Digestao Extracelular

336 visualizações

Publicada em

Apresentação da unidade curricular de 10º ano (Biologia e Geologia) "Ingestão, digestão e absorção".

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
336
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
5
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Digestao Extracelular

  1. 1. Biologia e Geologia – 10º ano outubro de 2015
  2. 2. Digestão extracorporal   A digestão extracoporal realiza-se fora das células (digestão extracelular) ocorrendo fora do corpo.   Ocorre em organismos como os fungos   As hifas dos fungos elaboram enzimas digestivas (hidrolíticas) que lançam sobre o substrato, ocorrendo a simplificação molecular.
  3. 3. Digestão extracorporal   A digestão extracoporal realiza-se fora das células ( d i g e s t ã o e x t r a c e l u l a r ) ocorrendo fora do corpo.   Ocorre em organismos como os fungos.   As hifas dos fungos elaboram e n z i m a s d i g e s t i v a s (hidrolíticas) que lançam sobre o substrato, ocorrendo a simplificação molecular.   As moléculas mais simples, c o m o a g l i c o s e s ã o posteriormente absorvidas através da membrana celular das hifas. Fungo: bolores
  4. 4. Digestão intracorporal   A digestão intracoporal também ocorre fora das células (digestão extracelular) contodo o processo de simplificação molecular efectua-se no interior do corpo.   A digestão ocorre em cavidades ou órgãos especializados que, apesar de se localizarem no interior do organismo, correspondem a prolongamentos do meio exterior no interior do corpo.
  5. 5. Digestão intracorporal   Na parede do corpo da hidra, que rodeia a cavidade gastrovascular (CV) existem dois tipos de células:  glandulares  digestivas   As células glandulares produzem enzimas digestivas que são lançadas na CV, onde se inicia a digestão.   As células digestivas captam as partículas semidigeridas e completam a digestão em vacúolos digestivos.   As moléculas resultantes da digestão são absorvidas por todas as células do corpo. Os resíduos passam por exocitose para a CV, saindo para o exterior pela única abertura, devido à contração da parede do corpo. Hidra
  6. 6. Digestão intracorporal   Na planária, a cavidade digestiva apresenta maior diferenciação.   À boca segue-se uma faringe musculosa que se pode projetar para o exterior e captar os alimentos.   A cavidade gastrovascular é bastante ramificada o que aumenta a área de digestão e de absorção.   A digestão inicia-se na cavidade gastrovascular e completa-se no interior de células da parede do corpo.   Tal como na hidra o tubo digestivo é incompleto pelo facto de apresentar uma única abertura. Planária
  7. 7. Digestão intracorporal 1 Minhoca   Na minhoca, apresenta um tubo digestivo diferenciado onde os alimentos são processados sequencialmente.   Os alimentos são ingeridos através da boca graças à sução devida à contração da parede da faringe.   Da boca os alimentos passam ao esófago e são armazenados no papo.   Do papo passam à moela onde são triturados devido às contrações das suas paredes musculosas.   No intestino ocorre a hidrólise das moléculas complexas em moléculas simples devido à ação enzimática.   No intestino corre a absorção que é bastante eficaz devido à existência de uma prega dorsal na parede interna (tiflosole)

×