paga o gato, Dorme o rato, foge o pato, Paga o rato, dorme o pato, Foge o gato. 17.O Sapo no saco Olha o sapo dentro do saco, O saco com o sapo dentro, O sapo batendo papo E o papo soltando vento.
  4. 4. 4 18.Galinha Galinha que cisca muito Borra tudo e quebra o caco, Pois agora você diga Certo, sem fazer buraco, Aranha arranhando a jarra E o sapo socando o saco. 19.Arara Arara da Iara Iara amarra A arara rara A rara arara De Araraquara. 20.Lagartixa Larga a tia, largatixa! Largatixa, larga a tia ! Só no dia em que sua tia Chamar largatixa De lagartixa ! 21.Ninho de Mafagafos Num ninho de mafagafos Há cinco mafagafinhos. Quem os desmafagafizar, Bom desmafagafizador será. Um ninho de mafagafas Tinha seis mafagafinhos. Tinha também magafaças, Maçagafas, maçafinhos. Mafafagos, magaçafas, Maçafagas, magafinhos. Isso além dos magafafos E dos magafagafinhos. O desinquivincavacador Das caravelarias Desinquivincavacaria As cavidades Que deveriam ser Desinquivincavacadas.
  5. 5. 5 22.Pinto Pia o pinto Pinga a pia Pinga a pia Pinto pia 23. Pinto O pinto pia, a pipa pinga. Pinga a pipa, o pinto pia. Pinto pia, pipa pinga. Quanto mais o pinto pia Mais a pipa pinga. 24 Pardal Pardo - Pardal pardo, por que palras? - Palro sempre e palrarei, porque sou o pardal pardo, o palrador d'el-rei. 25.Aranha Aranha tatanha Aranha tatinha Tatu é que arranha A tua casinha Se a aranha arranha a rã, Se a rã arranha a aranha, Como a aranha arranha a rã? Como a rã arranha a aranha? 26.Tempo O tempo perguntou pro tempo Quanto tempo o tempo tem. O tempo respondeu pro tempo. Que o tempo tem tanto tempo Quanto tempo o tempo tem. 27.Tempo O tempo perguntou pro tempo Qual é o tempo que o tempo tem. Tempo respondeu pro tempo Que não tem tempo Pra dizer pro tempo Que o tempo do tempo É o tempo que o tempo tem.
  6. 6. 6 28.Velha Furunfunfelha Era uma vez um caçador furunfunfor, triunfunfor, misericuntor; Que foi à caça furunfunfaça,triunfunfaça,misericuntaça; e caçou um coelho furunfunfelho, triunfunfelho, misericuntelho... Então pegou o bicho furunfunfelho, triunfunficho, misericunticho, E levou-o a uma velha furunfunfelha, triunfunfelha, misericuntelha, E pediu: - Velha furunfunfelha, triunfunfelha, misericuntelha assa-me este coelho furunfunfelho, triunfunfelho, misericuntelho. - Pois não - disse a velha furunfunfelha, triunfunfelha, misericuntelha. E pegou o coelho furunfunfelho, triunfunfelho, misericuntelho E assou no forno furunfunfelho, triunfunforno, misericuntorno; Mas tendo fome furunfunfome, triunfunfome, misericuntome, Comeu o assado furunfunfado, triunfunfado, misericuntado. Quando veio o caçador furunfunfor, triunfunfor, misericuntor procurar o almoço furunfunfoço, triunfunfoço, misericuntoço Perguntou assim: - Velha furunfunfelha, triunfunfelha, misericuntelha, Onde está minha caça furunfunfaça, triunfunfaça, misericuntaça? - Ó meu senhor furunfunfor, triunfunfor, misericuntor! - disse a velha furunfunfelha, triunfunfelha, misericuntelha. - O seu coelho furunfunfelho, triunfunfelho, misericuntelho, Comeu-o o gato furunfunfato, triunfunfato, misericuntato... 29.Jabuticabeira -Jabuticabeira pequenina, Quando te despequeninajabuticabeirarizarás tu? - Eu me despequeninajabuticabeirarizarei Ao se despequeninajabuticabeirarizarem Todas as pequeninas jabuticabeiras Ainda não despequeninasjabuticabeirarizadas.
  7. 7. 7 30.Zé é - Zé é, Ducatiribé Salamacuté Fifirififé Cadê a aninha inha, Ducatiribinha Salamacutinha Fifirififnha? - saiu com a Rute ute, Ducatiribute Salamacutute Fifirififute, Visitar o João ão, Ducatiribão Salamacutão Fifirififão. 31.O velho Por aquela serra acima Vai um velho seco e peco. - Ó seu velho seco e peco! Este cepo seco é seu? 32.Maria -mole Maria-mole é molenga. Se não é molenga Não é maria-mole É coisa malemolente, Nem mala, nem mola. Nem maria , nem mole.
  8. 8. 8 33.Dedo, dado, dia É um dedo, é um dado, é um dia. É um dia, é um dado, é um dedo. É um dedo, é um dia, é um dado. É um dado, é um dedo, é um dia. É um dia, é um dedo, é um dado. 34.A tia tantã Tinha tanta tia tantã. Tinha tanta anta antiga. Tinha tanta anta que era tia. Tinha tanta tia que era anta. 35.Doce O doce perguntou pro doce Qual é o doce mais doce Que o doce de batata-doce. Doce respondeu pro doce Que o doce mais doce que Doce de batata-doce É o doce de doce de batata-doce. 36.Feijão melão pinhão mamão Feijão, melão, pinhão, mamão. Meijão, malão, feinhão, pimão. Pijão, feilão, manão, memão. Majão, pilão, menhão, feimão. 37. O sabiá A sábia não sabia Que o sábio sabia Que o sabiá sabia Que o sábio não sabia Que o sabiá não sabia Que a sábia não sabia Que o sabiá sabia assobiar. Sabias que o sabiá sabia assobiar ? 38.De Pedro A lontra prendeu a Tromba do monstro de pedra E a prenda de prata De Pedro, o pedreiro. 39.Paralelepípedo Disseram que na minha rua Tem paralelepípedo feito De paralelogramos. Seis paralelogramos Tem um paralelepípedo. Mil paralelepípedos Tem uma paralelepípedovia Uma paralelepípedovia Tem mil paralelogramos Então uma paralelepípedovia É uma paralelogramolândia ?
  9. 9. 9 40.Lalá Lelé e Lili Lalá, Lelé e Lili E suas filhas Lalalá, Lelelé e Lilili E suas netas Lalelá, Lelalé, e Lileli E suas bisnetas Lilelá, Lalilé e Lelali E suas tataranetas Laleli, Lilalé e Lelilá Cantavam em coro Lalalalalalalalalá. 41.Sábios sabidos Sabendo o que sei E sabendo o que sabes E o que não sabes E o que não sabemos, Ambos saberemos Se somos sábios, sabidos. Ou simplesmente saberemos Se somos sabedores. 42.Metofísteles Mefistófeles felestofisme Fez com que tomelesfisse os Lesfemefistos e os Fisfemetoles com os Femetofisles e os tolesmefifes. Foi daí que nasceu um Metofisfeles felestofismezinho. 43.Não confunda Não confunda Ornitorrinco com Otorrinolarinfologista, Ornitorrinco com ornitologista, Ornitologista com Otorrinolaringologista, Porque ornitorrinco É ornitorrinco, Ornitologista é ornitologista E otorrinolaringologista é Otorrinolaringologista. 44.O gago e o gagá Um grego é gago, Outro grogue é gagá. Tem um grego gagá E um grogue gago. Tem também Um grego grogue E um gago gagá. HEYLEN, Jaqueline. Parlenda, riqueza folclórica. Base para a educação e iniciação à música. São Paulo: Editora Hucitec e Instituto Nacional do Livro, 1987. RODARI, Gianni. Gramática da Fantasia. São Paulo: Summus, 1992

×