Conversando Sobre        Racionalização•Base Legal.•O Que É?•Quais Os Cargos Que Fazem Parte Da Proposta?• Os Próximos Pas...
Mas Afinal, De Onde Saiu A           Racionalização?  Art. 18. O Poder Executivo promoverá, mediante decreto, a racionaliz...
E O Que É A Racionalização?          O conceito de  Racionalização  vem  sendo  utilizado sob duas interpretações bastante...
E O Que É A Racionalização?                A primeira interpretação é aquela em que depositamos as nossas esperanças de co...
E O Que É A Racionalização?        E agora olhem o que aconteceu com os cargos do Nível Intermediário do PUCRCE:
E O Que É A Racionalização?         Se nós apenas analisarmos este gráfico já teremos uma dimensão do prejuízo que foi a n...
E O Que É A Racionalização?          Agora, analisando o que aconteceu com o Nível Intermediário do PUCRCE,  constatamos  ...
Quais Os Cargos Que Fazem Parte           Da Proposta?  A proposta a que nos referimos é a que se encontra em discussão no...
Quais Os Cargos Que Fazem Parte         Da Proposta?
Quais Os Cargos Que Fazem Parte         Da Proposta?
Quais Os Cargos Que Fazem Parte         Da Proposta?
Quais Os Cargos Que Fazem Parte         Da Proposta?
Quais Os Cargos Que Fazem Parte             Da Proposta? 
Quais Os Cargos Que Fazem Parte             Da Proposta? 
Quais Os Cargos Que Fazem Parte             Da Proposta? 
Quais Os Cargos Que Fazem Parte             Da Proposta? 
Quais Os Cargos Que Fazem Parte             Da Proposta? 
Quais Os Cargos Que Fazem Parte             Da Proposta? 
Quais Os Cargos Que Fazem Parte             Da Proposta? 
Quais Os Cargos Que Fazem Parte             Da Proposta? 
Quais Os Cargos Que Fazem Parte             Da Proposta? 
Quais Os Cargos Que Fazem Parte             Da Proposta? 
Quais Os Cargos Que Fazem Parte             Da Proposta? 
Quais Os Cargos Que Fazem Parte             Da Proposta? 
Quais Os Cargos Que Fazem Parte             Da Proposta? 
Quais Os Cargos Que Fazem Parte             Da Proposta? 
Quais Os Cargos Que Fazem Parte             Da Proposta? 
Quais Os Cargos Que Fazem Parte             Da Proposta? 
Quais Os Cargos Que Fazem Parte             Da Proposta? 
Quais Os Cargos Que Fazem Parte             Da Proposta? 
Quais Os Cargos Que Fazem Parte             Da Proposta? 
Quais Os Cargos Que Fazem Parte             Da Proposta? 
Quais Os Cargos Que Fazem Parte             Da Proposta? 
Quais Os Cargos Que Fazem Parte             Da Proposta? 
Quais Os Cargos Que Fazem Parte             Da Proposta? 
Quais Os Cargos Que Fazem Parte             Da Proposta? 
Quais Os Cargos Que Fazem Parte             Da Proposta? 
Quais Os Cargos Que Fazem Parte             Da Proposta? 
Quais Os Cargos Que Fazem Parte             Da Proposta? 
Quais Os Cargos Que Fazem Parte             Da Proposta? 
Quais Os Cargos Que Fazem Parte             Da Proposta? 
Quais Os Cargos Que Fazem Parte             Da Proposta? 
Quais Os Cargos Que Fazem Parte             Da Proposta? 
Quais Os Cargos Que Fazem Parte             Da Proposta? 
Quais Os Cargos Que Fazem Parte             Da Proposta? 
Quais Os Cargos Que Fazem Parte             Da Proposta? 
Quais Os Cargos Que Fazem Parte             Da Proposta? 
Quais Os Cargos Que Fazem Parte             Da Proposta? 
Quais Os Cargos Que Fazem Parte             Da Proposta? 
Quais Os Cargos Que Fazem Parte             Da Proposta? 
Quais Os Cargos Que Fazem Parte             Da Proposta? 
Quais Os Cargos Que Fazem Parte             Da Proposta? 
Quais Os Cargos Que Fazem Parte             Da Proposta? 
Quais Os Cargos Que Fazem Parte             Da Proposta? 
Quais Os Cargos Que Fazem Parte             Da Proposta? 
Quais Os Cargos Que Fazem Parte             Da Proposta? 
Quais Os Cargos Que Fazem Parte             Da Proposta? 
Quais Os Cargos Que Fazem Parte             Da Proposta? 
Quais Os Cargos Que Fazem Parte             Da Proposta? 
Quais Os Cargos Que Fazem Parte             Da Proposta? 
Quais Os Cargos Que Fazem Parte             Da Proposta? 
Quais Os Cargos Que Fazem Parte             Da Proposta? 
E Agora, Quais Os Próximos                Passos?          A partir do momento em que tomamos consciência da íntegra da pr...
E Agora, Quais Os Próximos                  Passos?         A FASUBRA realizou nos dias 10 e 11/06/2010, um encontro nacio...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Seminário sobre racionalização assufrgs e cis atualizado

815 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
815
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
4
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Seminário sobre racionalização assufrgs e cis atualizado

  1. 1. Conversando Sobre Racionalização•Base Legal.•O Que É?•Quais Os Cargos Que Fazem Parte Da Proposta?• Os Próximos Passos. Silvio R. R. Corrêa – CIS/UFRGS
  2. 2. Mas Afinal, De Onde Saiu A Racionalização?  Art. 18. O Poder Executivo promoverá, mediante decreto, a racionalização dos cargos   integrantes  do Plano    de    Carreira, observados os seguintes critérios e requisitos:        I - unificação, em cargos de mesma denominação e nível de escolaridade, dos cargos de denominações distintas, oriundos do Plano Único de Classificação e Retribuição de Cargos e Empregos, do Plano de Classificação de Cargos - PCC e de planos    correlatos,   cujas    atribuições,   requisitos   de    qualificação, escolaridade, habilitação profissional ou especialização exigidos para ingresso sejam idênticos ou essencialmente iguais aos cargos de destino;        II - transposição aos respectivos cargos, e inclusão dos servidores na nova situação, obedecida a correspondência, identidade e similaridade de atribuições entre o cargo de origem e o cargo em que for enquadrado; e        III - posicionamento do servidor ocupante dos cargos unificados em nível de classificação e nível de capacitação e padrão de vencimento básico do cargo de destino, observados os critérios de enquadramento estabelecidos por esta Lei.
  3. 3. E O Que É A Racionalização? O conceito de  Racionalização  vem  sendo  utilizado sob duas interpretações bastante distintas entre si, desde a transposição dos cargos existentes nos 03 níveis do PUCRCE (NA, NI e NS) para as 5 classes criadas no PCCTAE  (A, B, C, D e E). Eu costumo dizer que qualquer um sabe que se nós dividirmos 3 por 5, todos perdem, isto é matemática. A primeira interpretação é a de que Racionalização é sinônimo de mudança de Classe (VISÃO DOS TRABALHADORES QUE SE SENTIRAM PREJUDICADOS) e a segunda é a de que através da Racionalização será mais fácil fazer a gestão dos trabalhadores em educação e que ela se dará através da aglutinação de cargos, extinção de cargos, criação de cargos, desaglutinação de cargos, retorno de cargos extintos e mudança de classe, tudo isto em função das “mudanças havidas no mundo do trabalho” e na suposta não necessidade de alguns fazeres hoje nas IFES (VISÃO DOS GESTORES).    
  4. 4. E O Que É A Racionalização? A primeira interpretação é aquela em que depositamos as nossas esperanças de corrigir as injustiças havidas nesta transposição, olhem o que aconteceu com os cargos do Nível de Apoio do PUCRCE:
  5. 5. E O Que É A Racionalização? E agora olhem o que aconteceu com os cargos do Nível Intermediário do PUCRCE:
  6. 6. E O Que É A Racionalização? Se nós apenas analisarmos este gráfico já teremos uma dimensão do prejuízo que foi a nova classificação dos cargos para os colegas do antigo NA, pois, como podemos ver, apenas 14% dos cargos do NA  (12 cargos) foram classificados na classe C, ficando 86% classificados em classes com salário menor, sendo 57% (50 cargos) na classe B e 29% (26 cargos) na classe A. 
  7. 7. E O Que É A Racionalização? Agora, analisando o que aconteceu com o Nível Intermediário do PUCRCE,  constatamos  que,  enquanto  55%  (77 cargos)  foram classificados na classe D do PCCTAE, 45% foram classificados em classes de nível salarial mais baixo, sendo 43% (61 cargos) na classe C e 2% (03 cargos) na Classe B.
  8. 8. Quais Os Cargos Que Fazem Parte Da Proposta?  A proposta a que nos referimos é a que se encontra em discussão no GT Racionalização da CNS (Comissão Nacional de Supervisão) e que ainda se encontra inacabada e portanto, teoricamente, ainda pode ser alterada, por isto mesmo, é que é fundamental a mobilização de todos para tentarmos convencer a FASUBRA de que a posição de seus representantes deve espelhar os anseios da mobilização de suas bases. Antes de passarmos a discussão da proposta propriamente dita gostaríamos de lembrar aos colegas que esta não é, não foi e não será uma luta fácil, pois o governo já tem se posicionado em vários momentos que somente aceita discutir racionalização se esta não implicar em que os atuais ocupantes de cargos do PCCTAE tenham qualquer provimento derivado, ou seja, não haja nenhuma ocupação de novo cargo sem concurso público.    
  9. 9. Quais Os Cargos Que Fazem Parte Da Proposta?
  10. 10. Quais Os Cargos Que Fazem Parte Da Proposta?
  11. 11. Quais Os Cargos Que Fazem Parte Da Proposta?
  12. 12. Quais Os Cargos Que Fazem Parte Da Proposta?
  13. 13. Quais Os Cargos Que Fazem Parte Da Proposta? 
  14. 14. Quais Os Cargos Que Fazem Parte Da Proposta? 
  15. 15. Quais Os Cargos Que Fazem Parte Da Proposta? 
  16. 16. Quais Os Cargos Que Fazem Parte Da Proposta? 
  17. 17. Quais Os Cargos Que Fazem Parte Da Proposta? 
  18. 18. Quais Os Cargos Que Fazem Parte Da Proposta? 
  19. 19. Quais Os Cargos Que Fazem Parte Da Proposta? 
  20. 20. Quais Os Cargos Que Fazem Parte Da Proposta? 
  21. 21. Quais Os Cargos Que Fazem Parte Da Proposta? 
  22. 22. Quais Os Cargos Que Fazem Parte Da Proposta? 
  23. 23. Quais Os Cargos Que Fazem Parte Da Proposta? 
  24. 24. Quais Os Cargos Que Fazem Parte Da Proposta? 
  25. 25. Quais Os Cargos Que Fazem Parte Da Proposta? 
  26. 26. Quais Os Cargos Que Fazem Parte Da Proposta? 
  27. 27. Quais Os Cargos Que Fazem Parte Da Proposta? 
  28. 28. Quais Os Cargos Que Fazem Parte Da Proposta? 
  29. 29. Quais Os Cargos Que Fazem Parte Da Proposta? 
  30. 30. Quais Os Cargos Que Fazem Parte Da Proposta? 
  31. 31. Quais Os Cargos Que Fazem Parte Da Proposta? 
  32. 32. Quais Os Cargos Que Fazem Parte Da Proposta? 
  33. 33. Quais Os Cargos Que Fazem Parte Da Proposta? 
  34. 34. Quais Os Cargos Que Fazem Parte Da Proposta? 
  35. 35. Quais Os Cargos Que Fazem Parte Da Proposta? 
  36. 36. Quais Os Cargos Que Fazem Parte Da Proposta? 
  37. 37. Quais Os Cargos Que Fazem Parte Da Proposta? 
  38. 38. Quais Os Cargos Que Fazem Parte Da Proposta? 
  39. 39. Quais Os Cargos Que Fazem Parte Da Proposta? 
  40. 40. Quais Os Cargos Que Fazem Parte Da Proposta? 
  41. 41. Quais Os Cargos Que Fazem Parte Da Proposta? 
  42. 42. Quais Os Cargos Que Fazem Parte Da Proposta? 
  43. 43. Quais Os Cargos Que Fazem Parte Da Proposta? 
  44. 44. Quais Os Cargos Que Fazem Parte Da Proposta? 
  45. 45. Quais Os Cargos Que Fazem Parte Da Proposta? 
  46. 46. Quais Os Cargos Que Fazem Parte Da Proposta? 
  47. 47. Quais Os Cargos Que Fazem Parte Da Proposta? 
  48. 48. Quais Os Cargos Que Fazem Parte Da Proposta? 
  49. 49. Quais Os Cargos Que Fazem Parte Da Proposta? 
  50. 50. Quais Os Cargos Que Fazem Parte Da Proposta? 
  51. 51. Quais Os Cargos Que Fazem Parte Da Proposta? 
  52. 52. Quais Os Cargos Que Fazem Parte Da Proposta? 
  53. 53. Quais Os Cargos Que Fazem Parte Da Proposta? 
  54. 54. Quais Os Cargos Que Fazem Parte Da Proposta? 
  55. 55. Quais Os Cargos Que Fazem Parte Da Proposta? 
  56. 56. Quais Os Cargos Que Fazem Parte Da Proposta? 
  57. 57. Quais Os Cargos Que Fazem Parte Da Proposta? 
  58. 58. Quais Os Cargos Que Fazem Parte Da Proposta? 
  59. 59. Quais Os Cargos Que Fazem Parte Da Proposta? 
  60. 60. Quais Os Cargos Que Fazem Parte Da Proposta? 
  61. 61. Quais Os Cargos Que Fazem Parte Da Proposta? 
  62. 62. Quais Os Cargos Que Fazem Parte Da Proposta? 
  63. 63. E Agora, Quais Os Próximos Passos?  A partir do momento em que tomamos consciência da íntegra da proposta de racionalização que está na mesa da CNS e não nos sentimos contemplados, precisamos imediatamente construir propostas alternativas, que sejam fundamentadas e defensáveis em cima dos critérios apresentados na legislação e nos próprios critérios utilizados pela Fasubra para propor algumas das alterações de Classe, como por exemplo a questão da Escolaridade. É fundamental que entendamos que o fato de que no PUCRCE os cargos estivessem no mesmo Nível, sozinho  não consiste argumento suficiente para convencer a Fasubra de que deveriam estar na mesma Classe no PCCTAE.  Nós membros da CIS, nos colocamos a disposição para trabalharmos conjuntamente na construção destas propostas alternativas, mas sem a mobilização de todos, nada muda.    
  64. 64. E Agora, Quais Os Próximos Passos?  A FASUBRA realizou nos dias 10 e 11/06/2010, um encontro nacional sobre racionalização, com a participação de colegas de todo o país e todos os cargos, os colegas foram divididos em grupos e apresentaram propostas de alteração da Proposta exposta anteriormente, NENHUMA DAS SUGESTÕES FOI INCORPORADA.  Portanto, a proposta que se encontra na CNS para discussão, é a que reproduzimos aqui, a CNS tem reunião marcada, para retomar os trabalhos, dia 22/05/2012. Não esqueçam que ter reunião agendada não significa que ela vá acontecer e, se acontecer, não significa que alguma coisa será decidida, e, se houver decisão, não significa que será implementada.      

×