Elementos da Narrativa Digital

6.351 visualizações

Publicada em

Trabalho de Comunicação e Multimídia Integrada, Professora Isabel - FAPCOM - 3º Semestre

Publicada em: Tecnologia, Negócios
0 comentários
4 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
6.351
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
82
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
114
Comentários
0
Gostaram
4
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Elementos da Narrativa Digital

  1. 1. Comunicação e Multimídia Integrada Elementos das Narrativas Digitais.
  2. 2. Todas as mídias passam por uma evolução; E as novas convenções da web ainda estão sendo desenvolvidas;
  3. 3.  Janet Murray sobre novas formas de narrativa da mídia digital: “Ela possuí suas próprias expressões”;  Sheizaf Rafaeli sobre a interatividade: “comunicação de acordo com a quantidade de informações”;
  4. 4.  Cho e Leckenby: “Interação entre usuários e computadores”;  Roeham e Haugtvedt: “Diálogo em tempo real”;  Jonathan Steuer: “Permite ao usuário manipular um ambiente mediado pela tecnologia”;  Rafaeli: “É um conceito sem definições precisas”;
  5. 5. Por conseqüência da imprecisão do termo cria-se uma Taxonomia* para as narrativas digitais; *: Do Grego verbo τασσεῖν ou tassein = quot;para classificarquot; . Palavra que designa classificação de coisas, no sentido amplo;
  6. 6. A Taxonomia pretende, a partir da analise destes elementos, ser útil na criação e na testagem de combinações usados na construção de narrativas on- line para determinar o seu efeito nos consumidores da mídia digital.
  7. 7. Divide os atributos da narrativa digital em cinco elementos: Mídia Ação Contexto Comunicação Relacionamento
  8. 8. Elemento 1: Mídia Que tipo de expressão é usado no roteiro e no suporte da narrativa; Há quatro aspectos do Elemento Mídia: Configuração Tipo Ritmo Edição
  9. 9. Configuração: Combinação de mídias usadas no conteúdo  Conteúdo de Mídia Individual (apenas uma mídia);  Conteúdo de Mídia Múltipla (duas ou mais mídia juntos, mas separados);  Narrativas em Multimídia (duas ou mais mídias interligadas e articuladas);
  10. 10. Mídia Individual Apenas texto.
  11. 11. Mídia Múltipla Opção de áudio, vídeo e textos não interligados.
  12. 12. Multimídia Texto e imagem interligados.
  13. 13. Outro exemplo de Multimídia: Elementos: Vídeo, Música e Texto.
  14. 14. Tipo: Identifica a mídia especifica que esta sendo usada (texto, foto, vídeo, etc.);
  15. 15. IMAGEM TEXTO
  16. 16. Fluxo: Considera se o tipo de mídia é ao vivo ou gravado.  Ao vivo – Tempo Real – Sincrônico;  Gravado – Antigo – Assincrônico;
  17. 17. Tempo/Espaço: corresponde ao grau de alteração/edição que conteúdo tem de sofrer.  Se o conteúdo não foi resumido/reorganizado – ele é exibido em tempo real.  Se o conteúdo foi resumido/reorganizado – ele é previamente editado.
  18. 18. Exemplo de Conteúdo em Tempo Real
  19. 19. Elemento 2: Ação Consiste em movimento do próprio conteúdo ou ação requerida pelo usuário para acessar o conteúdo; Animações instantâneas, apresentações automatizadas de slides e clicar para acionar o movimento do conteúdo são elementos exclusivos das narrativas digitais;
  20. 20.  O conteúdo pode ser dinâmico ou estático, ativo ou passivo;  Combinações: dinâmica/passiva, dinâmica/ativa, estáti ca/ativa, estática/passiva.
  21. 21. Dinâmica/Passiva O conteúdo se move sem a ação do usuário. http://www.doutoresdaalegriaofilme.com.br
  22. 22. Dinâmica/Ativa O conteúdo se move mas é necessário a ação do usuário. http://www.staffbrasil.com.br/
  23. 23. Elemento 3: Relacionamento É necessário versatilidade no relacionamento entre usuário e conteúdo; Quando há interação entre vários elementos o conteúdo é aberto, do contrário é fechado; O conteúdo aberto é manifestado numa combinação de cinco tipos:  Linear ou Não-linear;  Customizável ou Padrão;  Calculável ou Não-calculável;  Manipulável ou Fixo;  Expansível ou Limitado;
  24. 24. História Linear
  25. 25. História Linear
  26. 26. Não Linear
  27. 27. Customizável
  28. 28. Conteúdo Calculável
  29. 29. Conteúdo Fixo
  30. 30. Conteúdo expansível possível manipulação
  31. 31. Elemento 4: Contexto É definido como aquilo que circunda e da sentido a alguma coisa; Conteúdo adicional; O contexto digital pode ser fornecido por meio de links com textos já publicados sobre o mesmo assunto ou texto relacionado; Alguns elementos que caracterizam o contexto:  A narrativa pode ser hipermídiatica ou auto-explicativa;  Os links podem ser embutidos ou paralelos;  Os links podem ser internos ou externos;  Os links podem suplementares ou duplicativos;  Os links podem ser contextual ou relacionado;
  32. 32. Elemento 5: Comunicação Consiste na habilidade de se conectar a outros usuários por meio digital; Permite que a comunicação seja sincrônica ou assincrônica; Comunicação: Um-a-um, um-para-vários, vários- para-um;
  33. 33. Aspecto da Comunicação:  Configuração: De quantas para quantas pessoas é estabelecida a comunicação;  Tipo: Que modo foi estabelecido a comunicação;  Direcionamento: Comunicação ao vivo ou gravada;  Moderação: Grau de exame da comunicação pelos moderadores do conteúdo/site;  Objetivo: Troca de informações, registro ou comércio;
  34. 34. “Concluímos que estudar as narrativas digitais e demais aspectos do ambiente web é importante na medida em que estar on line tornou-se habito rotineiro na vida dos consumidores de notícias. E a área da comunicação social e suas habilitações esta intimamente, se não, completamente ligada a esta tendência comportamental da era digital”. André Osório Barbara Cunha Lucimara Flores Michelle Franklin Taís S. Oliveira

×