Hortaliças

141 visualizações

Publicada em

Formas de custeio em uma pequena produção de hortaliças.

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
141
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Hortaliças

  1. 1. Universidade de Brasília – UnB Faculdade UnB Planaltina – FUP Disciplina: Custos Agroindustriais Professora: Drª. Donária Coelho Duarte Trabalho por: Tainá Alves.
  2. 2. Hortaliças APLICAÇÃO CUSTEIO PADRÃO NUMA PEQUENA PROPRIEDADE DE PRODUÇÃO DE HORTALIÇAS
  3. 3. INTRODUÇÃO •O presente trabalho tem como objetivo verificar a aplicabilidade, e as possíveis vantagens, do método de custeio Padrão em uma pequena propriedade produtora de hortaliças, além de uma completa analise dos custos. A análise dos custos de produção de hortaliças usando o método custo padrão permite fornecer suporte para o controle de custos da empresa, inferindo sobre vários aspectos no sentido de buscar o curso esperado, através das análises dos custos identificados.
  4. 4. REFERENCIAL TEÓRICO METODOLOGIA APRESENTAÇÃO E ANÁLISE DE DADOS CONCLUSÃO
  5. 5. Referencial Teórico Contabilidade de Custos e Gerencial; •Para, Atkinson et al. (2000) a informação gerencial contábil é uma das fontes informacionais primárias para a tomada de decisão e controle nas empresas. Que contribui para o alcance da eficácia na condução dos negócios, sendo assim a Contabilidade Gerencial necessita do constante desenvolvimento de instrumentos que assegurem o cumprimento de sua missão informativa.
  6. 6. A contabilidade na pequena propriedade rural; • Valle (1985) afirma que a contabilidade de custos ou analítica de exploração, que não é privativa da contabilidade industrial, registra e controla as operações técnico-agrícola, para a determinação dos custos da produção agrícola, zootécnica e agroindustrial.
  7. 7. A importância do custo padrão; •"O custo padrão é a determinação antecipada dos componentes do produto, em quantidade e valor, apoiada na utilização de dados de várias fontes, com validade para determinado espaço de tempo" (Dutra, 1992, p. 166).
  8. 8. Histórico da produção de Hortaliças no Brasil; •A Olericultura possibilita a obtenção de elevada produção física e de alto rendimento bruto e líquido por hectare produzido e por hectare/ano (INCAPER).
  9. 9. METODOLOGIA Pesquisa Qualitativa e Quantitativa;
  10. 10. APRESENTAÇÃO E ANÁLISE DE DADOS
  11. 11. CARACTERIZAÇÃO DA EMPRESA RAMO: Hortaliças LOCALIZAÇÃO: Lago Norte - DF HISTÓRICO: A produção de hortaliças nesta propriedade começou no ano de 2013 em Planaltina- DF, no núcleo rural córrego do meio. Neste local produzia-se apenas Alface e Cheiro verde. Após o rompimento de uma sociedade com o irmão, o produtor decidiu cultivar em sua propriedade onde mora, e hoje produz cerca de 12 culturas de hortaliças, essas que são encaminhadas para fins de comercialização em um sacolão situado no Varjão-DF.
  12. 12. Maio Gasolina R$ 800,00 Mão-de-obra R$ 1200,00 Adubo R$ 320,00 Hortaliças R$ 127,00 Depreciação R$ 500,00 Energia para irrigação R$ 190,00 Total 3.137,00
  13. 13. Descrição das hortaliças Quantidade Valor unitário Valor Total Tempo Alface 7 bandejas, 200 unidades cada uma R$ 14,00 R$98,00 A cada 15 dias Coentro 2 sacos de 500g cada um R$ 14,00 R$ 28,00 A cada 30 dias Cebolinha 1 bandeja com 160 unidades R$ 14,00 R$14,00 Apenas uma vez Couve 2 bandejas com 200 unidades R$ 14,00 R$28,00 A cada 2 meses Rúcula 1 lata de 500g R$ 57,00 R$57,00 A cada 2 meses Agrião 2 bandejas com 180 unidades R$ 14,00 R$28,00 A cada 15 dias
  14. 14. Classificação dos custos PADRÃO Custos Indiretos Fixos R$ Unitário R$ Total Adubo 4m a R$80,00 R$ 320,00 Energia elétrica - R$ 190,00 Combustível - R$ 800,00 Custos Indiretos Fixos Variáveis Depreciação - R$ 500,00 Mão-de-obra R$ 6,00/H R$1.200,00 Materiais Diretos Alface R$0,07 *1.600un R$ 112,00 Coentro R$0,112 *4000un R$ 448,00 Cebolinha R$ 0,0875 *320un R$ 28,00 Total custo Padrão Total de unidades: 2320 R$2.288,00
  15. 15. Classificação dos custos REAL Custos Indiretos Fixos R$ Unitário R$ Total Adubo 4m a R$80,00 R$ 320,00 Energia elétrica - R$ 190,00 Combustível - R$ 800,00 Custos Indiretos Fixos Variáveis Depreciação - R$ 500,00 Mão-de-obra R$ 6,00/H R$1.200,00 Materiais Diretos Alface R$ 0,07 *1.200un R$ 98,00 Coentro R$0,112 *2000un R$ 224,00 Cebolinha R$0,0875 *160un R$ 14,00 Total custo Real R$2.036,00 Total de unidades: 1860
  16. 16. Análise de Variação de Materiais Custo Padrão $ Custo Real $ Variações Custos Indiretos Fixos Adubo R$ 320,00 R$ 320,00 R$ - Energia elétrica R$ 190,00 R$ 190,00 R$ - Combustível R$ 800,00 R$ 800,00 R$ - Custos Indiretos Fixos Variáveis Depreciação R$ 500,00 R$ 500,00 R$ - Mão-de-Obra R$ 1.200,00 R$1.200,00 R$ - Materiais Diretos Alface R$ 112,00 R$ 98,00 -R$14,00 Coentro R$ 448,00 R$ 224,00 -R$224,00 Cebolinha R$ 28,00 R$ 14,00 -R$14,00 Total custo Real R$ 3.598,00 R$3.346,00 -R$252,00 Total de unidades: 2320 1860 460
  17. 17. CONCLUSÃO
  18. 18. REFERÊNCIAS ATKINSON, Anthony A.; BANKER, Rajiv D.; KAPLAN, Robert S.;YOUNG, Mark. Contabilidade gerencial. São Paulo: Atlas, 2000. CARMO, Patrícia; Contabilidade de Custos- Conceitos Básicos. Viçosa, 2013. Disponível em: <http://pt.slideshare.net/diegolopes1806/aula1unid1cco310> Acesso em: 20 Jun. 2015. CREPALDI, Silvio Aparecido; Contabilidade Rural. São Paulo. Atlas. 1993. INSTITUTO CAPIXABA DE PESQUISA E ASSISTÊNCIA TÉCNICA E EXTENSÃO RURAL (INCAPER), Olericultura/Histórico. Disponível em: <http://www.incaper.es.gov.br/pedeag/setores07.htm > Acesso em: 8 Jun. 2015. INTELIGÊNCIA EDUCACIONAL E SISTEMA DE ENSINO (IESDE). Contabilidade de Custos e seus conceitos básicos. Curitiba, 2010. Disponível em: <http://concursospublicos.uol.com.br/aprovaconcursos/demo_aprova_concursos/sistemas_de_custeio_01.pdf > Acesso em: 20 jun. 2015.
  19. 19. LEONE, George Sebastião Guerra. Curso de Contabilidade de Custos. São Paulo. Atlas, 1997. PADOVEZE, Clóvis Luís. Curso Básico Gerencial de Custos: 2ª Ed.São Paulo: Pioneira Thompson Leanning, 2006. PINHEIRO, Ricardo; A Contabilidade na Pequena Empresa Rural. Belo Horizonte, 27 Mai. 2009. Disponível em: <http://pt.slideshare.net/pinheiroadm/contabilidade-na-pequena-empresa-rural> Acesso em: 20 Jun. 2015. SANTOS, José Luiz dos. At al. Fundamentos da Contabilidade. São Paulo. Atlas, 2006. (Coleção resumo de contabilidade; v. 22) SCRAMIM, F.C.L.; BATALHA, M.O. Gestão de Custos Agroindustriais. In.: BATALHA, M. O. (Org.) Gestão Agroindustrial. 3ª ed. São Paulo: Atlas, 2007. VALLE, Francisco. Contabilidade Agrária. São Paulo. Atlas. 1985.

×