Igrejas em pequenos grupos

8.552 visualizações

Publicada em

Publicada em: Espiritual, Diversão e humor
0 comentários
8 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
8.552
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
197
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
475
Comentários
0
Gostaram
8
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Igrejas em pequenos grupos

  1. 1. IGREJAS EM PEQUENOS GRUPOS  Evangelismo em PGs e crescimento dinâmico da igreja são dois lados de uma mesma moeda.  Estudos mostram que esta relação independe da cultura e da época.  Isto evidencia que PGs é um princípio universal. TED Talmidin Escola de Discípulos
  2. 2. O QUE É IGREJA EM PGs? PG é o centro dos ministérios da igreja. PG é a estrutura de funcionamento da vida e da missão da igreja. PG não é “mais um programa”; é o coração da igreja. PG é a espinha dorsal da igreja. PG é o estilo de vida e liderança da igreja. TED Talmidin Escola de Discípulos
  3. 3. DECLARAÇÃO PASTORAL  Lawrence khong é pastor da Igreja Batista Comunidade da Fé em Cingapura. Esta igreja tem 6500 membros e possui 550 PGs.  Ele fez a seguinte declaração: TED Talmidin Escola de Discípulos
  4. 4. UMA IGREJA EM PGs “Há uma grande diferença entre uma igreja com PGs e uma igreja em PGs … Nós não fazemos nada fora do PG. Tudo aquilo que a igreja precisa fazer – treinamento, preparo, discipulado, evangelismo, oração, adoração – é feito por meio do PG. Nosso culto…é somente uma celebração coletiva”. TED Talmidin Escola de Discípulos
  5. 5. 5 PONTOS BÁSICOS O PG tem um foco: EVANGELISMO. O PG tem dois objetivos: EDIFICAÇÃO E PROCLAMAÇÃO. O PG tem seu objetivo final: SALVAÇÃO de almas. Ele é criado para reproduzir-se. O PG não é uma reunião semanal; a reunião semanal faz parte do PG. Celebração - Culto : Reunião de PGs para a ADORAÇÃO. TED Talmidin Escola de Discípulos
  6. 6. EVANGELISMO NO METODISMOANTIGO  John Wesley foi o pioneiro do evangelismo em pequenos grupos.  No final do século XVIII desenvolveu mais de 10.000 pequenos grupos.  Centenas de milhares de pessoas participaram do seu sistema de PGs. TED Talmidin Escola de Discípulos
  7. 7. O SUCESSO DE WESLEY T. A. Hegre afirma:“Creio que o sucesso de Wesley devia-se ao seu hábito de estabelecer pequenos grupos. Seus convertidos se encontravam regularmente em grupos de cerca de 12 pessoas. Se o grupo ficasse muito grande, ele se dividia, e podia continuar dividindo- se sempre de novo”. TED Talmidin Escola de Discípulos
  8. 8. A VISÃO DE WESLEY - PGS Wesley não se convencia de que alguém havia tomado uma decisão por Cristo, se aquela pessoa não estivesse envolvida em um PG. Wesley pregava e então convidava as pessoas a unirem- se a um PG. O objetivo principal em sua pregação era dar início a novos PGs. TED Talmidin Escola de Discípulos
  9. 9. DAVID YONGGI CHO  Ele é considerado o introdutor mundial de PGs no século XX.  Ele é o fundador da Igreja Yoido do Evangelho Pleno em Seul, na Coréia.  Esta igreja tornou-se a maior do mundo através do movimento moderno de PGs. TED Talmidin Escola de Discípulos
  10. 10. LIDERANÇA Ele reconhece que o sucesso dos PGs está na liderança. Cada líder conhece, desde o início, a sua missão – trazer não-cristãos a Jesus Cristo, com o objetivo de multiplicar a célula. Se o líder fracassa é motivado a participar do retiro da Montanha da Oração da igreja, para jejuar e orar. TED Talmidin Escola de Discípulos
  11. 11. CRESCIMENTO DO PG Geralmente um PG se multiplica em nove meses. No entanto, o especialista em PGs, Carl George, acredita que uma taxa de crescimento anual de 20% para os PGs é razoável. Isso significa que um grupo de dez pessoas, pode passar a doze, em doze meses. Também significa que 50 membros podem passar a 100 em quatro anos, a 310 em dez anos, a 770 em quinze anos, a 2358 em vinte anos. TED Talmidin Escola de Discípulos
  12. 12. COMO ESTÁ A LIDERANÇA DA SUAIGREJA EM PGS?  Que fatores da liderança, não têm influência sobre a multiplicação dos PGs?  Que fatores da liderança, têm influência sobre a multiplicação dos PGs? TED Talmidin Escola de Discípulos
  13. 13. FATORES QUE NÃO INFLUENCIAM CARACTERÍSTICAS DO LÍDER: Sexo, classe social, idade, estado cívil, formação acadêmica. PERSONALIDADE DO LÍDER: Tanto os introvertidos como os extrovertidos multiplicam seus PGs. DONS DO LÍDER: As pessoas com o dom do ensino, de pastor, misericórdia, liderança e evangelismo multiplicam suas células da mesma maneira que outros. TED Talmidin Escola de Discípulos
  14. 14. FATORES QUE INFLUENCIAM O TEMPO DEVOCIONAL DO LÍDER: Os líderes que investem 90 minutos ou mais em devocionais diários multiplicam os seus grupos duas vezes mais do que aqueles que investem menos do que 30 minutos por dia. A ORAÇÃO INTERCESSÓRIA DO LÍDER: É o trabalho mais importante do líder para unir, fortalecer e multiplicar o seu PG. TED Talmidin Escola de Discípulos
  15. 15. FATORES QUE INFLUENCIAM ESTABELECER ALVOS: O líder que falha na fixação de alvos; tem 50% de probabilidade de multiplicar seu PG. Os que estabelecem passam a ter 75% de probabilidade. CONHECER A DATA DA MULTIPLICAÇÃO: É considerado um fator importante e motivacional. TREINAMENTO DA LIDERANÇA: Líderes que recebem treinamento multiplicam seus PGs com maior rapidez. TED Talmidin Escola de Discípulos
  16. 16. FATORES QUE INFLUENCIAM VISITAS REALIZADAS PELO LÍDER: Líderes que fazem contato com cinco a sete pessoas novas por mês têm 80% de probabilidade de multiplicar o seu PG. Quando o líder visita somente 1 a 3 pessoas por mês, as chances caem para 60%. Líderes que visitam oito pessoas novas ou mais, cada mês, multiplicam os seus PGs duas vezes mais do que aqueles que visitam uma ou duas. TED Talmidin Escola de Discípulos
  17. 17. FATORES QUE INFLUENCIAM LÍDERES QUE MOTIVAM SEMANALMENTE O SEU PG A TRAZER AMIGOS: Estes líderes chegam a duplicar o potencial de multiplicação do seu PG em comparação àqueles que o fazem apenas ocasionalmente ou nunca. ENCONTROS SOCIAIS: Os PGs que têm seis ou mais encontros sociais por mês se multiplicam duas vezes mais do que aqueles que têm apenas um ou nenhum. TED Talmidin Escola de Discípulos
  18. 18. FATORES QUE INFLUENCIAM VISITAÇÃO PASTORAL: Visitação regular pelo líder aos membros do seu PG ajuda a consolidar o PG. LIDERANÇA COMPARTILHADA: Líderes que preparam uma equipe para ajudar na liderança dobram sua capacidade de multiplicar o PG. TED Talmidin Escola de Discípulos
  19. 19. CONCLUSÃO:  “Um líder vê sempre três coisas: O que deve ser feito, o que pode ser feito, e como fazê-lo.” – Eleanor L. Doan.  “Liderar é ter a capacidade e vontade de mobilizar homens e mulheres para um objetivo comum” – Bernard Montgomery. TED Talmidin Escola de Discípulos

×