SlideShare uma empresa Scribd logo

Álbum folclore, com figurinhas do álbum numerada

Isa ...
Isa ...

Este documento fornece informações sobre o folclore brasileiro, incluindo sua definição, seres fantásticos, superstições, músicas, brincadeiras populares e adivinhas. A apostila foi adaptada pela professora Maria Izabel Luiz para ensinar sobre as tradições e cultura populares do Brasil.

1 de 37
Baixar para ler offline
Apostila adaptada pela professora Maria Izabel Luiz
PERTENCE A ...........................................................................................SÉRIE.................
PROFESSORA.......................................................................................................................
AUXILIAR ...............................................................................................................................
Apostila adaptada pela professora Maria Izabel Luiz
Apostila adaptada pela professora Maria Izabel Luiz
FOLCLORE....
.... É UM CONJUNTO DE TRADIÇÕES,
CONHECIMENTOS E CRENÇAS POPULARES
EXPRESSAS EM PROVÉRBIOS, LENDAS OU
CANÇÕES.
TODOS OS CONHECIMENTOS DO POVO
CONSERVADOS ATRAVÉS DO TEMPO,
INCLUINDO AINDA HÁBITOS, BRINCADEIRAS E
ENFEITES, SÃO CONSIDERADOS FOLCLORE.
O FOLCLORE É TÃO IMPORTANTE QUE,
DESDE 1.965 A UM DIA ESPECIAL PARA ELE EM
NOSSO CALENDÁRIO: 22 DE AGOSTO.
Apostila adaptada pela professora Maria Izabel Luiz
Apostila adaptada pela professora Maria Izabel Luiz
PARA QUE SERVE?
O FOLCLORE É O MODO QUE UM POVO
TEM PARA COMPREENDER O MUNDO EM QUE
VIVE. CONHECENDO O FOLCLORE DE UM PAÍS,
PODEMOS COMPREENDER O SEU POVO, E
ASSIM CONHECEMOS, AO MESMO TEMPO,
PARTE DE SUA HISTÓRIA. MAS PARA QUE
CERTO COSTUME SEJA REALMENTE
CONSIDERADO FOLCLORE, DIZEM OS
ESTUDIOSOS QUE É PRECISO QUE ESTE SEJA
PRATICADO POR UM GRANDE NÚMERO DE
PESSOAS E QUE TAMBÉM TENHA ORIGEM
ANÔNIMA.
Apostila adaptada pela professora Maria Izabel Luiz

Recomendados

Sequencia didática sistema monetario 3 ano a 2016
Sequencia didática sistema monetario  3 ano a   2016Sequencia didática sistema monetario  3 ano a   2016
Sequencia didática sistema monetario 3 ano a 2016Prefeitura de Cianorte
 
Conto de suspense e atividade.
Conto  de suspense e  atividade.Conto  de suspense e  atividade.
Conto de suspense e atividade.Mary Alvarenga
 
Ficha de leitura sílabas complexas
Ficha de leitura sílabas complexasFicha de leitura sílabas complexas
Ficha de leitura sílabas complexasGeaneFerreira15
 
Era Uma Vez de Sandy & Júnior e Toquinho - Análise e entendimento da música
Era Uma Vez de Sandy & Júnior e Toquinho - Análise e entendimento da músicaEra Uma Vez de Sandy & Júnior e Toquinho - Análise e entendimento da música
Era Uma Vez de Sandy & Júnior e Toquinho - Análise e entendimento da músicaMary Alvarenga
 
Teste de ciências 3ª Unidade Helena Andrade 2º ano 2014
Teste de ciências  3ª Unidade   Helena  Andrade 2º ano 2014Teste de ciências  3ª Unidade   Helena  Andrade 2º ano 2014
Teste de ciências 3ª Unidade Helena Andrade 2º ano 2014Angela Maria
 

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Poema o menino azul de Cecília Meireles - Análise e entendimento
Poema  o menino azul de  Cecília Meireles - Análise e entendimento Poema  o menino azul de  Cecília Meireles - Análise e entendimento
Poema o menino azul de Cecília Meireles - Análise e entendimento Mary Alvarenga
 
Avaliação adaptada_português (alfabetização)
Avaliação adaptada_português (alfabetização)Avaliação adaptada_português (alfabetização)
Avaliação adaptada_português (alfabetização)Isa ...
 
APOSTILA DE REFORÇO ALFABETIZAÇÃO 2 POR FOLHA.pdf
APOSTILA DE REFORÇO ALFABETIZAÇÃO 2 POR FOLHA.pdfAPOSTILA DE REFORÇO ALFABETIZAÇÃO 2 POR FOLHA.pdf
APOSTILA DE REFORÇO ALFABETIZAÇÃO 2 POR FOLHA.pdfdanielagracia9
 
Deveres da Criança, Day Viana
 Deveres da Criança, Day Viana Deveres da Criança, Day Viana
Deveres da Criança, Day VianaMary Alvarenga
 
Modelo de atividades para o 3º ano
Modelo de atividades para o 3º anoModelo de atividades para o 3º ano
Modelo de atividades para o 3º anopedagogicosjdelrei
 
Sequência numérica de 0 a 100 - 3º Ano do Ensino Fundamental
Sequência numérica de 0 a 100 - 3º Ano do Ensino FundamentalSequência numérica de 0 a 100 - 3º Ano do Ensino Fundamental
Sequência numérica de 0 a 100 - 3º Ano do Ensino FundamentalPaulo Alves de Araujo
 
Pipoca silabas para impressao
Pipoca silabas para impressaoPipoca silabas para impressao
Pipoca silabas para impressaoAna Feitoza
 
Apostila da Educação Infantil Nível I e II e Ciclo de Alfabetização
Apostila da Educação Infantil Nível I e II e Ciclo de AlfabetizaçãoApostila da Educação Infantil Nível I e II e Ciclo de Alfabetização
Apostila da Educação Infantil Nível I e II e Ciclo de AlfabetizaçãoIolanda Sá
 
Avaliação de Ciência Helena Andrade
Avaliação de Ciência Helena AndradeAvaliação de Ciência Helena Andrade
Avaliação de Ciência Helena AndradeAngela Maria
 
A paz - Análise e entendimento da música
A paz   - Análise e entendimento da músicaA paz   - Análise e entendimento da música
A paz - Análise e entendimento da músicaMary Alvarenga
 
Oficina para casa 1º ano
Oficina para casa 1º anoOficina para casa 1º ano
Oficina para casa 1º anoCláudia Cacal
 
Coletânea de ciências 4º ano do aluno anual 2015 (1)
Coletânea de ciências 4º ano do aluno anual 2015 (1)Coletânea de ciências 4º ano do aluno anual 2015 (1)
Coletânea de ciências 4º ano do aluno anual 2015 (1)Raquel Becker
 

Mais procurados (20)

Poema o menino azul de Cecília Meireles - Análise e entendimento
Poema  o menino azul de  Cecília Meireles - Análise e entendimento Poema  o menino azul de  Cecília Meireles - Análise e entendimento
Poema o menino azul de Cecília Meireles - Análise e entendimento
 
Avaliação adaptada_português (alfabetização)
Avaliação adaptada_português (alfabetização)Avaliação adaptada_português (alfabetização)
Avaliação adaptada_português (alfabetização)
 
AVALIAÇÃO DE HISTÓRIA 2º ANO
AVALIAÇÃO DE HISTÓRIA 2º ANOAVALIAÇÃO DE HISTÓRIA 2º ANO
AVALIAÇÃO DE HISTÓRIA 2º ANO
 
Ativ parlenda doce
Ativ parlenda doceAtiv parlenda doce
Ativ parlenda doce
 
APOSTILA DE REFORÇO ALFABETIZAÇÃO 2 POR FOLHA.pdf
APOSTILA DE REFORÇO ALFABETIZAÇÃO 2 POR FOLHA.pdfAPOSTILA DE REFORÇO ALFABETIZAÇÃO 2 POR FOLHA.pdf
APOSTILA DE REFORÇO ALFABETIZAÇÃO 2 POR FOLHA.pdf
 
As fases da Lua
As fases da LuaAs fases da Lua
As fases da Lua
 
Trava língua O Rato -
Trava língua O Rato - Trava língua O Rato -
Trava língua O Rato -
 
AVALIAÇÃO DE GEOGRAFIA: TRÂNSITO E MEIOS DE TRANSPORTE - 3º ANO DO E.F. 1
AVALIAÇÃO DE GEOGRAFIA: TRÂNSITO E MEIOS DE TRANSPORTE - 3º ANO DO E.F. 1AVALIAÇÃO DE GEOGRAFIA: TRÂNSITO E MEIOS DE TRANSPORTE - 3º ANO DO E.F. 1
AVALIAÇÃO DE GEOGRAFIA: TRÂNSITO E MEIOS DE TRANSPORTE - 3º ANO DO E.F. 1
 
Parlendas: O MACACO FOI À FEIRA E MACACA SOFIA
Parlendas: O MACACO FOI À FEIRA E MACACA SOFIAParlendas: O MACACO FOI À FEIRA E MACACA SOFIA
Parlendas: O MACACO FOI À FEIRA E MACACA SOFIA
 
Deveres da Criança, Day Viana
 Deveres da Criança, Day Viana Deveres da Criança, Day Viana
Deveres da Criança, Day Viana
 
Modelo de atividades para o 3º ano
Modelo de atividades para o 3º anoModelo de atividades para o 3º ano
Modelo de atividades para o 3º ano
 
AVALIAÇÃO DE LÍNGUA PORTUGUESA - 2º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL 1.
AVALIAÇÃO DE  LÍNGUA PORTUGUESA - 2º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL 1.AVALIAÇÃO DE  LÍNGUA PORTUGUESA - 2º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL 1.
AVALIAÇÃO DE LÍNGUA PORTUGUESA - 2º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL 1.
 
Sequência numérica de 0 a 100 - 3º Ano do Ensino Fundamental
Sequência numérica de 0 a 100 - 3º Ano do Ensino FundamentalSequência numérica de 0 a 100 - 3º Ano do Ensino Fundamental
Sequência numérica de 0 a 100 - 3º Ano do Ensino Fundamental
 
Pipoca silabas para impressao
Pipoca silabas para impressaoPipoca silabas para impressao
Pipoca silabas para impressao
 
Apostila da Educação Infantil Nível I e II e Ciclo de Alfabetização
Apostila da Educação Infantil Nível I e II e Ciclo de AlfabetizaçãoApostila da Educação Infantil Nível I e II e Ciclo de Alfabetização
Apostila da Educação Infantil Nível I e II e Ciclo de Alfabetização
 
Avaliação de Ciência Helena Andrade
Avaliação de Ciência Helena AndradeAvaliação de Ciência Helena Andrade
Avaliação de Ciência Helena Andrade
 
Musica: Cai, cai, balão!
Musica: Cai, cai, balão!Musica: Cai, cai, balão!
Musica: Cai, cai, balão!
 
A paz - Análise e entendimento da música
A paz   - Análise e entendimento da músicaA paz   - Análise e entendimento da música
A paz - Análise e entendimento da música
 
Oficina para casa 1º ano
Oficina para casa 1º anoOficina para casa 1º ano
Oficina para casa 1º ano
 
Coletânea de ciências 4º ano do aluno anual 2015 (1)
Coletânea de ciências 4º ano do aluno anual 2015 (1)Coletânea de ciências 4º ano do aluno anual 2015 (1)
Coletânea de ciências 4º ano do aluno anual 2015 (1)
 

Destaque

Conto: A princesa e o sapo Leitura e interpretação
Conto: A princesa e o sapo Leitura e interpretação Conto: A princesa e o sapo Leitura e interpretação
Conto: A princesa e o sapo Leitura e interpretação Lorena Lopes
 
Matemática_fixação
Matemática_fixaçãoMatemática_fixação
Matemática_fixaçãoIsa ...
 
Apostila de-matemática com potencia
Apostila de-matemática com potenciaApostila de-matemática com potencia
Apostila de-matemática com potenciaIsa ...
 
Avaliação matemática Eduardo
Avaliação matemática EduardoAvaliação matemática Eduardo
Avaliação matemática EduardoIsa ...
 
Avaliação de ciências
Avaliação de ciênciasAvaliação de ciências
Avaliação de ciênciasIsa ...
 
Avaliação de matemática adaptadaI
Avaliação de matemática adaptadaIAvaliação de matemática adaptadaI
Avaliação de matemática adaptadaIIsa ...
 
Prova ciências adaptada
Prova ciências adaptada Prova ciências adaptada
Prova ciências adaptada Isa ...
 
Prova matemática Ricardo_I
Prova matemática Ricardo_IProva matemática Ricardo_I
Prova matemática Ricardo_IIsa ...
 
Avaliação de matemática Ricardo
Avaliação de matemática RicardoAvaliação de matemática Ricardo
Avaliação de matemática RicardoIsa ...
 
Atividades sobre desmatamento_ciência
Atividades sobre desmatamento_ciênciaAtividades sobre desmatamento_ciência
Atividades sobre desmatamento_ciênciaIsa ...
 
Provinha português dudu
Provinha português duduProvinha português dudu
Provinha português duduIsa ...
 
Avaliação Dudu matemática
Avaliação Dudu matemáticaAvaliação Dudu matemática
Avaliação Dudu matemáticaIsa ...
 
Alfabetização_28 palavras completa
Alfabetização_28 palavras completaAlfabetização_28 palavras completa
Alfabetização_28 palavras completaIsa ...
 
Contos maravilhosos para criar história
Contos maravilhosos para criar históriaContos maravilhosos para criar história
Contos maravilhosos para criar históriaIsa ...
 
Provinhas para 2º ano
Provinhas para 2º anoProvinhas para 2º ano
Provinhas para 2º anoSherly Martins
 

Destaque (17)

A princesa e a sapo
A princesa e a sapoA princesa e a sapo
A princesa e a sapo
 
Conto: A princesa e o sapo Leitura e interpretação
Conto: A princesa e o sapo Leitura e interpretação Conto: A princesa e o sapo Leitura e interpretação
Conto: A princesa e o sapo Leitura e interpretação
 
Matemática_fixação
Matemática_fixaçãoMatemática_fixação
Matemática_fixação
 
Apostila de-matemática com potencia
Apostila de-matemática com potenciaApostila de-matemática com potencia
Apostila de-matemática com potencia
 
Avaliação matemática Eduardo
Avaliação matemática EduardoAvaliação matemática Eduardo
Avaliação matemática Eduardo
 
Avaliação de ciências
Avaliação de ciênciasAvaliação de ciências
Avaliação de ciências
 
Avaliação de matemática adaptadaI
Avaliação de matemática adaptadaIAvaliação de matemática adaptadaI
Avaliação de matemática adaptadaI
 
Prova ciências adaptada
Prova ciências adaptada Prova ciências adaptada
Prova ciências adaptada
 
Prova matemática Ricardo_I
Prova matemática Ricardo_IProva matemática Ricardo_I
Prova matemática Ricardo_I
 
Avaliação de matemática Ricardo
Avaliação de matemática RicardoAvaliação de matemática Ricardo
Avaliação de matemática Ricardo
 
Atividades sobre desmatamento_ciência
Atividades sobre desmatamento_ciênciaAtividades sobre desmatamento_ciência
Atividades sobre desmatamento_ciência
 
Provinha português dudu
Provinha português duduProvinha português dudu
Provinha português dudu
 
Avaliação Dudu matemática
Avaliação Dudu matemáticaAvaliação Dudu matemática
Avaliação Dudu matemática
 
Alfabetização_28 palavras completa
Alfabetização_28 palavras completaAlfabetização_28 palavras completa
Alfabetização_28 palavras completa
 
Contos maravilhosos para criar história
Contos maravilhosos para criar históriaContos maravilhosos para criar história
Contos maravilhosos para criar história
 
Provinhas para 2º ano
Provinhas para 2º anoProvinhas para 2º ano
Provinhas para 2º ano
 
Atividades avaliativas para o 2º ano
Atividades avaliativas para o 2º anoAtividades avaliativas para o 2º ano
Atividades avaliativas para o 2º ano
 

Semelhante a Álbum folclore, com figurinhas do álbum numerada

Album folclore
Album folcloreAlbum folclore
Album folcloreIsa ...
 
albumfolclore-130728124949-phpapp01.pdf
albumfolclore-130728124949-phpapp01.pdfalbumfolclore-130728124949-phpapp01.pdf
albumfolclore-130728124949-phpapp01.pdfgiovanagoldnerdiassf
 
Folha Dominical - 29.11.15 Nº 597
Folha Dominical - 29.11.15 Nº 597Folha Dominical - 29.11.15 Nº 597
Folha Dominical - 29.11.15 Nº 597Comunidades Vivas
 
Livro Eduardo geografia 2014
Livro Eduardo geografia 2014Livro Eduardo geografia 2014
Livro Eduardo geografia 2014Isa ...
 
Monografia izabel cristina pdf-2009
Monografia izabel cristina pdf-2009Monografia izabel cristina pdf-2009
Monografia izabel cristina pdf-2009limabelcistina
 
O Educador-Outubro
O Educador-OutubroO Educador-Outubro
O Educador-OutubroCavanis-2000
 
Creche RECOMEÇAR
Creche RECOMEÇARCreche RECOMEÇAR
Creche RECOMEÇARguestc81113
 
Apostila do 1° ano 5° ano 2011
Apostila do 1° ano 5° ano 2011Apostila do 1° ano 5° ano 2011
Apostila do 1° ano 5° ano 2011Adriana Mello
 
Glossário de ditados populares em aparecida bela
Glossário de ditados populares em aparecida belaGlossário de ditados populares em aparecida bela
Glossário de ditados populares em aparecida belaIrlei Andrade
 
Folha Dominical - 14.02.16 Nº 608
Folha Dominical - 14.02.16 Nº 608Folha Dominical - 14.02.16 Nº 608
Folha Dominical - 14.02.16 Nº 608Comunidades Vivas
 
Folha Dominical - 09.08.15 Nº 581
Folha Dominical - 09.08.15 Nº 581Folha Dominical - 09.08.15 Nº 581
Folha Dominical - 09.08.15 Nº 581Comunidades Vivas
 
Folha Dominical - 25.03.18 Nº 712
Folha Dominical - 25.03.18 Nº 712Folha Dominical - 25.03.18 Nº 712
Folha Dominical - 25.03.18 Nº 712Comunidades Vivas
 
Cultura com Tempero e Sabor
Cultura com Tempero e SaborCultura com Tempero e Sabor
Cultura com Tempero e SaborCarolina Sá
 
Receitas Com Tempero E Sabor
Receitas Com Tempero E SaborReceitas Com Tempero E Sabor
Receitas Com Tempero E SaborClaudia Cozinha
 
Receitas Com Tempero E Sabor
Receitas Com Tempero E SaborReceitas Com Tempero E Sabor
Receitas Com Tempero E SaborCulinaria Fabula
 

Semelhante a Álbum folclore, com figurinhas do álbum numerada (20)

Album folclore
Album folcloreAlbum folclore
Album folclore
 
albumfolclore-130728124949-phpapp01.pdf
albumfolclore-130728124949-phpapp01.pdfalbumfolclore-130728124949-phpapp01.pdf
albumfolclore-130728124949-phpapp01.pdf
 
Folha Dominical - 29.11.15 Nº 597
Folha Dominical - 29.11.15 Nº 597Folha Dominical - 29.11.15 Nº 597
Folha Dominical - 29.11.15 Nº 597
 
Livro Eduardo geografia 2014
Livro Eduardo geografia 2014Livro Eduardo geografia 2014
Livro Eduardo geografia 2014
 
aula20.pdf
aula20.pdfaula20.pdf
aula20.pdf
 
Monografia izabel cristina pdf-2009
Monografia izabel cristina pdf-2009Monografia izabel cristina pdf-2009
Monografia izabel cristina pdf-2009
 
O Educador-Outubro
O Educador-OutubroO Educador-Outubro
O Educador-Outubro
 
Creche RECOMEÇAR
Creche RECOMEÇARCreche RECOMEÇAR
Creche RECOMEÇAR
 
Apostila do 1° ano 5° ano 2011
Apostila do 1° ano 5° ano 2011Apostila do 1° ano 5° ano 2011
Apostila do 1° ano 5° ano 2011
 
Glossário de ditados populares em aparecida bela
Glossário de ditados populares em aparecida belaGlossário de ditados populares em aparecida bela
Glossário de ditados populares em aparecida bela
 
roteiro alfa 14'12
roteiro alfa 14'12roteiro alfa 14'12
roteiro alfa 14'12
 
Roteiro interdisciplinar
Roteiro interdisciplinar Roteiro interdisciplinar
Roteiro interdisciplinar
 
Folha Dominical - 14.02.16 Nº 608
Folha Dominical - 14.02.16 Nº 608Folha Dominical - 14.02.16 Nº 608
Folha Dominical - 14.02.16 Nº 608
 
Folha Dominical - 09.08.15 Nº 581
Folha Dominical - 09.08.15 Nº 581Folha Dominical - 09.08.15 Nº 581
Folha Dominical - 09.08.15 Nº 581
 
Folha Dominical - 25.03.18 Nº 712
Folha Dominical - 25.03.18 Nº 712Folha Dominical - 25.03.18 Nº 712
Folha Dominical - 25.03.18 Nº 712
 
Cultura com Tempero e Sabor
Cultura com Tempero e SaborCultura com Tempero e Sabor
Cultura com Tempero e Sabor
 
Receitas Com Tempero E Sabor
Receitas Com Tempero E SaborReceitas Com Tempero E Sabor
Receitas Com Tempero E Sabor
 
Receitas Com Tempero E Sabor
Receitas Com Tempero E SaborReceitas Com Tempero E Sabor
Receitas Com Tempero E Sabor
 
Cultura Tempero E Sabor
Cultura  Tempero E  SaborCultura  Tempero E  Sabor
Cultura Tempero E Sabor
 
Textos
TextosTextos
Textos
 

Mais de Isa ...

Eduardo ingles atividades
Eduardo ingles atividadesEduardo ingles atividades
Eduardo ingles atividadesIsa ...
 
Mexe mexe 28 palavras
Mexe mexe 28 palavrasMexe mexe 28 palavras
Mexe mexe 28 palavrasIsa ...
 
Encaixe imagem x palavra
Encaixe imagem x palavraEncaixe imagem x palavra
Encaixe imagem x palavraIsa ...
 
28 palavras parte 2
28 palavras parte 228 palavras parte 2
28 palavras parte 2Isa ...
 
Chaveiro 28 palavras
Chaveiro 28 palavrasChaveiro 28 palavras
Chaveiro 28 palavrasIsa ...
 
O corpo humano
O corpo humanoO corpo humano
O corpo humanoIsa ...
 
Manual do aee
Manual do aeeManual do aee
Manual do aeeIsa ...
 
A pequena sereia
A pequena sereiaA pequena sereia
A pequena sereiaIsa ...
 
A família gorgonzola
A família gorgonzola A família gorgonzola
A família gorgonzola Isa ...
 
Mini Dicionário de Inglês ampliado
Mini Dicionário de Inglês ampliadoMini Dicionário de Inglês ampliado
Mini Dicionário de Inglês ampliadoIsa ...
 
Estratégias de comunicação para pessoas que não falam.
Estratégias de comunicação para pessoas que não falam.Estratégias de comunicação para pessoas que não falam.
Estratégias de comunicação para pessoas que não falam.Isa ...
 
Apostila de matemática_adaptada séries iniciais
Apostila de matemática_adaptada séries iniciaisApostila de matemática_adaptada séries iniciais
Apostila de matemática_adaptada séries iniciaisIsa ...
 
Alfabetização 28 palavras_parte I
Alfabetização 28 palavras_parte IAlfabetização 28 palavras_parte I
Alfabetização 28 palavras_parte IIsa ...
 
Atividades_rótulos
Atividades_rótulosAtividades_rótulos
Atividades_rótulosIsa ...
 
Atividades_alfabetização fábulas
Atividades_alfabetização fábulasAtividades_alfabetização fábulas
Atividades_alfabetização fábulasIsa ...
 
Caderno de vocabulário
Caderno de vocabulário Caderno de vocabulário
Caderno de vocabulário Isa ...
 
Caderno de vocabulário_letra bastão
Caderno de vocabulário_letra bastãoCaderno de vocabulário_letra bastão
Caderno de vocabulário_letra bastãoIsa ...
 
Cartilha com orientações ao instrutor de libras
Cartilha com orientações ao instrutor de librasCartilha com orientações ao instrutor de libras
Cartilha com orientações ao instrutor de librasIsa ...
 
Apostila inglês adaptada
Apostila inglês adaptadaApostila inglês adaptada
Apostila inglês adaptadaIsa ...
 
Apostila com atividades de Libras
Apostila com atividades de LibrasApostila com atividades de Libras
Apostila com atividades de LibrasIsa ...
 

Mais de Isa ... (20)

Eduardo ingles atividades
Eduardo ingles atividadesEduardo ingles atividades
Eduardo ingles atividades
 
Mexe mexe 28 palavras
Mexe mexe 28 palavrasMexe mexe 28 palavras
Mexe mexe 28 palavras
 
Encaixe imagem x palavra
Encaixe imagem x palavraEncaixe imagem x palavra
Encaixe imagem x palavra
 
28 palavras parte 2
28 palavras parte 228 palavras parte 2
28 palavras parte 2
 
Chaveiro 28 palavras
Chaveiro 28 palavrasChaveiro 28 palavras
Chaveiro 28 palavras
 
O corpo humano
O corpo humanoO corpo humano
O corpo humano
 
Manual do aee
Manual do aeeManual do aee
Manual do aee
 
A pequena sereia
A pequena sereiaA pequena sereia
A pequena sereia
 
A família gorgonzola
A família gorgonzola A família gorgonzola
A família gorgonzola
 
Mini Dicionário de Inglês ampliado
Mini Dicionário de Inglês ampliadoMini Dicionário de Inglês ampliado
Mini Dicionário de Inglês ampliado
 
Estratégias de comunicação para pessoas que não falam.
Estratégias de comunicação para pessoas que não falam.Estratégias de comunicação para pessoas que não falam.
Estratégias de comunicação para pessoas que não falam.
 
Apostila de matemática_adaptada séries iniciais
Apostila de matemática_adaptada séries iniciaisApostila de matemática_adaptada séries iniciais
Apostila de matemática_adaptada séries iniciais
 
Alfabetização 28 palavras_parte I
Alfabetização 28 palavras_parte IAlfabetização 28 palavras_parte I
Alfabetização 28 palavras_parte I
 
Atividades_rótulos
Atividades_rótulosAtividades_rótulos
Atividades_rótulos
 
Atividades_alfabetização fábulas
Atividades_alfabetização fábulasAtividades_alfabetização fábulas
Atividades_alfabetização fábulas
 
Caderno de vocabulário
Caderno de vocabulário Caderno de vocabulário
Caderno de vocabulário
 
Caderno de vocabulário_letra bastão
Caderno de vocabulário_letra bastãoCaderno de vocabulário_letra bastão
Caderno de vocabulário_letra bastão
 
Cartilha com orientações ao instrutor de libras
Cartilha com orientações ao instrutor de librasCartilha com orientações ao instrutor de libras
Cartilha com orientações ao instrutor de libras
 
Apostila inglês adaptada
Apostila inglês adaptadaApostila inglês adaptada
Apostila inglês adaptada
 
Apostila com atividades de Libras
Apostila com atividades de LibrasApostila com atividades de Libras
Apostila com atividades de Libras
 

Último

1. Encontre um Livro Didático de Língua Portuguesa, que seja para o 1º, 2º ou...
1. Encontre um Livro Didático de Língua Portuguesa, que seja para o 1º, 2º ou...1. Encontre um Livro Didático de Língua Portuguesa, que seja para o 1º, 2º ou...
1. Encontre um Livro Didático de Língua Portuguesa, que seja para o 1º, 2º ou...azulassessoriaacadem3
 
Letra da música Maria, Maria de Milton Nascimento
Letra da música Maria, Maria de Milton Nascimento Letra da música Maria, Maria de Milton Nascimento
Letra da música Maria, Maria de Milton Nascimento Mary Alvarenga
 
Depois de refletir sobre essas etapas, o planejamento será registrado por mei...
Depois de refletir sobre essas etapas, o planejamento será registrado por mei...Depois de refletir sobre essas etapas, o planejamento será registrado por mei...
Depois de refletir sobre essas etapas, o planejamento será registrado por mei...azulassessoriaacadem3
 
Ainda nessa perspectiva, mencione ao menos três desafios associados à aplicaç...
Ainda nessa perspectiva, mencione ao menos três desafios associados à aplicaç...Ainda nessa perspectiva, mencione ao menos três desafios associados à aplicaç...
Ainda nessa perspectiva, mencione ao menos três desafios associados à aplicaç...apoioacademicoead
 
A hermenêutica jurídica envolve diversos métodos e técnicas interpretativas, ...
A hermenêutica jurídica envolve diversos métodos e técnicas interpretativas, ...A hermenêutica jurídica envolve diversos métodos e técnicas interpretativas, ...
A hermenêutica jurídica envolve diversos métodos e técnicas interpretativas, ...excellenceeducaciona
 
2. É possível a denúncia do Estado agressor junto ao Tribunal Penal Internaci...
2. É possível a denúncia do Estado agressor junto ao Tribunal Penal Internaci...2. É possível a denúncia do Estado agressor junto ao Tribunal Penal Internaci...
2. É possível a denúncia do Estado agressor junto ao Tribunal Penal Internaci...azulassessoriaacadem3
 
Desenvolva um texto dissertativo sobre como a experiência de Deus pode ser re...
Desenvolva um texto dissertativo sobre como a experiência de Deus pode ser re...Desenvolva um texto dissertativo sobre como a experiência de Deus pode ser re...
Desenvolva um texto dissertativo sobre como a experiência de Deus pode ser re...azulassessoriaacadem3
 
MAPA - CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL II - 51/2024 (ENGENHARIA DE PRODUÇÃO) 2...
MAPA - CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL II - 51/2024 (ENGENHARIA DE PRODUÇÃO) 2...MAPA - CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL II - 51/2024 (ENGENHARIA DE PRODUÇÃO) 2...
MAPA - CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL II - 51/2024 (ENGENHARIA DE PRODUÇÃO) 2...assessoriaff01
 
ATIVIDADE 1 - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51/2024
ATIVIDADE 1 - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51/2024ATIVIDADE 1 - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51/2024
ATIVIDADE 1 - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51/2024excellenceeducaciona
 
A) Comportamento treino-instrução. B) Comportamento de apoio social. C) Compo...
A) Comportamento treino-instrução. B) Comportamento de apoio social. C) Compo...A) Comportamento treino-instrução. B) Comportamento de apoio social. C) Compo...
A) Comportamento treino-instrução. B) Comportamento de apoio social. C) Compo...apoioacademicoead
 
Tendo em vista estes aspectos, a proposta dessa atividade é a elaboração de u...
Tendo em vista estes aspectos, a proposta dessa atividade é a elaboração de u...Tendo em vista estes aspectos, a proposta dessa atividade é a elaboração de u...
Tendo em vista estes aspectos, a proposta dessa atividade é a elaboração de u...azulassessoriaacadem3
 
Jornal DeClara n.º 73 fevereiro 2024, Clara de Resende
Jornal DeClara n.º 73 fevereiro 2024, Clara de ResendeJornal DeClara n.º 73 fevereiro 2024, Clara de Resende
Jornal DeClara n.º 73 fevereiro 2024, Clara de ResendeIsabelPereira2010
 
01. Considerando as informações da imagem acima, explique de formas simples e...
01. Considerando as informações da imagem acima, explique de formas simples e...01. Considerando as informações da imagem acima, explique de formas simples e...
01. Considerando as informações da imagem acima, explique de formas simples e...azulassessoriaacadem3
 
QUESTÃO 3 Considerando as especificações, o nível de experiência, assim como ...
QUESTÃO 3 Considerando as especificações, o nível de experiência, assim como ...QUESTÃO 3 Considerando as especificações, o nível de experiência, assim como ...
QUESTÃO 3 Considerando as especificações, o nível de experiência, assim como ...azulassessoriaacadem3
 
SOCIOLOGIA: O PENSAMENTO DE ÉMILE DURKHEIM
SOCIOLOGIA: O PENSAMENTO DE ÉMILE DURKHEIMSOCIOLOGIA: O PENSAMENTO DE ÉMILE DURKHEIM
SOCIOLOGIA: O PENSAMENTO DE ÉMILE DURKHEIMHisrelBlog
 
1 – O nome de cada uma das tendências pedagógicas, em ordem cronológica;
1 – O nome de cada uma das tendências pedagógicas, em ordem cronológica;1 – O nome de cada uma das tendências pedagógicas, em ordem cronológica;
1 – O nome de cada uma das tendências pedagógicas, em ordem cronológica;azulassessoriaacadem3
 
08 de março - Dia Internacional da Mulher
08 de março - Dia Internacional da Mulher08 de março - Dia Internacional da Mulher
08 de março - Dia Internacional da MulherMary Alvarenga
 
Com base no exposto, sua ação nessa atividade consiste em elaborar um texto d...
Com base no exposto, sua ação nessa atividade consiste em elaborar um texto d...Com base no exposto, sua ação nessa atividade consiste em elaborar um texto d...
Com base no exposto, sua ação nessa atividade consiste em elaborar um texto d...azulassessoriaacadem3
 
Discorra sobre a classificação da interpretação jurídica quanto à sua origem ...
Discorra sobre a classificação da interpretação jurídica quanto à sua origem ...Discorra sobre a classificação da interpretação jurídica quanto à sua origem ...
Discorra sobre a classificação da interpretação jurídica quanto à sua origem ...excellenceeducaciona
 

Último (20)

1. Encontre um Livro Didático de Língua Portuguesa, que seja para o 1º, 2º ou...
1. Encontre um Livro Didático de Língua Portuguesa, que seja para o 1º, 2º ou...1. Encontre um Livro Didático de Língua Portuguesa, que seja para o 1º, 2º ou...
1. Encontre um Livro Didático de Língua Portuguesa, que seja para o 1º, 2º ou...
 
Letra da música Maria, Maria de Milton Nascimento
Letra da música Maria, Maria de Milton Nascimento Letra da música Maria, Maria de Milton Nascimento
Letra da música Maria, Maria de Milton Nascimento
 
Depois de refletir sobre essas etapas, o planejamento será registrado por mei...
Depois de refletir sobre essas etapas, o planejamento será registrado por mei...Depois de refletir sobre essas etapas, o planejamento será registrado por mei...
Depois de refletir sobre essas etapas, o planejamento será registrado por mei...
 
Ainda nessa perspectiva, mencione ao menos três desafios associados à aplicaç...
Ainda nessa perspectiva, mencione ao menos três desafios associados à aplicaç...Ainda nessa perspectiva, mencione ao menos três desafios associados à aplicaç...
Ainda nessa perspectiva, mencione ao menos três desafios associados à aplicaç...
 
A hermenêutica jurídica envolve diversos métodos e técnicas interpretativas, ...
A hermenêutica jurídica envolve diversos métodos e técnicas interpretativas, ...A hermenêutica jurídica envolve diversos métodos e técnicas interpretativas, ...
A hermenêutica jurídica envolve diversos métodos e técnicas interpretativas, ...
 
2. É possível a denúncia do Estado agressor junto ao Tribunal Penal Internaci...
2. É possível a denúncia do Estado agressor junto ao Tribunal Penal Internaci...2. É possível a denúncia do Estado agressor junto ao Tribunal Penal Internaci...
2. É possível a denúncia do Estado agressor junto ao Tribunal Penal Internaci...
 
Desenvolva um texto dissertativo sobre como a experiência de Deus pode ser re...
Desenvolva um texto dissertativo sobre como a experiência de Deus pode ser re...Desenvolva um texto dissertativo sobre como a experiência de Deus pode ser re...
Desenvolva um texto dissertativo sobre como a experiência de Deus pode ser re...
 
MAPA - CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL II - 51/2024 (ENGENHARIA DE PRODUÇÃO) 2...
MAPA - CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL II - 51/2024 (ENGENHARIA DE PRODUÇÃO) 2...MAPA - CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL II - 51/2024 (ENGENHARIA DE PRODUÇÃO) 2...
MAPA - CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL II - 51/2024 (ENGENHARIA DE PRODUÇÃO) 2...
 
ATIVIDADE 1 - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51/2024
ATIVIDADE 1 - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51/2024ATIVIDADE 1 - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51/2024
ATIVIDADE 1 - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51/2024
 
A) Comportamento treino-instrução. B) Comportamento de apoio social. C) Compo...
A) Comportamento treino-instrução. B) Comportamento de apoio social. C) Compo...A) Comportamento treino-instrução. B) Comportamento de apoio social. C) Compo...
A) Comportamento treino-instrução. B) Comportamento de apoio social. C) Compo...
 
Tendo em vista estes aspectos, a proposta dessa atividade é a elaboração de u...
Tendo em vista estes aspectos, a proposta dessa atividade é a elaboração de u...Tendo em vista estes aspectos, a proposta dessa atividade é a elaboração de u...
Tendo em vista estes aspectos, a proposta dessa atividade é a elaboração de u...
 
Jornal DeClara n.º 73 fevereiro 2024, Clara de Resende
Jornal DeClara n.º 73 fevereiro 2024, Clara de ResendeJornal DeClara n.º 73 fevereiro 2024, Clara de Resende
Jornal DeClara n.º 73 fevereiro 2024, Clara de Resende
 
01. Considerando as informações da imagem acima, explique de formas simples e...
01. Considerando as informações da imagem acima, explique de formas simples e...01. Considerando as informações da imagem acima, explique de formas simples e...
01. Considerando as informações da imagem acima, explique de formas simples e...
 
SANTO AMARO NO LAR VALE FORMOSO _
SANTO AMARO NO LAR VALE FORMOSO         _SANTO AMARO NO LAR VALE FORMOSO         _
SANTO AMARO NO LAR VALE FORMOSO _
 
QUESTÃO 3 Considerando as especificações, o nível de experiência, assim como ...
QUESTÃO 3 Considerando as especificações, o nível de experiência, assim como ...QUESTÃO 3 Considerando as especificações, o nível de experiência, assim como ...
QUESTÃO 3 Considerando as especificações, o nível de experiência, assim como ...
 
SOCIOLOGIA: O PENSAMENTO DE ÉMILE DURKHEIM
SOCIOLOGIA: O PENSAMENTO DE ÉMILE DURKHEIMSOCIOLOGIA: O PENSAMENTO DE ÉMILE DURKHEIM
SOCIOLOGIA: O PENSAMENTO DE ÉMILE DURKHEIM
 
1 – O nome de cada uma das tendências pedagógicas, em ordem cronológica;
1 – O nome de cada uma das tendências pedagógicas, em ordem cronológica;1 – O nome de cada uma das tendências pedagógicas, em ordem cronológica;
1 – O nome de cada uma das tendências pedagógicas, em ordem cronológica;
 
08 de março - Dia Internacional da Mulher
08 de março - Dia Internacional da Mulher08 de março - Dia Internacional da Mulher
08 de março - Dia Internacional da Mulher
 
Com base no exposto, sua ação nessa atividade consiste em elaborar um texto d...
Com base no exposto, sua ação nessa atividade consiste em elaborar um texto d...Com base no exposto, sua ação nessa atividade consiste em elaborar um texto d...
Com base no exposto, sua ação nessa atividade consiste em elaborar um texto d...
 
Discorra sobre a classificação da interpretação jurídica quanto à sua origem ...
Discorra sobre a classificação da interpretação jurídica quanto à sua origem ...Discorra sobre a classificação da interpretação jurídica quanto à sua origem ...
Discorra sobre a classificação da interpretação jurídica quanto à sua origem ...
 

Álbum folclore, com figurinhas do álbum numerada

  • 1. Apostila adaptada pela professora Maria Izabel Luiz PERTENCE A ...........................................................................................SÉRIE................. PROFESSORA....................................................................................................................... AUXILIAR ...............................................................................................................................
  • 2. Apostila adaptada pela professora Maria Izabel Luiz
  • 3. Apostila adaptada pela professora Maria Izabel Luiz FOLCLORE.... .... É UM CONJUNTO DE TRADIÇÕES, CONHECIMENTOS E CRENÇAS POPULARES EXPRESSAS EM PROVÉRBIOS, LENDAS OU CANÇÕES. TODOS OS CONHECIMENTOS DO POVO CONSERVADOS ATRAVÉS DO TEMPO, INCLUINDO AINDA HÁBITOS, BRINCADEIRAS E ENFEITES, SÃO CONSIDERADOS FOLCLORE. O FOLCLORE É TÃO IMPORTANTE QUE, DESDE 1.965 A UM DIA ESPECIAL PARA ELE EM NOSSO CALENDÁRIO: 22 DE AGOSTO.
  • 4. Apostila adaptada pela professora Maria Izabel Luiz
  • 5. Apostila adaptada pela professora Maria Izabel Luiz PARA QUE SERVE? O FOLCLORE É O MODO QUE UM POVO TEM PARA COMPREENDER O MUNDO EM QUE VIVE. CONHECENDO O FOLCLORE DE UM PAÍS, PODEMOS COMPREENDER O SEU POVO, E ASSIM CONHECEMOS, AO MESMO TEMPO, PARTE DE SUA HISTÓRIA. MAS PARA QUE CERTO COSTUME SEJA REALMENTE CONSIDERADO FOLCLORE, DIZEM OS ESTUDIOSOS QUE É PRECISO QUE ESTE SEJA PRATICADO POR UM GRANDE NÚMERO DE PESSOAS E QUE TAMBÉM TENHA ORIGEM ANÔNIMA.
  • 6. Apostila adaptada pela professora Maria Izabel Luiz
  • 7. Apostila adaptada pela professora Maria Izabel Luiz SERES FANTÁSTICOS. SÃO SERES SOBRENATURAIS QUE EXERCEM INFLUÊNCIA NAS PESSOAS E NOS AMBIENTES EM QUE APARECEM. MULA SEM CABEÇA 1 IARA 2 3 LOBISOMEM CABEÇA 4 SACI-PERERÊ
  • 8. Apostila adaptada pela professora Maria Izabel Luiz SERES FANTÁSTICOS. CURUPIRA 5 BOITATÁ 6 7 8 BOI DE MAMÃO NEGRINHO DO PASTOREIO
  • 9. Apostila adaptada pela professora Maria Izabel Luiz SUPERSTIÇÕES E CRENDICES POR SUA ORIGEM POPULAR, AS CRENDICES E SUPERSTIÇÕES TAMBÉM INTEGRAM O FOLCLORE DE UM POVO. SÃO MUITAS AS SUPERSTIÇÕES E CRENDICES DO FOLCLORE BRASILEIRO. ENTRE ELAS, ACREDITA-SE QUE DÁ AZAR PASSAR DEBAIXO DE UMA ESCADA, QUEBRAR UM ESPELHO OU CRUZAR COM UM GATO PRETO NA RUA. MUITA GENTE TAMBÉM TEME AS SEXTAS-FEIRAS QUE CAEM NO DIA 13, EM ESPECIAL QUANDO SE TRATA DO MÊS DE AGOSTO - QUE É "MÊS DE DESGOSTO" OU "MÊS DE CACHORRO LOUCO” AS SUPERSTIÇÕES, PORÉM, NÃO DIZEM RESPEITO SOMENTE A AZAR, COMO TAMBÉM À SORTE. INSETOS COMO A JOANINHA E O LOUVA- A-DEUS SÃO VISTOS COMO PORTADORES DE BOA-SORTE. FAZER PEDIDOS QUANDO SE VÊEM ESTRELAS CADENTES, JOGAR MOEDAS EM
  • 10. Apostila adaptada pela professora Maria Izabel Luiz FONTES, COMER LENTILHAS OU PELAR SETE ONDAS NO ANO NOVO SERIAM GARANTIAS DE REALIZAÇÃO DE DESEJOS. MAS AS CRENDICES TAMBÉM PODEM ESTAR RELACIONADAS A DIVERSOS OUTROS FATOS. POR EXEMPLO, DIZ-SE QUE, QUANDO SENTIMOS A NOSSA ORELHA ESQUERDA ARDENDO, É PORQUE ALGUÉM ESTÁ FALANDO MAL DE NÓS. ALIÁS, NESSES MOMENTOS, É ACONSELHÁVEL MORDER O COLARINHO DA CAMISA OU A GOLA DA BLUSA QUE SE ESTÁ USANDO. ASSIM, QUEM ESTÁ FALANDO MAL DE NÓS MORDE A LÍNGUA E CALA A BOCA.
  • 11. Apostila adaptada pela professora Maria Izabel Luiz SUPERSTIÇÕES E CRENDICES 9 TREVO DE QUATRO FOLHAS PARA DAR SORTE. 10 VER GATO PRETO NUMA SEXTA-FEIRA TREZE DÁ AZAR. 11 PASSAR EMBAIXO DA ESCADA DÁ AZAR E NÃO CRESCE MAIS
  • 12. Apostila adaptada pela professora Maria Izabel Luiz MÚSICAS “QUEM CANTA, SEUS MALES ESPANTA”, JÁ DIZIA O ANTIGO DITADO. NOSSO POVO SABE DISSO E POR ISSO, É ALEGRE E CANTADOR. A MÚSICA FOLCLÓRICA ESTÁ QUASE SEMPRE, LIGADA AOS INTERESSES DA COLETIVIDADE. SÃO GERALMENTE DE ORIGEM DESCONHECIDA. SÃO CANTIGAS DE RODAS, DE NINAR, CANTOS RELIGIOSOS, MODAS DE VIOLA.
  • 13. Apostila adaptada pela professora Maria Izabel Luiz CANTIGAS DE NINAR 12 13 14 SAPO CURURU NA BEIRA DO RIO QUANDO O SAPO CANTA É QUE ESTÁ COM FRIO BOI, BOI, BOI BOI DA CARA PRETA PEGA ESTA CRIANÇA QUE TEM MEDO DE CARETA NANA NENÊ QUE A CUCA VEM PEGAR PAPAI FOI NA ROÇA MAMÃE NO CAFEZAL
  • 14. Apostila adaptada pela professora Maria Izabel Luiz CANTIGAS DE RODA 15 16 PIRULITO QUE BATE, BATE PIRULITO QUE JÁ BATEU QUEM GOSTA DE MIM É ELA QUEM GOSTA DELA SOU EU PIRULITO QUE BATE, BATE PIRULITO QUE JÁ BATEU QUEM GOSTA DE MIM É ELA QUEM GOSTA DELA SOU EU CIRANDA, CIRANDINHA VAMOS TODOS CIRANDAR VAMOS DAR A MEIA VOLTA VOLTA E MEIA VAMOS DAR O ANEL QUE TU ME DESTE ERA VIDRO E SE QUEBROU O AMOR QUE TU ME TINHAS ERA POUCO E SE ACABOU
  • 15. Apostila adaptada pela professora Maria Izabel Luiz TRAVA LÍNGUAS DEFINE-SE TRAVA LÍNGUAS COMO FRASES FOLCLÓRICAS CRIADAS PELO POVO COM OBJETIVO LÚDICO (BRINCADEIRA). APRESENTAM-SE COMO UM DESAFIO DE PRONÚNCIA, POIS POSSUEM MUITAS SÍLABAS PARECIDAS (EXIGEM MOVIMENTOS REPETIDOS DA LÍNGUA) E DEVEM SER FALADAS RAPIDAMENTE.
  • 16. Apostila adaptada pela professora Maria Izabel Luiz TRAVA-LÍNGUA SÃO FALAS QUE REPETEM O MESMO SOM. 18 TRÊS PRATOS DE TRIGO PARA TRÊS TIGRES TRISTES. 17 - ALÔ, O TATU TA? - NÃO, O TATU NÃO TA. MAS A MULHER DO TATU TANDO, É O MESMO QUE O TATU TA! 19O RATO ROEU A ROUPA DO REI DE ROMA.
  • 17. Apostila adaptada pela professora Maria Izabel Luiz TRAVA-LÍNGUA 21 20 22 OLHA O SAPO DENTRO DO SACO O SACO COM O SAPO DENTRO O SAPO BATENDO PAPO E O SACO SOLTANDO VENTO SE O PEDRO É PRETO O PEITO DO PEDRO É PRETO E O PEITO DO PÉ DE PEDRO É PRETO A ARANHA ARRANHA A JARRA A JARRA ARRANHA A ARANHA
  • 18. Apostila adaptada pela professora Maria Izabel Luiz BRINCADEIRAS POPULARES O FOLCLORE BRASILEIRO TAMBÉM É MARCADO PELAS TRADICIONAIS BRINCADEIRAS. AS BRINCADEIRAS FOLCLÓRICAS SÃO AQUELAS QUE PASSAM DE GERAÇÃO PARA GERAÇÃO. MUITAS DELAS EXISTEM HÁ DÉCADAS OU ATÉ SÉCULOS. COSTUMAM SOFRER MODIFICAÇÕES DE ACORDO COM A REGIÃO E A ÉPOCA, PORÉM, A ESSÊNCIA DAS BRINCADEIRAS CONTINUA A MESMA DA ORIGEM. GRANDE PARTE DAS BRINCADEIRAS FOLCLÓRICAS ENVOLVE DISPUTAS INDIVIDUAIS OU EM GRUPOS. POSSIBILITAM TAMBÉM A INTEGRAÇÃO E O DESENVOLVIMENTO SOCIAL E MOTOR DAS CRIANÇAS. A PRESERVAÇÃO DESTAS BRINCADEIRAS É MUITO IMPORTANTE PARA A MANUTENÇÃO DA CULTURA FOLCLÓRICA. POR ISSO, SÃO MUITO PRATICADAS, PRINCIPALMENTE, DURANTE O MÊS DE AGOSTO QUE É DESTINADO AO FOLCLORE. .
  • 19. Apostila adaptada pela professora Maria Izabel Luiz BRINQUEDOS E BRINCADEIRAS PETECA 27 25 26 PIÃOBOLINHA DE GUDE 23 24 PETECA PIPA PULAR CORDA
  • 20. Apostila adaptada pela professora Maria Izabel Luiz BRINQUEDOS E BRINCADEIRAS 32 30 31 PEGA-PEGA 28 29 RODA QUEIMADA ESCONDE-ESCONDE PASSA ANEL
  • 21. Apostila adaptada pela professora Maria Izabel Luiz BRINQUEDOS E BRINCADEIRAS CAVALINHO DE PAUCAVALINHO DE PAU PAU DE SEBO 33 34 35 36 JOGO DE BOTÃO AMARELINHA
  • 22. Apostila adaptada pela professora Maria Izabel Luiz ADIVINHAS AS ADIVINHAS, TAMBÉM CONHECIDAS COMO ADIVINHAÇÕES OU "O QUE É, O QUE É". SÃO PERGUNTAS EM FORMATO DE CHARADAS DESAFIADORAS QUE FAZEM AS PESSOAS PENSAREM E SE DIVERTIREM. SÃO CRIADAS PELAS PESSOAS E FAZEM PARTE DA CULTURA POPULAR E DO FOLCLORE BRASILEIRO. SÃO MUITO COMUNS ENTRE AS CRIANÇAS, MAS TAMBÉM FAZEM SUCESSO ENTRE OS ADULTOS.
  • 23. Apostila adaptada pela professora Maria Izabel Luiz O QUE É, O QUE É?  O QUE É QUE NÓS MATAMOS QUANDO ESTÁ NOS MATANDO .............................................................................. ................................................................................ .. QUAL É O CÉU QUE NÃO POSSUI ESTRELAS? ............................................................................. ............................................................................... ... O QUE É QUE DÁ UM PULO E SE VESTE DE NOIVA? .............................................................................. ............................................................................... ... O QUE É O QUE É QUE ANDA COM OS PÉS NA CABEÇA? ............................................................................. ............................................................................... ...A FOME O CÉU DA BOCA PIPOCA PIOLHO
  • 24. Apostila adaptada pela professora Maria Izabel Luiz O QUE É, O QUE É? O QUE É QUE É SURDO E MUDO, MAS CONTA TUDO? ........................................................................ ................................................................................ .. O QUE É O QUE É QUE SOBE QUANDO A CHUVA DESCE? ............................................................................. ............................................................................... ... O QUE É? O QUE É? QUE TEM MAIS DE 10 CABEÇAS, MAS NÃO SABE PENSAR? .............................................................................. ............................................................................... ... O QUE É O QUE É QUE ESTA SEMPRE NO MEIO DA RUA E DE PERNAS PARA O AR? ............................................................................. ............................................................................... ... LIVRO GUARDA-CHUVA CAIXA DE FÓSFOROS A LETRA U
  • 25. Apostila adaptada pela professora Maria Izabel Luiz
  • 26. Apostila adaptada pela professora Maria Izabel Luiz
  • 27. Apostila adaptada pela professora Maria Izabel Luiz OBSERVE OS DESENHOS, TODOS SÃO PERSONAGENS FOLCLÓRICOS. PINTE-OS BEM CAPRICHADO: ENCONTRE NO CAÇA-PALAVRAS O NOME DAS LENDAS FOLCLÓRICAS E PINTE CADA NOME DE UMA COR DIFERENTE. S A C I W C U R U P I R A A S L O B I S O M E M O Q P U B R E C W P I A R A M C U C A N H O P L A T E U C A D U R H I Ã O C T C L X E Á T A B O I T A T Á A
  • 28. Apostila adaptada pela professora Maria Izabel Luiz LEIA AS INFORMAÇÕES E ESCREVA O(S) NOME(S) DAS PERSONAGENS A QUEM SE REFEREM: A. TENHO UMA ÚNICA PERNA. ______________ B. PROTEJO AS MATAS. ____________________ C. SÓ SAIO À NOITE. ______________________ D. TENHO UMA VOZ LINDA. ________________ E. SOU MUITO TRAVESSO. _________________ F. NÃO TENHO CABEÇA. ___________________ G. TENHO PÉS VIRADOS PARA TRÁS. _______ __________________ H. PAREÇO COM UMA COBRA. _____________ I. USO CACHIMBO. ________________________ J. VIVO NOS RIOS. ________________________ K. GOSTO MUITO DA LUA CHEIA. ___________ ________________________________
  • 29. Apostila adaptada pela professora Maria Izabel Luiz JOGO DOS SETE ERROS
  • 30. Apostila adaptada pela professora Maria Izabel Luiz OBSERVE AS CENAS E NUMERE OS DITADOS POPULARES DE ACORDO COM AS ILUSTRAÇÕES CÃO QUE LATE NÃO MORDE CAVALO DADO NÃO SE OLHA OS DENTES CADA MACACO NO SEU GALHO QUEM NÃO TEM CÃO CAÇA COM GATO
  • 31. Apostila adaptada pela professora Maria Izabel Luiz PARA RECORTAR E COLAR NO ÁLBUM 9 34 14 17 36 33 12 10 26 152511
  • 32. Apostila adaptada pela professora Maria Izabel Luiz
  • 33. Apostila adaptada pela professora Maria Izabel Luiz 16 1324 3218 274 19 23 1 30
  • 34. Apostila adaptada pela professora Maria Izabel Luiz
  • 35. Apostila adaptada pela professora Maria Izabel Luiz 28 29 31 3235 65 8 7 2221 20
  • 36. Apostila adaptada pela professora Maria Izabel Luiz
  • 37. Apostila adaptada pela professora Maria Izabel Luiz COLETÂNEA DE ATIVIDADES RECEBIDAS DOS COLEGAS E/OU RETIRADAS DA INTERNET. OBS: NÃO LEMBRO A FONTE, POIS ESTAVAM ARQUIVADAS NO MEU COMPUTADOR.