LINGUAGEM JORNALÍSTICAS E FERRAMENTAS WEB 2.0           Como produzir conteúdo multimídia para a internetsubprojeto 3Mapea...
2           LINGUAGEM JORNALÍSTICAS E FERRAMENTAS WEB 2.0 - Como produzir conteúdo multimídia para a internet             ...
3           LINGUAGEM JORNALÍSTICAS E FERRAMENTAS WEB 2.0 - Como produzir conteúdo multimídia para a internet             ...
4          LINGUAGEM JORNALÍSTICAS E FERRAMENTAS WEB 2.0 - Como produzir conteúdo multimídia para a internet              ...
LINGUAGEM JORNALÍSTICAS E FERRAMENTAS WEB 2.0 - Como produzir conteúdo multimídia para a internet   Novos Talentos - Capes...
LINGUAGEM JORNALÍSTICAS E FERRAMENTAS WEB 2.0                                  Como produzir conteúdo multimídia para a in...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Tutorial jornalismo impresso

572 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
572
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
7
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Tutorial jornalismo impresso

  1. 1. LINGUAGEM JORNALÍSTICAS E FERRAMENTAS WEB 2.0 Como produzir conteúdo multimídia para a internetsubprojeto 3Mapeamento de Serviços Públicos Locais para celular e Internet: Unindo Inclusão Digital, Aprendizagem da Línguae Exercício da Cidadania em Atividades Extracurriculares
  2. 2. 2 LINGUAGEM JORNALÍSTICAS E FERRAMENTAS WEB 2.0 - Como produzir conteúdo multimídia para a internet Novos Talentos - Capes - UFTM Quem aí não já teve aula de redação e não se lembra das tentativas de elaborar uma disserta- O quê? ção? Escrever nem sempre é uma tarefa fácil, não é Pesquisa do IBGE mostrou que Brasília é a capital nacional do bullying. Belo mesmo? O jornalismo impresso, diferente dos ou- Horizonte ocupa o segundo lugar no ranking das capitais brasileiras que mais tros veículos, exige que as informações sejam mais registram casos de bullying nas escolas. A gravidade do ato pode levar os jo- detalhadas. vens infratores à aplicação de medidas socioeducativas e seus pais podem O autor da matéria, ou seja, o repórter, deve ser obrigados a pagar indenizações. tentar inserir as informações no texto de forma plu- ralista e equilibrada, dando espaço para todos os lados e opiniões que giram em torno de um assunto. Quem? Por isso, geralmente, na reportagem para revista ou Crianças e adolescentes são afetadas pelo bullying jornal devemos entrevistar mais pessoas e enrique- cer nossa matéria com pesquisas e infográficos, que Quando? ajudam o leitor a entender melhor o que está acon- A prática de bullying é cada vez mais recente e os casos têm aumentado nos tecendo. últimos anos. A pesquisa do IBGE foi divulgada em junho de 2010.COMO SFAZER UMA NOTÍCIA Para começar a escrever, a gente pode se- guir uma regrinha básica do jornalismo. Para não se Onde? perder com tanta informação, os jornalistas fazem A escola é o principal local onde ocorre o bullying. os primeiros parágrafos da matéria em formato de “lide”. Essa palavra foi aportuguesada do inglês Como? lead, que quer dizer conduzir. O lide fica no primeiro O bullying acontece quando a vítima recebe agressões físicas ou psicológicas parágrafo do texto, e faz uma espécie de resumo da de maneira repentina. Ocorre por meio de ameaças, ridicularizações, sarcas- matéria. O restante do texto deve responder as seis mos. perguntas básicas do jornalismo, que são: • O quê? • Quem? Por quê? • Quando? O bullying parte de adolescentes agressores que, geralmente, têm personali- • Onde? dades autoritárias, combinadas com uma forte necessidade de controlar ou • Como? dominar, segundo revelam pesquisas. Vários outros motivos tentam traçar o • Por quê? perfil dos que cometem este tipo de agressão e por que cometem. Veja no quadro ao lado um exemplo de respostas a essas peguntas numa matéria sobre bullying.
  3. 3. 3 LINGUAGEM JORNALÍSTICAS E FERRAMENTAS WEB 2.0 - Como produzir conteúdo multimídia para a internet Novos Talentos - Capes - UFTM Usando as respostas às seis perguntas básicas, nosso lide poderia ser REDIGINDO AS RESPOSTAS DE UMA ENTREVISTA escrito assim: Até aqui, respondemos as perguntas básicas, mas a matéria ainda precisa ser complementada com entrevistas. Lembre-se que um repórter é justamente aquela pessoa que “reporta”, isto é, que conversa com pessoas que são fontes de infor- Divulgada em junho de 2010, têm aumentado nos últimos anos, mação e transforma essas informações num texto agradável para o leitor. pesquisa do Instituto Brasileiro sendo que a escola é o principal Assim, para continuar nossa matéria, vamos incluir uma entrevista com um psi- de Geografia e Estatística (IBGE) local onde ocorre o bullying. quiatra, que é uma fonte especializada na compreensão do bullying. mostrou que Brasília é a capital Esse crime acontece quando a Lembra das dicas que você aprendeu sobre as perguntas da pauta? É neste nacional do bullying. Já Belo Ho- vítima recebe agressões físicas ou momento que você vai incluir as informações que obteve com seus entrevistados. rizonte ocupa o segundo lugar no psicológicas de maneira repen- Os nomes dos entrevistados devem vir acompanhados do cargo. Suas falas ranking das capitais brasileiras tina. Ocorre por meio de amea- podem vir citadas entre aspas ou em citação indireta. que mais registram casos de bul- ças, ridicularizaçõe e sarcasmos. lying nas escolas. No Brasil, a Esse assédio parte de adolescen- gravidade do ato pode levar os jo- tes agressores que, geralmente, EXEMPLO DE CITAÇÃO DIRETA:COMO FAZER UMA NOTÍCIA vens infratores à aplicação de têm personalidades autoritárias, medidas socioeducativas e seus combinadas com uma forte ne- Segundo o psiquiatra Alcimir da Silva, o bullying pode ser combatido com pro- pais podem ser obrigados a pagar cessidade de controlar ou domi- jetos nas escolas que desenvolvam competências de respeito mútuo e de tole- rância. O esporte, por exemplo, assim como outros trabalhos em grupo, ajuda indenizações. nar, segundo revelam pesquisas. os alunos a lidar com os defeitos e características do outro e aprender a conviver Crianças e adolescentes são a Vários outros motivos tentam de forma mais civilizada, respeitosa. grande fatia da população afetada traçar o perfil dos que cometem pelo bullying . A prática agressiva este tipo de agressão e por que é cada vez mais recente e os casos cometem. EXEMPLO DE CITAÇÃO INDIRETA O psiquiatra Alcimir da Silva avalia que bullying pode ser combatido com Até aqui, respondemos as perguntas básicas, mas a matéria ainda pre- projetos nas escolas que desenvolvam competências de respeito mútuo e de cisa ser complementada com entrevistas. Lembre-se que um repórter tolerância. “O esporte ou outros trabalhos em grupo, ajudam os alunos a é justamente aquela pessoa que “reporta”, isto é, que conversa com lidar com os defeitos e características do outro e aprender a conviver de pessoas que são fontes de informação e transforma essas informações forma mais civilizada e respeitosa”. num texto agradável para o leitor.
  4. 4. 4 LINGUAGEM JORNALÍSTICAS E FERRAMENTAS WEB 2.0 - Como produzir conteúdo multimídia para a internet Novos Talentos - Capes - UFTM Quando respondemos as seis perguntas básicas e incluímos Na edição, vamos criar um título, uma linha fina e um infográfico. ao menos uma entrevista, temos uma matéria quase pronta. Para terminar, é preciso fazer uma edição. TÍTULO O título precisa ser curto, escrito na ordem direta (sujeito, verbo e Divulgada em junho de 2010, pentina. Ocorre por meio de complemento), deve chamar a atenção e anunciar o mais importante pesquisa do Instituto Brasileiro ameaças, ridicularizaçõe e sar- de tudo o que você escreveu. Veja estes exemplos: de Geografia e Estatística casmos. Esse assédio parte de (IBGE) mostrou que Brasília é a adolescentes agressores que, ge- Brasília é a capital nacional do bullying capital nacional do bullying. Já ralmente, têm personalidades Bullying cresce nas escolas Belo Horizonte ocupa o segundo autoritárias, combinadas com lugar no ranking das capitais uma forte necessidade de con- Crianças e jovens são as maiores vítimas do bullying brasileiras que mais registram trolar ou dominar, segundo reve- LINHA FINA casos de bullying nas escolas. lam pesquisas. A linha fina é um texto um pouquinho mais longo que o título e que No Brasil, a gravidade do ato Vários outros motivos tentam complementa as informações trazidas pelo título. Se usarmos a pri-COMO FAZER UMA NOTÍCIA pode levar os jovens infratores à traçar o perfil dos que cometem meira sugestão de título apresentada acima, podemos comple- aplicação de medidas socioedu- este tipo de agressão e por que mentá-lo com esta linha fina: cativas e seus pais podem ser ob- cometem. rigados a pagar indenizações. Segundo o psiquiatra Alcimir Brasília é a capital nacional do bullying Crianças e adolescentes são a da Silva, o bullying pode ser Segundo estudo do IBGE, 35,6% dos estudantes entrevistados dizem grande fatia da população afe- combatido com projetos nas es- ser vítimas constantes da agressão em Brasília; faltam políticas públi- tada pelo bullying . A prática colas que desenvolvam compe- cas de combate ao problema agressiva é cada vez mais re- tências de respeito mútuo e de cente e os casos têm aumentado tolerância. O esporte, por exem- INFOGRÁFICO nos últimos anos, sendo que a plo, assim como outros trabalhos No jargão jornalístico, o infográfico é outro complemento para a ma- escola é o principal local onde em grupo, ajuda os alunos a lidar téria. Tudo o que puder ser noticiado na forma de tabelas, figuras, ocorre o bullying. com os defeitos e características mapas e gráficos deve ser organizado na forma de um infográfico. Esse crime acontece quando a do outro e aprender a conviver Como a pesquisa foi feita nas capitais do Brasil, podemos colocar vítima recebe agressões físicas de forma mais civilizada, respei- um mapa com os números das capitais que registraram o maior nú- ou psicológicas de maneira re- tosa. mero de reclamações. Veja o resultado na próxima página.
  5. 5. LINGUAGEM JORNALÍSTICAS E FERRAMENTAS WEB 2.0 - Como produzir conteúdo multimídia para a internet Novos Talentos - Capes - UFTM Brasília é a capital nacional do bullying Segundo estudo do IBGE, 35,6% dos estudantes entrevistados dizem ser vítimas constantes da agressão em Brasília; faltam políticas públicas de combate ao problema Divulgada em junho de 2010, Esse crime acontece quando a vítima pesquisa do Instituto Brasileiro recebe agressões físicas ou psicológi- de Geografia e Estatística cas de maneira repentina. Ocorre por (IBGE) mostrou que Brasília é meio de ameaças, ridicularizaçõe e sar- a capital nacional do bullying. casmos. Esse assédio parte de adoles- Já Belo Horizonte ocupa o se- centes agressores que, geralmente, têm gundo lugar no ranking das ca- personalidades autoritárias, combina- pitais brasileiras que mais das com uma forte necessidade de con- registram casos de bullying nas trolar ou dominar, segundo revelamCOMO FAZER UMA NOTÍCIA escolas. No Brasil, a gravidade pesquisas. do ato pode levar os jovens in- Vários outros motivos tentam traçar fratores à aplicação de medidas o perfil dos que cometem este tipo de socioeducativas e seus pais agressão e por que cometem. podem ser obrigados a pagar Segundo o psiquiatra Alcimir da indenizações. Silva, o bullying pode ser combatido Crianças e adolescentes são a com projetos nas escolas que desenvol- grande fatia da população afe- vam competências de respeito mútuo e tada pelo bullying . A prática de tolerância. O esporte, por exemplo, Brasília, Belo Horizonte e Curitiba agressiva é cada vez mais re- assim como outros trabalhos em grupo, são as campeãs em cente e os casos têm aumen- ajuda os alunos a lidar com os defeitos registros de tado nos últimos anos, sendo e características do outro e aprender a reclamações de que a escola é o principal local conviver de forma mais civilizada, res- bullying onde ocorre o bullying. peitosa.
  6. 6. LINGUAGEM JORNALÍSTICAS E FERRAMENTAS WEB 2.0 Como produzir conteúdo multimídia para a internetEste material material foi produzido pela equipe do programa “Universidade Aberta à Escola Pública”, subprojeto 3 “Mapeamento de Servi-ços Públicos Locais para celular e Internet: Unindo Inclusão Digital, Aprendizagem da Língua e Exercício da Cidadania em Ativida-des Extracurriculares”, executado pela Universidade Federal do Triângulo Mineiro com recursos da Coordenação de Aperfeiçoamento dePessoal de Nível Superior (Capes), com recursos do edital CAPES/DEB Nº 033/2010 - Programa de Apoio a Projetos Extracurriculares: In-vestindo em Novos Talentos da Rede de Educação Pública para Inclusão Social e Desenvolvimento da Cultura Científica.Coordenação institucional: Dra. Alexandra Bujokas de SiqueiraEquipe do sub-projeto 3: Dra. Alexandra Bujokas de Siqueira (coordenadora), Dr. Fábio César da Fonseca, Dra. Martha Maria PrataLinhares e Dra. Natália Morato Fernandes.Apoio:Pró-reitoria de EnsinoPró-reitoria de Pesquisa e Pós-graduaçãoCentro de Educação a Distância e Aprendizagem com Tecnologias de Informação e Comunicação - CeadGrupo de pesquisa “Educação, Mídia, Cultura e Novas Cidadanias”Laboratório de Mídia-educaçãoProdução do conteúdo: Mariana Pícaro CerigattoEditoração: Alexandra Bujokas de Siqueira

×