1-Atos de fala e intenção comunicativaQuando falamos, realizamos uma atividade que tem como objetivo provocar alterações n...
Tipos de atos de                  Objectivos                    Verbos e expressões que lhe      fala                     ...
1. Ação:                              2. Categorias da narrativa• Relevo: Central / Secundária(s);• Delimitação: Fechada (...
4. Tempo: Cronológico (marcas da passagem do tempo . Dia, mês, ano, etc.) / Histórico (   enquadramento histórico das açõe...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

L.p. 5

653 visualizações

Publicada em

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
653
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
5
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

L.p. 5

  1. 1. 1-Atos de fala e intenção comunicativaQuando falamos, realizamos uma atividade que tem como objetivo provocar alterações nonosso interlocutor, modificar um determinado estado de coisas.Um ato de fala é precisamente uma ação verbal com uma intenção comunicativa: a de fazerperguntas, dar ordens, informar, expressar opiniões, ameaçar...Nos atos de fala diretos, a intenção comunicativa está explicita no que é dito; no atos de falaindiretos, a intenção comunicativa tem de ser captada, não só ao nível do que é dito, como aonível do que se quis dizer: há, portanto, um plano implícito a considerar.O contexto comunicativo é fundamental para se captar e produzir um determinado ato de fala.Tipos de atos de Objectivos Verbos e expressões que lhe fala estão associados Assertivos Traduzem uma posição, uma verdade Afirmar, negar, acreditar, assumida pela pessoa que fala. Ex: Ele não concordar, discordar, é meu namorado. responder, informar, sugerir, admitir, confessar, achar (possível, necessário, incrível...), estar convicto. Declarativos Exprimem uma realidade criada pelo Nomear, declara, certificar próprio ato de fala. Ex: Declaro-vos marido (está associado a atos oficiais e mulher. como o casamento, reuniões, julgamentos...)
  2. 2. Tipos de atos de Objectivos Verbos e expressões que lhe fala estão associados Expressivos Expressam sentimentos, emoções, estados Gostar, amar, adorar, detestar, de espírito da pessoa que fala. Ex: Gosto agradecer, felicitar, lamentar, tanto de te ver contente! dar boas-vindas, pedir desculpa, elogiar, achar (mal, bem...) – uso frequente de expressões exclamativas Diretivos Pretendem conduzir o outro à realização de Perguntar, convidar, pedir, uma ação. Ex: Vem comigo ao cinema. implorar, mandar, obrigar, aconselhar, proibir, avisar, suplicar – frases imperativas; frases interrogativasCompromissivos Exprimem um compromisso assumido pela Jurar, prometer, pessoa que fala. Ex: Estarei lá à hora comprometer-se, garantir – marcada. uso frequente do futuro Declarativos Pretendem exprimir o que deve ser ouvido Considerar importante, assertivos como uma verdade a seguir, por ser fundamental, imprescindível reconhecida a autoridade de quem fala. Ex: (relativamente ao outro) Considero fundamental que faça a dieta.
  3. 3. 1. Ação: 2. Categorias da narrativa• Relevo: Central / Secundária(s);• Delimitação: Fechada (ação solucionada até ao pormenor) / Aberta (ação não solucionada);• Estrutura da ação: Situação inicial (introdução) / Peripécias e ponto culminante (desenvolvimento) / Desenlace (conclusão);• Organização das sequências narrativas e/ou das ações: Encadeamento (ordenação cronológica dos acontecimentos / Alternância (entrelaçamento das sequências e/ou das ações) / Encaixe (introdução de um sequência e/ou ação noutra).2. Personagens:• Relevo/papel: Central / Secundária / Figurante• Caracterização: Física (traços fisionómicos, vestuário) / Psicológica (traços psicológicosde caractér, de comportamento) / Social (grupo social a que pertence)• Processos de caracterização: Direta (através de palavras do personagem acerca de si própria, de palavras de outras personagens, de afirmações do narrador) / Indireta (deduções palavras do personagem do leitor a cerca da personagem, a partir de atitudes ou comportamentos da mesma)• Concepção: Modelada / Individual / Plana / Coletiva / Tipo3. Espaço: Físico (o lugar onde a ação se realiza; a descrição é o modo mais comum de representação do espaço físico) / Social (o meio social a que pertencem e onde se deslocam as personagens) / Psicológico (o espaço vivenciado pela personagem, de acordo com o seu estado de espírito; por exemplo, vê o espaço alegre se está alegre, e vê-o triste, se está triste) ou (o lugar do pensamento e emoção das personagens que pode ser expresso, por exemplo, através do monólogo interior.
  4. 4. 4. Tempo: Cronológico (marcas da passagem do tempo . Dia, mês, ano, etc.) / Histórico ( enquadramento histórico das ações; atmosfera epocal) / Psicológico (tempo vivenciado subjectivanebte pelas personagens) / Da história (organização cronológica das ações) / Da narrativa (organização das ações na narrativa).4. Narrador:• Presença: Participante como personagem / Participante como observador / Não participante;• Focalização: Externa (o narrador limita-se a contar o observável) / Interna (observa através do olhar, do ponto de vista de uma personagem) / Omnisciente (sabe tudo, mesmo o que se passa no íntimo das personagens);• Posição: Objectivo (não toma posição face aos acontecimentos; é imparcial e isento) / Subjetivo (narra os acontecimentos, declarando ou sugerindo a sua posição de adesão ou de recusa, fazendo comentários revelando posições ideológicas, etc.; é parcial).

×